Você está na página 1de 15

FOLHA DE ROSTO ORIENTATIVA PARA PROVA OBJETIVA

LEIA AS ORIENTAÇÕES COM CALMA E ATENÇÃO!

INSTRUÇÕES GERAIS

● Atenção ao tempo de duração da prova, que já inclui o preenchimento da folha de respostas.


● Cada uma das questões da prova objetiva está vinculada ao comando que imediatamente a
antecede e contém orientação necessária para resposta. Para cada questão, existe apenas UMA
resposta válida e de acordo com o gabarito.
● Faltando uma hora para o término do simulado, você receberá um e-mail para preencher o cartão-
resposta, a fim de avaliar sua posição no ranking. Basta clicar no botão vermelho de PREENCHER
GABARITO, que estará no e-mail, ou acessar a página de download da prova. Você deve fazer o
cadastro em nossa plataforma para participar do ranking. Não se preocupe: o cadastro é grátis e
muito simples de ser realizado.
– Se a sua prova for estilo Certo ou Errado (CESPE/CEBRASPE):
marque o campo designado com o código C, caso julgue o item CERTO; ou o campo designado
com o código E, caso julgue o item ERRADO. Se optar por não responder a uma determinada
questão, marque o campo “EM BRANCO”. Lembrando que, neste estilo de banca, uma resposta
errada anula uma resposta certa.
Obs.: Se não houver sinalização quanto à prova ser estilo Cespe/Cebraspe, apesar de ser no
estilo CERTO e ERRADO, você não terá questões anuladas no cartão-resposta em caso de
respostas erradas.
– Se a sua prova for estilo Múltipla Escolha:
marque o campo designado com a letra da alternativa escolhida (A, B, C, D ou E). É preciso
responder a todas as questões, pois o sistema não permite o envio do cartão com respostas
em branco.
● Uma hora após o encerramento do prazo para preencher o cartão-resposta, você receberá um e-mail
com o gabarito para conferir seus acertos e erros. Caso você seja aluno da Assinatura Ilimitada, você
receberá, com o gabarito, a prova completa comentada – uma vantagem exclusiva para assinantes,
com acesso apenas pelo e-mail e pelo ambiente do aluno.

Em caso de solicitação de recurso para alguma questão, envie para o e-mail:


treinodificil_jogofacil@grancursosonline.com.br.
Nossa ouvidoria terá até dois dias úteis para responder à solicitação.

Desejamos uma excelente prova!


PC/AL – AGENTE E ESCRIVÃO – 3º SIMULADO

• Nas questões a seguir, marque, para cada uma, a única opção correta, de acordo com o respectivo comando. Para as devidas


Baseado no formato de prova
marcações, use a Folha de Respostas, único documento válido para a correção da sua prova.
Em seu caderno de prova, caso haja opção(ões) constituída(s) pela estrutura Situação hipotética:... seguida de Assertiva:..., os

aplicado pela banca Cebraspe


dados apresentados como situação hipotética deverão ser considerados premissa(s) para o julgamento da assertiva proposta.
• Eventuais espaços livres – identificados ou não pela expressão “Espaço livre” – que constarem deste caderno de prova pode-
rão ser utilizados para rascunhos.

PC/AL – AGENTE E ESCRIVÃO – 3º SIMULADO


CONHECIMENTOS BÁSICOS ciais também terão capacidade de atender a população neste
tipo de chamado e assim trazer resultados concretos”, disse.

LÍNGUA PORTUGUESA http://www.pc.al.gov.br/site/materia/detalhe/seguranca-


Eliane Fontana publica-lanca-operacao-de-combate-a-perturbacao-
do-sossego/

Leia os textos para responder às questões 1 a 25.


1 Em “à perturbação”, título do texto, o emprego da prepo-
TEXTO I sição justifica-se pela regência verbal do termo “combate”.

Segurança Pública lança operação de combate 2 No quinto parágrafo, as vírgulas que isolam “Carlos Reis”
à perturbação do sossego foram empregadas para isolar aposto explicativo.

1  Operação Sossego será permanente e vai fiscalizar de- 3 Considerando as informações do texto, é procedimento re-
núncias de som alto e crimes relacionados comendável pela operação Sossego que os policiais retirem
 Com a finalidade de combater uma das ocorrências que aparelhos de som de grande porte dos usuários que estejam
literalmente mais tiram o sossego da população maceioense, perturbando a vida de outras pessoas com som excessivo.
5 a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) lançou
nesta quinta-feira (15) a Operação Sossego. A ação integrada 4 Sem causar prejuízo para as relações gramaticais e para o
atuará no combate das ocorrências e flagrantes de perturba- sentido original do texto, é recomendável a reescrita de “Foi
ção de sossego e poluição sonora. graças a dados estatísticos que a SSP traçou estratégias...” da
 Atualmente, o Comando de Operações Policiais Milita-
seguinte forma: estratégias foram traçadas pela SSP graças à
10 res (Copom) concentra um alto volume de chamados via 190
dados estatísticos.
para este tipo de ocorrência. Foi graças a dados estatísticos
que a SSP traçou estratégias que vão integrar as Polícias Ci-
5 No último parágrafo, a primeira oração estabelece com a se-
vil, Militar e o Corpo de Bombeiros no atendimento e deli-
beração necessária neste tipo de ocorrência. gunda uma relação de acréscimo.
15  A operação atuará tanto na prevenção como também na
fiscalização de denúncias, que podem resultar na apreensão TEXTO II
de aparelhos de som de grande porte, os chamados paredões,
 Não sei se é fato ou se é fita,
que estejam descumprindo o artigo 42 da Lei de Contraven-
 Não sei se é fita ou se é fato.
ção Penal, ou os artigos 54 da Lei de Crimes Ambientais e o
 O fato é que ela me fita
20 artigo 2.288 do Código de Trânsito Brasileiro.
 Me fita mesmo de fato.
 Em caso de descumprimento, as equipes realizarão la-
vratura de Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) no
Maria José Nóbrega e Rosane Pamplona. Diga um verso bem
ato da abordagem e apreensão do equipamento irregular. bonito! Moderna, 2005. P.9
 O secretário Alfredo Gaspar de Mendonça participou
25 do lançamento da ação, que contou ainda com a presença do 6 O texto acima constitui uma trova, gênero textual que se
delegado-geral da Polícia Civil, Carlos Reis, comandante- compõe de quatro versos, com rima obrigatória entre os ver-
-geral da Polícia Militar, coronel Wellington Bittencourt, e
sos pares.
do subcomandante de Policiamento da Capital, tenente co-
ronel Liziário.
7 Infere-se do texto que a temática abordada é o amor não cor-
30  “Essa operação será permanente e vai atuar sobre uma
respondido.
das principais causas do acionamento da Polícia Militar via
190, que são as ocorrências de perturbação do sossego. As
8 A forma verbal “sei” está na terceira pessoa do singular para
pessoas precisam entender que o seu momento de lazer não
assegurar a concordância correta com o sujeito gramatical
pode atrapalhar a vida de outras pessoas, por isso esta ação é
35 tão importante. Com a Operação Sossego nossas forças poli- simples, explícito nos versos 1 e 2.
PC/AL – AGENTE E ESCRIVÃO – 3º SIMULADO

