Você está na página 1de 14

O BRASILEIRO JUL

2021
E SEU
SMARTPHONE
JUL O BRASILEIRO E AS PRINCIPAIS DESCOBERTAS NESTA EDIÇÃO:
2021 Mobile Time/Opinion Box SEU SMARTPHONE
Para os homens brasileiros, a
capacidade de processamento
SOBRE ESTA PESQUISA é a característica mais importante na escolha
Panorama Mobile Time/Opinion Box – O brasileiro e seu smartphone de um smartphone novo.
é uma pesquisa independente realizada por uma parceria entre
o site de notícias Mobile Time e a empresa de soluções Para as mulheres brasileiras, a
em pesquisas Opinion Box. memória
O questionário foi elaborado por Mobile Time e aplicado on-line é a característica mais importante na
por Opinion Box entre 9 e 16 de junho de 2021 com 2.177 brasileiros escolha de um smartphone novo
que acessam a Internet e possuem smartphone, respeitando as
proporções de gênero, idade, faixa de renda e distribuição geográfica
desse grupo. A margem de erro é de 2,1 pontos percentuais.
77%
O grau de confiança é de 95%. dos smartphones em atividade no Brasil
foram comprados por seus donos.
E 23%, presenteados

O brasileiro está com seu smartphone atual,


em média, há 2 anos e três meses
As análises contidas neste relatório são de autoria de Fernando
Paiva, editor do Mobile Time, jornalista com 20 anos de experiência
.
na cobertura do setor de telecomunicações. Paiva é especializado no 14% dos smartphones em atividade
i
want
mercado de conteúdo móvel e é o organizador de eventos que são no Brasil são de segunda mão
referência nesse setor, como Tela Viva Móvel, Super Bots Experience,
Fórum de Operadoras Inovadoras, MobiFinance e Mobi-ID.

AVISO LEGAL 51%


O compartilhamento em apresentações públicas ou privadas dos brasileiros com smartphone
dos dados e das análises contidos neste relatório deve ser pretendem comprar um aparelho
sempre acompanhado do devido crédito à fonte: Pesquisa novo nos próximos 12 meses
Panorama Mobile Time/Opinion Box - O brasileiro e seu
smartphone - julho de 2021.
JUL O BRASILEIRO E
2021 Mobile Time/Opinion Box SEU SMARTPHONE

Panorama geral
GRÁFICO 1 GRÁFICO 2 GRÁFICO 3
HÁ QUANTO TEMPO O BRASILEIRO TEM O SEU SMARTPHONE ATUAL? PROPORÇÃO POR SISTEMA PROPORÇÃO POR FABRICANTE
Pergunta: Há quanto tempo você tem o seu smartphone ATUAL? OPERACIONAL Pergunta: Qual a marca
Base: 2.177 brasileiros que possuem smartphone Pergunta: Qual o sistema do seu smartphone?
operacional do seu smartphone? Base: 2.177 brasileiros que possuem smartphone

2 anos e 3 meses Base: 2.177 brasileiros que possuem smartphone Nota do editor: A pequena diferença de 1 ponto percentual
entre a base com iPhone e aquela com iOS se deve,
provavelmente, por erro dos entrevistados ao responderem
iOS Não sei
uma das duas perguntas
14% 1%
[ MÉDIA DE IDADE POR SISTEMA OPERACIONAL ] LG
Outros
7% 5%
Xiaomi
10%
Android
85%
2 anos e 2 anos e
2 meses 7 meses

Apple Samsung
13% Motorola 43%
22%
JUL O BRASILEIRO E
2021 Mobile Time/Opinion Box SEU SMARTPHONE

GRÁFICO 4 GRÁFICO 5 GRÁFICO 6


COMPRADO X PRESENTEADO COMPRADO NOVO X PRESENTEADO NOVO X
Pergunta: Você comprou ou ganhou COMPRADO USADO PRESENTEADO USADO
o seu smartphone atual? Pergunta: Você comprou seu Pergunta: Você ganhou seu
Base: 2.177 brasileiros que possuem smartphone smartphone novo ou usado? smartphone novo ou usado?
Base: 1.593 brasileiros que compraram Base: 466 brasileiros que ganharam
seu smartphone atual seu smartphone atual

