Você está na página 1de 73

90-841915H90 1209

Obrigado
por ter adquirido um dos melhores motores de popa disponíveis no mercado. Você fez um excelente
investimento no lazer marítimo. Seu motor de popa foi fabricado pela Mercury Marine, líder mundial
em tecnologia marinha e fabricação de motores de popa desde 1939. Esses anos de experiência têm
sido comprometidos com o objetivo de produzir produtos da mais alta qualidade. Foi assim que surgiu
a reputação que a Mercury Marine tem de controle de qualidade exigente, excelência, durabilidade,
desempenho contínuo e do melhor suporte após a venda do produto.
Por favor, leia este manual cuidadosamente antes de operar o seu motor de popa. Este manual foi
preparado para assisti-lo na operação, utilização e manutenção seguras do seu motor de popa.
Todos nós na Mercury Marine nos orgulhamos de termos participado na construção do seu motor de
popa e lhe desejamos muitos anos de felicidade e segurança na sua utilização.
Uma vez mais, muito obrigado pela sua confiança na Mercury Marine.

Regulamentos sobre Emissões da Agência de Proteção


Ambiental dos Estados Unidos (EPA)
Os motores de popa vendidos pela Mercury Marine nos Estados Unidos são certificados pelo
Departamento de Proteção Ambiental dos Estados Unidos, conforme os requisitos dos regulamentos
de controle da poluição do ar proveniente de motores de popa novos. Esta certificação depende de

225/250 Pro XS OptiMax


que a configuração de certos ajustes seja feita de acordo com os padrões de fábrica. Por esta razão,
o procedimento de fábrica para manutenção do produto deve ser estritamente seguido e sempre que
possível, restituído às características originais do projeto. A manutenção, substituição, ou conserto
dos dispositivos e sistemas de controle de emissão podem ser executados por qualquer
estabelecimento ou indivíduo especializado em reparos de motores marítimos.
Os motores estão rotulados com um adesivo de Informações de Controle de Emissão como uma
prova permanente da certificação feita pela EPA.

! ADVERTÊNCIA
A fumaça do escapamento deste produto, segundo o Estado da Califórnia, contém elementos
químicos que podem causar câncer, doenças congênitas e outros riscos para a reprodução.

Mensagem de garantia
O produto que você adquiriu possui uma garantia limitada da Mercury Marine. Os termos da garantia
estão descritos na Seção Informações sobre a garantia deste manual. A cláusula de garantia contém
uma descrição do que é coberto ou não é coberto, da duração da cobertura e da melhor forma de
obter a cobertura da garantia, exclusões de responsabilidade e limitações de danos importantes, e
outras informações relacionadas a este tópico. Reveja estas informações importantes.
A descrição e especificações aqui contidas já vigoravam no momento em que este manual foi
aprovado e impresso. A Mercury Marine, cuja política visa a melhoria contínua dos seus produtos, se
reserva o direito de interromper a fabricação de modelos a qualquer tempo, de alterar especificações,
projetos, métodos ou procedimentos sem incorrer na obrigação de avisos prévios.
Mercury Marine, Fond du Lac, Wisconsin - EUA
Impresso nos EUA.
© 2012 Mercury Marine

© 2010, Mercury Marine


Mercury, Mercury Marine, MerCruiser, Mercury MerCruiser, Mercury Racing, Mercury Precision Parts,
Mercury Propellers, Mariner, Quicksilver, #1 On The Water, Alpha, Bravo, Pro Max, OptiMax, Sport-
Jet, K-Planes, MerCathode, RideGuide, SmartCraft, Zero Effort, os logotipos M com ondas, Mercury
com ondas e SmartCraft são marcas registradas da Brunswick Corporation. O logotipo da Mercury
Product Protection está registrado como uma marca de serviço da Brunswick Corporation.

por i
Mercury Premier Service
A Mercury avalia o desempenho dos serviços dos seus concessionários e atribui a classificação mais alta da
"Mercury Premier" àqueles que demonstram um compromisso excepcional com a qualidade dos seus
serviços.
Para receber a classificação Mercury Premier, um concessionário tem que:
• Receber uma pontuação de serviços CSI (Índice de Satisfação do Cliente) de 12 meses acima da
média nacional para serviços de garantia.
• Possuir todas as ferramentas de serviço necessárias, equipamentos de teste, manuais e catálogos de
peças.
• Ter pelo menos um funcionário certificado ou técnico de nível mestre.
• Prestar serviços dentro dos prazos para todos os clientes Mercury Marine.
• Oferecer horários estendidos e atendimento móvel, quando necessário.
• Usar, exibir e manter um inventário genuíno adequado de peças de precisão Mercury.
• Possuir instalações limpas e apresentáveis com ferramentas bem organizadas e literatura técnica de
referência.

Declaração de Conformidade para motores Optimax – para motores


de propulsão de barcos recreativos com os requisitos da Diretriz
94/25/EC conforme emenda 2003/44/EC
Nome do fabricante do motor: Mercury Marine
Endereço: W6250 Pioneer Road P.O. Box 1939
Cidade: Fond du Lac, WI Código postal: 54936-1939 País: EUA

Nome do representante autorizado: Brunswick Marine in EMEA Inc.


Endereço: Parc Industriel de Petit-Rechain
Cidade: Verviers Código postal: 4800 País: Bélgica

Nome da instituição notificada sobre a avaliação de emissões de escapamento: Det Norske Veritas AS
Endereço: Veritasveien 1
Cidade: Hovik Código postal: 1322 País: Noruega Número de ID: 0575

Nome da instituição notificada sobre a avaliação de emissões de ruído: Det Norske Veritas AS
Endereço: Veritasveien 1
Cidade: Hovik Código postal: 1322 País: Noruega Número de ID: 0575

Módulo usado para avaliação de con‐


formidade de emissões do escapa‐ ☐ B+C ☐ B+D ☐ B+E ☐ B+F ☐G ☒H
mento:
Módulo usado para avaliação de con‐ ☐ Um pon‐
☐ Aa ☐G ☒H
formidade de emissões de ruído: to de tinta
Outras diretrizes da Comunidade aplicadas: Diretriz 98/37/EC referente à segurança do equipamento; Di‐
retriz 2004/108/EC referente à compatibilidade eletromagnética

ii por
Descrição dos requisitos essenciais e dos motores

Tipo de motor Tipo de combustível Ciclo de combustão


☒ Motor de popa ☒ Gasolina ☒ 2 tempos

Identificação dos motores cobertos pela declaração de conformidade

Número de identificação
Número de certificado H do
Nome da família do motor: exclusivo do motor: Número de
módulo EC
série inicial
1.5L OptiMax 75, 80, 90, 115, 125 hp 1B227000 RCD-H-2
2.5L OptiMax 135, 150, 175 hp 1B227000 RCD-H-2
3.0L OptiMax 200, 225 hp 1B227000 RCD-H-2

Outro do‐
cumento/ Arquivo Especifique com mais detalhes
Requisitos essenciais Padrões
método técnico (* = padrão obrigatório)
normativo
Anexo 1.B—Emissões do escapamento
B.1 Identificação do motor ☐ ☐ ☒
B.2 Requisitos de emissões de esca‐
☒* ☐ ☐ * EN ISO 8178-1:1996
pamento
B.3 Durabilidade ☐ ☐ ☒
B.4 Manual do proprietário ☒ ☐ ☐ ISO 8665: 1995
Anexo 1.C—Emissões de ruído
Níveis de emissão de ruídos (C.1) ☒* ☐ ☐ EN ISO 14509
C.2 Manual do proprietário ☐ ☒ ☐ Manual do proprietário

Esta declaração de conformidade foi emitida sob a responsabilidade exclusiva do fabricante. Declaro em
nome do fabricante do motor que os motores mencionados anteriormente estão em conformidade com
todos os requisitos essenciais aplicáveis da maneira especificada.

Nome / cargo:
Mark D. Schwabero, Presidente, Mercury Outboard

Data e local de emissão: 24.07.08.


Fond du Lac, Wisconsin, EUA

por iii
iv por
INFORMAÇÕES SOBRE A GARANTIA

Registro da garantia............................................................................................................................................ 1
Transferência da Garantia.................................................................................................................................. 1
Transferência do plano de proteção de produto Mercury (Cobertura estendida de serviços) nos EUA e
Canadá............................................................................................................................................................... 2
Garantia Limitada do Motor de Popa.................................................................................................................. 2
Garantia Limitada de 3 anos Contra Corrosão................................................................................................... 4
Cobertura de Garantia e Exclusões.................................................................................................................... 5

Informações gerais

Responsabilidades do dono do barco................................................................................................................. 7


Antes de Operar o Motor de Popa...................................................................................................................... 7
Capacidade de Potência do Barco..................................................................................................................... 7
Aplicação pretendida do barco........................................................................................................................... 7
Escolha da Hélice............................................................................................................................................... 8
Motores de Popa com Controle Remoto ............................................................................................................ 9
Aviso sobre a Direção Remota......................................................................................................................... 10
Interruptor de desligamento por corda.............................................................................................................. 10
Proteção de pessoas na água.......................................................................................................................... 11
Emissões do escape......................................................................................................................................... 12
Mensagem de Segurança para os Passageiros ‑ Barcaças com Hélice e Barcos com Tombadilho............... 13
Saltar Ondas e Esteiras.................................................................................................................................... 15
Colisão com perigos submersos....................................................................................................................... 15
Seleção de acessórios para o seu motor de popa............................................................................................ 16
Sugestões para navegar com segurança......................................................................................................... 16
Registro do Número de Série........................................................................................................................... 17
Especificações.................................................................................................................................................. 18
Identificação dos componentes........................................................................................................................ 19

Transporte

Reboque do barco/motor de popa ................................................................................................................... 20

Combustível e óleo

Evitando as restrições de fluxo do combustível................................................................................................ 21


Requisitos do combustível................................................................................................................................ 21
Exigências da mangueira de combustível de baixa permeabilidade................................................................ 22
Óleo Recomendado.......................................................................................................................................... 22
Enchimento do Tanque de Óleo Remoto.......................................................................................................... 22
Como Encher o Tanque do Reservatório de Óleo Montado do Motor.............................................................. 23
Como Encher o Tanque de Combustível.......................................................................................................... 23

por v
Funções e controles

Recursos do Controle Remoto.......................................................................................................................... 24


Recursos do Controle Zero Effort..................................................................................................................... 25
Sistema de advertência.................................................................................................................................... 25
Limite de Rotações em Excesso de Velocidade............................................................................................... 27
Compensador e sistema de inclinação hidráulicos........................................................................................... 28

Operação

Amaciamento do motor..................................................................................................................................... 31
Mistura de Combustível para o Período de Amaciamento do Motor................................................................ 31
Lista de verificação antes da partida................................................................................................................ 31
Operação em Temperaturas de Congelamento............................................................................................... 32
Operação em Água salgada ou Poluída........................................................................................................... 32
Operação em Regiões Elevadas...................................................................................................................... 32
Efeitos da elevação e clima sobre o desempenho........................................................................................... 32
Como Ajustar o Ângulo de Inclinação com o Motor em Velocidade de Marcha Lenta..................................... 33
Operação em Águas Rasas.............................................................................................................................. 33
Como dar partida no motor............................................................................................................................... 33
Mudança de Marcha......................................................................................................................................... 36
Desligamento do motor..................................................................................................................................... 37

Manutenção

Cuidados com o conjunto de potência.............................................................................................................. 38


Conjunto de potência submerso....................................................................................................................... 38
Peças de reposição para o conjunto de potência............................................................................................. 38
Regulamentos sobre Emissões da Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (EPA).................... 38
Cronograma de inspeção e manutenção.......................................................................................................... 39
Como lavar o sistema de arrefecimento (cabeçote de potência)...................................................................... 42
Como lavar o sistema de arrefecimento (Unidade inferior).............................................................................. 42
Remoção e instalação da tampa superior........................................................................................................ 43
Cuidados para Limpeza da Tampa Superior.................................................................................................... 43
Sistema de combustível.................................................................................................................................... 44
Peças de Fixação da Haste de Ligação da Direção......................................................................................... 46
Fusíveis ............................................................................................................................................................ 47
Ânodo de proteção contra de corrosão............................................................................................................. 48
Inspeção e substituição da vela de ignição...................................................................................................... 49
Inspeção da Bateria ......................................................................................................................................... 50
Fusível do sistema de carga............................................................................................................................. 51
Substituição da Hélice...................................................................................................................................... 51
Pontos de lubrificação....................................................................................................................................... 53
Verificação do Fluido de Compensação Hidráulica.......................................................................................... 54
Lubrificação da caixa de engrenagens............................................................................................................. 55

vi por
Armazenamento

Preparação para armazenamento.................................................................................................................... 58


Como proteger os componentes internos do motor.......................................................................................... 59
Como Proteger os Componentes Externos do Motor de Popa......................................................................... 59
Caixa de câmbio............................................................................................................................................... 60
Posicionamento do motor de popa para o armazenamento............................................................................. 60
Armazenamento da bateria............................................................................................................................... 60

Solução de problemas

O Motor de Arranque não Liga o Motor............................................................................................................ 61


O motor não liga............................................................................................................................................... 61
O Motor Funciona Irregularmente..................................................................................................................... 61
Perda de Rendimento....................................................................................................................................... 62
A buzina de advertência é ativada (com a perda de potência)......................................................................... 62
A buzina de advertência é ativada (sem a perda de potência)......................................................................... 62
Bateria não mantém a carga............................................................................................................................. 62

Serviço de assistência ao proprietário

Serviço de reparo local..................................................................................................................................... 63


Serviço Longe de Casa..................................................................................................................................... 63
Questões sobre peças e acessórios................................................................................................................. 63
Assistência técnica........................................................................................................................................... 63
Escritórios de Assistência Técnica Mercury Marine......................................................................................... 63
Solicitação de Manuais Técnicos...................................................................................................................... 64

por vii
viii por
INFORMAÇÕES SOBRE A GARANTIA
Registro da garantia
ESTADOS UNIDOS E CANADÁ
Para que possa estar coberto pela garantia, o produto deve estar registrado com a Mercury Marine.
No momento da venda, o concessionário deve completar o registro de garantia e submetê-lo imediatamente
a Mercury Marine através do MercNET, e-mail, ou por carta. A Mercury Marine gravará o registro da garantia
quando o receber.
Seu concessionário deve lhe fornecer uma cópia do registro da garantia.
NOTA: As listas de registro devem ser mantidas pela Mercury Marine e qualquer concessionário para
produtos marítimos vendidos nos Estados Unidos, no caso de uma rechamada nos termos do Federal Safety
Act (Ato Federal de Segurança).
Você pode mudar o seu endereço a qualquer momento, inclusive na ocasião do pedido de pagamento de
garantia, telefonando para a Mercury Marine ou enviando uma carta ou fax com o seu nome, endereço antigo
e novo, como também o número de série do motor para o departamento de registro de garantia da Mercury
Marine. Seu concessionário também pode processar a alteração dessas informações.
Mercury Marine
Attn: Warranty Registration Department
W6250 W. Pioneer Road
P.O. Box 1939
Fond du Lac, WI 54936-1939
920-929-5054
Fax +1 920 929 5893

FORA DOS ESTADOS UNIDOS E CANADÁ


Para produtos comprados fora dos Estados Unidos e Canadá, entre em contato com o distribuidor no seu
país ou o Centro de Manutenção da Marine Power mais próximo.

Transferência da Garantia
ESTADOS UNIDOS E CANADÁ
A garantia limitada pode ser transferida ao comprador subsequente, mas apenas pelo tempo restante não
utilizado da garantia limitada. Isso não se aplica aos produtos usados para aplicações comerciais.
Para transferir a garantia ao proprietário subsequente, envie ou mande por fax uma cópia da nota fiscal ou
do contrato de compra, nome do novo proprietário, endereço e o número de série do motor para o
departamento de registro de garantia da Mercury Marine. Nos Estados Unidos e Canadá, envie os
documentos indicados acima para:
Mercury Marine
Attn: Warranty Registration Department
W6250 W. Pioneer Road
P.O. Box 1939
Fond du Lac, WI 54936-1939
920-929-5054
Fax +1 920 929 5893
Durante o processamento da transferência da garantia a Mercury Marine registrará as informações do novo
usuário.
Não serão cobradas quaisquer despesas por esses serviços.

FORA DOS ESTADOS UNIDOS E CANADÁ


Para produtos comprados fora dos Estados Unidos e Canadá, entre em contato com o distribuidor no seu
país ou o Centro de Manutenção da Marine Power mais próximo.

por 1
INFORMAÇÕES SOBRE A GARANTIA
Transferência do plano de proteção de produto Mercury (Cobertura
estendida de serviços) nos EUA e Canadá
O restante do período de cobertura do Plano de Proteção do Produto pode ser transferido ao comprador
subsequente do motor dentro de trinta (30) dias da data da venda. Os contratos que não forem transferidos
dentro de trinta (30) dias da compra subsequente não serão mais válidos e o produto não terá direito de
cobertura sob os termos do contrato.
Para transferir ao proprietário subsequente, entre em contato com a Mercury Product Protection ou com um
concessionário autorizado para receber um formulário de Solicitação de Transferência. Envie um recibo/nota
de venda, um formulário de Solicitação de Transferência e um cheque de $50.00 (por motor) para pagar as
despesas de transferência à Mercury Product Protection.
A cobertura do plano não pode ser transferida de um produto para outro nem para aplicativos que não sejam
elegíveis.
Os planos de motores usados certificados não são transferíveis.
Para obter ajuda ou assistência, entre em contato com o Departamento de Proteção ao Produto da Mercury
através do telefone 1-888-427-5373 das 7:30 às 16:30 (Horário da Região Central dos Estados Unidos), de
segunda a sexta-feira ou através do email mpp_support@mercmarine.com.