9 A partícula “se”, versos 1 e 2, transfere ao período o sentido 17 Na linha 10, uma vírgula deve ser inserida anteceden-
de condição, pois introduz oração de natureza adverbial. do o termo “que” para isolar oração subordinada adjetiva
explicativa.
10 No último verso, comprova-se a presença de desvio da nor-
ma culta da língua. 18 O termo “Mas” (l. 11) pode ser substituído pelo termo “Po-
rém”, desde que uma vírgula seja acrescentada logo após
TEXTO III o síndeto.

19 Sem prejuízo para as relações gramaticais e semânticas do


texto, a oração “começam a surgir pelo globo” (l. 2-3) pode
ser deslocada para o início do período.

20 No trecho “às pessoas a chance de preencher suas vidas com


ajuda da tecnologia.”, a crase pode ser retirada do período
11 No último quadrinho, a substituição de “o” por “aquilo” sem prejudicar a coerência, o sentido original e a correção
prejudica a correção gramatical e a informação original gramatical do período.
do período.
TEXTO V
12 A fala da personagem Mafalda, 5º quadrinho, é permeada
1  Nasce o Sol, e não dura mais que um dia,
da figura de linguagem ironia, elemento frequente em textos
 Depois da Luz se segue a noite escura,
multimodais.  Em tristes sombras morre a formosura,
 Em contínuas tristezas a alegria.
13 A expressão corporal e facial das personagens descaracteriza 
o objetivo do texto. 5  Porém se acaba o Sol, por que nascia?
 Se é tão formosa a Luz, por que não dura?
14 O verbo “tem”, 3º quadrinho, deve receber acento circunfle-  Como a beleza assim se transfigura?
xo para que se adéque ao Novo Acordo Ortográfico.  Como o gosto da pena assim se fia?

15 Na fala de Mafalda, 1º quadrinho, o pronome “eu” pode ser  Mas no Sol, e na Luz falte a firmeza,
substituído por um oblíquo átono em primeira pessoa, a fim 10  Na formosura não se dê constância,
de que a norma culta da linguagem possa ser respeitada.  E na alegria sinta-se tristeza.

TEXTO IV  Começa o mundo enfim pela ignorância,
 E tem qualquer dos bens por natureza
1  Tentativas que privilegiam o bem-estar, a simplicidade,  A firmeza somente na inconstância.”
a tradição local, o resgate da história e a hospitalidade come-
çam a surgir pelo globo. Esse é o começo de uma revolução Gregório de Matos. Poemas escolhidos.
Organização de José Miguel Wisnik.
cultural, uma mudança radical na forma como vemos o tem-
5 po e como lidamos com a velocidade e a lentidão. Significa
21 Depreende-se do texto que o autor aborda o tema da efeme-
colocar qualidade antes de quantidade. É uma espécie de
“filosofia do devagar”, em que se percebe que nem sempre ridade das coisas do mundo.
a rapidez é a melhor maneira de fazer as coisas. A principal
fonte da aceleração é o domínio de um sistema econômico 22 Na articulação das ideias do texto, em “Na formosura não
10 que “sugere” às pessoas a chance de preencher suas vidas se dê constância” (3ª estrofe) a partícula “se” retoma, por
com ajuda da tecnologia. Mas desacelerar parece dar a mui- coesão, o termo “luz”, verso anterior.
ta gente a sensação de estar perdendo o pouco tempo que
lhes resta. 23 Na primeira estrofe, sem prejudicar a correção gramatical,
a expressão “Em tristes sombras” pode ser deslocada para o
Revista Galileu, com adaptações. final do verso, com ajuste na letra inicial e sem a obrigato-
riedade do uso da vírgula, entretanto perde-se a rima com o
16 Caso o verbo “começam” (l. 2-3) fosse deslocado para o verso anterior.
início do período, não haveria prejuízo para a relação de
concordância a grafia do termo no singular “começa” para
concordar com o núcleo mais próximo “bem-estar”.
PC/AL – AGENTE E ESCRIVÃO – 3º SIMULADO