Presenteado
Usado
23%
10% Usado
Comprado 29%
77% Novo
Novo
71%
90%
JUL O BRASILEIRO E
2021 Mobile Time/Opinion Box SEU SMARTPHONE

Um raio-x na base brasileira de smartphones


A maioria das pesquisas sobre Android está, em média, há Hoje, 85% do parque nacional de
smartphones disponíveis no mercado dois anos e dois meses nas smartphones é composto por aparelhos
focam nas vendas de aparelhos novos, mãos dos brasileiros, no caso de Android, ante 14% de iPhones
indicando quais marcas, sistemas iPhones o tempo é maior: dois anos (Gráfico 2). 1% dos entrevistados não
operacionais e funcionalidades estão e sete meses, o que indica uma souberam responder ou disseram
ganhando ou perdendo participação maior durabilidade e reutilização que seu aparelho teria outro sistema
nas vendas. Algumas acompanham dos aparelhos da Apple. operacional. Como esperado, em razão
os números de abastecimento dos Isso se reflete também na do preço, a posse de aparelho da
varejistas (sell-in) e outras, os dados análise por classe social. Entre Apple é muito maior entre as pessoas
da comercialização para o consumidor consumidores das classes A e B, o das classes A e B (26%) do que entre
final na ponta (sell-out). Falta tempo médio com o aparelho é dois aqueles das classes C, D e E (11%). A
visibilidade, contudo, sobre o parque de anos e três meses e meio, um pouco análise por faixa etária também indica
terminais em atividade. Em mercados maior que a média nacional, o que pode ser uma tendência: quanto mais jovem,
emergentes, como o Brasil, os celulares explicado pela compra de aparelhos mais maior a probabilidade de ter um
usados costumam ser revendidos ou caros e com maior durabilidade. iPhone em vez de um Android. A
passados adiante para um familiar participação do iPhone no grupo
ou amigo, para continuarem sendo Também há diferença de acordo com a de 16 a 29 anos é de 19%. Ela
utilizados. Qual é a média de idade faixa etária do usuário: quanto mais jovem cai para 11% na faixa de 30 a
dos smartphones em funcionamento a pessoa, menos tempo ela está com o 49 anos e diminui para 6% entre
hoje no Brasil? Quais as proporções por aparelho. No grupo de 16 a 29 anos de aqueles com 50 anos ou mais de idade.
marca e sistema operacional? A maioria idade, a pessoa está com o smartphone,
em média, há dois anos e dois meses e A Samsung representa 43% da base
foram comprados novos ou são de de smartphones em atividade no Brasil
segunda mão? Essas são algumas das meio. Na faixa de 30 a 49 anos, sobe para
dois anos e três meses. E no grupo com hoje, uma liderança folgada à frente
perguntas que esta pesquisa procura dos demais fabricantes (Gráfico 3). A
responder. 50 anos ou mais, chega a dois anos e três
meses e meio. Não foi verificada diferença Motorola aparece em segundo lugar,
Hoje o brasileiro está com seu significativa por gênero. com 22%, seguida pela Apple (13%).
smartphone atual, em média, há dois Chama a atenção a quarta posição
anos e três meses (Gráfico 1). Há uma As proporções por sistema operacional e da chinesa Xiaomi (10%), à frente de
diferença significativa por sistema por fabricante confirmam o que é observado outras marcas que estão há muito mais
operacional. Enquanto cada smartphone nas pesquisas que medem as vendas. tempo no Brasil, como a LG (7%). Por
JUL O BRASILEIRO E
2021 Mobile Time/Opinion Box SEU SMARTPHONE

