Você está na página 1de 5

S / 4 HANA- Nova Contabilidade de

Ativos - Considerando os principais


aspectos
Seguirfeed RSSComo
68 curtidas 130.731 visualizações 62 comentários

Este blog é focado na abordagem de contabilidade de


novos ativos para razão em ambiente de várias moedas. A
nova contabilidade do imobilizado é a única solução de
Contabilidade do imobilizado disponível no S / 4 HANA, a
contabilidade do imobilizado clássica não está mais
disponível.
Abordei os seguintes tópicos-chave no S / 4 HANA New
Asset Accounting, tendo em vista várias perguntas
provenientes de diferentes clientes / parceiros sobre esta
etapa de inovação fundamental tomada dentro de Finanças
como parte da simplificação do S / 4 HANA e precisamos
ser muito claros sobre este novo requisito antes de iniciar
o novo projeto ou conversão S / 4 HANA.
1 . Funções de negócios pré-requisitos
2. Mudanças na estrutura de dados na contabilidade do
imobilizado
3. Nova integração FI-AA com o lançamento diário
universal
4. Avaliação paralela de contabilidade de ativos
5. Considerações de configuração chave na abordagem do
razão
6. Por que usará uma conta contábil de compensação
técnica
7. Nova lógica de lançamento de contabilidade de ativos
8. Transferência de dados legados FI-AA
9. Ajustando o gráfico de depreciação antes da conversão
10. Instalação do SFIN no cenário de conversão / migração
11. Posteriormente, crie uma nova área de avaliação em
Nova contabilidade de ativos
 

1. Funções de negócios pré-requisitos

Ative as seguintes funções de negócios


 ENTERPRISE_BUSINESS_FUNCTIONS - FIN_AA_PARALLEL_VAL (sempre
ativo com S / 4HANA) 
 Consulte a última seção deste blog para obter mais detalhes sobre funções
comerciais.
2. Mudanças na estrutura de dados na contabilidade do imobilizado
 Os dados reais de ANEK, ANEP, ANEA, ANLP, ANLC agora estão
armazenados na tabela ACDOCA. Os dados ANEK são armazenados em
BKPF.
 Vistas de compatibilidade FAAV_ <TABLENAME> (por exemplo,
FAAV_ANEK) são fornecidas para reproduzir as estruturas antigas.
 Os dados estatísticos (por exemplo, para fins fiscais) anteriormente
armazenados em ANEP, ANEA, ANLP, ANLC agora estão armazenados na
tabela FAAT_DOC_IT
 Os dados do plano anteriormente armazenados em ANLP e ANLC agora
estão armazenados em FAAT_PLAN_VALUES
 A contabilidade do imobilizado clássica é transformada em grande parte
automaticamente na Nova Contabilidade do imobilizado, executando as
etapas de migração obrigatórias relacionadas à Contabilidade do
imobilizado.
 A partir do release SAP S / 4HANA 1809, a tabela BSEG não será mais atualizada
com a execução de depreciação (transação AFAB, AFABN- Consulte a Nota
SAP 2383115. Também não é mais possível ativar essa atualização
posteriormente.
 Possibilidade de postagem em diferentes períodos (restrição: início / fim do
ano fiscal deve ser igual) consulte a nota OSS 1951069/2220152
 A tabela a seguir mostra alguns programas redundantes / novos de
contabilidade de ativos .

3. Nova integração FI-AA com o lançamento diário universal

A contabilidade de ativos é baseada no lançamento contábil manual universal. Isso


significa que não há mais nenhum armazenamento de dados redundante, a contabilidade
geral e a contabilidade do imobilizado são reconciliadas. As principais alterações estão
listadas abaixo: -