Garantia Limitada do Motor de Popa


ESTADOS UNIDOS, CANADÁ, EUROPA, ORIENTE MÉDIO, ÁFRICA E
CONFEDERAÇÃO DOS ESTADOS INDEPENDENTES
O QUE É COBERTO: A Mercury Marine garante que os produtos novos estão isentos de defeitos de material
e de mão-de-obra durante o período descrito abaixo.
DURAÇÃO DA COBERTURA: Esta Garantia Limitada oferece cobertura por três anos (3) a partir da data da
venda inicial do produto de uso recreativo para um comprador de varejo, ou da data em que o produto foi
colocado em serviço pela primeira vez, o que ocorrer primeiro. Os usuários comerciais deste produto
recebem uma cobertura de garantia de um (1) ano a partir da data da primeira venda a varejo, ou um (1) ano
a partir da data em que o produto foi colocado em serviço pela primeira vez, o que ocorrer primeiro. Define-
se "uso comercial" como todo uso do produto relacionado com o trabalho ou emprego, assim como, qualquer
uso do produto que gere renda, por qualquer parcela do prazo de garantia, ainda que o produto seja utilizado
apenas ocasionalmente para tais finalidades. O reparo ou substituição de peças ou a realização de
manutenção sob os termos desta garantia, não estendem a duração da garantia para além da data de
vencimento original. A cobertura da garantia não vencida pode ser transferida de um cliente de uso
recreativo para um cliente subsequente de uso recreativo mediante a devida revalidação do registro do
produto. A cobertura da garantia não vencida não pode ser transferida para um cliente de uso comercial. A
cobertura da garantia pode ser encerrada para produtos usados ou com nova posse; ou produtos adquiridos
em leilão, feirão ou de uma companhia de seguros.
CONDIÇÕES QUE DEVEM SER SATISFEITAS PARA SE OBTER A COBERTURA DA GARANTIA: A
cobertura da garantia está disponível somente para os clientes de varejo que comprarem de um
concessionário autorizado pela Mercury Marine a distribuir o produto no país em que a venda ocorreu, e
somente após o processo de inspeção de pré-entrega ter sido completado e documentado. A cobertura da
garantia torna-se disponível depois do produto ser devidamente registrado por um concessionário autorizado.
A Mercury Marine, a seu critério exclusivo, pode cancelar a garantia se as informações de registro da
garantia sobre a utilização recreativa forem incorretas ou se ocorrer mudança subsequente de uso recreativo
para comercial (a menos que o registro seja devidamente atualizado). Para que a cobertura da garantia seja
mantida, as manutenções de rotina descritas no Manual de Operação e Manutenção devem ser executadas
regularmente de acordo com o programa de manutenção. A Mercury Marine reserva-se o direito de
suspender a cobertura da garantia até obter prova de que a manutenção foi realizada nos termos do
programa de manutenção.
O QUE A MERCURY FARÁ: A obrigação única e exclusiva da Mercury nos termos desta garantia limita-se,
conforme nosso critério, ao reparo da peça defeituosa, à substituição de tal peça ou peças, por peças novas
ou refabricadas e certificadas pela Mercury Marine, ou ao ressarcimento do valor de compra do produto
Mercury. A Mercury se reserva o direito de aperfeiçoar ou de modificar os produtos eventualmente, sem
assumir a obrigação de modificar os produtos fabricados anteriormente.

2 por
INFORMAÇÕES SOBRE A GARANTIA
COMO OBTER A COBERTURA DA GARANTIA: Para o serviço em garantia, o cliente deve dar à Mercury
um prazo razoável para o conserto e permitir acesso adequado ao produto. Nos pedidos de reparo durante o
período de garantia, o produto deve ser entregue para inspeção a um concessionário autorizado pela
Mercury Marine para consertar o produto. Se não puder entregar o produto ao concessionário, o comprador
deve apresentar um aviso por escrito à Mercury Marine. Nós providenciaremos a inspeção e todos os
consertos cobertos pela garantia. Nesse caso, o comprador arcará com todas as despesas relacionadas ao
transporte e/ou tempo de viagem. Se a assistência técnica prestada não for coberta por esta garantia, o
comprador arcará com todas as despesas relacionadas ao material e à mão-de-obra e a quaisquer outras
despesas associadas a esse serviço. A não ser que solicitado pela Mercury Marine, o comprador não lhe
deve enviar diretamente o produto ou suas peças. Por ocasião da solicitação dos serviços da garantia, para
obter a cobertura, o comprador deve apresentar um comprovante de registro de propriedade ao
concessionário.
O QUE NÃO É COBERTO: Esta garantia limitada não cobre itens de manutenção periódica, sincronizações,
ajustes, uso e desgaste normais, danos causados pelo abuso, uso anormal, uso de uma hélice ou de relação
de engrenagens que não permita o funcionamento do motor no regime de rpm recomendado de aceleração
máxima (veja o Manual de Operação e Manutenção), a operação do produto de uma maneira inconsistente
com a seção de ciclo de trabalho/operação recomendada no Manual de Operação e Manutenção,
negligência, acidente, imersão, instalação inadequada (as especificações e técnicas adequadas para fazer a
instalação são determinadas nas instruções de instalação do produto), manutenção inadequada, uso de um
acessório ou peça que não tenha sido fabricado ou vendido por nós, rotores e camisas da bomba a jato,
operação com combustíveis, óleos ou lubrificantes que não são adequados para utilização com o produto
(veja o Manual de Operação e Manutenção), a alteração ou remoção de peças, ou água que entre no motor
pela entrada de combustível, entrada de ar ou pelo sistema de escapamento, ou danos ao produto devido à
insuficiência de água para o refrigeração causada pelo entupimento do sistema de refrigeração por uma
matéria estranha, operação do motor fora de água, montagem do motor muito alta no gio ou à operação do
barco com o motor demasiadamente compensado para fora. A utilização deste produto para corridas ou
outras atividades competitivas, ou a operação com uma unidade inferior do tipo de corrida, em qualquer
momento, mesmo que por um proprietário anterior do produto, anulará a garantia.
As despesas relativas à retirada da água, lançamento na água, reboque, armazenamento, telefonemas,
aluguel, inconveniência, taxas de embarcadouro, cobertura de seguro, pagamentos de empréstimos, perda
de tempo, lucros cessantes ou qualquer outro tipo de danos fortuitos ou indiretos não são cobertos por esta
garantia. Além disso, despesas associadas à remoção e/ou substituição de seções ou material do barco
devido a projetos náuticos para permitir o acesso ao produto não são cobertas por esta garantia.
Nenhuma pessoa, física ou jurídica, incluindo os concessionários autorizados Mercury Marine, tem
autoridade para fazer qualquer declaração, representação ou garantia relacionada ao produto, além
daquelas contidas nesta garantia limitada; caso sejam feitas, não poderão ser executadas contra a Mercury
Marine.
Para obter informações adicionais relacionadas a eventos e circunstâncias cobertos ou não cobertos por esta
garantia, consulte a seção Cobertura da Garantia do Manual de Operação e Manutenção, incorporado para
referência nesta garantia.

EXONERAÇÕES E LIMITAÇÕES DE RESPONSABILIDADE:


AS GARANTIAS IMPLÍCITAS DE COMERCIALIZAÇÃO E APTIDÃO PARA UMA FINALIDADE
PARTICULAR SÃO EXPRESSAMENTE REJEITADAS. SE NÃO PUDEREM SER REJEITADAS, AS
GARANTIAS IMPLÍCITAS ESTÃO LIMITADAS EM DURAÇÃO PELA DURAÇÃO DA GARANTIA
EXPRESSA. DANOS INCIDENTAIS E CONSEQUENCIAIS NÃO SÃO COBERTOS POR ESTA
GARANTIA. ALGUNS ESTADOS/PAÍSES NÃO PERMITEM AS EXONERAÇÕES, LIMITAÇÕES E
EXCLUSÕES IDENTIFICADAS ACIMA, PORTANTO ESTAS PODEM NÃO SE APLICAR AO SEU CASO.
ESTA GARANTIA LHE CONCEDE DIREITOS LEGAIS ESPECÍFICOS E VOCÊ PODE TER OUTROS
DIREITOS QUE VARIAM DE ESTADO PARA ESTADO E DE PAÍS PARA PAÍS.

por 3
INFORMAÇÕES SOBRE A GARANTIA
Garantia Limitada de 3 anos Contra Corrosão
O QUE É COBERTO: A Mercury Marine garante que todos os motores novos Mercury, Mariner, Mercury
Racing, Sport Jet, M2 Jet Drive, Tracker by Mercury Marine Outboard, MerCruiser Inboard ou Sterndrive
(doravante denominados apenas como Produto) não apresentarão avarias causadas por corrosão dentro do
período de tempo abaixo descrito.
DURAÇÃO DA COBERTURA: A presente garantia limitada contra corrosão oferece uma cobertura por três
anos (3) a partir da data da venda inicial do produto, ou da data em que o produto foi colocado em serviço
pela primeira vez, o que ocorrer primeiro. O reparo ou substituição de peças ou a realização de manutenção
sob os termos desta garantia não estendem a duração da garantia para além da data de vencimento original.
A cobertura da garantia não vencida pode ser transferida ao comprador subsequente (para uso não
comercial) desde que o produto seja devidamente registrado outra vez.
CONDIÇÕES QUE DEVEM SER SATISFEITAS PARA SE OBTER A COBERTURA DA GARANTIA: A
cobertura da garantia está disponível somente para os clientes de varejo que comprarem de um Revendedor
autorizado pela Mercury Marine a distribuir o produto no país em que a venda ocorreu, e somente após o
processo de inspeção de pré-entrega ter sido completado e documentado. A cobertura da garantia torna-se
disponível depois de o produto ser devidamente registrado por um revendedor autorizado. Os dispositivos de
prevenção contra corrosão especificados no Manual de Operação e Manutenção devem ser utilizados no
barco. As manutenções indicadas no Manual de Operação e Manutenção devem ser realizadas regularmente
(incluindo, entre outros, a substituição dos ânodos de sacrifício, o uso dos lubrificantes especificados e o
retoque de mossas e arranhões) a fim de manter a cobertura da garantia. A Mercury Marine se reserva o
direito de condicionar a cobertura de garantia à devida comprovação de manutenção.
O QUE A MERCURY FARÁ: A obrigação única e exclusiva da Mercury nos termos desta garantia limita-se,
conforme nosso critério, ao reparo da peça corroída, à substituição de tal peça ou peças por peças novas ou
refabricadas e certificadas pela Mercury Marine, ou ao ressarcimento do valor de compra do produto
Mercury. A Mercury se reserva o direito de aperfeiçoar ou de modificar os produtos, sem assumir a obrigação
de modificar os produtos fabricados anteriormente.
COMO OBTER A COBERTURA DA GARANTIA: Para o serviço na garantia, o cliente deve dar à Mercury um
prazo razoável para o conserto e permitir acesso adequado ao produto. As reivindicações de garantia devem
ser feitas entregando-se o produto para inspeção a um revendedor autorizado Mercury para prestar
assistência técnica ao produto. Se não puder entregar o produto ao revendedor, o comprador deverá enviar
um comunicado por escrito à Mercury Marine. Nós providenciaremos a inspeção e todos os consertos
cobertos pela garantia. Nesse caso, o comprador arcará com todas as despesas relacionadas ao transporte
e/ou tempo de viagem. Se a assistência técnica prestada não for coberta por esta garantia, o comprador
arcará com todas as despesas relacionadas ao material e à mão-de-obra e a quaisquer outras despesas
associadas a esse serviço. A não ser que solicitado pela Mercury Marine, o comprador não deve enviar o
produto ou suas peças diretamente à Mercury Marine. Por ocasião da solicitação dos serviços da garantia,
para obter a cobertura, o comprador deve apresentar um comprovante de registro de propriedade ao
revendedor.
O QUE NÃO É COBERTO: Esta garantia limitada não cobre a corrosão do sistema elétrico; a corrosão
resultante de danos, a corrosão que cause danos cosméticos apenas, abuso ou manutenção incorreta; a
corrosão de acessórios, instrumentos, sistema de direção; a corrosão de unidades de tração a jato instaladas
na fábrica; danos causados pelo crescimento de organismos marinhos; produto vendido com menos de um
ano de garantia limitada do Produto; peças de reposição (peças compradas pelo cliente); produtos usados
em atividades comerciais. Define-se "uso comercial" como todo uso do produto relacionado com o trabalho
ou emprego, assim como qualquer uso do produto que gere renda, por qualquer parcela do prazo de
garantia, ainda que o produto seja utilizado apenas ocasionalmente para tais finalidades.

4 por
INFORMAÇÕES SOBRE A GARANTIA
Os danos de corrosão causados por correntes elétricas de dispersão (conexões de alimentação em terra,
barcos próximos, metal submerso) não são cobertos pela garantia de corrosão e devem ser evitados por
meio da utilização de um sistema de proteção contra corrosão, tal como o Mercury Precision Parts ou
Sistema Quicksilver MerCathode e/ou Isolador Galvânico. Os danos de corrosão causados pela aplicação
inadequada de tintas anti-incrustantes à base de cobre também não são cobertos por esta garantia limitada.
Se for necessária a aplicação de uma tinta anti-incrustante, recomenda-se a utilização de tintas à base de
TBTA (Adipato de Tributila de Estanho) nas aplicações em barcos com motores de popa Outboard e
MerCruiser. Nas áreas onde as tintas à base de TBTA forem proibidas por lei, podem ser utilizadas tintas à
base de cobre no casco e no gio. Não aplique tinta no motor de popa nem em produtos MerCruiser. Além
disso, deve-se ter cuidado para evitar interconexões elétricas entre o produto coberto pela garantia e a tinta.
Para produtos MerCruiser, deixe uma folga sem pintar de pelo menos 38 mm (1,5 in) à volta do conjunto do
gio. Consulte o Manual de Operação e Manutenção para obter detalhes adicionais.
Para obter informações adicionais relacionadas a eventos e circunstâncias cobertos ou não cobertos por esta
garantia, consulte a seção Cobertura da Garantia do Manual de Operação e Manutenção, incorporado para
referência nesta garantia.

EXONERAÇÕES E LIMITAÇÕES DE RESPONSABILIDADE:


AS GARANTIAS IMPLÍCITAS DE COMERCIALIZAÇÃO E APTIDÃO PARA UMA FINALIDADE
PARTICULAR SÃO EXPRESSAMENTE REJEITADAS. SE NÃO PUDEREM SER REJEITADAS, AS
GARANTIAS IMPLÍCITAS ESTÃO LIMITADAS EM DURAÇÃO PELA DURAÇÃO DA GARANTIA
EXPRESSA. DANOS INCIDENTAIS E CONSEQUENCIAIS NÃO SÃO COBERTOS POR ESTA
GARANTIA. ALGUNS ESTADOS/PAÍSES NÃO PERMITEM AS EXONERAÇÕES, LIMITAÇÕES E
EXCLUSÕES IDENTIFICADAS ACIMA, PORTANTO ESTAS PODEM NÃO SE APLICAR AO SEU CASO.
ESTA GARANTIA LHE CONCEDE DIREITOS LEGAIS ESPECÍFICOS E VOCÊ PODE TER OUTROS
DIREITOS QUE VARIAM DE ESTADO PARA ESTADO E DE PAÍS PARA PAÍS.

Cobertura de Garantia e Exclusões


A finalidade desta seção é ajudar a eliminar alguns dos mal-entendidos mais comuns no que se refere à
cobertura da garantia. As informações a seguir explicam alguns dos tipos de serviços que não são cobertos
pela garantia. As disposições definidas a seguir foram incorporadas por referência na Garantia Limitada de
Três Anos Contra Falhas por Corrosão, na Garantia Limitada Internacional do Motor de Popa e na Garantia
Limitada do Motor de Popa dos EUA e do Canadá.
Lembre-se de que a garantia cobre os reparos de avarias causadas por defeitos de material e de mão-de-
obra dentro do período de garantia. Erros de instalação, acidentes, desgaste normal e várias outras causas
que afetam o produto não são cobertos pela garantia.
A garantia se limita a defeitos de material ou de mão-de-obra, mas somente quando a venda ao consumidor
é realizada em um país no qual a distribuição do produto é autorizada por nós.
Em caso de dúvidas sobre a cobertura da garantia, entre em contato com seu revendedor autorizado. Ele
terá prazer em responder quaisquer dúvidas que você tenha.

EXCLUSÕES GERAIS DA GARANTIA


1. Pequenos ajuste e regulagens, incluindo verificação, limpeza ou ajuste das velas de ignição, dos
componentes de ignição, regulagens do carburador, filtros, correias, controles, e verificação da
lubrificação feita em conexão com serviços normais.
2. Unidades de tração a jato instaladas em fábricas - As peças específicas excluídas da garantia são: o
impulsor da tração a jato e a camisa da tração a jato danificados por impacto ou desgaste, e os
rolamentos do eixo propulsor danificados pela água devido à manutenção inadequada.
3. Danos causados por negligência, falta de manutenção, acidente, operação anormal, ou instalação ou
serviços inadequados.
4. Despesas de retirada, de lançamento e de reboque; remoção e/ou substituição de compartimentos ou
materiais do barco devido a sua configuração, a fim de permitir o acesso necessário ao produto; todas
as despesas relacionadas ao transporte e/ou tempo de viagem, etc. O proprietário deve fornecer
acesso adequado ao produto para que os serviços da garantia possam ser efetuados. O cliente deve
entregar o produto a um revendedor autorizado.

por 5
INFORMAÇÕES SOBRE A GARANTIA
5. Serviços de assistência técnica adicionais solicitados pelo cliente, além dos necessários para cumprir
com as obrigações da garantia.
6. Trabalhos realizados por outro que não seja um revendedor autorizado podem ser cobertos somente
sob as seguintes circunstâncias: quando realizados em caráter de emergência (desde que não haja
nenhum revendedor autorizado na área que possa realizar o trabalho necessário ou que não tenha
meios de retirar o barco da água, etc. e desde que a autorização prévia de fábrica tenha sido
concedida para que o trabalho seja realizado nesse local).
7. Todos os danos imprevistos e/ou emergentes (despesas de armazenamento, de telefone, de aluguel
ou de qualquer outro tipo; inconveniência ou perda de tempo ou de rendimentos) são de
responsabilidade do proprietário.
8. Uso de peças que não sejam Mercury Precision ou Quicksilver ao fazer os reparos de garantia.
9. Troca de óleos, lubrificantes ou fluidos como parte da manutenção normal é de responsabilidade do
cliente, a menos que a perda ou contaminação deles tenha sido causada por uma falha do produto
que possa ser coberta pela garantia.
10. Participação ou preparação para corrida ou outra atividade competitiva ou operação com uma rabeta
do tipo de corrida.
11. Ruídos do motor não indicam necessariamente um problema grave no motor. Se o diagnóstico indicar
um problema interno grave do motor que possa resultar em uma falha, a condição responsável pelos
ruídos deve ser corrigida sob a garantia.
12. Danos na rabeta e/ou hélice causados por colisão com objetos submersos são considerados um risco
marítimo.
13. Entrada de água no motor através da entrada de combustível, da admissão de ar ou do sistema de
escape ou submersão.
14. Falha de quaisquer peças causada por falta de água de resfriamento, provocada pela partida do motor
fora da água, obstrução dos orifícios de entrada por materiais estranhos, montagem muito alta ou
compensação excessivamente para fora do motor .
15. Uso de combustíveis e lubrificantes que não sejam adequados para utilização com ou no produto.
Consulte a seção Manutenção .
16. Nossa garantia limitada não se aplica a quaisquer danos nos nossos produtos causados pela
instalação ou uso de peças e acessórios que não são fabricados nem vendidos por nós. Falhas que
não estejam relacionadas com o uso dessas peças ou acessórios são cobertas pela garantia se
estiverem em conformidade com os termos da garantia limitada para aquele produto.