sinal, a participação desta marca sul- no grupo com 50 anos ou mais: 38%
coreana tende a desaparecer ao longo ganharam um smartphone usado. A GRÁFICO 7
dos próximos anos, em razão da sua classe social também é determinante: INTENÇÃO DE COMPRA
recente decisão de parar de produzir nas classes A e B, 17% foram DE SMARTPHONE NOS
smartphones. presenteados com um aparelho de PRÓXIMOS 12 MESES
segunda mão, enquanto nas classes C, Pergunta: Você pretende comprar
77% dos smartphones ativos um smartphone novo nos
no Brasil foram comprados e 23%, D e E a proporção sobe para 31%.
próximos 12 meses?
presenteados. Entre homens, a
Base: 2.177 brasileiros que possuem smartphone
proporção que comprou o aparelho é de Intenção de compra
83%, enquanto entre mulheres é menor Não sei
(72%). Também há diferença por classe Metade dos brasileiros, ou 51% Não, porque não
tenho dinheiro
10%
social: nas classes A e B, 82% declaram para ser exato, pretendem comprar um
smartphone nos próximos 12 meses 14%
ter comprado seu smartphone atual;
ante 76% dos usuários das classes C, (Gráfico 7). 25% não pretendem porque
D e E. Nesse ponto, não há diferença dizem não ter necessidade; 14%
relevante por faixa etária. não planejam porque não têm
dinheiro; e 10% não sabem.

i
Entre os que compraram seu Sim
smartphone, 90% adquiriram o Na análise por classe 51%

want
aparelho novo e 10%, usado. Aqui, social, o percentual
novamente, nota-se uma diferença que tem intenção
por classe social: 94% dos usuários de comprar um
das classes A e B compraram o smartphone novo em
smartphone novo, ante 88% daqueles 12 meses é praticamente
das classes C, D e E. o mesmo: 50% nas classes A e B e Não, porque
não preciso
51% nas classes C, D e E. Contudo,
No grupo que foi presenteado a motivação apresentada pelos que 25%
com um smartphone, 71% ganhou não querem comprar é diferente. Nas
o aparelho novo e 29%, usado. classes A e B, 6% não vão adquirir
Há variação relevante por gênero: porque não têm dinheiro e 36% porque
enquanto 25% das mulheres não precisam, enquanto nas classes C,
receberam o aparelho usado, o D e E esses percentuais são 17% e 22%,
percentual é de 35% entre homens. Por respectivamente.
faixa etária, a grande diferença está
JUL O BRASILEIRO E
2021 Mobile Time/Opinion Box SEU SMARTPHONE

Processador para homens, memória para mulheres


A capacidade de processamento é a GRÁFICO 8 artificial, mas talvez os consumidores não
funcionalidade apontada por 32% dos QUAL A FUNCIONALIDADE MAIS percebam esses avanços com tanta clareza.
respondentes como a mais importante IMPORTANTE NA ESCOLHA DE UM Interessante notar também variações
na escolha de um modelo novo, a SMARTPHONE NOVO? por idade. Entre os mais jovens, de 16 a 29
partir de uma lista apresentada pela Pergunta: O que é mais importante anos, a capacidade de processamento
pesquisa (Gráfico 8). Memória para para você na escolha de um é a característica mais
armazenamento vem logo em seguida, novo smartphone? importante (32%), enquanto
informada por 30%. É interessante Base: 2.177 brasileiros que possuem smartphone para os mais velhos, com 50
notar como a importância conferida a anos ou mais, é a memória
Tamanho
essas duas características é diferente de de tela (35%). No grupo entre 30
Nenhum
acordo com o gênero. Enquanto entre os 4% desses itens e 49 anos, há um empate
Qualidade
homens o processador é o componente da câmera 3% técnico: 34% dizem que é
mais importante, citado por 38% 11% o processador e 32%, a
deles, entre as mulheres é a memória, memória. A importância
apontada por 36% delas. A duração da conferida à qualidade
bateria é a terceira característica mais da câmera diminui
importante para o brasileiro (20%). conforme a idade do
A bateria é um pouco mais valorizada consumidor, enquanto
Capacidade de
pelos homens (23%) que pelas processamento para o tamanho da tela
mulheres (19%). 32% aumenta.
A qualidade da câmera aparece na
quarta posição na lista apresentada
(11%), seguida pelo tamanho da
tela (4%). Os números indicam que a
corrida por megapixels e por tamanho
Duração de
de tela, que já pautou os fabricantes bateria Memória
de smartphones no passado, 20% 30%
aparentemente chegou ao fim. Ainda
é possível melhorar a qualidade das
imagens por software e inteligência
JUL O BRASILEIRO E
2021 Mobile Time/Opinion Box SEU SMARTPHONE

