Você está na página 1de 2

COLÉGIO ESTADUAL SÃO PATRÍCIO

2º Trimestre / 2021 - Plano de aula: Nº 10


PLANO DE AULA
Aula Remota - Filosofia
3° ANO - Ensino Médio Turmas: 301 a 304
Professor: Adriana Loureiro
Data: 15/08/2021
Nome do aluno (a): Hélen Hahn
Turma: 301

Questões

1. Em contraste com os valores dominantes na Idade Média, destaque


alguns dos valores, atitudes e/ou características da mentalidade da
Idade Moderna.
No plano econômico, ocorreu a passagem do feudalismo para o
capitalismo. Na política havia a centralização do poder nas mãos dos reis,
com esse cenário desenvolvia o absolutismo como doutrina política e o
mercantilismo como práticas econômicas.
As mudanças também chegavam ao âmbito religioso, no qual a Reforma
protestante ultrapassa as fronteiras de uma mera reforma ou ajuste,
provocando a quebra da unidade religiosa europeia.
Incorporando uma nova mentalidade em ascensão – marcada pelo
humanismo.
Também se desenvolvia a ciência, impulsionada pela confiança nas
possibilidades da razão, que questionava os dogmas do cristianismo.
Por sua vez, a imprensa (maquina impressora) – dava suporte, pois
possibilitava o acesso ao maior número de leitores aos clássicos gregos
e romanos.
A visão teocêntrica (que tem Deus como centro) passou a ser substituída
por uma tendência antropocêntrica (que tem o ser humano como centro).
É nesse contexto que ocorre o desenvolvimento do racionalismo e de
uma filosofia laica, de modo geral voltadas à capacidade da razão de
intervir no mundo, organizar a sociedade e aperfeiçoar a vida humana.

2. No Renascimento foram valorizados o ser humano e a natureza. Como


se expressou essa revalorização no campo do pensamento?
Além do desenvolvimento do pensamento científico, com implicações
evidentes no campo filosófico, os pensadores do período do
Renascimento abordaram questões envolvendo outros temas tão
importantes como a natureza humana, a moral e a política. Neste último
âmbito destacou-se especialmente o italiano Nicolau Maquiavel (1469 –
1527), que iniciou uma nova fase do pensamento sobre o poder ao
abandonar o enfoque ético-religioso e propor uma abordagem mais
realista da política.

3. Caracterize a novidade trazida pelo modelo cosmológico de Nicolau


Copérnico.
A teoria heliocêntrica foi proposta pelo sacerdote e astrônomo polonês
Nicolau Copérnico (1473 – 1543).
Durante a primeira metade do século XVI, ele escreveu o livro Da
revolução das esferas celestes, no qual demostrava matematicamente
que era a Terra que girava em torno do Sol e não ao contrário (o Sol e os
demais planetas girando ao redor da Terra).
A formulação de Copérnico de que é o Sol, e não nosso planeta, o centro
do universo, atingia a concepção medieval cristã de que o ser humano é o
ser supremo da criação e que por isso seu habitat – a Terra – deveria ter
o privilégio de ser o centro em relação aos outros astros. Compreende-se
assim o mal-estar causado pela tese copernicana.

Você também pode gostar