6 por
INFORMAÇÕES GERAIS
Responsabilidades do dono do barco
O operador (piloto) é responsável pela operação correta e segura do barco e pela segurança de seus
ocupantes e do público em geral. É altamente recomendável que todo operador (piloto) leia e compreenda
este manual na íntegra antes de operar o motor de popa.
Certifique-se de que pelo menos mais uma pessoa a bordo esteja instruída sobre os procedimentos básicos
de partida e de operação do motor de popa, bem como sobre o manejo do barco caso o piloto esteja
incapacitado de operá-lo.

Antes de Operar o Motor de Popa


Leia atentamente este manual. Aprenda como operar o seu motor de popa corretamente. Em caso de
dúvidas, entre em contato com o seu concessionário.
Este manual e os adesivos de segurança colocados no motor de popa usam os seguintes alertas de
segurança para chamar a sua atenção para as instruções especiais de segurança, que devem ser seguidas
à risca.

! ADVERTÊNCIA
Indica uma situação perigosa que, se não for evitada, pode resultar em ferimentos graves ou morte.

! CUIDADO
Indica uma situação perigosa que, se não for evitada, pode resultar em ferimentos leves ou moderados.

Capacidade de Potência do Barco


! ADVERTÊNCIA
Exceder a capacidade máxima nominal de potência do barco pode causar ferimentos graves ou morte. O
uso de um motor de popa com potência superior à capacidade nominal pode afetar as características de
controle e de flutuação do barco ou quebrar o gio. Não instale um motor que ultrapasse a potência nominal
máxima do barco.

Não ultrapasse a potência ou a capacidade de carga do barco. A maioria dos barcos possui uma placa
indicando a capacidade máxima aceitável de potência e de carga, determinada pelo fabricante de acordo
com diretrizes federais. Em caso de dúvida, entre em contato com seu revendedor ou fabricante do barco.

U.S. COAST GUARD CAP ACITY


MAXIMUM HORSEPOWER XXX
MAXIMUM PERSON
CAPACITY (POUNDS) XXX
MAXIMUM WEIGHT
CAPACITY XXX
26777

Aplicação pretendida do barco


Esse motor não deve ser usado em barcos de alta velocidade (que operam a mais de 128 km/h (80 milhas/
hora)).

por 7
INFORMAÇÕES GERAIS
Escolha da Hélice
A hélice do seu motor de popa é um dos componentes mais importantes do sistema de propulsão. A escolha
de uma hélice inadequada pode afetar significativamente o desempenho do seu barco e pode causar danos
ao motor de popa.
Quando for escolher uma hélice, lembre-se de que existe uma grande variedade de hélices de alumínio e
aço inoxidável especificamente desenhadas para o seu motor disponíveis junto à Mercury Marine. Para obter
a lista completa de produtos e para encontrar a hélice correta para o seu equipamento, visite o website
www.mercmarinepropellers.com ou consulte o seu concessionário autorizado Mercury.

COMO SELECIONAR A HÉLICE CORRETA


É necessário um tacômetro preciso para medir a velocidade do motor para que se possa escolher a hélice
correta.
Escolha uma hélice que permita que o motor trabalhe dentro da faixa de operação de velocidade máxima
especificada. Quando operar o motor à velocidade de aceleração máxima sob as condições de carga
normais, as RPMs do motor devem estar na metade superior da faixa de RPMs de aceleração máxima
recomendada. Consulte a seção Especificações. Se as RPMs do motor estiverem acima daquela faixa,
selecione uma hélice de maior inclinação para reduzir as RPMs do motor. Se as RPMs do motor estiverem
abaixo da faixa recomendada, selecione uma hélice de menor inclinação para aumentar as RPMs do motor.
IMPORTANTE: Para assegurar o encaixe e o desempenho adequados, a Mercury Marine recomenda o uso
de hélices e de peças de fixação da marca Quicksilver.
As hélices são designadas por diâmetro, inclinação, número de pás e material. O diâmetro e inclinação estão
estampados (gravados) na lateral ou extremidade do cubo da hélice. O primeiro número representa o
diâmetro da hélice e o segundo número representa a inclinação. Por exemplo, 14x9 representa uma hélice
de 14 polegadas de diâmetro e 19 polegadas de inclinação.

22669
b

a- Diâmetro
b- Inclinação – Deslocamento durante uma rotação

As informações a seguir são informações básicas que o ajudarão a determinar a hélice correta para o seu
equipamento.
Diâmetro - O diâmetro é a distância através do círculo imaginário que é feito quando a hélice gira. O diâmetro
correto para cada hélice foi predeterminado para o desenho do seu motor de popa. Contudo, quando mais de
um diâmetro estiver disponível para a mesma inclinação, use um diâmetro maior para barcos pesados e um
diâmetro menor para barcos mais leves.

8 por
INFORMAÇÕES GERAIS
Inclinação - A inclinação é a distância teórica, em polegadas, que a hélice se desloca para a frente durante
uma rotação. Pode-se traçar um relação entre a inclinação da hélice e as marchas de um carro. Quanto mais
baixa for a marcha, mais depressa o carro acelerará, mas com velocidade limite mais baixa. Da mesma
forma, uma hélice com inclinação mais baixa acelerará rapidamente, mas a velocidade limite será mais
baixa. Quando maior for a inclinação da hélice mais rápido o barco se deslocará, mas com aceleração mais
lenta.
Determinação do tamanho correto da inclinação - Primeiro, verifique as RPMs de aceleração máxima sob
condições normais de carga. Se as RPMs de aceleração máxima estiverem dentro da faixa recomendada,
selecione uma hélice de substituição ou de atualização com a mesma inclinação que a hélice atual.
• Adicionar 1 polegada de inclinação reduzirá as RPMs de aceleração máxima entre 150 a 200
rotações.
• Subtrair 1 polegada de inclinação aumentará as RPMs de aceleração máxima entre 150 a 200
rotações.
• Passar de uma hélice de 3 pás para uma de 4 pás, de forma geral, reduzirá as RPMs de aceleração
máxima entre 50 a 100 rotações.

IMPORTANTE: Evite que sejam causados danos ao motor. Nunca use uma hélice que permita que o motor
exceda a faixa de RPMs de aceleração máxima sob condições normais de operação de aceleração máxima.

MATERIAL DA HÉLICE
A maioria das hélices fabricadas pela Mercury Marine são feitas de alumínio ou aço inoxidável. O alumínio é
adequado para fins gerais e é padrão em vários barcos novos. O aço inoxidável é, pelo menos, cinco vezes
mais durável que o alumínio e normalmente produz melhores desempenhos na aceleração e velocidade
máxima devido a aperfeiçoamentos do desenho. As hélices de aço inoxidável também estão disponíveis em
vários tamanhos e estilos que lhe permitem obter o melhor desempenho para o seu barco.

HÉLICE 3 PÁS EM COMPARAÇÃO COM HÉLICE 4 PÁS


Disponíveis em vários tamanhos, de alumínio e aço inoxidável, as hélices de 3 e 4 pás têm características de
desempenho exclusivas. De forma geral, as hélices de 3 pás oferecem um bom desempenho sob todos os
aspectos e velocidade máxima superior às hélices de 4 pás. Contudo, as hélices de 4 pás são normalmente
mais rápidas para planagem e mais eficientes a velocidades de cruzeiro, mas não alcançam a velocidade
máxima que as hélices de 3 pás alcançam.

Motores de Popa com Controle Remoto


O controle remoto que for conectado ao motor de popa deverá estar equipado com um dispositivo de
proteção para que o motor só possa ser ligado em ponto morto. Isto evita que o motor arranque quando o
câmbio é acionado em qualquer posição, exceto na posição de ponto morto.

! ADVERTÊNCIA
Ligar o motor com o câmbio engrenado pode causar ferimentos graves ou morte. Nunca opere um barco
que não tenha um dispositivo de segurança de ponto morto.

26779

por 9
INFORMAÇÕES GERAIS
Aviso sobre a Direção Remota
O tirante de ligação da direção que liga o cabo da direção ao motor deve ser apertado utilizando porcas de
autotravamento. Estas porcas de autotravamento nunca devem ser substituídas por porcas normais (que não
sejam de autotranvamento) pois estas podem ficar soltas e causar vibrações, soltando o tirante da ligação e
causando o desengate deste.

! ADVERTÊNCIA
O desengate de um tirante de ligação da direção pode fazer o barco virar completa e repentinamente. Esta
ação potencialmente violenta pode atirar os ocupantes à água resultando em ferimentos graves ou morte.

a- Porcas de autotravamento

a
a 27740

Interruptor de desligamento por corda


A finalidade de um interruptor de desligamento por corda é desligar o motor quando o operador se move para
longe da posição do operador (como numa ejeção acidental da posição do operador) para ativar o
interruptor. Um interruptor de desligamento por corda pode ser instalado como um acessório, normalmente
no painel de controles ou na lateral, ao lado da posição do operador.
Apesar do interruptor de desligamento por corda desligar o motor imediatamente, o barco continuará a se
mover a uma distância que dependerá da velocidade e do ângulo de viragem no momento do desligamento.
Contudo, o barco não completará uma volta de 360 graus. Enquanto continuar o seu movimento, o barco
poderá causar ferimentos a pessoas que estejam em sua trajetória tão graves quanto se estivesse em
funcionamento.

a b

21629

a- Corda
b- Interruptor de desligamento por corda

É altamente recomendável que os outros ocupantes da embarcação sejam instruídos sobre os


procedimentos de partida e operação corretos, caso precisem operar o motor em uma situação de
emergência (por exemplo, se o operador for atirado ao mar acidentalmente).

10 por
INFORMAÇÕES GERAIS
! ADVERTÊNCIA
Se o operador cair do barco, pare o motor imediatamente para reduzir a possibilidade de ferimentos
graves ou morte devido a uma colisão com o barco. Conecte sempre adequadamente, por uma corda, o
operador ao interruptor de desligamento.

! ADVERTÊNCIA
Evite ferimentos graves ou morte causados por forças de desaceleração resultantes da ativação acidental
ou não intencional do interruptor de desligamento. O operador do barco nunca deve deixar a estação de
operação sem antes soltar a corda do interruptor de desligamento de si.

O acionamento acidental ou não intencional do interruptor durante a operação normal também pode ocorrer.
Isso pode causar qualquer uma das situações potencialmente perigosas descritas a seguir (ou todas elas):
• Os ocupantes podem ser projetados para a frente devido à inércia do movimento - uma preocupação
particular para passageiros localizados na dianteira do barco que poderiam ser lançados à água e
posteriormente atingidos pela caixa de engrenagens ou hélice.
• Perda de potência e de controle direcional em mares bravios, correntes ou ventos fortes.
• Perda de controle enquanto o barco estiver sendo movido até a doca.

Proteção de pessoas na água


ENQUANTO ESTIVER EM VELOCIDADE DE CRUZEIRO
Para uma pessoa que esteja em pé, dentro da água, é muito difícil realizar uma ação rápida para evitar ser
atingida por um barco que venha em sua direção, mesmo que em baixa velocidade.

21604

Reduza a velocidade e tenha sempre muito cuidado quando estiver navegando numa área onde possa haver
pessoas na água.
Todas as vezes que um barco está em movimento (deslizando sem ser aplicada potência) em ponto morto/
marcha lenta, existe ainda força suficiente da água sobre a hélice para fazer com que a hélice gire. Esta
rotação da hélice em ponto morto pode causar ferimentos graves.

ENQUANTO O BARCO ESTIVER PARADO

! ADVERTÊNCIA
Uma hélice em rotação, um barco em movimento ou qualquer dispositivo sólido preso ao barco podem
causar ferimentos graves ou morte a nadadores. Sempre que alguém, na água, estiver próximo do seu
barco, pare o motor imediatamente.

Antes de permitir que pessoas nadem ou se aproximem do seu barco, coloque a alavanca de mudança de
marchas na posição de ponto morto e desligue o motor.

por 11
INFORMAÇÕES GERAIS
Emissões do escape
FIQUE ATENTO QUANTO AO ENVENENAMENTO POR MONÓXIDO DE
CARBONO
O monóxido de carbono (CO) é um gás mortal, presente na fumaça do escapamento (exaustão) dos motores
de combustão interna, inclusive dos motores que impulsionam barcos e também dos geradores que
alimentam acessórios dos barcos. O CO é inodoro, incolor e insípido, mas se conseguir sentir o cheiro ou o
sabor dos vapores de descarga, você está inalando CO.
Os primeiros sintomas de envenenamento por monóxido de carbono, similares aos de enjôo ou intoxicação,
incluem dor de cabeça, vertigens, sonolência e náusea.

! ADVERTÊNCIA
A inalação dos gases do escapamento de motores pode resultar em envenenamento por monóxido de
carbono. Isto pode deixar uma pessoa inconsciente, causar danos cerebrais ou morte. Evite a exposição
prolongada ao monóxido de carbono.
Afaste-se das áreas de exaustão quando o motor estiver em funcionamento. Se o barco estiver parado ou
navegando, mantenha-o bem ventilado.

MANTENHA-SE AFASTADO DAS ÁREAS DE EXAUSTÃO

41127

Os gases do escapamento de motores contêm monóxido de carbono prejudicial. Evite as áreas onde houver
concentração de gases do escapamento de motores. Quando os motores estiverem em funcionamento,
mantenha nadadores afastados do barco e não se sente, deite nem permaneça em plataformas de natação
ou escadas para subir a bordo. Durante a navegação, não permita que passageiros se posicionem
imediatamente atrás do barco (arrasto de plataforma, surfe em pranchas de madeira/corpo). Esta prática
perigosa, além de colocar uma pessoa em uma área de grande concentração de gases do escapamento,
também a sujeita ao risco de ferimentos pela hélice do barco.

BOA VENTILAÇÃO
Ventile a área dos passageiros, abra as cortinas laterais ou escotilhas para remover a fumaça.
Exemplo de fluxo de ar desejável no barco.

21622

12 por
INFORMAÇÕES GERAIS
VENTILAÇÃO DEFICIENTE
Sob certas condições, se o motor estiver funcionando e se houver uma brisa, as cabinas fechadas por lonas
ou permanentemente fechadas, ou cockpits com ventilação insuficiente, podem reter o monóxido de carbono.
Instale no barco um ou mais detectores de monóxido de carbono.
Embora a ocorrência seja rara, em dias de pouca brisa, nadadores e passageiros situados em um ambiente
aberto de um barco parado, onde haja um motor em funcionamento, mesmo que nas proximidades, podem
ficar expostos a níveis perigosos de monóxido de carbono.
1. Exemplos de ventilação deficiente com o barco parado:

a
b

21626

a- Operação do motor quando o barco está atracado em um espaço confinado


b- Atracar próximo a outro barco que tem o motor em funcionamento

2. Exemplos de ventilação deficiente com o barco em movimento:

a b

21628

a- Operação do barco com o ângulo de compensação da proa muito alto


b- Operação do barco sem escotilhas dianteiras abertas (efeito caminhonete)

Mensagem de Segurança para os Passageiros - Barcaças com


Hélice e Barcos com Tombadilho
Sempre que o barco estiver em movimento, observe a localização dos passageiros. Não permita que
nenhum passageiro fique em pé ou utilize assentos que não sejam aqueles designados para viajar em
velocidades mais rápidas do que as de marcha lenta. A redução repentina da velocidade do barco devido ao
choque com ondas ou ressacas, a uma redução súbita da aceleração, a mudanças agressivas de direção,
podem lançar os passageiros à frente do barco. Uma pessoa lançada à água, à frente do barco, pode ser
atropelada.

BARCOS QUE TENHAM UM CONVÉS DIANTEIRO ABERTO


Ninguém deve ficar no convés, à frente da cerca, enquanto o barco estiver em movimento. Mantenha todos
os passageiros atrás da cerca dianteira ou em um recinto fechado.

por 13
INFORMAÇÕES GERAIS
Qualquer pessoa no convés dianteiro pode ser facilmente lançada para fora do barco. As pessoas sentadas
no deck dianteiro com as pernas para fora do barco podem ser arrastadas por uma onda para dentro da
água.

26782

! ADVERTÊNCIA
Sentar-se ou manter-se em pé em uma área do barco que não seja adequada para passageiros durante o
movimento a velocidades acima de marcha pode causar ferimentos graves ou morte. Fique afastado da
extremidade dianteira do convés e de plataformas elevadas no barco e permaneça sentado enquanto o
barco estiver em movimento.

BARCOS QUE TENHAM ASSENTOS ELEVADOS EM PEDESTAL PARA


PESCARIA MONTADOS À FRENTE
Os assentos elevados em pedestal para pescaria não devem ser usados quando o barco estiver se movendo
à velocidade superior às velocidades de marcha lenta ou de pesca. Sente-se apenas nos assentos
designados para viajar a velocidades mais rápidas.
Qualquer redução inesperada ou repentina da velocidade do barco pode causar o lançamento do passageiro
à frente do barco.

26783

14 por
INFORMAÇÕES GERAIS
Saltar Ondas e Esteiras
A operação de barcos recreativos em ondas e esteiras é uma parte natural da navegação. Contudo, quando
esta atividade é realizada com velocidade suficiente para lançar o barco parcial ou completamente para fora
da água, surgem certos riscos, particularmente quando o barco aterrissa na água.