24 Na terceira estrofe, estaria gramaticalmente correto e coe- NOÇÕES DE DIREITOS HUMANOS


rente com o desenvolvimento das ideias do texto o emprego Luciano Favaro
da próclise em “E na alegria sinta-se tristeza”.
Julgue os itens subsequentes com base no disposto na Constitui-
25 É possível afirmar que a razão da instabilidade das coisas ção da República Federativa do Brasil, de 1988 – CRFB/1998,
não é entendida por quem vive a problemática no texto. em decisões do Supremo Tribunal Federal e na teoria geral dos
direitos humanos.
ÉTICA NO SERVIÇO PÚBLICO 34 Situação hipotética: Pietro, estrangeiro, não domiciliado
Glauber Marinho
no Brasil, cometeu crime quando em viagem ao território
 Conforme a tradição, o que chamamos de virtudes são brasileiro. Preso em flagrante delito, Pietro impetrou habe-
as ideias ou razões morais positivas que nos trazem os me- as corpus sendo o conhecimento do writ negado pelo juiz
lhores resultados. Os vícios são os portadores dos insucessos sob a fundamentação de que esse remédio constitucional so-
e dos resultados negativos. Enquanto atuo, seja de acordo mente é assegurado ao brasileiro e estrangeiros residentes no
com virtudes ou vícios, procedo eticamente. Mas, e aí vem Brasil, consoante disposto no artigo 5º, caput, CRFB/1988.
o fundamento da explicação, se os costumes(mores) indicam Assertiva: nesse caso, a decisão do juiz, em grau de recur-
a prática da virtude, e eu pratico o vício, eu estou agindo so, não deve prosperar, haja vista o entendimento de que o
contra a moral, mas, a rigor, não estou agindo contra a Ética, estrangeiro, mesmo aquele sem domicílio no Brasil, tem di-
mas contra as regras que me são recomendadas pelos conhe- reito a todas as prerrogativas básicas que lhe assegurem a
cimentos trazidos pela Ética.
preservação do status libertatis e a observância, pelo poder
Bittar (Apud, Korte, 1999, p. 67) público, da cláusula constitucional do due process.

Considerando o texto, a ética, a moral, os princípios e valores e o 35 Enquanto os direitos de primeira geração (direitos civis e
exercício da função pública, julgue os itens. políticos) realçam o princípio da liberdade e os direitos de
segunda geração (direitos econômicos, sociais e culturais)
26 De acordo com Aristóteles, as virtudes morais decorrem acentuam o princípio da igualdade, os direitos de terceira
da cognição. geração, que materializam poderes de titularidade coletiva
atribuídos genericamente a todas as formações sociais, con-
27 Compete à moral, por meio de análise quanto a comporta-
sagram o princípio da solidariedade e constituem um mo-
mentos, estabelecer o certo explicando o contexto social.
mento importante no processo de desenvolvimento, expan-
são e reconhecimento dos direitos humanos, caracterizados,
28 A ética investiga a base dos valores direcionadores das ações
enquanto valores fundamentais indisponíveis, pela nota de
empreendidas em contextos coletivos.
uma essencial inexauribilidade.
29 Ações legalmente adequadas são, também, moralmente
aceitáveis. 36 É direito do defensor, no interesse do representado, ter aces-
so amplo aos elementos de prova que constem em procedi-
A respeito da Lei n. 6.754/2006 (Código de Ética Funcional do mento investigatório realizado por órgão com competência
Servidor Público Civil do Estado de Alagoas), julgue os itens. de polícia judiciária, ainda que não documentados, mas que
digam respeito ao exercício do direito de defesa.
30 Entende-se por servidor público, conforme o código,
aqueles que recebam delegação por parte do Estado, desde 37 Situação hipotética: a Assembleia Legislativa de determi-
que remunerados. nado Estado da federação editou lei na qual estabeleceu a
obrigatoriedade de constar ao menos um exemplar de certo
31 Assegurada a ampla defesa e contraditório, figura como falta
livro de cunho religioso em unidades escolares e bibliotecas
ética se apresentar embriagado fora do serviço.
públicas estaduais. Assertiva: nesse caso, considerando o
disposto na CRFB/1988, referida lei não deverá ser aplicada
32 Consta como dever do servidor participar de estudos para
por ofensa aos princípios da isonomia, da liberdade religiosa
melhor desempenhar suas funções.
e da laicidade do Estado brasileiro.
33 É vedado ao servidor materializar a ética por meio da presta-
ção de serviços, pois por se tratar de ciência, não seria possí-
vel transformar princípios em ações.
PC/AL – AGENTE E ESCRIVÃO – 3º SIMULADO

38 A livre discussão, a ampla participação política e o princípio A respeito de redes de computadores, de Internet e de intranet,
democrático estão interligados com a liberdade de expres- julgue os itens a seguir.
são, sendo certo afirmar que esses direitos se classificam
como direitos humanos de segunda geração. 45 Caso sejam digitados os termos descritos a seguir na ferra-
menta de busca do Google, serão pesquisadas publicações
Quanto ao disposto no Pacto de San José da Costa sobre o sistema que a correspondência exata da frase “Estatuto da Polícia
de proteção interamericano de direitos humanos, julgue os itens: Civil”, exclusivamente no sítio pc.al.gov.br, excluindo a pa-
lavra furto.
39 Qualquer pessoa, grupo de pessoas ou entidade não-gover- “Estatuto da Polícia Civil” -furto site:pc.al.gov.br
namental legalmente reconhecida em um ou mais Estados-
-membros da Organização dos Estados Americanos, pode 46 Cookies são arquivos criados pelos sites que você visita.
apresentar à Corte Interamericana de Direitos Humanos pe- Eles tornam sua experiência on-line mais fácil, economi-
tições que contenham denúncias ou queixas de violação do zando informações de navegação. Com os cookies, os sites
Pacto de San José da Costa Rica por um Estado-parte. podem manter seu login, lembrar suas preferências do site e
fornecer conteúdo relevante localmente.
40 A Comissão Interamericana de Direitos Humanos tem fun-
ção principal de promover a observância e a defesa dos di- 47 No Mozilla Thunderbird, para se enviar cópias do e-mail
reitos humanos e, no exercício de seu mandato, tem, entre com o conteúdo ocultado, deve ser preenchido a opção Com
outras, a atribuição de solicitar aos governos dos Estados- cópia oculta (Cco) durante a criação de uma nova mensa-
-membros que lhe proporcionem informações sobre as medi- gem de e-mail, inserindo de um ou mais endereços como
das que adotarem em matéria de direitos humanos. destinatários.