Roubo de celular
O roubo e o furto de celulares são (56%) das vítimas afirmam que fizeram O medo de ser roubado faz com que GRÁFICO 9
um problema grave no Brasil. 35% boletim de ocorrência na delegacia de 83% dos brasileiros evitem usar o celular PROPORÇÃO DE BRASILEIROS
dos brasileiros já tiveram um aparelho polícia da última vez (Gráfico 14). Cerca em determinados locais públicos (Gráfico QUE JÁ TIVERAM UM CELULAR
roubado ou furtado (Gráfico 9). A de metade (52%) bloquearam o chip e o 19). A insegurança é maior entre mulheres ROUBADO OU FURTADO
incidência é um pouco maior entre aparelho após sua perda, enquanto 22% (88%) do que entre homens (77%). E é Pergunta: Alguma vez seu celular
mulheres (37%) do que entre homens tomaram essa providência somente também maior entre os jovens de 16 a já foi roubado ou furtado?
(33%). A idade da vítima também para o chip e 10%, apenas para 29 anos (85%), que no grupo de 30 a 49 Base: 2.177 brasileiros que possuem smartphone
faz diferença. Talvez por se exporem o aparelho. 16% nada fizeram anos (83%) e aquele com 50 anos ou
mais, os jovens são mais assaltados e (Gráfico 15). E pouco menos de mais (77%). Novamente, não há diferença
furtados. No grupo entre 16 e 29 anos, um terço das vítimas (31%) significativa por classe social. A rua é o local
39% já tiveram um celular roubado ou tentaram rastrear o aparelho onde mais gente evita usar o telefone:
furtado (Gráfico 11). O percentual cai depois de 83% dos que têm medo (Gráfico 20).
para 37% no grupo de 30 a 49 anos roubado/furtado No momento,
e despenca para 24% entre aqueles (Gráfico 16). 41% dos brasileiros
com 50 anos ou mais. Não há diferença Sim
Apenas 14% declaram usam
significativa por renda familiar. das vítimas tinham um app de
35%
Mais da metade (63%) foi vítima seguro contra roubo/ rastreamento de
uma vez só (Gráfico 10). E a maioria furto do último celular celular e 13%
(69%) relata que o roubo/furto que perderam (Gráfico 17). afirmam ter seguro
aconteceu há mais de dois anos, ou seja, O percentual é maior entre contra roubo/
antes de 2019 (Gráfico 12). Apenas 5% homens (17%) que entre furto para seu
informam que a ocorrência mais recente mulheres (11%). Na smartphone
aconteceu neste ano de 2021 e 11% análise por faixa etária, atual (Gráficos
dizem que foi no ano passado (2020). nota-se também uma 21 e 22).
No Brasil, o roubo de celular é mais penetração maior desse
comum que o furto. De acordo com 63% seguro no grupo mais
dos entrevistados que foram vítimas, velho, de 50 anos
a ocorrência mais recente foi de roubo ou mais de idade
(Gráfico 13). Pouco mais da metade (17%).
JUL O BRASILEIRO E
2021 Mobile Time/Opinion Box SEU SMARTPHONE

GRÁFICO 10 GRÁFICO 11
QUANTAS VEZES VOCÊ JÁ TEVE O QUEM É MAIS ASSALTADO?
CELULAR ROUBADO E/OU FURTADO? Obs.: Percentuais de pessoas que já tiveram o celular roubado ou furtado,
Pergunta: Quantas vezes você já teve segmentados por gênero, classe social, idade e região do Brasil.
o celular roubado e/ou furtado? Base: 2.177 internautas brasileiros que possuem smartphone
Base: 767 brasileiros que já tiveram um
celular roubado/furtado