26784

A principal preocupação é a mudança de direção do barco durante o salto. Nesse caso, o pouso pode fazer
com que o barco dê uma guinada para uma nova direção. Essa mudança abrupta de direção pode fazer com
que os ocupantes sejam arremessados para fora de seus assentos ou do barco.

! ADVERTÊNCIA
Saltar ondas ou esteiras pode causar ferimentos graves ou morte de ocupantes que são lançados de um
lado a outro dentro do barco ou para fora dele. Sempre que possível, evite ondas ou esteiras.

Há um outro perigo, menos comum, resultante do salto de seu barco sobre uma onda ou esteira. Se a proa
de seu barco arfar o suficiente enquanto estiver no ar, ao entrar em contato com a água novamente ele
poderá penetrar na superfície da água e submergir por um instante. Isso causará uma parada quase
instantânea do barco e poderá arremessar os ocupantes para a frente. O barco também poderá girar
bruscamente para um lado.

Colisão com perigos submersos


Reduza a velocidade e continue com cuidado sempre que estiver dirigindo o barco em áreas rasas, ou em
áreas onde você suspeite que existam obstáculos submersos que possam se chocar contra o motor de popa
ou contra o fundo do barco. A coisa mais importante que pode ajudá-lo a reduzir ferimentos ou danos
causados por impacto com objetos flutuantes ou submersos é controlar a velocidade do barco. Nestas
condições, a velocidade do barco deve ser mantida à velocidade de planagem mínima de 24 a 40 km/h
(15 - 25 MPH).

26785

A colisão com objetos flutuantes ou submersos pode resultar num número infinito de situações. Algumas
destas situações podem causar os seguintes problemas:

por 15
INFORMAÇÕES GERAIS
• Parte do motor de popa ou todo o motor de popa pode se soltar e invadir o barco.
• O barco pode mover-se repentinamente para uma nova direção. Tal mudança abrupta de direção
pode fazer com que os ocupantes sejam arremessados para fora dos seus assentos ou para fora do
barco.
• Uma redução rápida na velocidade. Isto fará com que os ocupantes sejam arremessados para a frente
ou mesmo para fora do barco.
• Danos de impacto ao motor de popa e/ou barco.

Lembre-se! A coisa mais importante que pode ajudá-lo a reduzir os danos que podem ser causados durante
um impacto é controlar a velocidade do barco. Mantenha a velocidade do barco à velocidade de planagem
mínima quando estiver pilotando em águas que possam ter obstáculos submersos.
Depois de colidir com um objeto submerso, desligue o motor imediatamente e verifique se existem peças
quebradas ou soltas. Se existirem danos ou a suspeita de danos, o motor de popa deve ser levado a um
concessionário autorizado para uma inspeção completa e se for necessário para reparos.
Verifique, também, se existem, no barco, rachaduras, fraturas no gio, ou vazamentos de água.
Operar um motor de popa danificado pode causar danos adicionais a outras peças do motor de popa, ou
pode afetar o controle do barco. Se for necessário continuar a dirigir, faça-o a velocidades bem reduzidas.

! ADVERTÊNCIA
A operação de um barco ou motor com danos por impacto pode resultar em danos ao produto, ferimentos
graves ou morte. Se a embarcação sofreu qualquer tipo de impacto, leve-a a um concessionário Mercury
Marine para inspeção e reparo do barco ou do grupo de potência.

Seleção de acessórios para o seu motor de popa


Os acessórios Mercury Precision ou Quicksilver autênticos foram especificamente projetados e testados para
seu motor de popa. Esses acessórios estão disponíveis por intermédio dos revendedores Mercury Marine.
IMPORTANTE: Verifique com seu concessionário antes de instalar os acessórios. O uso inadequado de
acessórios aprovados ou o uso não aprovado de acessórios pode danificar o produto.
Alguns acessórios não fabricados nem vendidos pela Mercury Marine não foram projetados para serem
usados com segurança neste motor de popa nem no sistema de operação do motor de popa. Adquira e leia
os manuais de instalação, operação e de manutenção de todos os acessórios selecionados.

Sugestões para navegar com segurança


Com o objetivo de aproveitar ao máximo as atividades aquáticas, familiarize-se com o local e outros
regulamentos e restrições de navegação, e considere as seguintes sugestões.
Utilize os equipamentos salva-vidas. Verifique se existe um colete salva-vidas de tamanho adequado para
cada pessoa que estiver a bordo (exigido por lei) e de fácil acesso.
Não exceda a capacidade de carga do barco. A maioria dos barcos é classificada e certificada quanto às
suas capacidades de carga máxima (consulte a placa de capacidade do seu barco). Em caso de dúvidas,
entre em contato com seu revendedor ou fabricante do barco.
Faça as verificações de segurança e manutenção necessárias. Siga o cronograma de manutenção regular e
certifique-se de que todos os reparos sejam feitos corretamente.
Conheça e obedeça a todas as regras e leis náuticas dos ambientes onde navegará. Os operadores de
barcos devem fazer um curso de segurança de navegação. Nos EUA, os cursos são oferecidos pela(o): 1)
Guarda Costeira dos EUA, 2) Esquadrão de Potência, 3) Cruz Vermelha e 4) departamento governamental
responsável por Navegação. Perguntas sobre navegação podem ser feitas ligando para o telefone
1-800-368-5647 ou para a Boat U.S. Foundation, no 1-800-336-BOAT.
Certifique-se de que todos no barco estejam devidamente sentados. Não permita que ninguém se sente nem
seja transportado em qualquer parte do barco que não se destine a esse fim. Isso inclui as costas do
assento, alcatrate, gio, proa, tombadilho, assentos elevados em pedestal, qualquer assento rotativo de
pescaria, ou em qualquer local em que uma aceleração inesperada, parada repentina, perda de controle
inesperada do barco ou movimento súbito possa lançar a pessoa à água ou derrubá-la dentro do barco.

16 por
INFORMAÇÕES GERAIS
Nunca navegue sob a influência de álcool ou drogas (esta é a lei). O consumo de álcool ou drogas
comprometem o seu julgamento e reduzem consideravelmente o seu tempo de reação.
Treine outras pessoas para operar o barco. Oriente pelo menos uma outra pessoa a bordo com as instruções
básicas para operar o motor de popa, e para navegação, para o caso de o operador ficar incapacitado ou cair
na água.
Para permitir que passageiros subam a bordo. Desligue o motor sempre que os passageiros subirem a
bordo, descerem do barco ou estiverem na parte posterior da popa. Passar a marcha para ponto morto,
apenas, não é suficiente.
Esteja sempre alerta. O operador do barco é o responsável, por lei, pela condução do barco e deve manter
constante vigilância auditiva e visual da região. O operador deve ter uma visão desimpedida, principalmente
à frente. Nem os passageiros, nem a carga, nem os assentos de pescaria podem bloquear a visão do
operador enquanto o barco estiver em velocidade superior à marcha lenta.
Nunca dirija o barco logo atrás de alguém que esteja praticando esqui aquático, pois o esquiador pode cair.
Como um exemplo, se o seu barco estiver se deslocando a 40 km/h (25 MPH), ele poderá atingir um
esquiador que tenha caído na água 61 m (200 ft) à frente do barco em 5 segundos.
Esteja alerta a esquiadores que tenham caído. Quando estiver utilizando o seu barco para esqui aquático ou
atividades similares, mantenha o esquiador que tenha caído ou afundado no lado do operador do barco
enquanto retorna para auxiliá-lo. O operador deve manter o esquiador que caiu na água em seu campo de
visão e nunca deve manobrar em marcha à ré para resgatar a pessoa que está na água.
Informe acidentes. Os operadores de barco devem, por exigência legal, notificar a ocorrência de Acidentes
de Navegação às autoridades marítimas quando seus barcos se envolverem em certos tipos de acidentes de
navegação. É necessário notificar a ocorrência de um acidente de navegação quando: 1) ocorrer morte ou
houver a probabilidade de morte, 2) ocorrer ferimentos que requeiram atenção médica além de primeiros
socorros, 3) ocorrer danos nos barcos ou outras propriedades em que o valor dos danos exceda U$ 500,00
ou 4) ocorrer perda total do barco. Procure assistência das autoridades locais.

Registro do Número de Série


É importante que este número seja registrado para referência futura. Este número de série fica localizado no
motor de popa como indicado.

a OTXXXXXX

b
XXXX

d c
XX

24125

a- Número de série
b- Designação do modelo
c- Ano de fabricação
d- Insígnia de Certificação Européia (conforme aplicável)

por 17
INFORMAÇÕES GERAIS
Especificações
Modelos 225 250
Configuração dos cilindros 60° V6 60° V6
Potência do eixo da hélice 225 250
Kilowatts no eixo da hélice 165 184
Peso do motor 229 kg (505 lb)
Número de cilindros 6
Rotação em marcha lenta 575 RPMs
Limite de rotações em ponto morto 2 250 RPMs
Faixa de RPMs em aceleração máxima 5 500 – 6 000 RPMs
Limite de rotações em excesso de velocidade 6 300 RPMs 6 250 RPMs
Cilindrada do motor 3 032 cm3 (185 in³)
Diâmetro interno do cilindro 92,075 mm (3.625 in.)
Curso 76,2 mm (3.0 in.)
NGK lZFR6J ou NGK IZFR6J-11 (se essas
Velas de ignição recomendadas velas não estiverem disponíveis, use a NGK
PZFR6H)
Folga da vela de ignição 1,06 mm (0.042 in.)
Sequência da ignição 1-2-3-4-5-6
Pressão da linha de combustível 655 ± 13,8 kPa (95 ± 2 psi)
Pressão do ar 58 ± 13,8 kPa (110 ± 2 psi)
Relação de engrenamento 1,75:1
Combustível necessário Consulte a seção Combustível e óleo
Óleo recomendado Consulte a seção Combustível e óleo
Lubrificante de engrenagens de alto
Óleo da caixa de engrenagens
desempenho
Capacidade de lubrificante da caixa de engrenagens de
970 ml (32.8 fl oz)
rotação do lado direito
Capacidade de lubrificante da caixa de engrenagens de
900 ml (30.4 fl oz)
rotação do lado esquerdo
1000 A para partida marítima (MCA) ou 800 A
Potência nominal da bateria
para partida a frio (CCA)1.
Saída do sistema de carga (máxima) 60 A
Sistema de controle de emissão Controle eletrônico do motor (EC)
Som no ouvido do operador (ICOMIA 39-94) dBA 89

1. Os fabricantes da bateria podem classificar e testar suas baterias com diferentes normas. Consulte o fabricante da bateria
específica para obter as classificações de comparação.

18 por
INFORMAÇÕES GERAIS
Identificação dos componentes

1- Tampa superior
2- Trava da tampa dianteira
3- Interruptor auxiliar de inclinação
4- Suporte articulado/braçadeira
1 5- caixa de engrenagens
6- Entrada de água de arrefecimento
7- Talão da quilha
13
8- Placa antiventilação
2 9- Ânodos (um de cada lado)
10 - Alojamento do eixo de transmissão
3 12 11 - Tampa inferior
12 - Indicador da bomba de água (avi‐
11 so)
13 - Travas da tampa lateral (nos dois
4 10 lados)

5
8
6
7
7493

por 19
TRANSPORTE
Reboque do barco/motor de popa
Certifique-se de que o motor de popa esteja em marcha de avanço antes de rebocá-lo. Isto evitará que a
hélice gire livremente durante o transporte.

AVISO
Mudar de marcha enquanto as velocidades do motor estiverem acima da marcha lenta pode danificar a
caixa de engrenagens. Engatar uma marcha enquanto o motor não estiver funcionando pode causar o
desalinhamento da embreagem, impedindo a mudança correta das marchas. Só mude de marcha quando
o motor estiver funcionando em marcha lenta (ponto morto). Se for necessário mudar de marcha enquanto
o motor não está funcionando, gire o eixo da hélice na direção adequada enquanto muda de marcha.

Reboque o seu barco com o motor de popa inclinado para baixo na posição de operação vertical. Se for
necessário obter um espaço livre adicional entre o motor e a rodovia, o motor de popa deve ser inclinado
para cima, utilizando um dispositivo acessório de suporte do motor de popa. Consulte o seu concessionário
local para obter recomendações. Pode ser necessário folga adicional para cruzar trilhos de trem, calçadas e
para a oscilação do reboque.
IMPORTANTE: Não confie no sistema de compensação/inclinação hidráulico nem na alavanca de suporte de
inclinação para manter o espaço livre entre o motor e a rodovia, durante o reboque. A alavanca de suporte
de inclinação não foi concebida para suportar o motor de popa durante o reboque.

2722

20 por
COMBUSTÍVEL E ÓLEO
Evitando as restrições de fluxo do combustível
AVISO
A adição de componentes ao sistema de abastecimento de combustível pode danificar o motor. Essas
adições podem restringir o fluxo de combustível, fazer o motor morrer em baixa velocidade e criar
condições de combustível pobre em altas velocidades. Siga todos os regulamentos para a instalação do
sistema de combustível e não acrescente nenhum componente adicional ao sistema de combustível.

Requisitos do combustível
Use uma marca conhecida de gasolina sem chumbo, preferencialmente sem álcool.

AVISO
O uso de combustível inadequado pode causar sérios danos ao motor. Os danos resultantes do uso de
combustível inadequado são considerados mau uso e não são cobertos pela garantia limitada. Use
apenas o combustível recomendado no motor.

EXIGÊNCIAS DE OCTANAGEM (EUA/CANADÁ)


TIPO DE COMBUSTÍVEL OCTANAGEM MÍNIMA DIVULGADA

Premium sem chumbo1. 87 (R+M)/2

EXIGÊNCIAS DE OCTANAGEM (FORA DOS EUA/CANADÁ)


TIPO DE COMBUSTÍVEL OCTANAGEM MÍNIMA DIVULGADA

Premium sem chumbo2. 92 RON

USO DE COMBUSTÍVEIS REFORMULADOS (OXIGENADOS) (SOMENTE


NOS EUA)
Esse tipo de combustível é exigido em certas áreas dos EUA. Os dois tipos de oxigenados usados nesses
combustíveis são álcool (etanol) ou Éter (MTBE ou ETBE). Se o álcool (etanol) for o elemento oxigenado
usado na gasolina da sua região, consulte a seção Combustível que contém álcool.
Estes combustíveis reformulados são aceitáveis para uso em motores Mercury.

COMBUSTÍVEL QUE CONTÉM ÁLCOOL


Se o combustível disponível em sua região contiver metanol (álcool metílico) ou etanol (álcool etílico), saiba
que podem ocorrer certos efeitos adversos. Tais efeitos adversos são mais graves no caso do uso do
metanol. O aumento da porcentagem de álcool no combustível também pode intensificar tais efeitos
adversos.
Alguns desses efeitos adversos são causados pelo fato de o álcool no combustível ter a propriedade de
absorver a umidade do ar, resultando na separação da mistura água/álcool da gasolina no tanque de
combustível.
Os componentes do sistema de combustível de seu motor Mercury suportam até 10% de teor de álcool na
gasolina. Não temos como saber a porcentagem que o sistema de combustível de seu barco suportará. Entre
em contato com o fabricante do seu barco para obter as recomendações específicas dos componentes do
sistema de combustível do barco (tanques de combustível, linhas de combustível e conexões).

1. A Mercury Marine não recomenda o uso de gasolina com chumbo. Leia as informações na seção Combustível que contém
álcool.
2. A Mercury Marine não recomenda o uso de gasolina com chumbo. A gasolina com chumbo é aceitável em áreas em que
não houver gasolina sem chumbo, entretanto, pode ocorrer corrosão da passagem do escape devido ao acúmulo de
partículas de chumbo expelidas. Os combustíveis automotivos que contenham produtos de limpeza do injetor de
combustível são recomendados para uma condição de limpeza interna adicional do motor.

por 21
COMBUSTÍVEL E ÓLEO
O combustível contendo álcool pode aumentar:
• a corrosão das peças metálicas.
• a deterioração de peças de plástico e de borracha.
• a infiltração de combustível através das linhas de combustível feitas de borracha.
• dificuldades de operação e partida.

IMPORTANTE: A operação de um motor Mercury Marine com gasolina que contém álcool cria problemas
exclusivos como resultado de longos períodos de armazenagem comuns a um barco. Os carros
normalmente consomem combustíveis que contêm álcool antes que estes absorvam umidade suficiente para
causar problemas. Entretanto, os barcos, quase sempre, permanecem sem funcionar por tempo suficiente
para que ocorra a separação das fases do combustível. Além disso, o álcool pode lavar os filmes de óleo de
proteção dos componentes internos causando corrosão.
IMPORTANTE: Devido aos possíveis efeitos adversos do álcool na gasolina, recomendamos apenas o uso
de gasolina que não contenha álcool, sempre que possível.
Se estiver disponível somente combustível contendo álcool ou se a presença de álcool for incerta, será
necessário aumentar a frequência da inspeção de vazamentos e anormalidades.

Exigências da mangueira de combustível de baixa permeabilidade


Obrigatória para motores de popa fabricados para venda, vendidos ou oferecidos para venda nos Estados
Unidos.
• A Agência de Proteção Ambiental (Environmental Protection Agency, EPA) exige que a mangueira
principal que conecta o tanque de combustível ao motor de popa nos motores de popa fabricados
após 1º de janeiro de 2009 seja de baixa permeabilidade.
• A mangueira de baixa permeabilidade é do tipo USCG Tipo B1-15 ou A1-15, que não exceda
15/gm²/24 h com combustível CE 10 a23 °C conforme especificado na SAE J 1527 – mangueira de
combustível para uso marítimo.

Óleo Recomendado
Óleo Recomendado Óleo para motor de popa de 2 tempos TC-W3 Premium Plus

O óleo para motor de popa TC-W3 Premium Plus é um óleo de classificação superior que oferece
lubrificação superior e resistência extra ao acúmulo de carbono quando usados com gasolinas de boa
qualidade ou de qualidade variante.
IMPORTANTE: O óleo TC-W3 de 2 Ciclos dever ser certificado pela NMMA.
Consulte periodicamente o seu revendedor para obter as recomendações mais recentes sobre a gasolina e
óleo. Se óleos para motores de popa de 2 Ciclos não estiverem disponíveis, utilize um óleo para motores de
popa de 2 ciclos TC-W3 certificado pela NMMA. O uso de um óleo para motor de popa de dois tempos de
qualidade inferior pode reduzir a durabilidade do motor. As avarias causadas pelo uso de um óleo de
qualidade inferior podem não ser cobertas sob a garantia limitada.