Atinente à política nacional de direitos humanos brasileira, Com referência a conceitos de segurança da informação, julgue
julgue o item: os itens subsecutivos.

41 A garantia dos direitos das vítimas de crimes e de proteção 48 Ransomware é um programa malicioso de computador que
das pessoas ameaçadas é diretriz inserta no atual programa sequestra os navegadores, mudando por exemplo a página
nacional de direitos humanos. inicial e seu mecanismo de busca.

49 Spam é um tipo de e-mail malicioso que contém malwa-


NOÇÕES DE INFORMÁTICA
Leonardo Vasconcelos re em anexo.

A respeito dos sistemas operacionais Windows e Linux, julgue os 50 Identifica-se Plataforma como Serviço (PaaS) quando um
itens a seguir. provedor de serviços oferece acesso a um ambiente baseado
em cloud, no qual os usuários podem construir e disponibi-
42 No Linux, o diretório /bin é o local onde estão os arquivos lizar aplicativos.
executáveis e comandos essenciais do sistema, enquanto no
diretório /root são armazenados os arquivos dos usuários.

43 No Windows 10, ao clicar, com o botão direito do mouse,


a opção Iniciar e, em seguida, selecionar a opção Geren-
ciador de Tarefas, tem-se acesso a software que monitora
o desempenho de vários recursos do PC, como processos,
desempenho da CPU, memória RAM entre outros elementos
de hardware.

44 Por padrão, a visualização de arquivos no Explorador de


Arquivos do Windows 10, no layout conteúdo, permite que
um arquivo seja identificado por nome, data de modificação,
tipo e tamanho.
PC/AL – AGENTE E ESCRIVÃO – 3º SIMULADO

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS Agente Público é todo aquele que exerce, ainda que transitoria-
mente ou sem remuneração, por eleição, nomeação, designação,
contratação ou qualquer forma de investidura ou vínculo, man-
NOÇÕES DE DIREITO dato, cargo, emprego ou função pública. Sobre agentes públicos,
ADMINISTRATIVO julgue o próximo item.
Leandro Pereira
57 Agentes Políticos são aqueles integrantes do alto escalão do
A organização administrativa é a parte do Direito Administrativo Governo, possuindo competência definida diretamente pela
que estuda a estrutura da Administração Pública e dos órgãos e Constituição Federal, exercendo funções governamentais,
pessoas jurídicas que a compõem. Sobre a estrutura organizacio- judiciais e quase judiciais, elaborando normas legais, condu-
nal do Estado, julgue os próximos itens. zindo os negócios públicos, decidindo e atuando com inde-
pendência nos assuntos de sua competência.
51 Diferentemente das entidades federativas, as entidades ad-
ministrativas possuem autonomia administrativa, política Os poderes dos quais é dotada a Administração Pública são neces-
e financeira. sários e proporcionais às funções à mesma determinados. Em
outras palavras, a Administração Pública é dotada de poderes que
52 A descentralização ocorre quando qualquer um dos entes fe- se constituem em instrumentos de trabalho. Sobre poderes admi-
derativos exerce suas atribuições por intermédio de outras nistrativos, julgue os próximos itens.
pessoas jurídicas.
58 A subordinação é decorrente do poder hierárquico e admite
53 As empresas públicas são pessoas jurídicas de direito priva- todos os meios de controle do superior sobre o inferior.
do, criadas por autorização legislativa, com capital público e
privado e regime organizacional livre. 59 Não se diferencia poder de polícia administrativa de poder
de polícia judiciaria, sendo ambos destinados constituir limi-
Ato administrativo é toda manifestação unilateral de vontade da tação à liberdade individual.
Administração Pública que, agindo nessa qualidade, tenha por
fim imediato adquirir, resguardar, transferir, modificar, extinguir Entende-se por responsabilidade civil do Estado (ou da Admi-
e declarar direitos, ou impor obrigações aos administrados ou a si nistração) como sendo a obrigação legal da Fazenda Pública de
própria. Sobre ato administrativo, julgue os próximos itens. ressarcir terceiros pelos danos patrimoniais que lhe foram cau-
sados por atos comissivos ou omissivos, materiais ou jurídicos,
54 Mérito do ato administrativo é o campo de liberdade su- lícitos ou ilícitos dos agentes públicos, no desempenho de suas
posto na lei e que efetivamente venha a remanescer no caso funções ou a pretexto de exercê-las. Sobre responsabilidade civil
do Estado, julgue os próximos itens.
concreto, para que o administrador, segundo critérios de
conveniência e oportunidade, decida-se entre duas ou mais
60 A responsabilidade civil das pessoas jurídicas de direito pri-
soluções admissíveis perante a situação vertente, tendo em
vado prestadoras de serviço público é objetiva relativamente
vista o exato atendimento da finalidade legal, ante a impos-
a terceiros usuários e não usuários do serviço prestado.
sibilidade de ser objetivamente identificada qual delas seria
a única adequada.
61 A Administração Pública responde objetivamente somente
pelas condutas ilícitas de seus agentes públicos.
55 A imperatividade traz a possibilidade de os atos adminis-
trativos serem impostos a terceiros independentemente da
O controle da Administração Pública é o conjunto de mecanis-
concordância destes estando presente nos atos enunciativos mos jurídicos e administrativos por meio dos quais se exerce o
e negociais. poder de fiscalização e de revisão da atividade administrativa em
qualquer das esferas de poder. Sobre controle da Administração
56 A anulação é o desfazimento de ato ilegal e a revogação é a Pública, julgue o próximo item.
extinção de ato válido, mas que deixou de ser conveniente
e oportuno. 62 O controle judicial sobre a Administração abrange tanto
os atos vinculados como os discricionários, já que todos
têm de obedecer aos requisitos de validade. Um vício de
competência tanto pode ocorrer em ato vinculado como
em ato discricionário.
PC/AL – AGENTE E ESCRIVÃO – 3º SIMULADO

