Você está na página 1de 3

REGÊNCIA NOMINAL 2

PROFº: MAURO NASCIMENTO Frente: 02 Aula: 08 ED050507


(AC/CN)

REGÊNCIA DE ALGUNS NOMES:


falto - de próprio - a. de, para
abundância - de, em favorável - a proveitoso - a, para
abrigado - a, com, de, em. sob feliz - com, de, em, por querido - a, de, em, por
acessível - a,, para, por fértil - de, em rente - a, com, de, por
adequado -a. com, para firme - em residente - em
afável -a, com, para com forte - de, em, para respeito - a, com, de, em, entre, para,
agradável -a. de, para franco - a, com. e, sobre com, por
alheio -a, de furioso - com, contra, por sábio - em, para
amante - de hábil - em, para sito - em. entre
amigo - de habituado -a, com, sobre situado - a, em, entre
amoroso -com, para, para com furioso - com, contra, por solicito - com, de. para, para com, por
análogo - a hábil - em, para suspeito - a. de
ansioso - de, para, por habituado - a, com, em temeroso - a, de. em
anterior- a horror - a, de, diante de, por temível - a, para
aparentado - a, com hostil - a, contra, para com triste - com, de. em, por
apto -a, para ida - a, para união -a, com. de. entre
atento -a, em, para idêntico - a, em ' »* único - a, em, entre, sobre
avaro -a, de imediato - a usual - entre
avesso -a, de em impaciente - com, de, por útil - a, em, para
ávido - de, por impotente - a, ante, contra, diante de, utilidade - a, em. para
bacharel -em .por em, para utilizado - em
banhado -de, em, por impróprio - a, de, para vacilante - em
capaz - de, para imune - a, de vagaroso - em
caritativo - com, para com inábil - em, para vaidade - de
caro - a, de inacessível - a vaidoso - de, em
certo - com, de, em, para incapaz - de. em, para vário - de
cheio - com, de incompatível - com vedado- a, por
cheiro - a, de incompreensível - a, para velado - a. de, por
cobiçoso - de inconstante - em vencido - de, em. por
compatível - a, com incrível - a. para vendido - a. por
comum - a. com. de, em, entre, para indeciso - em, entre, quanto a. sobre veneração - a. de, para, com, por
conforme- a, com. em, para indigno - de venerado - por
convivente - com, em indulgente - com, para, para com venerável - a, por
constante - de, em inerente - a, em venturoso - com. por
contemporâneo - a, de insensível - a verdade - de, em, sobre
contíguo - a, com intolerante - a, com, em, para vergonha - de, para
contrário - a, de, em, por leal - com, em, para com versado - em
cruel - a, com, em, para, para com lento - de, em vestido - a, com, de, para, por
cuidadoso - com, de, em liberal - com. de, em, para veto - a. contra
cúmplice - de, em, para maior - de viagem - a. através, de, em, por
curioso - a, de mau - com, para, para com vinculado - a, com, por
desagradável - a, de, para menor - de visível - a
desatento - a morador - de, em vizinho - a, com. de
descontente - com, de natural - a, de. em vulgar - a, em, entre
desejoso - de necessário - a. em, para vulgarizado - em. por
desfavorável - a, para negligente - em vazio - de
desleal - a, com. para com nocivo - a
devoto - a, de obediente - a
diferente - com, de, em, entre, por odioso - a, para, por
digno - de oneroso - a, para
diverso - de, em orgulhoso- com. de. em, por
dócil - a, para parco - com, de, em
doutor - de, em parecido - a, com. em
empenho - de, em, por peculiar - a, de
emulo - de, em perito - em
entendido - em, por pernicioso - a
erudito - em pertinaz - em
escasso - de piedade - com, de, para, para com, por
essencial - a, de, em, para posterior- a
estranho - a, de prestes - a, em, para
exalo - em pródigo - a. com, de, em, para com
fácil - a, de, em, para pronto - a. em, para
falho - de, em propicio - a, para

Fale conosco www.portalimpacto.com.br


EXERCÍCIOS 2. Observando o regime dos nomes destacados, assinale
nos testes de 31 a 45 a alternativa que completa
01. Nos exercícios de l a 30, reescreva as frases, corretamente as frases apresentadas:
substituindo os quadrinhos pela preposição adequada
fazendo as combinações ou contraçòes necessárias: 31. ''Os familiares de um valido têm o rei mais acessível suas
pretenções"
1 - Ele parece alheio D tudo. a) para b) a c) por

2 - Sinto uma tremenda antipatia n você. 32. "Lógica e gramaticamente essa era a preposição
adequada.......regência do verbo"
3 - Este volume é constituído H vários volumes.
a) à b) para a c) ambas correias
4 - Estou contente G vir aqui.
33. "O anfitrião procurava ser afável.......todos"
5 - Josué foi muito cruel H mulher. a) com b) para com c) ambas correias

6 - Estávamos curiosos n saber. 34. "Esta é uma tarefa agradável.......fazer"


a) a b) de c) ambas correias
7 - O que ela sente é desprezo D você.
35. "Ela é uma mulher alheia.......tudo"
8 - Declararam-me apto G serviço. a) a b) com c) ambas correias

9 - Esse garoto é avesso G estudos. 36. "O sentimento de amor c comum.......todos os homens"
a) entre b) a c) ambas correias
10 - Ela tem verdadeira aversão G ratos.
37. "Tal forma, embora muito usada entre nós, é absolutamente
r avessa.......índole da língua portuguesa."
11 - Ela quis ficar junto ! estudos.
a) à b) com a c) contra a
12 - Isso é peculiar [ j pessoas idosas.
38. "Uma vizinhança a postos, ávida.......mexericos"
13- 0 curso é acessível G todos. a) para b) com c) de