Enchimento do Tanque de Óleo Remoto


Remova o tampão do bocal de enchimento e encha com o óleo especificado. A capacidade do tanque de
óleo é11,5 litros (3 gal). Recoloque o tampão do bocal de enchimento e aperte bem.

22 por
COMBUSTÍVEL E ÓLEO
IMPORTANTE: Verifique sempre se os tampões dos tanques de óleo estão bem apertados. Um vazamento
de ar evitará o fluxo de óleo ao motor.

2723

Como Encher o Tanque do Reservatório de Óleo Montado do Motor


Retire a tampa superior. Desaperte o tampão de enchimento no depósito de óleo do motor. Faça o motor
trabalhar até que todo o ar tenha sido eliminado do tanque de óleo e o tanque esteja completamente cheio
de óleo. Reaperte o tampão do bocal de enchimento. Desligue o motor e recoloque a tampa superior.

2724

NOTA: Só é necessário encher este tanque se o nível de óleo cair e o sistema de advertência de nível de
óleo baixo for ativado.

Como Encher o Tanque de Combustível


• Encha os tanques em ambientes abertos longe de fontes de calor, faíscas e chamas expostas.
• Remova os tanques de combustível portáteis do barco e reabasteça-os.
• Desligue sempre o motor antes de encher os tanques.
• Não encha os tanques de combustível completamente. Deixe aproximadamente 10% do volume do
tanque vazio. O combustível expandirá à medida que a temperatura se elevar e pode vazar sob
pressão se o tanque estiver completamente cheio.

! ADVERTÊNCIA
Evite lesões corporais graves ou mortes resultantes do incêndio ou da explosão de gasolina. Tome
cuidado ao abastecer os tanques de combustível. Desligue sempre o motor e não fume nem se aproxime
de chamas expostas ou faíscas enquanto estiver abastecendo os tanques de combustível.

por 23
FUNÇÕES E CONTROLES
Recursos do Controle Remoto
O seu barco pode estar equipado com um dos controles remotos da Mercury Precision ou Quicksilver
mostrados. Se não estiver, consulte o seu revendedor para obter a descrição das funções e operações do
controle remoto.

c c
c
a a
b
h
b g
f i
a i
g
d d
f f
e 26800
e

a- Alavanca de controle - marcha para a frente, ponto morto, marcha à ré


b- Alavanca de liberação do ponto morto
c- Interruptor de inclinação/compensação (se equipado) - Consulte a seção Recursos e Controles -
Compensação e Inclinação Hidráulica
d- Interruptor de desligamento por corda - Consulte a seção Informações Gerais – Interruptor de Des‐
ligamento por Corda
e- Corda - Consulte a seção Informações Gerais – Interruptor de Desligamento por Corda
f- Ajuste do atrito do acelerador - Para ajustar os controles do console é preciso remover a tampa
g- Chave de ignição - "OFF" (desligado), "ON" (ligado), "START" (partida)
h- Alavanca de marcha lenta acelerada - Consulte a seção Operação - Como Dar Partida no Motor
i- Botão de aceleração apenas - Consulte a seção Operação - Como Dar Partida no Motor

24 por
FUNÇÕES E CONTROLES
Recursos do Controle Zero Effort

a a- Alavanca de aceleração
b- Interruptor de ajuste de compensação
c- Alavanca de mudança de marchas
b

4090

Sistema de advertência
O sistema de advertência incorpora uma buzina de alarme dentro do barco. A buzina de advertência poderá
estar localizado dentro do controle remoto ou sob o painel de controle ligado ao interruptor da chave de
ignição.

a
27755

a- Dentro do controle remoto


b- Sob o painel

SINAIS DA BUZINA DE ADVERTÊNCIA


Quando o interruptor da chave estiver na posição "ON" (ligar), a buzina de advertência funcionará por um
momento como um teste para confirmar a sua condição.
A buzina de advertência emitirá um bipe contínuo ou bipes intermitentes breves. Isso alertará o operador e
ajudará identificar as seguintes situações listadas. Consulte a seção Solução de problemas para obter
informações específicas. Para exibição visual das funções específicas do motor e para obter dados
adicionais sobre o motor, consulte Informações do Produto SmartCraft.

SISTEMA ENGINE GUARDIAN


O Sistema de Vigilância do Motor monitora os sensores mais importantes do motor para detectar quaisquer
indicações antecipadas de problemas. O sistema responderá a um problema, produzindo um bipe contínuo
e/ou reduzindo a potência do motor a fim de manter uma condição segura de funcionamento.

por 25
FUNÇÕES E CONTROLES
Se o Sistema de Vigilância se ativar, o sistema deverá ser restabelecido, antes de que o motor possa operar
em velocidades mais altas. Mover a alavanca do acelerador de volta para ponto morto ou para a posição de
aceleração reduzida necessária restabelece o sistema.

Porcentagem
Mostra‐ de potência
Guardian
Problema Buzina dor do máxima do
ativado
monitor motor disponí‐
vel
Energização/Verificação do sistema Um bipe Sim N/D N/D
Durante o amaciamento do motor Não Não Não 100%
Óleo baixo no tanque de óleo do 4 bipes… 2 minutos desli‐
Sim Sim 95%
motor gado
Óleo criticamente baixo no tanque
bipe contínuo Sim Sim 5%
de óleo do motor
Falha elétrica da bomba de óleo bipe contínuo Sim Sim 5%
Falha do sensor da posição do ace‐ Bipes intermitentemente
Sim Sim 95%
lerador contínuos
Excesso de velocidade bipe contínuo Sim Sim 65%
De 100% para
Alta temperatura do motor bipe contínuo Sim Sim
4%
De 100% para
Baixa pressão de água do bloco bipe contínuo Sim Sim
4%
Sensor defeituoso (Pressão do blo‐
co, temperatura do fluido de arrefeci‐ Não Sim Sim 95%
mento)
<10 v = 0%
Sim Sim
<11,5 v = 50%
Bipe único... Bibe contínuo
11,5 - 16 v =
Tensão da bateria fora dos limites quando o Guardian é acio‐ Não Não
100%
nado
>16 v = 50%
Sim Sim
>17 v = 0%
Falha da buzina Não Sim Sim 95%
4 bipes… 2 minutos desli‐
Água no combustível Sim Não N/D
gado
Falha do sensor do MAP Não Sim Sim 95%
Falha do sensor da temperatura do
Não Sim Não N/D
ar
Falha da bobina de ignição Não Sim Não N/D
Falha do injetor Não Sim Não N/D

PRODUTO SMARTCRAFT
O pacote de instrumentos do SmartCraft System da Mercury pode ser adquirido para este conjunto de
potência. Algumas das funções que os conjuntos de instrumentos mostram são:

26 por
FUNÇÕES E CONTROLES
• Rotação do motor
• Temp do fluido de arrefecimento
• Pressão da água
• Tensão da bateria
• Consumo de combustível
• Horas de funcionamento do motor

O conjunto de instrumentos SmartCraft ajudará também com os diagnósticos Engine Guardian. O conjunto
de instrumentos SmartCraft exibirá os dados críticos de alarme do motor e possíveis problemas.
Consulte a seção Suplemento do Operador do SmartCraft da Mercury que é fornecido com o conjunto de
potência para as funções de advertência monitoradas no seu conjunto de potência e operações básicas do
pacote de instrumentos SmartCraft.
NOTA: Se equipado com instrumentos SmarCraft, o ícone de verificação do óleo será exibido durante o
período de amaciamento do motor.

Limite de Rotações em Excesso de Velocidade


O limite de rotações em excesso de velocidade é definido em uma rotação maior do que a faixa de operação.
Caso o motor seja operado em uma rotação maior ou igual ao limite do excesso de velocidade, o PCM não
permite que o motor mantenha a potência necessária. Consulte Especificações para determinar o limite de
rotações do motor.
Ao atingir o limite de rotações, o Guardian System ativa a buzina de advertência. Se o operador não reduzir a
rotação do motor em cinco segundos, o Guardian System reduz a potência disponível do motor.
Para restabelecer a proteção do Sistema Guardian:
1. Reduza totalmente a aceleração por dois ou três segundos.
2. Acione o acelerador novamente. Se o motor não responder, repita o passo um.

por 27
FUNÇÕES E CONTROLES
Compensador e sistema de inclinação hidráulicos
COMPENSAÇÃO HIDRÁULICA E INCLINAÇÃO
O motor de popa tem um controle de ajuste de compensação/inclinação chamado Power Trim
(Compensação Hidráulica). Este sistema permite que o operador ajuste a posição do motor de popa
pressionando o interruptor de ajuste de compensação. Mover o motor de popa para dentro, para mais perto
do gio do barco, é chamado de ajuste para dentro ou para baixo. Mover o motor de popa para longe do gio
do barco é chamado de ajuste para fora ou para cima. O termo compensação geralmente se refere ao ajuste
do motor de popa dentro dos primeiro 20º da faixa de deslocamento. Esta é a faixa usada durante a
operação do barco na planagem. O termo inclinação geralmente é usado para referir-se ao ajuste do motor
de popa mais para cima, em direção à superfície da água. Com o motor desligado, o motor de popa pode ser
inclinado para fora da água. Em velocidade de marcha lenta reduzida, o motor de popa pode também ser
inclinado para além da faixa de compensação; por exemplo, na operação em águas rasas.

b
c 28295

a- Interruptor de ajuste de compensação


b- Faixa de inclinação de deslocamento
c- Faixa de compensação de deslocamento

OPERAÇÃO HIDRÁULICA DA COMPENSAÇÃO


Para a maioria dos barcos, operar no meio da faixa intermediária produzirá resultados satisfatórios. Contudo,
para se obter o máximo da capacidade de compensação, poderá haver ocasiões em que será necessário
ajustar a compensação totalmente para dentro ou para fora. Juntamente com alguma melhoria nas
características de desempenho advém uma maior responsabilidade para o operador, que é a de estar alerta
a algumas práticas de controle de risco.
O risco de controle mais significativo é um empuxo ou torque que podem ser sentidos na direção ou
alavanca do leme. Este torque da direção é causado pela compensação do motor de popa para que o eixo
da hélice não fique paralelo à superfície da água.

! ADVERTÊNCIA
Evite ferimentos graves ou morte. Quando for feito o ajuste de compensação do motor de popa para
dentro ou para fora para além da condição de direção de ponto morto, poderá haver um puxão na direção
ou na alavanca do leme em qualquer uma das direções. O barco pode ficar fora de controle, pois o motor
de popa pode virar livremente se a direção ou alavanca do leme não forem segurados com firmeza
quando este puxão ocorrer. O barco pode virar, ou dar uma volta completa, que se for inesperada, pode
derrubar os ocupantes ou atirá-los dentro da água.

Considere, cuidadosamente, o seguinte.


1. Compensar para Dentro ou para Baixo Pode:

28 por
FUNÇÕES E CONTROLES
• Baixar a proa.
• Causar uma planagem rápida, especialmente se o barco tiver uma carga pesada ou a proa
estiver pesada.
• Normalmente, melhora a navegação em águas bravias.
• Aumente o torque da direção ou puxe para a direita (com a rotação normal para a direita da
hélice).
• Torcer excessivamente pode baixar a proa de alguns barcos até o ponto onde estes toquem a
proa na água durante a planagem. Isto pode fazer o barco virar em uma direções
inesperadamente (chamada de viragem da proa ou viragem excessiva) se qualquer viragem for
tentada, ou se uma onda forte vier de encontro ao barco.

! ADVERTÊNCIA
Evite ferimentos graves ou morte. Ajuste o motor de popa para uma posição de compensação
intermediária tão logo esteja em planagem para evitar uma possível ejeção devido a viragem do barco.
Não tente virar o barco durante a planagem se o motor de popa estiver compensado demais para baixo
e existir um força na direção ou alavanca do leme.

• Em raras circunstâncias, o proprietário pode decidir limitar a compensação para dentro. Isto pode
ser feito reposicionando-se o pino de ajuste da inclinação de aço inoxidável do seu
concessionário e inserindo-o em qualquer orifício de ajuste nos suportes do gio que você deseje.
O parafuso que não é de aço inoxidável enviado com o barco não deve ser utilizado para esta
aplicação, exceto para situações temporárias.
2. Compensar para Dentro ou para Cima Pode:
• Levantar a proa mais alto para fora da água.
• Normalmente aumenta a velocidade máxima.
• Aumentar a folga sobre objetos submersos ou fundo em águas rasas.
• Aumentar o torque de direção ou puxar para a esquerda à altura normal de instalação (com a
rotação normal para a direita da hélice).
• Em excesso pode fazer o barco sacudir (pular) ou causar a ventilação da hélice.
• Causar o superaquecimento do motor se os orifícios de água de arrefecimento estiverem acima
da linha da água.

OPERAÇÃO DA INCLINAÇÃO
Para inclinar o motor de popa, desligue o motor e pressione o interruptor compensação/inclinação ou
interruptor de inclinação auxiliar para a posição para cima. O motor de popa inclinará para cima até o
interruptor ser solto ou atingir a posição de inclinação máxima.
1. Engate a alavanca de suporte da inclinação, girando o botão para mover a alavanca de suporte para
cima.
2. Baixe o motor de popa para descansar na alavanca de suporte de inclinação.
3. Desengate a alavanca de suporte da inclinação, suspendendo o motor de popa para fora da alavanca
de suporte e girando a alavanca para baixo. Baixe o motor de popa.

a- Alavanca do suporte de inclinação


b- Botão

b
27778

por 29
FUNÇÕES E CONTROLES
INCLINAÇÃO MANUAL
Se o motor de popa não puder ser inclinado usando-se o interruptor de compensação/inclinação hidráulicas,
o motor de popa poderá ser inclinado manualmente.
NOTA: A válvula manual de liberação da inclinação deve ser apertada antes da operação do motor de popa
para evitar que ele vire para trás durante uma operação de marcha à ré.
Gire a válvula manual de liberação da inclinação três voltas no sentido anti-horário. Isto permite a inclinação
manual do motor. Incline o motor de popa para a posição desejada e aperte a válvula manual de liberação da
inclinação.

22362

OPERAÇÃO EM ÁGUAS RASAS


Quando estiver operando o seu barco em águas rasas, o motor de popa pode ser inclinado para além da
faixa de compensação máxima para evitar que bata o fundo.
1. Reduza a velocidade do motor para menos de 2.000 RPMs.
2. Incline o motor de popa para cima. Certifique-se de que os orifícios de entrada de água permaneçam
submersos durante todo o tempo.
3. Opere o motor a velocidades baixas apenas. Se a velocidade do motor exceder 2.000 RPMs, o motor
de popa voltará automaticamente para a faixa de compensação máxima.

INTERRUPTOR DE INCLINAÇÃO AUXILIAR


O interruptor de inclinação auxiliar pode ser usado para inclinar o motor de popa para cima ou para baixo
usando o sistema de compensação hidráulica.

a- Interruptor de inclinação auxiliar

2745

30 por
OPERAÇÃO
Amaciamento do motor
! ADVERTÊNCIA
A operação do barco em altas velocidades com o ajuste de compensação do motor de popa feito demais
para fora pode resultar em viragem da proa, resultando na perda do controle do barco pelo operador.
Instale o pino de limite de compensação em uma posição que impeça a compensação em excesso e
opere o barco de maneira segura.

IMPORTANTE: Se os procedimentos de amaciamento não forem seguidos, o motor poderá ter baixo
desempenho por toda a sua vida útil e sofrer danos. Siga sempre os procedimentos de amaciamento.

Procedimento de Amaciamento
Varie sempre as posições do acelerador durante o amaciamento.
1ª hora
• Deixe o motor se aquecer de 30 a 60 segundos.

• Não deixe em marcha lenta por mais de cinco (5) minutos.

• Opere o motor a maior parte do tempo entre 4000 - 4500 RPMs (aproximadamente três quartos da
aceleração).

• Mude a velocidade do motor aproximadamente a cada dois (2) minutos.

• Evite a ajustar a compensação do motor de popa para fora (para cima) além da posição de
compensação vertical durante a operação.

• Evite usar placa hidráulica de elevação (caso instalada) para elevar o motor durante o amaciamento.

Durante as três horas seguintes: Mude a velocidade do motor a cada 10 minutos.

Mistura de Combustível para o Período de Amaciamento do Motor


O módulo de controle de propulsão (PCM) controla a mistura de óleo e combustível durante o amaciamento
do motor.

Lista de verificação antes da partida


Motor abaixado até a posição de funcionamento com todos os furos de entrada de água submersos

Tampa de ventilação do tanque de combustível aberta ou válvula de drenagem do combustível ligada

Suprimento de combustível OK

Interruptor de desligamento por corda na posição de "FUNCIONAMENTO" e conectado

Controle remoto em ponto morto

Travas da tampa superior fixas

Inspecione os itens listados em Cronograma de inspeção e manutenção. Consulte a seção


Manutenção.

por 31
OPERAÇÃO
Operação em Temperaturas de Congelamento
Ao usar seu motor de popa ou quando estiver atracado em temperaturas congelantes ou próximas do
congelamento, mantenha-o sempre inclinado para baixo para que a caixa de engrenagens fique submersa.
Isso impedirá o congelamento da água presa na caixa de engrenagens, o que causaria possível dano à
bomba de água e a outros componentes.
Se houver possibilidade de formação de gelo na água, é necessário retirar o motor de popa da água e drená-
lo completamente. Caso ocorra formação de gelo no nível da água dentro do compartimento do eixo de
transmissão do motor de popa, o fluxo de água para o motor ficará obstruído, possivelmente danificando o
motor.

