Você está na página 1de 4

Nome: Enzzo Camilo de Freitas.

Matéria: Química Geral.


Aula: Indicadores ácido-base – 21/06/2021

Relatório: indicador ácido-base


Introdução:
Ácido por definição é uma molécula capaz de doar um hidron , o cátion hidrogênio,
consequentemente reduzindo o pH de uma solução aquosa (esquema 1), ou formar um
composto de ligação covalente com um par de elétrons. Logo, as bases são análogos opostos
aos ácidos.
Bases por definição são compostos que liberam únicas e exclusivamente o ânion OH-
(íons hidroxila ou oxidrila, esquema 2), soluções com essa propriedade são chamadas básicas
ou alcalinas e, possuem baixas concentrações de hidron (H+), sendo consideradas bases
quando o pH atinge marcas superiores a 7. Também conduzem corrente elétrica semelhante
aos ácidos.
Definições postuladas ainda no século XIX por um químico sueco chamado Svante
August Arrhenius, conquistou o prêmio Nobel de 1903 "em reconhecimento dos serviços
extraordinários concedidos ao avanço da Química pela sua teoria electrolítica da dissociação".
Para a identificação dos processos químicos ocorridos, dissociações ou ionizações, tem-se o
que se denomina indicador ácido-base. A caracterização de um ácido ou de uma base pode ser
dada por um indicador chamado azul de tornassol, indicador solúvel em água, tornando-se
vermelho em soluções de baixo pH e azul em soluções de alto pH.
Outro indicador que deve ser evidenciado é a fenolftaleína que adquire tonalidades
róseas em meios com alcalinidade elevada, muito utilizada nas análises de laboratórios físico-
químicos (Esquema 3).

Esquema 1: mostra a ionização do ácido Esquema 2: mostra a dissociação iônica


clorídrico de duas bases que liberam o ânion OH-

Esquema 3: mostra a transformação que a


fenolftaleína passa em meios com alto índice
de alcalinidade.
Objetivo:
Identificação do caráter ácido ou básico de compostos mediante ao uso de indicadores
ácido-base: papel tornassol, fenolftaleína e indicador de repolho roxo.

Parte experimental:

 Reagentes:
Água, HCl (substituído por H2SO4, na proporção 1:3), vinagre (ácido acético em
proporção 1:1), cal hidratada Ca(OH)2 (1 mol/L), potassa cáustica KOH (1 mol/L),
fenolftaleína, limão, repolho roxo (indicador já preparado pela professora), sabonete,
bicarbonato de sódio (substituído pelo sal amoníaco), Shampoo, Desengordurante de cozinha,
limpa alumínio (proporção 1:2)

 Vidrarias e materiais:
Béqueres de 250 ml para as soluções a ser testado, copo descartável para os testes,
papel tornassol azul e vermelho (na prática foi feito somente com o papel tornassol azul).

 Procedimentos:
Foi-se dividido para cada bancada o preparo das variadas soluções, couberam a se
fazer as soluções de: cal hidratada, limpa alumínio e sabonete. Para a cal hidratada foi feito o
cálculo de que para 100 ml de água, 1 mol/L, utilizou-se das amostras de sabão e do limpa
alumínio, todos diluídos em seus respectivos béqueres em 100 ml de água.
Preparada todas as soluções pelas respectivas bancadas, tomou-se os copos com as
suas devidas soluções, tem-se os seguintes resultados observados:

Substâncias Papel Tornassol Azul Fenolftaleína Repolho roxo


Cal hidratada (Ca(OH)2) Azul Rosa Verde
Desengordurante Azul Rosa Verde
Potassa Cáustica (KOH) Azul Roxo Verde
Shampoo Rosa Sem mudança de cor Rosa Claro
Limpador de Alumínio Rosa forte Sem mudança de cor Rosa forte
Vinagre Azul Rosa Rosa forte
Ácido Sulfúrico (H2SO4) Rosa forte Sem mudança de cor Rosa forte
Limão Rosa forte Sem mudança de cor Rosa
Sal amoníaco (NH4Cl) Azul Sem mudança de cor Azul
Água Rosa Sem mudança de cor Azul
Sabonete Azul Rosa Verde
Inicialmente, com uma porção pequena das soluções utilizou-se o papel tornassol e
também gotas de fenolftaleína, que indicaria os meio básicos. Descartando as soluções
contaminadas com a fenolftaleína, novamente foi pego as soluções em seus respectivos
recipientes e testados com o indicador de repolho roxo.