Licitação é o procedimento realizado pela Administração Pública 71 Brasileiro nato tem a prerrogativa de ocupar o cargo de pre-
que visa à contratação de um serviço ou à aquisição de um deter- sidente do Senado.
minado bem, necessário à atividade desenvolvida pelo Poder
Estatal, pela oferta mais vantajosa. Sobre o tema, julgue os pró- Julgue os itens em relação aos direitos políticos.
ximos itens.
72 Os analfabetos podem registrar-se como eleitores.
63 O edital traduz-se em uma verdadeira norma porque subordi-
na administradores e administrados às regras que estabelece. 73 Situação hipotética: Marcelo requereu o registro de sua
Para a Administração, desse modo, o edital é ato vinculado e candidatura para concorrer ao cargo de prefeito de muni-
não pode ser desrespeitado por seus agentes. cípio criado por desmembramento territorial de município
cujo Poder Executivo é chefiado pelo seu irmão. Assertiva:
64 A adjudicação compulsória ao vencedor da licitação corres- Nesse caso, Marcelo, por ser irmão do prefeito do municí-
ponde à celebração do contrato. pio-mãe, é elegível.

65 Aos contratos administrativos não se aplicam, supletivamen- Julgue os itens em relação à segurança pública.
te, as disposições de direito privado.
74 Às polícias civis, dirigidas por delegados de polícia de car-
NOÇÕES DE DIREITO reira, incumbem, ressalvada a competência da União, as fun-
ções de polícia judiciária e a apuração de infrações penais,
CONSTITUCIONAL exceto as militares.
RICARDO BLANCO
75 Às polícias militares cabem a polícia ostensiva e a preser-
Julgue os itens, segundo o entendimento do STF.
vação da ordem pública; aos corpos de bombeiros militares,
além das atribuições definidas em lei, incumbe a execução
66 A alteração do gênero nos assentamentos de registro civil
de atividades de defesa civil.
depende da realização de procedimento cirúrgico, denomi-
nado transgenitalização, ou da comprovação da realização
de tratamentos hormonais ou patologizantes, por parte da NOÇÕES DE DIREITO PENAL
pessoa interessada. (PARTE GERAL)
ISMAEL SOUTO
67 A exigência constitucional de aviso prévio relativamente ao
direito de reunião é satisfeita com a veiculação de infor- Em relação à Lei Penal, julgue o seguinte item de acordo com
mação que permita ao poder público zelar para que seu a doutrina.
exercício se dê de forma pacífica ou para que não frustre
outra reunião no mesmo local. 76 A norma penal deve ser instituída por lei em sentido estrito,
todavia é admitida no direito penal a analogia desde que seja
Julgue os itens em relação aos direitos sociais. benéfica ao réu.

68 A moradia não é direito fundamental previsto na Constitui- Em relação ao Direito Penal, julgue o item a seguir.
ção Federal de 1988 e assegurado tanto aos brasileiros quan-
to a estrangeiros residentes no Brasil. 77 O princípio da alteridade garante que a pena não passará da
pessoa do condenado e assinala que, para haver crime, a con-
69 Os direitos sociais assegurados aos trabalhadores incluem duta humana deve colocar em risco ou lesar bens de tercei-
participação nos lucros, ou resultados, desvinculada da re- ros, e é proibida a incriminação de atitudes que não excedam
muneração, e, excepcionalmente, participação na gestão da o âmbito do próprio autor.
empresa, conforme definido em lei.
78 Situação hipotética: Junior praticou conduta definida como
Julgue os itens em relação ao direito de nacionalidade. crime. Com a entrada em vigor de nova lei, esse tipo pe-
nal foi revogado formalmente, mas a conduta de Junior foi
70 As hipóteses de perda da nacionalidade brasileira previstas inserida em outro tipo penal. Assertiva: Junior responderá
na Constituição Federal de 1988 não têm natureza taxativa. pelo crime, pois não ocorreu a abolitio criminis com a edição
da nova lei.
PC/AL – AGENTE E ESCRIVÃO – 3º SIMULADO

Em relação à aplicação da Lei Penal, julgue o item a seguir. Em relação aos crimes contra a pessoa e contra o patrimônio,
julgue o item a seguir.
79 Aos crimes permanentes e continuados poderá ser aplicada
nova lei, ainda que mais severa, levando em consideração a 85 Situação hipotética: Rafael, querendo subtrair bens exis-
teoria da atividade. tentes no interior de uma casa habitada, adentrou o local e
subtraiu dois notebooks. Assertiva: aplicando-se o princípio
Em se tratando da aplicação da Lei Penal no Espaço, julgue o da consunção, Rafael não responderá pelo crime de violação
item a seguir. de domicílio, mas somente pelo crime de furto.

80 Tendo em vista a teoria da ubiquidade, considera-se pratica- Em relação aos crimes contra o patrimônio, julgue o item
do o crime no lugar em que ocorreu a ação ou omissão, no que se segue.
todo ou em parte, bem como onde se produziu ou deveria ter
sido produzido o resultado. 86 Situação hipotética: Rafael e Elias planejaram juntos o
furto de uma residência. Sem o conhecimento de Rafael,
Elias levou consigo uma arma de fogo de uso restrito para
NOÇÕES DE DIREITO PENAL
garantir o sucesso da empreitada criminosa. Enquanto Ra-
(PARTE ESPECIAL) fael subtraia os bens do escritório, Elias foi surpreendido
Ismael Souto na sala por um morador e acabou matando-o com um tiro.
Assertiva: Elias responderá por latrocínio, e Rafael, apenas
Em relação aos crimes contra a pessoa, julgue os itens a seguir.
pelo crime de furto.