Operação em Água salgada ou Poluída


Recomendamos que você lave as passagens internas de água do seu motor de popa com água doce toda
vez que você operá-lo em água salgada ou poluída. Isso evitará que o acúmulo de sedimentos obstrua as
passagens de água. Consulte a seção Manutenção - Lavagem do Sistema de Resfriamento.
Se você mantiver o barco atracado na água, incline sempre o motor de popa para que a caixa de
engrenagens fique completamente fora da água (exceto em temperaturas de congelamento) quando não
estiver em uso.
Depois de cada utilização, lave a parte externa do motor de popa e enxágue a saída do escapamento da
hélice e da caixa de engrenagens com água doce. Uma vez por mês, borrife as superfícies metálicas
externas com Mercury Precision ou Quicksilver Corrosion Guard. Não borrife sobre os ânodos de controle de
corrosão, pois isso reduzirá sua eficiência.

Operação em Regiões Elevadas


O seu motor compensa automaticamente para as mudanças de altitude. Uma hélice de inclinação diferente
pode ajudar a reduzir um pouco da perda de desempenho causada pela redução de oxigênio do ar. Consulte
o seu concessionário.

Efeitos da elevação e clima sobre o desempenho


As condições a seguir diminuem o desempenho do motor e não podem ser compensadas pelos sistemas de
controle eletrônico ou de combustível do motor:
• Elevações acima do nível do mar
• Altas temperaturas
• Pressão barométrica baixa
• Umidade elevada

Essas condições acima reduzem a densidade do ar que entra no motor, o que diminui o seguinte:
• Pressão auxiliar em motores supercomprimidos
• Potência e torque em toda a faixa de rotação
• Rotação de pico
• Compressão de partida

EXEMPLO: Um motor que funcione a uma altitude de 8000 pés terá uma perda superior a 30% da potência
enquanto essa perda em um dia quente e úmido pode chegar a 14%. Essas perdas se aplicam normalmente
a motores aspirados e supercomprimidos.
Compensação para condições de roubo de potência:
• Mude para uma hélice com passo inferior.
• Mude a relação de engrenamento.

Um pouco do desempenho do barco pode ser obtido novamente ao se usar uma hélice com passo menor,
porém o desempenho do motor ainda permanecerá inferior. Em alguns casos, a redução da relação de
engrenamento pode ser mais benéfica. Para otimizar o desempenho do motor, equipe o motor com a hélice
correta a fim de permitir a sua operação na extremidade superior do regime recomendado de RPMs
máximas, ou próximo dele, com a aceleração máxima e carga normal no barco.

32 por
OPERAÇÃO
Outras vantagens das mudanças de hélice e relação de engrenamento:
• Reduz a possibilidade de detonação
• Melhora a confiabilidade e a durabilidade geral do motor

Como Ajustar o Ângulo de Inclinação com o Motor em Velocidade de


Marcha Lenta
A submersão do orifício de alívio do escape do motor de popa poderá ocorrer em alguns barcos se você
ajustar a compensação totalmente para dentro durante operação em velocidade de marcha lenta, resultando
em restrição da exaustão, marcha lenta irregular, excesso de fumaça e velas de ignição com fuligem. Se esta
condição ocorrer, ajuste a compensação do motor de popa para cima até que o orifício de alívio do escape
esteja fora da água.

a- Orifício de alívio submerso (errado)


b- Orifício de alívio acima da superfície da
a b água (correto)

2729

Operação em Águas Rasas


Quando estiver operando o seu barco em águas rasas, o motor de popa pode ser inclinado para além da
faixa de compensação máxima para evitar que bata o fundo.

AVISO
Operar o motor com o motor de popa na faixa de inclinação pode danificar o motor ou o gio. Caso opere o
motor na faixa de inclinação, como em águas rasas, não ultrapasse 2000 RPMs.

1. Reduza a velocidade do motor para menos de 2.000 RPMs.


2. Incline o motor de popa para cima. Certifique-se de que os orifícios de entrada de água de
resfriamento permaneçam submersos durante todo o tempo.
3. Opere o motor a velocidades baixas apenas.
Modelos com um sistema de compensação de três aríetes: Se a velocidade do motor exceder 2.000 RPMs, o
motor de popa voltará automaticamente para a faixa de compensação máxima.
Modelos com um sistema de compensação de aríete único: O motor de popa permanecerá na posição de
inclinação selecionada, independentemente de sua rotação.

Como dar partida no motor


AVISO
Sem água de arrefecimento suficiente, o motor, a bomba de água e outros componentes sofrerão
superaquecimento e serão danificados. Durante o funcionamento, as entradas de água precisam receber
um volume adequado de água.

PROCEDIMENTO DE PARTIDA INICIAL


NOTA: Ao ligar um motor novo pela primeira vez ou caso se trate de um motor que tenha ficado sem
combustível ou cujo combustível tenha sido drenado, é necessário abastecer o sistema de combustível da
seguinte forma:

por 33
OPERAÇÃO
1. Posicione a bomba de escorvamento da linha de combustível de forma que a seta ao lado da bomba
esteja apontando para cima. Aperte a bomba de escorvamento da linha de combustível, até que ela
fique firme.
2. Coloque o interruptor da chave de ignição na posição "ON" (ligada) durante três segundos para operar
a bomba de combustível elétrica.
3. Gire o interruptor da chave de ignição de volta para a posição "OFF" (desligada) e aperte a bomba de
injeção até que fique firme. Coloque novamente a chave de ignição na posição "ON" (ligada) durante
três segundos. Continue esse procedimento até que a bomba de escorvamento da linha de
combustível fique firme.
Antes de dar partida, leia a lista de verificação pré-partida e as instruções especiais de operação na seção
Operação.

PROCEDIMENTO DE PARTIDA
1. Baixe o motor de popa para a posição de "FUNCIONAMENTO". Certifique-se de que todos os orifícios
de entrada de água de arrefecimento estejam submersos.

26837

2. Abra o parafuso de ventilação da tampa do bocal de enchimento do tanque de combustível (tanques


de combustível do tipo de ventilação manual).

19748

3. Posicione a bomba de escorvamento da linha de combustível de forma que a seta ao lado da bomba
esteja apontando para cima. Aperte a bomba de injeção da linha de combustível várias vezes até que
esta fique firme.

27348

34 por
OPERAÇÃO
4. Coloque o interruptor de desligamento por corda na posição "RUN" (funcionamento). Leia a
explicação de segurança e advertência do interruptor de desligamento por corda na seção
Informações gerais.

19791

5. Coloque a alavanca de marchas em ponto morto.

26838

6. Não utilize a função de aceleração somente no controle remoto durante partida inicial (se equipado).

27242

7. Gire a chave da ignição para a posição "START" (partida). Solte a chave quando o motor ligar. Se o
motor não ligar em dez segundos, gire a chave para a posição "OFF" (desligar), espere um segundo e
tente novamente.

19804

por 35
OPERAÇÃO
8. Verifique se há um fluxo de água vindo do orifício indicador da bomba de água.

2746

NOTA: O sistema de partida eletrônica acionará (afogará) automaticamente o motor e aumentará a


velocidade de marcha lenta para partida.

AVISO
Operar o motor enquanto estiver superaquecido pode danificá-lo. Se não houver água saindo do orifício
indicador da bomba de água, desligue o motor e verifique se existe alguma obstrução nos furos de entrada
de água de arrefecimento. Se não houver obstrução, isso pode indicar defeito na bomba de água ou
entupimento no sistema de arrefecimento, o que pode superaquecer o motor. Peça a um concessionário
autorizado Mercury Marine que verifique o sistema.

Mudança de Marcha
AVISO
Mudar de marcha enquanto as velocidades do motor estiverem acima da marcha lenta pode danificar a
caixa de engrenagens. Engatar uma marcha enquanto o motor não estiver funcionando pode causar o
desalinhamento da embreagem, impedindo a mudança correta das marchas. Só mude de marcha quando
o motor estiver funcionando em marcha lenta (ponto morto). Se for necessário mudar de marcha enquanto
o motor não está funcionando, gire o eixo da hélice na direção adequada enquanto muda de marcha.

• O seu motor de popa tem três marchas para permitir a operação: para a frente, ponto morto
(desengatado) e marcha à ré.

N
F R

27237

• Para mudar de marcha, pare sempre na posição de ponto morto para permitir que a velocidade do
motor volte para marcha lenta.
• Para engatar uma marcha, use sempre um movimento rápido.
• Depois de engatar a marcha, mova a alavanca mais para a frente para aumentar a velocidade.

36 por
OPERAÇÃO
Desligamento do motor
Reduza a velocidade do motor e coloque o câmbio de marchas em ponto morto. Gire a chave da ignição
para a posição "OFF" (desligada).

26843

por 37
MANUTENÇÃO
Cuidados com o conjunto de potência
! ADVERTÊNCIA
Manutenção, reparos ou inspeções negligentes ou inadequados do conjunto de potência podem resultar
em danos ao produto ou lesões graves ou morte. Execute todos os procedimentos conforme descritos
neste manual. Se você não estiver familiarizado com os procedimentos adequados de serviço ou
manutenção, transfira o trabalho para um concessionário Mercury Marine autorizado.

Para garantir a segurança e manter a confiabilidade, mantenha o conjunto de potência em sua melhor
condição de operação executando as inspeções periódicas e as manutenções indicadas em Cronograma de
inspeção e manutenção. Registre a manutenção executada no Registro de Manutenção na parte de trás
deste livro. Guarde todos os pedidos de trabalho de manutenção e respectivos recibos.

Conjunto de potência submerso


Um conjunto de potência submerso requer serviço imediato por parte de um concessionário autorizado após
a descoberta. Essa atenção imediata é necessária para minimizar danos ao motor causados pela corrosão
interna, uma vez que o motor é exposto ao ar atmosférico.

Peças de reposição para o conjunto de potência


A Mercury recomenda o uso de lubrificantes e peças de reposição originais Mercury Precision.

Regulamentos sobre Emissões da Agência de Proteção Ambiental


dos Estados Unidos (EPA)
Todos os motores de popa novos fabricados pela Mercury Marine são certificados pela EPA (Agência de
Proteção ao Meio Ambiente) dos Estados Unidos e estão de acordo com os requisitos dos regulamentos
para controle de poluição do ar dos novos motores de popa. Esta certificação depende de que a
configuração de certos ajustes seja feita de acordo com os padrões de fábrica. Por esta razão, o
procedimento de fábrica para manutenção do produto deve ser estritamente seguido e sempre que possível,
restituído às características originais do projeto. A manutenção, substituição, ou conserto dos dispositivos e
sistemas de controle de emissão podem ser executados por qualquer estabelecimento ou indivíduo
especializado em reparos de velas de ignição (SI) de motores marítimos.

38 por
MANUTENÇÃO
RÓTULO DE CERTIFICAÇÃO DE EMISSÃO
Um rótulo de certificação de emissão, indicando os níveis de emissão e especificações do motor diretamente
relacionadas às emissões, foi colocado no motor durante a fabricação.

EMISSION CONTROL
a INFORMATION
f
THIS ENGINE CONFORMS TO CALIFORNIA AND U.S. EPA

b
EMISSION REGULATIONS FOR SPARK IGNITION MARINE ENGINES
REFER TO OWNERS MANUAL FOR REQUIRED MAINTENANCE, g
SPECIFICATIONS, AND ADJUSTMENTS

c IDLE SPEED (in gear): FAMILY:


h
hp L HC+NOx:FEL: g/kWh

d kw
SPARK PLUG:
CO FEL: g/kWh
i
GAP:
e LOW PERM/HIGH PERM: j
43210

a- Velocidade de marcha lenta


b- Potência do motor
c- Deslocamento do pistão
d- Potência do motor - quilowatts
e- Data de fabricação
f- Número da família
g- Limite de emissão regulado para a família do motor
h- Limite de emissão regulado para a família do motor
i- Abertura e vela de ignição recomendadas
j- Porcentagem de permeação da linha de combustível

RESPONSABILIDADE DO PROPRIETÁRIO
O proprietário ou operador deve se certificar de que o motor passa pelas manutenções de rotina para manter
o nível de emissão dentro dos padrões de certificação indicados.
O proprietário ou usuário não deve modificar o motor de qualquer forma que possa alterar os níveis de
potência ou de emissão excedendo as especificações predeterminadas de fábrica.

Cronograma de inspeção e manutenção


ANTES DE CADA USO
• Verifique se o interruptor de desligamento por corda desliga o motor.
• Verifique se existem componentes tortos ou soltos no sistema de direção.
• Verifique se o motor de popa está bem preso ao gio. Caso seja observado que o motor de popa ou os
elementos de fixação não estão devidamente apertados, aperte-os novamente com o torque
especificado. Quando estiver em busca de sinais de componentes soltos, verifique se há perda de
material ou tinta no suporte do gio causada pelo movimento entre os elementos de fixação de
montagem do motor de popa e os suportes do gio. Além disso, verifique se há sinais de movimento
entre os suportes do motor e do gio (placa de elevação/suporte de fixação para trás).

Descrição Nm lb-in. lb-ft


Contraporcas e parafusos de montagem do motor de popa – gio padrão para
75 55
barcos
Contraporcas e parafusos de montagem do motor de popa – placas de metal de
122 90
elevação e suportes de fixação para trás
• Verifique se existem danos nas lâminas da hélice.

por 39
MANUTENÇÃO
• Verifique visualmente se há desgaste em todas as mangueiras, braçadeiras, conexões, gaxetas de
vedação e peças de montagem.

APÓS CADA USO EM ÁGUAS POLUÍDAS OU SALGADAS


• Lave todas as passagens internas com água doce.
• Lave a parte externa do conjunto de potência (tampa, seção intermediária e caixa de engrenagens)
com água doce.
• Lave a hélice e a saída do escape da caixa de engrenagens com água doce.
• Remova a tampa e limpe qualquer pulverização de água salgada com um pano úmido.

A CADA 25 HORAS OU A CADA 30 DIAS DE USO EM ÁGUA SALGADA OU


POLUÍDA
• Pulverize o cabeçote de potência e todas as superfícies de metal externas e não pintadas (exceto os
ânodos) com Corrosion Guard.

Nº de ref.
Descrição Onde é Usado Nº de peça
do tubo
Cabeçote de potência e todas as
Proteção contra
120 superfícies de metal externas e não 92-802878Q55
corrosão
pintadas (exceto os ânodos)

A CADA 25 HORAS OU A CADA 30 DIAS, O QUE OCORRER PRIMEIRO


• Inspecione visualmente o aperto das travas da tampa lateral e dianteira. Aperte se for necessário.
• Inspecione visualmente os sistemas de combustível e óleo procurando por deterioração ou
vazamentos.
• Verifique visualmente se há desgaste dos fixadores da haste de ligação da direção. Lubrifique todos
os componentes (consulte Manual de Instalação para obter as especificações de lubrificação).
Verifique o torque adequado de todas as peças de fixação.
• Verifique o nível e a condição do lubrificante da caixa de engrenagens.
• Verifique a tensão da correia do alternador.

A CADA 50 HORAS OU A UMA VEZ POR ANO, O QUE OCORRER PRIMEIRO


• Lubrifique todos os pontos de lubrificação.
• Lubrifique as ranhuras do eixo de tração.
• Lubrifique o comprimento inteiro do eixo de transmissão com graxa anticorrosão.

Nº de ref.
Descrição Onde é Usado Nº de peça
do tubo
Comprimento inteiro do eixo de
94 Graxa Anticorrosão 92-802867 Q1
transmissão.
• Lubrifique as ranhuras do eixo da hélice.
• Drene e volte a encher a caixa de engrenagens com lubrificante.
• Verifique se há deterioração em todas as correias, polias e polias loucas.
• Verifique a pressão do combustível.
• Verifique os ajustes do cabo de controle.
• Inspecione a bateria.
• Verifique os ânodos de controle de corrosão.
• Verifique se os parafusos, porcas e outros elementos de fixação estão bem apertados.

40 por
MANUTENÇÃO
• Verifique o fluido de compensação hidráulica.
• Remova os sedimentos do motor com Power Tune Engine Cleaner (Produto de limpeza do motor e
afinador de potência).

Nº de ref.
Descrição Onde é Usado Nº de peça
do tubo
Produto para limpeza
de motor Power Tune
151 Use para remover os depósitos do motor 92-858080Q03
(Power Tune Engine
Cleaner)

A CADA 100 HORAS OU A UMA VEZ POR ANO, O QUE OCORRER


PRIMEIRO
• Aperte novamente os elementos de montagem do motor de popa que prendem o motor ao gio. Aperte
os elementos de fixação com o torque especificado.1.

Descrição Nm lb-in. lb-ft


Contraporcas e parafusos de montagem do motor de popa – gio padrão para
75 55
barcos
Contraporcas e parafusos de montagem do motor de popa – placas de metal de
122 90
elevação e suportes de fixação para trás
• Substitua a hélice da bomba de água (com maior frequência se ocorrer superaquecimento ou se for
detectada uma redução na pressão da água).1.
• Substitua as velas de ignição depois das primeiras 100 horas ou do primeiro ano. Depois disso,
inspecione as velas a cada 100 horas ou uma vez por ano. Substitua as velas sempre que necessário.
• Substitua o filtro de separação de água do combustível.
• Use QuicKleen no combustível.
• Verifique se as vedações da tampa estão intactas e sem danos.
• Verifique se a espuma interna de isolamento sonoro da tampa (se equipado) está intacta e sem
danos.
• Verifique se o silencioso de admissão (se equipado) está no lugar certo.
• Verifique se o abafador de alívio de marcha lenta (se equipado) está no lugar certo.
• Verifique se há braçadeiras de mangueiras ou foles de borracha soltos (se equipado) no conjunto de
admissão de ar.

A CADA 100 HORAS DE OPERAÇÃO


• Verifique se há lascas ou trincas nas palhetas de fibra de carbono.

ANTES DOS PERÍODOS DE ARMAZENAMENTO


• Consulte a seção Armazenamento.

1. Se for necessária assistência técnica, estes itens deverão ser levados a um concessionário autorizado.

por 41
MANUTENÇÃO
Como lavar o sistema de arrefecimento (cabeçote de potência)
Lave as passagens internas de água do motor com água doce, após cada uso em água salgada, poluída ou
barrenta. Isso ajudará a evitar que o acúmulo de sedimentos entupa as passagens internas de água.

a
b 2730

a- Tampão localizado na conexão


b- Mangueira de água.

1. Remova o tampão da conexão na tampa inferior.


2. Conecte uma mangueira de água na conexão. Ligue a água e lave por três a cinco minutos.
NOTA: O motor pode ser desligado ou pode trabalhar a velocidade de marcha lenta durante a lavagem do
sistema de arrefecimento. Não lave o motor usando um sistema de água que exceda 310 kPa (45 psi).