3 vezes ou mais
10%
Região Norte
MULHER HOMEM
48%
37% 33%
Região Nordeste

1 vez
42%
63%
Região
Centro-Oeste
38%
Região Sudeste
33%
2 vezes
27%
CLASSE Região Sul
CLASSE C, D e E 25%
AeB
36%
34%

16 A 29 30 A 49 50 ANOS
ANOS ANOS OU MAIS
39% 37% 24%
JUL O BRASILEIRO E
2021 Mobile Time/Opinion Box SEU SMARTPHONE

GRÁFICO 12 GRÁFICO 13 GRÁFICO 14 GRÁFICO 15


QUANDO FOI A ÚLTIMA VEZ? DA ÚLTIMA VEZ FOI DA ÚLTIMA VEZ, VOCÊ FEZ DA ÚLTIMA VEZ, VOCÊ BLOQUEOU
Pergunta: Quando foi a última vez que ROUBO OU FURTO? BOLETIM DE OCORRÊNCIA? O APARELHO E/OU O CHIP?
você teve um celular roubado/furtado? Base: 767 brasileiros que já tiveram um Base: 767 brasileiros que já tiveram Base: 767 brasileiros que já tiveram
celular roubado/furtado um celular roubado/furtado um celular roubado/furtado
Base: 767 brasileiros que já tiveram um
celular roubado/furtado
Só o aparelho Não
80 10% 16%
70
69%

60
Não Sim Sim, o aparelho
Furto Roubo e o chip
50
37% 63% 44% 56% 52%
40

30

20 15%
11%
10
5% Só o chip
22%
0
Neste Ano Em Antes de
ano passado 2019 2019
(2021) (2020)
JUL O BRASILEIRO E
2021 Mobile Time/Opinion Box SEU SMARTPHONE

GRÁFICO 16 GRÁFICO 17 GRÁFICO 18 GRÁFICO 19


DA ÚLTIMA VEZ, VOCÊ TENTOU DA ÚLTIMA VEZ, SEU DA ÚLTIMA VEZ, VOCÊ A SENSAÇÃO DE INSEGURANÇA:
RASTREAR O APARELHO? APARELHO TINHA SEGURO SUBSTITUIU SEU CELULAR PROPORÇÃO DE BRASILEIROS
Base: 767 brasileiros que já tiveram CONTRA ROUBO/FURTO? ROUBADO POR UM DA MESMA QUE EVITA USAR O CELULAR EM
um celular roubado/furtado Base: 767 brasileiros que já tiveram MARCA OU DE OUTRA MARCA? DETERMINADOS LOCAIS POR MEDO
um celular roubado/furtado Base: 767 brasileiros que já tiveram DE ROUBO/FURTO
um celular roubado/furtado Pergunta: Você evita usar o celular
em determinados lugares com
medo de ser roubado?
Base: 2.177 internautas brasileiros
que possuem smartphone

Não Sim
Sim 86% 14%
31% De marca
diferente
59%
Não Sim
17% 83%
Meu aparelho
não tinha essa Não Da mesma
opção 35% marca
34% 41%
JUL O BRASILEIRO E
2021 Mobile Time/Opinion Box SEU SMARTPHONE

GRÁFICO 20 GRÁFICO 21 GRÁFICO 22


A SENSAÇÃO DE INSEGURANÇA POR TIPO DE LOCAL PROPORÇÃO COM SEGURO CONTRA VOCÊ USA ALGUM APP DE
Pergunta: Marque em quais lugares você se sente inseguro de ROUBO/FURTO DE CELULAR RASTREAMENTO DO CELULAR EM
usar o celular por medo de ser roubado Base: 2.177 internautas brasileiros CASO DE PERDA OU ROUBO DELE?
que possuem smartphone Base: 2.177 internautas brasileiros
Base: 1.798 brasileiros com smartphone que declaram evitar usar o aparelho em determinados
locais por medo de roubo/furto que possuem smartphone

