Você está na página 1de 9

Saneamento

Básico
DIREITO
Saneamento básico é um direito
assegurado pela Constituicão, Lei O CONJUNTO DE
nº. 11.445/2007. SERVIÇOS
O Que é - Infraestrutura e instalações

Saneamento operacionais de abastecimento de


água;
- Esgotamento sanitário;
Básico O BÁSICO
- Limpeza urbana;
- Drenagem urbana;
O saneamento básico, apesar de - Manejo de resíduos sólidos e de
ser mais que isso, é visto como águas pluviais.
sendo os serviços de acesso à
água potável, à coleta e ao
tratamento de esgotos.
O QUE COMPÕE O SANEAMENTO BÁSICO?

Saneamento básico é o conjunto de medidas criado para preservar ou


modificar as condições do meio ambiente com a finalidade de prevenir
doenças e promover a saúde, melhorando a qualidade de vida da
população e à produtividade do indivíduo e facilitar a atividade
econômica.

No Brasil, o saneamento básico é um direito assegurado pela


Constituição e é definido como um conjunto de serviços, infraestrutura
e Instalações operacionais de abastecimento de água, esgotamento
sanitário, limpeza urbana, drenagem urbana, manejos de resíduos
sólidos e de águas pluviais
PAÍSES QUE SOFREM COM A
FALTA DE SANEAMENTO
BÁSICO
Mesmo sendo obrigatória e necessária, 1 a cada 3
pessoas no MUNDO não tem acesso ao saneamento
básico. Com dados temos que Cerca de 2,2 bilhões de
pessoas em todo o mundo não têm serviços de água
tratada*, 4,2 bilhões de pessoas não têm serviços de
saneamento adequado e 3 bilhões não possuem
instalações
básicas** para a higienização das mãos.
As piores situações de saneamento público são
encontradas na África. De todos os países que vamos
listar, apenas um não é africano.
1) Região Norte: Porcentagem da PORCENTAGEM DA POPULAÇÃO QUE TEM ACESSO A
população que tem acesso a INSTALAÇÕES SANITÁRIAS
instalações sanitárias: 19,0%
2) Região Nordeste: Porcentagem
da população que tem acesso a
instalações sanitárias: 41,04%
3) Região Sul: Porcentagem da
população que tem acesso a
instalações sanitárias: 55,3%
4) Centro-Oeste: Porcentagem da
população que tem acesso a
instalações sanitárias: 63,5%
5) Sudeste: Porcentagem da
população que tem acesso a
instalações sanitárias: 83,7%
CONFIRMADO PELO IBGE, A POPULAÇÃO
MAIS POBRE, ESPECIALMENTE DO NORTE
E NORDESTE DO PAÍS, SÃO AS REGIÕES
MAIS AFETADAS PELA FALTA DE
SANEAMENTO.

REGIÃO NORTE: 19,0%


REGIÃO NORDESTE: 41,04% .
REGIÃO SUL: 55,3%
CENTRO-OESTE: 63,5% .. FONTE: AOS FATOS
SUDESTE: 83,7%
consequencias da falta de
saneamento
·Prejudica a saúde pública, por aumentar as
taxas de transmissão de doenças.
·Atinge o meio ambiente, causando problemas
ligados a contaminação ambiental das
cidades.
·Problemas como lixo a ceu aberto, aumento
de casos de enchentes e esgoto a ceu aberto
estão entre os principais consequencias
·A falta de saneamento também é motivo para
mais um grande problema, a desigualdade
social.
suluções
Formar grupos de voluntários pra saneamento local e convidar moradores e a prefeitura
para participar.

Promover reuniões de estudo nas comunidade no intuito de conscientizar e melhorar o


saneamento básico;

Descrever os problemas causados pela falta de coleta e tratamento de esgoto;

Capacitar os jovens da comunidade para fazer pesquisas sobre as necessidades de


saneamento.

Apresentar os resultados das pesquisas à comunidade e definir as ações com a


colaboração da prefeitura;

Acompanhar as ações e comunicar os resultados a comunidade;

Suluções
A prefeitura sabe que existe pessoas que não tem acessa a saneamento básico. E a
população também precisa se conscientizar e deixar de jogar lixo a céu aberto para que
não haja nescessidade combater epidemias como a Dengue.

para a falta
de
saneamento
básico.
Podemos concluir que a falta de
saneamento pode prejudicar a saúde, meio
ambiente etc. E se quiséssemos acabar com
a falta de saneamento precisamos combater
a desigualdade social no Brasil é no mundo.

Conclusão