Como lavar o sistema de arrefecimento (Unidade inferior)


! ADVERTÊNCIA
Hélices em movimento podem causar ferimentos graves ou morte. Nunca opere o barco fora da água com
uma hélice instalada. Antes de instalar ou remover uma hélice, coloque a unidade de tração em ponto
morto e acione o interruptor de desligamento por corda para impedir a partida do motor. Coloque um bloco
de madeira entre a lâmina da hélice e a placa antiventilação da unidade de tração de popa.

a b
d d
2731

a- Caixa de engrenagens Fleet Master e Torque Master


b- Caixas de engrenagens Sport Master
c- Mangueira de água.
d- Acessórios de lavagem

1. Retire a hélice. Consulte a seção Substituição da hélice.


2. Caixas de engrenagem Fleet Master e Torque Master – Instale o acessório de lavagem adequado
para que os copos de borracha se encaixem firmemente sobre os furos de entrada do suporte. Fixe a
vedação de lavagem de água dupla sobre as entradas da extremidade.

42 por
MANUTENÇÃO
3. Caixas de engrenagem Sport Master – Instale o acessório de lavagem adequado de modo que o copo
do cone da extremidade se encaixe firmemente nos furos de entrada.
4. Conecte uma mangueira de água ao acessório de lavagem. Ligue a água e ajuste o fluxo de forma
que a água esteja vazando à volta dos copos de borracha ou copo do cone da extremidade para
assegurar que o motor recebe o suprimento de água de arrefecimento adequado.
5. Ligue o motor e deixe-o trabalhar à velocidade de marcha lenta com o câmbio de marchas na posição
de ponto morto.
6. Ajuste o fluxo de água de forma que o excesso de água continue a vazar à volta dos copos de
borracha ou copo do cone da extremidade para assegurar que o motor está recebendo o suprimento
de água de arrefecimento adequado.
7. Verifique se há um fluxo de água vindo do orifício indicador da bomba de água. Continue irrigando o
motor de popa por três a cinco minutos, monitorando cuidadosamente o suprimento de água durante
todo o tempo.
8. Desligue o motor, desligue a água e remova o acessório de lavagem. Volte a instalar a hélice.

Remoção e instalação da tampa superior


REMOÇÃO
Solte os trincos dianteiro e lateral da tampa. Levante a tampa superior do motor de popa.

2732

INSTALAÇÃO
Posicione a tampa superior sobre o motor. Verifique se a vedação de borracha inferior está encaixada
corretamente e trave os trincos dianteiro e lateral.

Cuidados para Limpeza da Tampa Superior


IMPORTANTE: A limpeza a seco (limpeza da superfície plástica quando seca) resultará em pequenos
arranhões na superfície. Molhe sempre a superfície antes de limpá-la. Siga o procedimento de limpeza e
enceramento.

PROCEDIMENTO DE LIMPEZA E ENCERAMENTO


1. Antes de lavar, enxágüe a tampa superior com água limpa para remover a sujeira e a poeira que
podem arranhar a superfície.
2. Lave a tampa superior com água limpa e sabão neutro não abrasivo. Use um pano limpo e macio ao
lavar.
3. Seque cuidadosamente com p pano limpo e macio.
4. Encere a superfície com cera automotiva não abrasiva (cera própria para acabamentos de
revestimento claro). Usando um pano limpo e macio, remova à mão a cera aplicada.

por 43
MANUTENÇÃO
Sistema de combustível
INFORMAÇÕES DE SERVIÇO DO SISTEMA DE COMBUSTÍVEL

! ADVERTÊNCIA
O combustível é inflamável e explosivo. Certifique-se de que a chave esteja na posição desligada e a
corda de desligamento do motor posicionada de forma que o motor não possa ser ligado. Durante a
manutenção, não fume nem permita fontes de faíscas ou chamas abertas na área. Mantenha a área de
trabalho bem ventilada e evite a exposição prolongada aos vapores. Verifique sempre se existem
vazamentos antes de tentar ligar o motor e limpe qualquer combustível derramado imediatamente.

IMPORTANTE: Utilize um recipiente aprovado para armazenar o combustível. Limpe imediatamente


qualquer combustível derramado. O material utilizado para limpar o combustível derramado deve ser
colocado dentro de um recipiente aprovado.
Antes de fazer a manutenção de qualquer parte do sistema de combustível:
• Desligue o motor e desconecte a bateria.
• Retire todo o combustível do sistema.
• A manutenção do sistema de combustível deve ser sempre realizada em uma área bem ventilada.
• Depois de completar a manutenção, verifique sempre se existe qualquer sinal de vazamento de
combustível.

INSPEÇÃO DA LINHA DE COMBUSTÍVEL


Verifique visualmente se existem rachaduras, vazamentos, endurecimento ou outros sinais de deterioração
nas linhas de combustível e na bomba de injeção. Se encontrar qualquer uma destas condições, a linha de
combustível ou a bomba de injeção devem ser substituídas.

FILTRO DE COMBUSTÍVEL DE SEPARAÇÃO DE ÁGUA


Este filtro remove a umidade e resíduos do combustível. Se o filtro ficar cheio de água, a água pode ser
removida. Se o filtro ficar entupido com resíduos, substitua o filtro. O sistema de advertência é ativado
quando a água no filtro de combustível atingir o nível máximo. Consulte a seção Sistema de advertência em
Funções e controles.
Consulte a seção Cronograma de inspeção e manutenção para obter informações sobre o intervalo de
manutenção adequado.

44 por
MANUTENÇÃO
Remoção

a- Vedações do anel em O
b- Filtro
c- Ressaltos elevados

a
b

2733
1. Desconecte o tirante da ligação.
2. Use a haste de uma chave de fenda entre os ressaltos do tampão do filtro e desrosqueie o filtro.

Instalação
1. Lubrifique os anéis de vedação (o-rings) com óleo.
2. Instale o filtro de combustível e aperte-o bem.
3. Reconecte o tirante da ligação.
IMPORTANTE: Verifique visualmente se existem vazamentos no filtro apertando a bomba de escorva até
que esta esteja firme, forçando combustível para dentro do filtro.

COMO DRENAR A ÁGUA DA CÂMARA DO FILTRO DE COMBUSTÍVEL


NOTA: Se ocorrer um acúmulo significativo de água na câmara do filtro de combustível, o sistema de
advertência será acionado. É necessário drenar a água da câmara do filtro de combustível.
1. Puxe a mangueira de drenagem para fora do encaixe do lado direito. Segure a extremidade aberta da
mangueira sobre um recipiente.
2. Solte o parafuso de drenagem e drene a câmara do filtro de combustível.
NOTA: Se pouco ou nenhum líquido drenar da mangueira, desaperte o filtro vermelho para ventilar a
câmara.

por 45
MANUTENÇÃO
3. Reaperte o parafuso de drenagem e reconecte a mangueira.

b
a
c

29600

a- Mangueira de drenagem
b- Ponto de lubrificação lateral
c- Parafuso de drenagem

IMPORTANTE: Verifique visualmente se existem vazamentos de combustível no parafuso de drenagem


apertando a bomba de injeção até que ela esteja firme, forçando o combustível para dentro da câmara.

Peças de Fixação da Haste de Ligação da Direção


IMPORTANTE: O tirante de ligação da direção que liga o cabo da direção ao motor deve ser fixado usando
parafusos e arruelas especiais (Nº/P 10-849838) e contraporcas de autotravamento de náilon (Nº/P
11-826709113). Estas contraporcas nunca devem ser substituídas por porcas normais (que não sejam de
autotravamento) pois estas podem ficar soltas e causar vibrações, soltando o tirante da ligação e causando o
desengate.

! ADVERTÊNCIA
Peças incorretas de fixação ou procedimentos incorretos de instalação podem resultar no afrouxamento
ou desengate do tirante de ligação da direção. Isso pode causar uma perda inesperada e repentina do
controle do barco, resultando em ferimentos graves ou morte pois os ocupantes podem ser jogados para
fora do barco. Use sempre os componentes exigidos e siga as instruções e procedimentos de torque.

46 por
MANUTENÇÃO
! ADVERTÊNCIA
Os componentes de direção desgastados, soltos ou presos podem levar à perda do controle do barco.
Inspecione todos os componentes de ligação da direção quanto a desgastes, lubrifique todas as peças de
ligação e verifique se todas as peças de fixação estão apertadas ao torque correto de acordo com o
cronograma de inspeção e manutenção.

d
b
2767

a- Parafuso especial de cabeça com arruela (10-849838)


b- Contraporca de náilon – usada no parafuso de cabeça (Nº/P 11-826709113)
c- Arruela chata (2)
d- Contraporca de náilon – usada no acoplador do cabo (Nº/P 11-826709113)

1. Monte o tirante de ligação da direção no acoplador do cabo da direção com duas arruelas chatas "c" e
uma contraporca de náilon de autotravamento "d". Aperte a contraporca até o fim e, em seguida,
desaperte ¼ de volta.
2. Monte o tirante de ligação da direção no motor com o parafuso de cabeça com arruela especial "a" e a
contraporca de náilon de autotravamento "b".
3. Aperte o parafuso de cabeça e, depois, aperte a contraporca, ambos de acordo com as
especificações de torque.

Descrição Nm lb in. lb ft
Acoplador do Cabo Contraporca de Aperte a contraporca até o fim e, em seguida, desaperte ¼ de
Náilon "d" volta.
Contraporca de Náilon do Parafuso
27 20
de Cabeça "b".
Parafuso especial de cabeça com
27 20
arruela

Fusíveis
IMPORTANTE: Tenha sempre fusíveis sobressalentes de 5 e de 20 A.
Os circuitos das ligações elétricas do motor são protegidos contra sobrecarga por fusíveis. Se um fusível
queimar, localize e corrija a causa da sobrecarga. Se a causa não for encontrada, o fusível poderá queimar
outra vez.
1. Abra o porta-fusível e olhe para a fita prateada dentro do fusível. Se a fita estiver partida, substitua o
fusível.
2. Substitua-o por um novo de mesma capacidade.

por 47
MANUTENÇÃO
Os fusíveis e circuitos são identificados, da seguinte maneira:

d
a b
c 2 5
e

d g

20
20 20

h f
37415

a- Fusível em bom estado


b- Fusível queimado
c- Circuito de diagnóstico – fusível de 2 A
d- Ranhura do fusível sobressalente
e- Circuito do barramento de dados SmartCraft – fusível de 5 A
f- Circuito da bobina de ignição – fusível de 20 A
g- Acessórios/interruptor de inclinação montado na tampa/energia de acionamento para o ECM - fusí‐
vel de 20 A
h- Circuito da bomba de combustível elétrica/alimentação do acionador do ECM/injetores/bomba de
óleo – fusível de 20 A

Ânodo de proteção contra de corrosão


AVISO
Os ânodos feitos de ligas de alumínio sem pureza suficiente podem não proteger adequadamente os
componentes críticos do acionamento contra corrosão. Recomendamos o uso de ânodos vendidos apenas
através do serviço de Peças da Mercury Precision.

Os ânodos ajudam a proteger o conjunto de potência contra a corrosão galvânica sacrificando o seu metal
que é corroído lentamente em vez dos outros metais.

48 por
MANUTENÇÃO
Esse modelo tem três ânodos de controle de corrosão—dois acima e um abaixo da placa anti-ventilação. Um
quarto ânodo está localizado na parte inferior do conjunto suporte articulado/braçadeira.

a- Ânodos de controle de corrosão (três


na caixa de engrenagens)
b- Ânodo de controle de corrosão (um no
suporte articulado/braçadeira)
a

b
2736
Todos os ânodos requerem inspeção periódica, especialmente em água salgada (consulte Cronograma de
inspeção e manutenção). Substitua qualquer ânodo antes que esteja 50% corroído. Nunca pinte nem aplique
um revestimento de proteção no ânodo, pois isto reduzirá a eficácia deste.

Inspeção e substituição da vela de ignição


! ADVERTÊNCIA
Protetores de conectores de velas danificados podem permitir a emissão de centelhas capazes de causar
a ignição de vapores de combustível sob a tampa do motor, resultando em ferimentos graves ou morte
devido ao incêndio ou à explosão. Para evitar danificar a proteção do conector da vela de ignição, não use
nenhum objeto afiado ou ferramenta metálica para removê-lo.

1. Retire os fios das velas. Torça ligeiramente os protetores de borracha dos conectores e puxe-os para
fora.

26899

2. Remova as velas de ignição para inspecioná-las. Substitua a vela de ignição se o eletrodo estiver
desgastado ou se o isolador estiver irregular, trincado, quebrado ou com bolhas ou se o metal
precioso não estiver visível no eletrodo da vela.

por 49
MANUTENÇÃO
IMPORTANTE: A cor da vela pode não refletir sua condição com precisão. Para diagnosticar uma vela com
defeito com precisão, inspecione o metal precioso em seu eletrodo. Se não houver metal precioso visível,
substitua a vela.

9381

a- Metal precioso

3. Regule a folga da vela de ignição de acordo com as especificações.

27848

4. Antes de reinstalar as velas, limpe completamente a sujeira das sedes das velas. Instale as velas
apertando-as com as mãos, depois com 1/4 de volta ou com os torques especificados.

Descrição Nm lb-in. lb-ft


Vela de ignição 27 20

Inspeção da Bateria
A bateria deverá ser inspecionada em intervalos periódicos para garantir a capacidade de arranque
adequada do motor.
IMPORTANTE: Leia as instruções de segurança e de manutenção que acompanham a sua bateria.
1. Desligue o motor antes de fazer a manutenção da bateria.
2. Certifique-se de que a bateria esteja bem presa para que não se movimente.
3. Os terminais dos cabos da bateria devem estar limpos, bem apertados e instalados corretamente. O
terminal positivo no polo positivo e o negativo no polo negativo.
4. Certifique-se de que a bateria esteja equipada com um protetor não condutivo para evitar curtos-
circuitos acidentais dos terminais da bateria.

50 por
MANUTENÇÃO
Fusível do sistema de carga
Esse modelo tem um fusível de 100 A entre o alternador e o prisioneiro de +12 volts. Esse fusível protege o
alternador contra danos devido a conexão invertida acidental da bateria. Se os cabos da bateria forem
invertidos, o fusível cria um circuito aberto protegendo o alternador. Com o fusível aberto, o motor pode
partir, entretanto, o tempo de funcionamento é limitado porque o alternador não está carregando a bateria do
barco. Se o circuito do fusível ficar aberto, entre em contato com o concessionário autorizado Mercury
Marine.

3797

Substituição da Hélice
1. Mova a alavanca de controle para a posição de ponto morto.
2. Endireite as lingüetas do retentor da porca da hélice.

26900

por 51
MANUTENÇÃO
3. Coloque um bloco de madeira entre a caixa de engrenagens e a hélice para bloquear a hélice e retirar
a porca da hélice.

29592

4. Puxe a hélice diretamente para fora do eixo. Se a hélice estiver presa no eixo e não puder ser
removida, providencie a sua remoção por um revendedor autorizado.
5. Para auxiliar na remoção futura da hélice, aplique uma camada generosa dos seguintes produtos
Mercury/Quicksilver nas ranhuras do eixo da hélice:

Nº de ref.
Descrição Onde é Usado Nº de peça
do tubo

94 Graxa Anticorrosão Ranhuras do eixo da hélice 92-802867 Q1

Lubrificante Marítimo
95 Ranhuras do eixo da hélice 92-802859Q 1
2-4-C com Teflon
6. Hélices de Cubo de Tração Flo-Torq II - Instale o cubo de impulso de avanço, a camisa da tração
substituível, a hélice, o cubo de impulso, retentor da porca da hélice e porca da hélice no eixo.

a b c f a- Porca da hélice
e b- Retentor da porca da hélice
c- Cubo de Impulso
d- Hélice
e- Camisa de tração substituível
f- Cubo de impulso de avanço

d 26941

7. Coloque um bloco de madeira entre a caixa de engrenagens e a hélice e aperte aplicando um torque
de acordo com as especificações.

Descrição Nm lb. in. lb/pé


Porca da hélice 75 55
8. Prenda a porca da hélice dobrando as três abas para dentro das ranhuras do cubo de empuxo.

26945

52 por
MANUTENÇÃO
Pontos de lubrificação

34 95

34

95
7723

Nº de ref. do
Descrição Onde é Usado Nº de peça
tubo
Extremidades esféricas do tirante de
34 Special Lubricant 101
compensação
Lubrificante marítimo Eixo da hélice, Suporte articulado, alavanca
95 2-4-C com Teflon de suporte de inclinação, tubo de inclinação

NOTA: Gire as extremidades esféricas para injetar lubrificantes dentro dos soquetes das esferas. Lubrifique
através das graxeiras.

por 53
MANUTENÇÃO
! ADVERTÊNCIA
A lubrificação incorreta dos cabos pode causar o travamento hidráulico, resultando em ferimentos graves
ou morte devido à perda de controle do barco. Retraia completamente a ponta do cabo de direção antes
de aplicar o lubrificante.

110

95

95
110
95

7727

Nº de ref. do
Descrição Onde é Usado Nº de peça
tubo
Lubrificante marítimo Cabo da direção e graxeira na polia do
95 2-4-C com Teflon tensionador da correia
Óleo para motor de
110 popa de 4 tempos Cabo da direção
10W30

Verificação do Fluido de Compensação Hidráulica


1. Incline o motor de popa para a posição superior máxima e engate a alavanca do suporte de
inclinação.

27877

54 por
MANUTENÇÃO
2. Remova o tampão do bocal de enchimento e verifique o nível do fluido. O nível de fluido deverá estar
nivelado com a parte inferior do bocal de abastecimento. Adicione os Lubrificantes Quicksilver ou
Mercury Precision ou Fluido de Direção no Compensador Hidráulico. Se não estiver disponível, use
fluido de transmissão automática automotiva (ATF).