 Resultados e Discussões:
Com os resultados obtidos das análises, consegue-se estimar o pH das soluções
submetidas aos respectivos indicadores. Nos meios básicos observa-se que o papel tornassol
continuou em sua cor azul, assim como em soluções neutrais, no entanto uma singularidade
deve ser evidenciada nos resultados, que é o caráter ácido da água; amostras ácidas analisadas
com o tornassol azul exibiram a coloração rosa.
Com a adição da fenolftaleína às soluções, obtém-se aquelas que possuem meios
básicos superiores ao pH 8,4 , que é onde o indicador adquire sua coloração, o meio mais
básico observado foi a solução de potassa cáustica.
Com o indicador de repolho roxo, os resultados conseguem ser mais precisos do que
aqueles obtidos com o indicador anterior, pois a fenolftaleína só adquire a cor rósea quando o
pH ultrapassa 8,4. Com o repolho roxo os resultados do pH das substancias rapidamente são
vistos e, novamente, uma singularidade pode ser destacada: a água que tinha se mostrado
ácida com o tornassol, aqui deveria tender ao roxo com o indicador de repolho roxo, todavia
observou que a cor era azul. Valores notáveis como: a alcalinidade do meio da potassa
cáustica, que se mostrou a maior em pH, e os meios mais ácidos são os do vinagre e do ácido
sulfúrico; as soluções neutras encontradas foram as da água e do sal amoníaco.
Cores que adquirem as soluções com o indicador de repolho roxo:
Referências:

Formatação - Normas ABNT (espm.br)


• IUPAC. Compêndio de Terminologia Química, 2ª ed. (o "Livro de Ouro"). Compilado por
A.D. McNaught e A. Wilkinson. Blackwell Scientific Publications, Oxford (1997). Versão
online (2019-) criada por S. J. Chalk. ISBN 0-9678550-9-8. https://doi.org/10.1351/goldbook.
• «The Nobel Prize in Chemistry 1903» (em inglês).
https://th.bing.com/th/id/R.1fdbbce807aaa7714fb31ae5ec01c76c?rik=BhCuwZyPgZe8Jg&riu
=http%3a%2f%2fquimicasemsegredos.com%2fimages%2fTeoria%2fbases%2fbase1.png&eh
k=dfrK3wC6FxwWE0%2bM8eCoaGFoD54sZdLhlTBfcL%2bfwHM%3d&risl=&pid=ImgR
aw
•https://th.bing.com/th/id/R.177dacff30b4aa5300bfa20778ccd0f9?rik=Gmmv%2b7KTPCCcx
Q&riu=http%3a%2f%2fmundoeducacao.bol.uol.com.br%2fupload%2fconteudo%2fionizacao
-do-
hcl.jpg&ehk=E3zYfsCf%2brVNAamYAv7QWEAvcEDu6hGcdfcRHZEVoxs%3d&risl=&pi
d=ImgRaw
•https://www.google.com.br/url?sa=i&url=https%3A%2F%2Fwww.saberatualizado.com.br%
2F2019%2F11%2Fcomo-funciona-o-indicador-de-ph-base-
de.html&psig=AOvVaw33sHoh910Mc2SQoclHMqgm&ust=1627692815909000&source=im
ages&cd=vfe&ved=0CAsQjRxqFwoTCNiY57PKifICFQAAAAAdAAAAABAW (
•Tabela de autoria dos alunos Enzzo Camilo de Freitas e Victor Hugo Ferreiro Aleixo Soares
Paula

Você também pode gostar