14 - Ele ficou próximo H de mim. 39. "O noivo é bacharel.......direito"


a) por b) em c) ambas corretas
15 - Carlos é devotado ü estudos.
40. "Ele é bacharel.......Faculdade de Direito de São Paulo".
16 - Tenho muito respeito D você. a) pela b) em c) ambas corretas

17 - Os pais querem o respeito [1 filhos. 41. "Ingrid tinha a face banhada.......lágrimas."


a) com b) de c) ambas corretas
18 - Nada abalará nossa fé C] Deus.
42. "Aquela terra é toda banhada.......mar".
19 - Os atletas estão confiantes D vitória. a) com b) em c) pelo

20 - Seria afável F] seus amigos. 43. "Joana é urna moça inábil.......trabalhos manuais."
a) com b) em c) ambas corretas
21 - Trata-se de um assunto curioso n alunos.
44. "Dr. Carlos era um médico afamado e residente....
22 - Ficamos furiosos LI sua brincadeira. pracinhas"
a) à b) na c) ambas corretas
23 - Sê gato D quem te ensina.
45. "Roberta, com o espírito sedento.......santas águas do
24 - Residente ü rua dos Ingleses, não suportava o barulho. claustro, comia e bebia"
a) das b) nas c) com as
25 - Estou habituado [l suas mentiras.
46. (U.F. DO CEARA) Numere a 2a coluna de acordo com a 1a,
26 - Não estou habituadoD climas quentes. tendo em vista a relação que a preposição denota:
1 – fim
27 - Ela é perita i ' criação de animais. ( ) Conquistaram os vizinhos pelas armas.
2 – substituição
( ) Tudo perdeu, salvo a honra
3 – meio
28 - Não estamos acostumados l; coisas estranhas ( ) Saíram a procurá-lo
4 – condição
( ) Farei o trabalho por você
5 – exclusão
29 - Quais são os livros constantes i J sua lista? ( ) Não viajo sem documento
6 – causa
7 – assunto
30 - Ele é digno D nossa amizade.
A seqüência correta, de cima para baixo, na 2ª coluna é:
a) ( ) 3, 5, 1, 2, 4
b) ( ) 6, 1, 5, 7, 2
c) ( ) 3, 4, 7, 1, 5
d) ( ) 6, 2, 4, 3, 1

Fale conosco www.portalimpacto.com.br


e) técnica.
1. Há, na "Comédia" do Dante, a que a posteridade chamou
2. "divina", uma classe de precitos, que a severa fantasia 07. Segundo o texto:
3. do poeta chumbou à sorte de terem o rosto virado para as a) Enganamo-nos, quando pensamos que progredimos.
4. costas. Muitas e muitas vezes nos tem assomado à mente es- b) Consideramos descoberta 0 que outros rejeitaram.
5. ta imagem, esta figura emblemática, ao considerarmos em
c) Progredimos, e verdade, mas esse progresso custa
6. certas reformas de hoje. Cuidamos adiantar, e recuamos. De
demais.
7. sandamos quando supomos andar. Parece que o progresso re-
8. publicano incorreu no fadário extravagante daqueles justi-
d) Desenterramos f6sseis e cremos estar fazendo ciência.
9. çados do poema florentino. e) Na "Divina Comedia" como em nosso tempo, o
10. De fósseis fazemos embriões. Tomamos por inventos os progresso e regresso.
11. mais arcaicos anacronismos. Pensamos criar, onde apenas e
12. xumamos. A cada "eureka" da nossa fatuidade poderia respon-
13. der uma casquinada de riso. Ocupamo-nos em resolver a cali-
14. ça do tempo; e, a cada refugo, em que ali tomamos, logo nos
15. persuade a cegueira termos posta a mão em novidades pre-
16. dosas. lncapazes de gerar, melhorar, ou adaptar, destrui
17. dores do útil e restauradores do avariado, vamos, por uma
18. degeneração inversiva dos instintos do trapeiro, colhendo
19. o rebotalho nos restos do passado e imaginamos cavar oiro
20. em jazidas abertas para a fortuna dos nossos descendentes,
21. quando apuramos simplesmente o escumalho rejeitado pela ex-
22. periência dos nossos maiores.
(Rui Barbosa)

As questões de numero e correspondem à compreensão


do texto

01. "Fantasia" (linha 2) significa no texto:


a) sonho
b) pensamento
c) imaginação
d) ficção
e) invenção

02. "Consideramos" (linha 5) significa no texto:


a) refletirmos.
b) levarmos em conta.
c) fizermos referencia.
d) reverenciamos
e) aceitamos.

03. "Cuidamos" (linha 6) significa no texto:


a) preocupamo-nos
b) pensamos
c) acreditamos
d) supomos.
e) desvelamo-nos

04. "Desandamos" (Iinha 6) significa no texto:


a) caimos
b) retrocedemos.
c) desmanchamos
d) capitulamos
e) desfazemos.

05. "Maiores" (linha 19) significa no texto:


a) líderes.
b) ancestrais
c) governantes
d) pais.
e) dentistas
06. "Fatuidade" (linha 11) significa:
a) acaso.
b) casualidade
c) presunção
d) progresso
Fale conosco www.portalimpacto.com.br