Você está na página 1de 2

Aula dia 21.08.

2021
I – interesses ou direitos difusos, assim entendidos, para efeitos deste código, os
transindividuais, de natureza indivisível, de que sejam titulares pessoas
indeterminadas e ligadas por circunstâncias de fato;
II – interesses ou direitos coletivos, assim entendidos, para efeitos deste código, os
transindividuais, de natureza indivisível de que seja titular grupo, categoria ou classe
de pessoas ligadas entre si ou com a parte contrária por uma relação jurídica base;
III – interesses ou direitos individuais homogêneos, assim entendidos os
decorrentes de origem comum.”

Dimensões de direito

1ª dimensão: liberdade, direitos civis e políticos ( indv.- caráter negativo)

2ª dimensão: direitos sociais, econômicos e culturais (titularidade coletiva- caráter positivo) :


estado/sociedade, abro mão de parcela de minha liberdade em prol da sociedade do estado,
direito social, não coletivo, mas pessoas em geral tem direito; sai do estado

3ª dimensão: progresso, meio ambiente, autodeterminação dos povos, direito de propriedade


sobre o patrimônio comum da humanidade e direito de comunicação (transindividuais- gênero
humano) : direito de todo mundo e não é de ninguém

4ª dimensão: pluralismo, democracia e informação

 Visão tradicional do direito: direito de maior valia e relevância seria os centrados no


individualismo
 Visão contemporÂnea: transindividualidade , tutela coletiva: constiruções jrd focam de
mandeira estratégica na transindividualidade do que no individualismo

Marcos legais antes da CF : Lei Da ação popular , da ação civil publica, lei da politica nacional
do meio ambiente

Pós cf/88 : LEI 7853/89

CDC

Lei 8078/90: microssistema jrd em tuela transindividual/meta individual/coletiva lato sensu


(base LACP e CDC)

Contexto Histórico e político – redemocratização e ecomia

CDC ajudou a conceituar direito indiivudla, coletivo e difuso

DIREITOS/ INTERESSES DIFUSOS: pertencem a todos, sem pertencer a ninguém

 Titulares: indeterminados (mesmo que se estime numericamente)


 Relação de fato: sem relação jrd que os una
 Objeto indivisível: igual para todos
 Sem identificação: pessoas lesadas e prejuízos
 Dano ao meio ambiente, propaganda enganosa
 Clausula abusiva: Contrato habitacional? Difuso?

DIREITOS/ INTERESSES COLETIVOS: meta é transindividuais

 Titulares: determináveis ou determinados (gps, classes e categorias)


 Relação de direito: relação jrd que os associa
 Objeto indivisível: interesse de coletividade
 Resolução uniforme: da situação uniforme: da situação jrd para os envolvidos
 Clausula abusiva- contrato de adesão consórcios ; 29min

DIREITOS/ INTERESSES INDIVIDUAIS HOMOGENEOS

 Titulares: determináveis, indivíduos


 Mesma origem, causa e relação
 Objeto divisível: advém da mesma circunstancia de fato
 Resolução uniforme: admitida pela lei por serem homogêneos
 Contrato de mútuo de imóvel

 Possível existência de uma tese jurídica comum (pode ensejar a tutela


plurindividual).
 Os interesses individuais homogêneos, ao contrário dos direitos difusos, são
divisíveis, passíveis de ser atribuídos individual e proporcionalmente a cada
um dos indivíduos interessados (que são identificáveis). São verdadeiros
interesses individuais, mas circunstancialmente tratados de forma coletiva.
Ou seja, não são coletivos em sua essência, mas no modo como são
exercidos.
 Para a doutrina, NÃO basta a origem em comum (homogeneidade), há a
necessidade de um número significativo de lesados, que justifique a tutela
coletiva (relevância social) e deve haver a predominância de aspectos comuns
a serem discutidos na ação.
• OBS.: O fato de os direitos individuais serem disponíveis NÃO impede a
tutela coletiva. Aqui, o que se pode discutir é a legitimidade do Ministério
Público, por exemplo.

15min.

Você também pode gostar