 Não há necessidade de transporte de saldo separado na contabilidade do


imobilizado, a transação de transporte de saldo geral de FI (FAGLGVTR) transfere
saldos da contabilidade do imobilizado por default.
 A transação AJRW do programa Ativos fixos - Mudança de ano fiscal
(RAJAWE00) não precisa mais ser executada na mudança de ano fiscal
 Os valores planejados estão disponíveis em tempo real. Mudanças nos dados
mestre e dados de transação são constantemente incluídas
 Os valores de depreciação planejados mais atuais serão calculados
automaticamente para o novo ano após a execução do transporte de saldo. A
execução da depreciação lança os valores planejados pré-calculados.
 A tela Seleção é simplificada, pois os “motivos para execução de lançamento”
(execução de depreciação planejada, repetir, reiniciar, execução de lançamento
não planejada) não são mais relevantes.
 Os erros com ativos individuais não precisam necessariamente ser corrigidos
antes do encerramento do período; o encerramento do período ainda pode ser
executado. Você deve certificar-se de que todos os ativos sejam corrigidos até o
final do ano apenas para que a depreciação possa ser lançada completamente.
 Todas as alterações de APC na contabilidade do imobilizado são lançadas no
razão geral em tempo real. Portanto, os lançamentos periódicos de APC não são
mais suportados.
 Os tipos de transação com restrição às áreas de avaliação são removidos na
nova contabilidade do imobilizado e você pode definir o código obsoleto na
definição da transação que estava restrita às áreas de avaliação na contabilidade
do imobilizado clássica.
4. Avaliação paralela de contabilidade de ativos
 Parte muito importante da nova contabilidade de ativos é a avaliação paralela em
um ambiente de várias moedas.
 A avaliação principal pode ser registrada em qualquer área de avaliação. Não é
mais necessário usar a área de avaliação 01 para isso. O sistema agora lança os
valores reais da avaliação principal e os valores da avaliação paralela em tempo
real. Isso significa que o lançamento de valores delta foi substituído; como
resultado, as áreas de avaliação delta não são mais necessárias.
 A nova contabilidade do imobilizado torna possível lançar em tempo real em
todas as avaliações (ou seja, para todos os princípios contábeis). É possível
acompanhar os lançamentos de todas as avaliações, sem ter que levar em
consideração os lançamentos da avaliação principal, como acontecia em parte
na contabilidade do imobilizado clássica.
5. Considerações de configuração chave na abordagem do razão

Precisamos responder a algumas perguntas básicas antes de configurar a nova


contabilidade do imobilizado no ambiente S4 Hana, pois isso determinaria as áreas de
depreciação mínimas necessárias para alinhar o FI com a Contabilidade do imobilizado. ie

 Abordagem de avaliação exigida


 Quantos Ledgers (Leading + Non Leading) existem ou a serem
configurados.
 O que todas as moedas são usadas em cada um dos livros.

Por exemplo:-

Neste exemplo, temos um código de comunicação com 2 livros-razão 0L e N1 e esses 2


livros-razão com 3 moedas, ou seja, 10,30 e 40, conforme mostrado abaixo.

O mapeamento acima é para garantir e estabelecer a ligação entre área de depreciação /


principal contábil e moeda

Explicando com exemplo de abordagem de razão. A partir da versão 1503, ou seja, versão
inicial do SAP Finance add on version no S4 Hana, uma nova tabela ACDOCA é
introduzida, que armazena os valores dos ativos também por razão / moeda em tempo real
e sem necessidade de haver qualquer reconciliação entre finanças e contabilidade de
ativos e fazê-lo, é necessário seguir as orientações ao configurar as áreas de depreciação
e respectivas moedas, que tentei explicar com um exemplo dado abaixo: -

A configuração do razão e da moeda deve ser feita em New GL no


seguinte nó SPRO.

Contabilidade Financeira (Nova) -> Configurações Globais de Contabilidade Financeira


(Nova) -> Razões-> Razão -> Definir Configurações para Razões e Tipos de Moeda

Atualmente, a Contabilidade do imobilizado só oferece suporte às moedas relevantes para


FI (BSEG-).
Para tipos de moeda adicionais, que não são relevantes para o BSEG, não é necessário
criar uma área de depósito; essas moedas são convertidas durante o lançamento. Isso
significa que a soma de todas as depreciações não se equilibra com o valor de ativação
das moedas adicionais.

(V_T093C_08)

Especifique o último período publicado em Prv. Sistema (Transf. Durante


FY) (OAYC)

Etapa 1: - AS91 para criar dados mestre de ativos legados


Etapa 2: - ABLDT para atualizar o valor de aquisição original herdado /
depreciação acumulada e a depreciação lançada do ano atual.

Você também pode gostar