100

83%
80

61% Não Sim Não Sim


60 57% 87% 13% 59% 41%
53%

40 37% 34%
31%
20%
20
13% 10%

0
a

es

rro
ss s

úb ças
s

os
bu

ja
pe tro
ru

ai
oa

tre
et

nt
lic

lo

ca
pr
s p ra
ni
na

de ou

ra

de
do

in p

um
Na

au
do

ão ou

rd s,

ro
ro
d

ja ue

st

de
ro
A

aç s

ro

nt
nt

re
er ow

ou parq

nt
nt

De

ro
De

se
De
m h

De

nt
lo s, s

re
Em

De
ba
ag sta

Em
om fe
sc m
to E
en
ev
JUL QUEM SOMOS
O BRASILEIRO E
2021 Mobile Time/Opinion Box SEU SMARTPHONE

Conclusão
A base brasileira de smartphones Possivelmente, a retomada econômica SOBRE MOBILE TIME
é relativamente jovem. O consumidor esperada para o período pós-pandemia
Mobile Time é um site jornalístico
nacional troca de celular com muito no Brasil deve aumentar as vendas de
de notícias diárias sobre a indústria
mais frequência do que troca outros smartphones e, logo, reduzir o tempo em móvel, com foco no segmento
eletroeletrônicos, como computadores que o consumidor nacional fica com o de conteúdo e serviços para
e televisores. A rápida rotatividade mesmo aparelho. smartphones.
pode ser explicada por vários motivos,
www.mobiletime.com.br
desde o sucesso dos fabricantes em
apresentar novidades atraentes para
os consumidores, até problemas como
roubo, furto e quebra do smartphone. O
celular se tornou nos últimos anos uma
ferramenta quase que indispensável
no dia a dia das pessoas, importância
que se evidenciou ainda mais durante SOBRE OPINION BOX
a pandemia. Logo, ninguém consegue Opinion Box desenvolve soluções
ficar muito tempo sem ele. digitais inovadoras para pesquisas
Note-se que os smartphones mais de mercado. Atende a milhares de
caros acabam passando mais tempo clientes em diversos segmentos,
em atividade, seja porque são de desde pequenas e médias
empresas até multinacionais,
maior qualidade e acabam durando
realizando diferentes tipos de
mais, ou demorando mais para se estudos com sua plataforma online
tornarem obsoletos, seja porque seus e seu painel com mais de 150 mil
donos tardam mais tempo a fazer o consumidores em todo o país.
investimento de trocá-los. A diferença Confira outros ebooks, pesquisas,
fica clara na comparação entre os cases, dicas e tutoriais no
sistemas operacionais Android e iOS, blog.opinionbox.com.
uma vez que o primeiro tem opções de www.opinionbox.com
modelos com preços mais de 90% mais
baratos que o segundo.
Conheça outras pesquisas
Panorama Mobile Time/Opinion Box

Pesquisa semestral que Pesquisa semestral que Pesquisa sobre uso de senhas Pesquisa anual sobre o Pesquisa anual que traça um Pesquisa semestral que
monitora quais os monitora quais os aplicativos mais e biometria digital através de hábito de uso de smartphones raio-x do mercado brasileiro de verifica quais os aplicativos mais
aplicativos mais usados pelos brasileiros smartphones por crianças de 0 a 12 anos chatbots a partir de levantamento presentes na homescreen do
usados pelos brasileiros de informações junto aos smartphone brasileiro
desenvolvedores de robôs de
conversação. Inclui guia com os
contatos comerciais das empresas

AS PESQUISAS ESTÃO DISPONÍVEIS PARA DOWNLOAD EM WWW.PANORAMAMOBILETIME.COM.BR

Assine a newsletter que traz a cobertura


diária do mercado móvel em todas as
suas verticais. Gratuitamente.

Esse é o nosso mundo.

www . mobiletime. com. br