28460

Nº de ref.
Descrição Onde é Usado Nº de peça
do tubo
Fluido de
Compensação
114 Sistema de compensação hidráulica 92-802880Q1
Hidráulica e de
Direção

Lubrificação da caixa de engrenagens


Verifique se existe água no lubrificante quando adicionar ou trocar o lubrificante da caixa de engrenagens. Se
houver água, esta pode ter se acumulado na parte inferior e será eliminada antes do lubrificante, ou pode se
misturar com o lubrificante adquirindo uma aparência leitosa. Se notar a existência de água, leve o motor ao
seu concessionário para que ele verifique a caixa de engrenagens. A existência de água no lubrificante pode
provocar defeitos prematuros nos mancais ou, durante períodos de temperaturas extremamente baixas,
congelará e danificará a caixa de engrenagens.
Verifique se existem partículas de metal no lubrificante da caixa de engrenagens. Uma pequena quantidade
de partículas de metal indica um desgaste normal das engrenagens. Uma quantidade excessiva de metal, ou
de partículas maiores (pedaços) pode indicar um desgaste anormal das engrenagens e deve ser verificado
por um concessionário autorizado.

DRENAGEM DA CAIXA DE ENGRENAGENS


1. Coloque o motor de popa na posição de funcionamento vertical.
2. Retire a hélice. Consulte a seçãoSubstituição da Hélice.
3. Coloque um recipiente para drenagem sob o motor de popa.

por 55
MANUTENÇÃO
4. Retire os tampões de ventilação e tampão de enchimento/drenagem e drene o lubrificante.

a
22692

a- Tampão de ventilação
b- Tampão de enchimento/drenagem

CAPACIDADE DE LUBRIFICANTE DA CAIXA DE ENGRENAGENS


A capacidade de lubrificante da caixa de engrenagem é de, aproximadamente,970 ml (32.8 fl. oz.).

RECOMENDAÇÃO DE LUBRIFICANTE PARA A CAIXA DE ENGRENAGENS


Lubrificante para Engrenagens de Alto Desempenho Mercury ou Quicksilver.

VERIFICAÇÃO DO NÍVEL DE LUBRIFICANTE E REABASTECIMENTO DA


CAIXA DE ENGRENAGENS
1. Coloque o motor de popa na posição de funcionamento vertical.
2. Remova o tampão de ventilação/arruela de vedação.
3. Remova o tampão de enchimento/drenagem. Coloque o tubo do lubrificante dentro do orifício de
enchimento e adicione lubrificante até que este apareça no orifício de ventilação.

22693

a- Orifício de ventilação
b- Orifício de enchimento

IMPORTANTE: Substitua as arruelas de vedação se estiverem danificadas.


4. Pare de adicionar o lubrificante. Instale o tampão de ventilação e a arruela de vedação antes de
remover o tubo do lubrificante.

56 por
MANUTENÇÃO
5. Retire o tubo do lubrificante e volte a instalar o tampão de enchimento/drenagem e a arruela de
vedação.

por 57
ARMAZENAMENTO
Preparação para armazenamento
A consideração principal ao preparar o seu motor de popa para o armazenamento é protegê-lo contra
ferrugem, corrosão e danos causados pelo congelamento de água aprisionada.
Os seguintes procedimentos de armazenamento devem ser seguidos para preparar o seu motor de popa
para o armazenamento fora da temporada ou para o armazenamento por um período de tempo prolongado
(dois meses ou mais).

AVISO
Sem água de arrefecimento suficiente, o motor, a bomba de água e outros componentes sofrerão
superaquecimento e serão danificados. Durante o funcionamento, as entradas de água precisam receber
um volume adequado de água.

SISTEMA DE COMBUSTÍVEL.
IMPORTANTE: A gasolina que contém álcool (etanol ou metanol) pode causar a formação de ácido durante
o armazenamento e pode danificar o sistema de combustível. Se a gasolina que estiver sendo utilizada
contiver álcool, é aconselhável drenar, ao máximo possível, a gasolina restante do depósito de combustível,
linha de combustível remota e do sistema de combustível do motor.
O método mais eficaz para o preparo de armazenamento é acrescentar no tanque de combustível a
quantidade recomendada de Estabilizador de Combustível Mercury Precision e produtos Mercury Precision
Quickleen, conforme foi descrito nos seus recipientes, antes da última operação do barco. A adição do Fuel
Stabilizer (estabilizador de combustível) ajudará a impedir a formação de uma película e goma na gasolina.
O produto Mercury Precision Quickleen ajudará a limpar e lubrificar os injetores de combustível.
1. Tanque de combustível portátil - Coloque as quantidades necessárias de estabilizador de gasolina
dentro do tanque de combustível (siga as instruções existentes na embalagem do produto). Incline o
tanque de combustível para frente e para trás a fim de misturar o estabilizador com o combustível.
2. Tanque de combustível instalado permanentemente - Coloque a quantidade necessária de
Estabilizador de Gasolina Quicksilver (siga as instruções contidas nas embalagens) dentro de um
recipiente separado e misture com aproximadamente um litro de gasolina. Coloque esta mistura
dentro do tanque de combustível.
3. Puxe a mangueira de drenagem para fora do encaixe do lado direito. Segure a extremidade aberta da
mangueira sobre um recipiente. Solte o parafuso de drenagem e drene a câmara do filtro de
combustível.
NOTA: Se pouco ou nenhum líquido drenar da mangueira, solte o filtro vermelho para ventilar a câmara.

a- Parafuso de drenagem
b- Mangueira de drenagem
c- Encaixe do lado direito

c
a

b
28956
4. Reaperte o parafuso de drenagem e reconecte a mangueira.

58 por
ARMAZENAMENTO
5. Puxe a mangueira de drenagem para fora do encaixe esquerdo. Segure a extremidade aberta da
mangueira sobre um recipiente, solte o parafuso de drenagem e drene a câmara da bóia. Reaperte o
parafuso de drenagem e reconecte a mangueira.

a- Encaixe esquerdo
b- Parafuso de drenagem
c- Mangueira de drenagem

a
b
c

29451
6. Misture previamente os seguintes componentes em um recipiente:
• 8 cm3 (0.27 oz) ou 2 colheres de chá de lubrificante Mercury Precision Quickleen.
• 8 cm3 (0.27 oz) ou 2 colheres de chá de estabilizador de combustível Mercury Precision.
7. Remova o filtro de combustível. Consulte a seção Manutenção – Sistema de Combustível.
8. Coloque a mistura pela abertura do filtro de combustível.
9. Recoloque o filtro de combustível.
10. Acione o sistema de combustível, conforme indicado no tópico Operação - Como Dar Partida no
Motor.
11. Coloque o motor de popa na água ou use o acessório de enxágüe para permitir a circulação da água
de arrefecimento. Dê partida no motor e deixe-o funcionar em velocidade de marcha lenta por cinco
minutos, para permitir que o combustível tratado preencha o sistema de combustível.

Como proteger os componentes internos do motor


NOTA: Assegure-se de que o sistema de combustível foi preparado para o armazenamento. Consulte a
seção Sistema de combustível, anterior.
IMPORTANTE: Consulte a seção Inspeção e substituição da vela de ignição para obter informações sobre o
procedimento correto para remover os cabos das velas de ignição.
1. Remova as velas de ignição. Adicione aproximadamente 30 ml (1 oz.) de óleo de motor ou injete um
spray de cinco segundos de vedador de armazenamento em cada orifício das velas de ignição.
2. Gire o volante manualmente, várias vezes, para distribuir o óleo ou vedador para armazenamento nos
cilindros.
3. Recoloque as velas de ignição.

Como Proteger os Componentes Externos do Motor de Popa


• Lubrifique os componentes do motor de popa indicados em Manutenção - Cronograma de Inspeção e
Manutenção.
• Retoque qualquer área onde a tinta esteja descascada. Consulte o seu concessionário para obter a
tinta para o retoque.
• Borrife as superfícies metálicas externas com um lubrificante de proteção contra corrosão Quicksilver
ou Mercury Precision (exceto os ânodos de controle de corrosão).

por 59
ARMAZENAMENTO
Nº de ref.
Descrição Onde é Usado Nº de peça
do tubo
Proteção contra
120 Superfícies de metal externas 92-802878Q55
corrosão

Caixa de câmbio
• Drene e volte a encher a caixa de engrenagens com lubrificante (consulte a seção Lubrificação da
Caixa de Câmbio).

Posicionamento do motor de popa para o armazenamento


Guarde o motor de popa na posição vertical para permitir que a água seja drenada.

AVISO
Armazenar o motor de popa em posição inclinada pode danificá-lo. A água retida nas passagens de
resfriamento ou água da chuva retida nas saídas de escapamento da hélice ou na caixa de engrenagens
pode congelar. Armazene o motor de popa na posição totalmente para baixo.

Armazenamento da bateria
• Siga as instruções do fabricante da bateria para fazer o armazenamento e a recarga.
• Remova a bateria do barco e verifique o nível de água. Se for necessário, recarregue a bateria.
• Armazene-a em um local fresco e seco.
• Durante o armazenamento, verifique periodicamente o nível de água e dê uma recarga na bateria.

60 por
SOLUÇÃO DE PROBLEMAS
O Motor de Arranque não Liga o Motor
CAUSAS POSSÍVEIS
• O fusível de 20 A do circuito de partida queimou. Consulte a seção Manutenção.
• O câmbio de marchas do motor de popa não está em ponto morto.
• A bateria está fraca ou as suas conexões estão soltas ou corroídas.
• O interruptor da chave de ignição está com defeito.
• Falha nos fios ou na conexão elétrica.
• Defeito no solenóide do motor de arranque ou solenóide escravo.

O motor não liga


CAUSAS POSSÍVEIS
• O interruptor de desligamento por corda não está na posição "RUN" (funcionamento).
• A bateria não está completamente carregada.
• O procedimento de partida incorreto. Consulte a seçãoOperação .
• O combustível está velho ou contaminado.
• O combustível não está chegando ao motor.
• O tanque de combustível está vazio.
• A ventilação do tanque de combustível não está aberta ou está obstruída.
• A mangueira de combustível está desconectada ou dobrada.
• A bomba de injeção não foi apertada.
• A válvula de retenção da bomba de injeção está com defeito.
• O filtro de combustível está obstruído. Consulte a seçãoManutenção .
• Há um defeito na bomba de combustível.
• O filtro do tanque de combustível está obstruído.
• Fusível de 20 A queimado. Verifique os fusíveis, consulte a seçãoManutenção .
• A conexão com roscas da mangueira de ar está solta.
• Algum dos componente do sistema de ignição falhou.
• As velas de ignição estão sujas ou com defeito. Consulte a seçãoManutenção .

O Motor Funciona Irregularmente


CAUSAS POSSÍVEIS
• As velas de ignição estão sujas ou com defeito. Consulte a seçãoManutenção .
• Configuração e ajustes incorretos.
• O combustível não está chegando ao motor.
a. O filtro de combustível do motor está obstruído. Consulte a seçãoManutenção .
b. O filtro do tanque de combustível está obstruído.
c. A válvula anti-sifão do tanque de combustível embutido emperrada.
d. A linha de combustível está dobrada ou comprimida.
e. Injetor entupido.
• A conexão com roscas da mangueira de ar está solta.
• Há um defeito na bomba de combustível.
• Algum dos componente do sistema de ignição falhou.

por 61
SOLUÇÃO DE PROBLEMAS
Perda de Rendimento
CAUSAS POSSÍVEIS
• O acelerador não está totalmente aberto.
• A hélice está danificada ou é de tamanho incorreto.
• Barco com excesso de carga ou a carga foi distribuída incorretamente.
• Água excessiva no porão.
• O fundo do barco está sujo ou danificado.
• Falha da buzina de advertência.
• Falha do sensor de pressão do bloco do motor ou sensor de temperatura do fluido de arrefecimento (o
Guardian está ativado).
• Filtro ou sistema de combustível restringido (perda de combustível ou pressão de ar).

A buzina de advertência é ativada (com a perda de potência)


CAUSAS POSSÍVEIS
• Som intermitente da buzina:
• O nível do óleo no tanque de óleo montado no motor está baixo. Reabasteça o tanque
reservatório e o tanque de óleo remoto. Consulte Combustível e óleo para obter informações.
• A tensão da bateria está fora dos limites.
• Falha do sensor da posição do acelerador.
• Som contínuo da buzina:
• O nível do óleo no tanque de óleo montado no motor está muito baixo. Reabasteça o tanque
reservatório e o tanque de óleo remoto. Consulte Combustível e óleo para obter informações.
• A bomba de óleo falhou, interrompendo o suprimento de óleo para o motor.
• A rotação do motor ultrapassa o máximo permitido. O sistema limita o motor dentro da faixa
permitida. Se a condição de excesso de rotação continuar, o Guardian coloca o motor em
redução de potência. O excesso de velocidade pode ser causado pela inclinação incorreta da
hélice, altura do motor, ângulo de inclinação, etc.
• Alta temperatura do motor ou pressão baixa da água do bloco.
• Sistema de arrefecimento entupido.
• Altura incorreta do gio (coletores de água não obtêm suprimento adequado de água).

A buzina de advertência é ativada (sem a perda de potência)


CAUSAS POSSÍVEIS
• A buzina de advertência se ativa na partida. Essa é uma operação normal.
• Água detectada no filtro de combustível de separação de água. Consulte Manutenção para obter os
procedimentos sobre remoção de água do filtro.

Bateria não mantém a carga


CAUSAS POSSÍVEIS
• Conexões da bateria soltas ou corroídas.
• Nível baixo de eletrólito na bateria.
• Bateria gasta ou ineficaz.
• Uso excessivo de acessórios elétricos.
• Defeitos no retificador, alternador ou regulador de voltagem.

62 por
SERVIÇO DE ASSISTÊNCIA AO PROPRIETÁRIO
Serviço de reparo local
Devolva sempre o seu motor de popa ao seu concessionário autorizado local, se necessitar de assistência
técnica. Este possui os mecânicos treinados na fábrica, o conhecimento, as ferramentas e os equipamentos
especiais, além de peças e acessórios originais para prestar a assistência técnica adequada ao seu motor
quando for necessário. O seu concessionário conhece o seu motor melhor do que ninguém.

Serviço Longe de Casa


Se você estiver longe de seu revendedor local e surgir a necessidade de fazer manutenção, contate o
revendedor mais próximo de você. Consulte as páginas amarelas da lista telefônica. Se, por algum motivo,
você não puder obter a assistência técnica, entre em contato com o Escritório de Assistência Técnica
Mercury Marine mais próximo.

Questões sobre peças e acessórios


Todas as indagações pertinentes à substituição de peças e dos acessórios devem ser dirigidas ao seu
revendedor autorizado local. O revendedor tem as informações necessárias para fazer o pedido das peças e
dos acessórios para você. Ao pedir informações sobre peças e acessórios, o revendedor precisará do
modelo e do número de série para encomendar as peças corretas.

Assistência técnica
A sua satisfação com o motor de popa é muito importante para o seu concessionário e para nós. Se, alguma
vez, tiver um problema, dúvida ou preocupação sobre o seu motor de popa contate o seu concessionário ou
qualquer concessionário autorizado da Mercury Marine. Caso precise de assistência adicional, siga estes
passos.
1. Fale com o gerente de serviço ou o de vendas do concessionário. Se isso já foi feito, então contate o
proprietário do concessionário.
2. Se tiver alguma dúvida, preocupação ou problema que não possa ser resolvido pelo seu
concessionário, contate, por gentileza, o Escritório de Assistência Técnica para obter assistência. A
Mercury Marine trabalhará consigo e com o seu concessionário para resolver quaisquer problemas.
As seguintes informações serão indispensáveis para o escritório de assistência técnica:
• O seu nome e endereço
• O número do seu telefone diurno
• Os números do modelo e de série do seu motor de popa
• O nome e endereço do seu concessionário
• A natureza do problema

Escritórios de Assistência Técnica Mercury Marine


Para obter assistência, telefone, envie um fax ou escreva uma carta. Inclua seu telefone comercial, fax e
endereço para correspondência.

Nos Estados Unidos e Canadá


Inglês - (920) 929-5040 Mercury Marine
Telefone
Francês - (905) 636-4751 W6250 W. Pioneer Road
Inglês - (920) 929-5893 P.O. Box 1939
Fax Fond du Lac, WI 54936-1939
Francês - (905) 636-1704
Website: www.mercurymarine.com

por 63
SERVIÇO DE ASSISTÊNCIA AO PROPRIETÁRIO
Austrália, Pacífico
Telefone (61) (3) 9791-5822 Brunswick Asia Pacific Group
41–71 Bessemer Drive
Fax (61) (3) 9706-7228 Dandenong South, Victoria 3175
Austrália

Europa, Oriente Médio e África


Telefone (32) (87) 32 • 32 • 11 Brunswick Marine Europe
Parc Industriel de Petit-Rechain
Fax (32) (87) 31 • 19 • 65 B-4800 Verviers,
Bélgica

México, América Central, América do Sul, Caribe


Telefone (954) 744-3500 Mercury Marine
11650 Interchange Circle North
Fax (954) 744-3535 Miramar, FL 33025
EUA

Japão
Telefone 072-233-8888 Kisaka Co., Ltd.
4-130 Kannabecho Sakai-shi Sakai-ku
Fax 072-233-8833 5900984 Osaka,
Japão

Ásia, Cingapura
Telefone (65) 65466160 Brunswick Asia Pacific Group
T/A Mercury Marine Singapore Pte Ltd
Fax (65) 65467789 29 Loyang Drive
Cingapura, 508944

Solicitação de Manuais Técnicos


Antes de solicitar a literatura técnica, tenha em mãos as seguintes informações sobre o conjunto de potência:

Modelo do motor: Potência nominal:


Número de Série: Ano do modelo:

ESTADOS UNIDOS E CANADÁ


Para obter informações sobre literaturas adicionais disponíveis para o seu conjunto de potência Mercury/
MerCruiser específico e como encomendar essa literatura, entre em contato com seu concessionário mais
próximo ou entre em contato com:

MERCURY MARINE
Telefone Fax Endereço postal
Mercury Marine
At: Publications Department
(920) 929-5110 (920) 929-4894
P.O. Box 1939
Fond du Lac, WI 54936-1939

64 por
SERVIÇO DE ASSISTÊNCIA AO PROPRIETÁRIO
FORA DOS ESTADOS UNIDOS E CANADÁ
Contate seu concessionário autorizado ou o Centro de Serviços da Marine Power mais próximo para obter
informações sobre a literatura adicional disponível para o seu conjunto de potência Mercury/MerCruiser e
como encomendar essa literatura.

por 65