81 Em se tratando do crime de homicídio, será admitida a in- Em relação ao Código Penal, julgue o item que se segue.
cidência concomitante de circunstância qualificadora de
caráter objetivo referente aos meios e modos de execução 87 O delito de concussão é delito próprio e consiste na exigên-
juntamente com o reconhecimento do privilégio, desde que cia do agente, direta ou indireta, em obter da vítima van-
este seja de natureza subjetiva. tagem indevida, para si ou para outrem, e será consumado
com a mera exigência, sendo o recebimento da vantagem
82 Situação hipotética: Claiton Gato sofreu lesão corporal do- considerado como mero exaurimento do crime.
losa e apresentou, como resultado da agressão, apenas uma
fratura mandibular alinhada, perfeitamente recuperada após Em relação aos crimes contra a pessoa, julgue os itens que se segue.
seis semanas de bloqueio intermaxilar. Assertiva: Claiton
Gato sofreu lesão corporal de natureza grave. 88 O delito de injúria qualificada consistente na utilização de
elementos referentes a raça, cor, etnia, religião, origem ou
83 Situação Hipotética: Assim que recebeu alta hospitalar, condição de pessoa idosa ou portadora de deficiência para
Mévia saiu da maternidade com seu filho recém-nascido, ofender a dignidade ou o decoro de alguém é distinto do de-
Caio, e o colocou, ainda com vida, em um depósito de lixo. lito de racismo. A injúria qualificada processa-se por ação
Localizado por um indivíduo que passava perto desse depó- penal pública condicionada a representação.
sito, Caio foi levado a um pronto-socorro, mas, apesar de
ter recebido o necessário atendimento médico, faleceu por 89 Situação hipotética: Calebe desferiu quatro facadas na mão
hipotermia. Assertiva: Se a gravidez de Mévia tiver origem de Jorge, que, em consequência, passou a ter debilidade per-
num estupro, isso caracterizará uma excludente de ilicitude manente do membro. Assertiva: Calebe praticou crime de
para homicídio, ou seja, não se punirá a mãe. lesão corporal de natureza grave.

84 Situação hipotética: Elias, penalmente imputável, preten- 90 Situação hipotética: Caio, após ingerir bebida alcoólica em
dendo matar Diogo, aguardou a sua passagem em um beco uma festa rave, agrediu um casal de namorados, o que re-
escuro e, de surpresa, desferiu vários golpes de espada que sultou na morte da mulher, devido à gravidade das lesões. O
resultaram na morte de Diogo. Após o fato, Elias foi preso e homem sofreu lesões leves. Assertiva: Se, após a apuração
autuado em flagrante delito. Assertiva: Elias responderá por dos fatos, a morte da mulher caracterizar homicídio simples
homicídio simples, cuja pena varia entre seis e vinte anos doloso, a conduta de Caio não será classificada como cri-
de reclusão. me hediondo.
PC/AL – AGENTE E ESCRIVÃO – 3º SIMULADO

NOÇÕES DE DIREITO Após uma notitia criminis anônima, a polícia realizou pesquisas
preliminares e em seguida fez busca em determinada casa, onde
PROCESSUAL PENAL encontrou três pessoas preparando pequenos pacotes de deter-
Deusdedy Solano minada substância, que foi comprovado em laudo preliminar se
tratar de cocaína, bem como a presença de duas adolescentes
Sandra, de 15 anos de idade, foi vítima de lesão corporal leve encarceradas que seriam enviadas para outro estado da federação
(art. 129, caput, do CP, com pena máxima de um ano), infração com o fim de exploração sexual. Os suspeitos envolvidos foram
de menor potencial ofensivo, que é de ação penal condicionada presos em flagrante delito, após ser verificado que se tratavam de
à representação de quem tenha legitimidade para representá-la. pessoas imputáveis.

91 Diante dessa situação hipotética, é correto informar que, A partir dessa situação hipotética, julgue os próximos três
mesmo o crime de lesão corporal leve sendo condicionado itens a seguir.
à representação criminal, como a vítima é civilmente inca-
paz, a autoridade policial poderá dar início à investigação 97 A busca domiciliar fundamentada em notícia anônima, sem
criminal de ofício, juntando posteriormente a representação ordem judicial prévia, é sempre inválida, mesmo que a polí-
do representante legal de Sandra. cia tenha feito pesquisas preliminares para verificar a situa-
ção de flagrante permanente.
Com relação à prova no processo penal, conforme dispõe a legis-
98 Em até 24 (vinte e quatro) horas após a realização da prisão
lação, julgue os cinco itens que se seguem.
em flagrante dos três supostos autores dos crimes, será en-
tregue aos presos, mediante recibo, a nota de culpa, assinada
92 Além das provas originalmente ilícitas, são também inad-
pela autoridade, com o motivo da prisão, o nome do condu-
missíveis as provas derivadas das ilícitas, salvo quando não
tor e o das testemunhas.
evidenciado o nexo de causalidade entre umas e outras, ou
quando as derivadas puderem ser obtidas por uma fonte in-
99 Na audiência de custódia, conforme descreve o Código de
dependente das primeiras.
Processo Penal, se o juiz verificar que os presos integram
93 Em relação à cadeia de custódia, a fase da fixação é a des- organização criminosa armada ou milícia, deverá denegar a
crição detalhada do vestígio conforme se encontra no local liberdade provisória, com ou sem medidas cautelares.
de crime ou no corpo de delito, e a sua posição na área de
Quanto à prisão preventiva, julgue os dois itens que se seguem.
exames, podendo ser ilustrada por fotografias, filmagens ou
croqui, sendo indispensável a sua descrição no laudo pericial
100 Será admitida a decretação da prisão preventiva se o crime
produzido pelo perito responsável pelo atendimento.
envolver violência doméstica e familiar contra a mulher,
94 O acusado, depois de devidamente qualificado e cientificado criança, adolescente, idoso, enfermo ou pessoa com defici-
do inteiro teor da acusação, será informado pelo juiz, antes ência, para garantir a execução das medidas protetivas de
de iniciar o interrogatório, do seu direito de permanecer ca- urgência, desde que o crime seja punido com pena privativa
lado e de não responder perguntas que lhe forem formuladas. de liberdade máxima superior a 4 (quatro) anos.
O silêncio, que não importará em confissão, poderá ser inter-
pretado em prejuízo da defesa. 101 A decisão que decretar, substituir ou denegar a prisão pre-
ventiva será sempre motivada e fundamentada. Sendo que,
95 Os documentos em língua estrangeira serão sempre tradu- dentre outras situações, não se considera fundamentada
zidos por tradutor público, ou, na falta, por pessoa idônea qualquer decisão judicial que invocar motivos que se presta-
nomeada pela autoridade, e somente após tradução serão riam a justificar qualquer outra decisão.
juntados ao processo.

96 O valor da confissão é relativo e se aferirá pelos critérios


adotados para os outros elementos de prova, e para a sua
apreciação o juiz deverá analisá-la isoladamente, sem con-
frontá-la com as demais provas.
PC/AL – AGENTE E ESCRIVÃO – 3º SIMULADO

Joaquim está sendo investigado pela suposta prática dos crimes 109 Segundo a Constituição do Estado de Alagoas, à Polícia Ci-
de homicídio doloso qualificado e ocultação de cadáver. Durante vil, dirigida por delegado de polícia, incumbe as funções de
a investigação, o delegado que preside o inquérito representou polícia judiciária e a apuração das infrações penais, exceto
pela prisão temporária de Joaquim e pela interceptação telefônica as militares.
da ex-mulher da vítima, suspeita de ser a mandante dos delitos.
110 Segundo a Constituição do Estado de Alagoas, à Polícia Pe-
Considerando essa situação hipotética, julgue os dois tens nal, instituição permanente, essencial à segurança pública e
subsequentes.
à execução penal, com autonomia administrativa, estrutura-
da em carreira única, dirigida por Polícia Penal, incumbe a
102 A prisão provisória cabível no caso de Joaquim seria a pre-
segurança dos estabelecimentos penais.
ventiva. Não é possível a temporária em razão dos crimes
investigados não estarem no rol taxativo da lei que regula-
111 Segundo a Constituição do Estado de Alagoas, o preen-
menta a prisão temporária.
chimento do quadro de servidores da Polícia Penal será
feito, preferencialmente, por meio de concurso público e
103 O pedido de interceptação telefônica para o crime citado
por meio da transformação dos cargos isolados, dos cargos
(homicídio qualificado) que é punível com reclusão, só po-
de carreira dos atuais Agentes Penitenciários e dos cargos
derá ser admitido pelo juiz se houver indícios razoáveis da
públicos equivalentes.
autoria ou participação no crime da suspeita investigada e a
prova não puder ser feita por outros meios disponíveis.
LEGISLAÇÃO (ESTATUTO DA
Em relação ao que dispõe a Lei dos Juizados Especiais Criminais
POLÍCIA CIVIL DO ESTADO DE
(Lei n. 9.099/1995), julgue os três itens a seguir
ALAGOAS)
104 Tratando-se de ação penal de iniciativa privada ou de ação Marcos Fagner
penal pública incondicionada, o acordo homologado acarre-
ta a renúncia ao direito de queixa ou denúncia. 112 O membro da Polícia Judiciária do Estado de Alagoas pode-
rá, em havendo compatibilidade de horários, exercer cumu-
105 Oferecida a denúncia ou queixa, será reduzida a termo, en- lativamente atividade de magistério.
tregando-se cópia ao acusado, que com ela ficará citado e
imediatamente cientificado da designação de dia e hora para 113 Estando no mesmo nível ou símbolo de vencimento base, a
a audiência de instrução e julgamento, da qual também to- precedência hierárquica entre funcionários policiais é esta-
marão ciência o Ministério Público, o ofendido, o responsá- belecida por aquele que possua maior antiguidade na classe.
vel civil e seus advogados.
114 O funcionário policial removido de uma para outra sede en-
106 Da decisão de rejeição da denúncia ou queixa e da sentença tre municípios que componham a mesma área metropolitana
caberá recurso em sentido estrito, que poderá ser julgado por terá direito a auxílio-moradia.
turma composta de três Juízes em exercício no primeiro grau
de jurisdição, reunidos na sede do Juizado. 115 É dever do funcionário policial, dentre outros, frequentar,
com assiduidade, para fins de aperfeiçoamento e atualização
de conhecimentos profissionais, os cursos realizados em es-
LEGISLAÇÃO (CONSTITUIÇÃO DO tabelecimentos de ensino policial, em que haja sido compul-
ESTADO DE ALAGOAS) soriamente matriculado.
Gustavo Brígido
116 De acordo com a Lei n. 3.437/1975, desde que a presença
107 Segundo a Constituição do Estado de Alagoas, a seguran- do funcionário possa influir na apuração da falta cometi-
ça pública, dever do Estado e direito e responsabilidade de da, poderá ser imposta a ele a suspensão preventiva até 30
todos, é exercida para a preservação da ordem pública e da (trinta) dias.
incolumidade das pessoas e do patrimônio.

108 Segundo a Constituição do Estado de Alagoas, são respon-


sáveis pela segurança pública, respeitada a competência da
União, a Polícia Civil, a Polícia Militar, o Corpo de Bombei-
ros Militar e a Polícia Penal.
PC/AL – AGENTE E ESCRIVÃO – 3º SIMULADO

LEGISLAÇÃO (REGIME JURÍDICO


ÚNICO DOS SERVIDORES
PÚBLICOS CIVIS DO ESTADO DE
ALAGOAS, DAS AUTARQUIAS
E DAS FUNDAÇÕES PÚBLICAS
ESTADUAIS)
Rodrigo Cardoso

Com fundamento na Lei n. 5.247/1991, julgue os itens a seguir.

117 Considere que Jonas, Agente da Polícia Civil de Alagoas,


esteja em débito com erário por prejuízo causado no exer-
cício de suas funções. Assertiva: Jonas pode solicitar o par-
celamento do débito, sendo que cada parcela não poderá ser
superior a dez por cento de sua remuneração.

118 As indenizações, as gratificações e os adicionais incorpo-


ram-se ao vencimento ou provento, nos casos e condições
indicados em lei específica que regulamenta cada carreira.

119 Considere que determinado Agente da PC/AL seja convoca-


do para realizar serviço extraordinário por uma situação ex-
cepcional que tenha ocorrido em uma Delegacia de Polícia.
Assertiva: nesse caso, o serviço extraordinário deverá ser
remuneração com acréscimo de até cinquenta por cento em
relação à hora normal de trabalho.

120 Como medida cautelar e a fim de que o servidor não venha


a influir na apuração da irregularidade, a autoridade compe-
tente poderá determinar o seu afastamento do exercício do
cargo, pelo prazo de até sessenta dias, podendo ser prorroga-
do por igual período, sem prejuízo da remuneração.
PC/AL – AGENTE E ESCRIVÃO – 3º SIMULADO

DISCURSIVA
Júnia Andrade

Informações Preliminares:
1) A prova discursiva valerá 20,00 pontos e será constituída de redação de, no máximo, 30 linhas acerca de tema de atualidades.
2) Haverá reserva de 1,00 para a nota de Apresentação.

Redação:

Há ações desempenhadas pelos organismos responsáveis pela segurança pública que são sempre louváveis, embora não alcan-
cem amplitude midiática. Estas ações acontecem todos os dias, seja no desempenho rotineiro das atribuições de policiais e de outros
agentes de segurança seja no êxito das polícias ao cumprirem operações especiais. Não há que se questionar isso nem se midiatizar a
normalidade, porque se trata de um dever funcional – cumprir a missão de manter a ordem e a paz social, e garantir a segurança pública.
O que é anormal e, por isso, torna-se amplamente noticiado é o desvio do cumprimento do dever funcional. Infelizmente, a ação de
alguns membros das corporações que ocorre, ora pelo despreparo para lidar com as exigências da carreira ora pelo desvio ético, acaba
ganhando relevância para se mostrar à sociedade em geral que tais condutas são um desrespeito à confiança que os administrados depo-
sitaram naquele agente que deveria agir somente me nome do Estado.

Considerando o texto acima como meramente motivador, produza um texto dissertativo sobre o seguinte tema:

EXCESSOS FUNCIONAIS FEREM O ESTADO DE DIREITO

Em seu texto, considere necessariamente os seguintes aspectos:


1) A segurança como um serviço público essencial do cidadão.
2) Condutas consideradas abusivas manifestadas por parte dos agentes responsáveis pela segurança pública.
3) A necessidade de mudança na rotina das corporações para evitar o cometimento de abusos de autoridade.
PC/AL – AGENTE E ESCRIVÃO – 3º SIMULADO

Rascunho

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30
SIMULADO PREPARATÓRIO PARA CONCURSO PÚBLICO
POLÍCIA CIVIL DO ESTADO DE ALAGOAS
AGENTE E ESCRIVÃO

FOLHA DE RESPOSTAS

Item 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10
Respostas

Item 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20
Respostas

Item 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30
Respostas

Item 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40
Respostas

Item 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50
Respostas

Item 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60
Respostas

Item 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70
Respostas

Item 71 72 73 74 75 76 77 78 79 80
Respostas

Item 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90
Respostas

Item 91 92 93 94 95 96 97 98 99 100
Respostas

Item 101 102 103 104 105 106 107 108 109 110
Respostas

Item 111 112 113 114 115 116 117 118 119 120
Respostas
#VEM
SER
GRAN
O POTENCIAL VOCÊ JÁ TEM.
Nós só precisamos te mostrar,
para juntos corrermos
rumo à sua aprovação.

O programa de coaching do Gran Cursos Online


é o diferencial na sua preparação.
Com ele, você chega mais longe e mais rápido.
Nosso time de Xperts está de prontidão para
guiar nossos alunos por caminhos em que o
estudo é mais pragmático e organizado e o
aprendizado vem de forma mais fácil e segura.

PERSONALIZAÇÃO ACOMPANHAMENTO DE ROTINA

Seu coach irá te apoiar e direcionar Com planos feitos, resta colocá-los em
pelos longos e difíceis caminhos do prática. Com ajuda para gerenciar e
estudo. Com técnicas e táticas desenvolver sua rotina, você consegue
personalizadas de acordo com suas ajustar sua jornada diária para que
necessidades, um plano estratégico de todas as suas necessidades sejam
estudos será traçado para que você preenchidas ao longo das horas.
alcance resultados mais rápidos e Principalmente os estudos!
satisfatórios.

PERCEPÇÃO DE CAPACIDADES MOTIVAÇÃO

Onde você é muito bom, em que Uma batalha travada com amigos ao lado
precisa melhorar, quais são seus é sempre mais fácil de encarar. Conte
limites, onde necessita de mais ajuda. sempre com apoio, motivação, suporte,
Seu coach terá uma percepção clara dicas, palavras de ânimo e, se precisar,
de como você funciona e como deverá até puxões de orelha que vão fazer você
traçar suas metas e objetivos. chegar aonde sempre sonhou.

Contato para vendas:


Quero fazer parte do
(61) 99884-6348 | De segunda a quinta até as 22h e sexta até as 21h. programa granxperts

Você também pode gostar