Você está na página 1de 1

Sindicato dos

a e r o vd ei áG ura riu ol h oss


Sindigru vence ação contra a VitSolo
e garante cumprimento da CCT
Kalinka  K./APN

O Sindigru venceu, na última


sexta-feira (25/3), ação na
Justiça movida contra a VitSolo,
compensar os trabalhadores com
reajuste, benefícios como vale-
refeição, diárias, alimentação,
visando o cumprimento da seguro, cesta básica, incluindo
Convenção Coletiva de Trabalho juros e correção monetária.
(CCT) dos aeroviários. O Sindigru considera a
A decisão judicial proferida decisão judicial uma vitória
pelo juiz Dr. Luis Fernando H[WUDRUGLQiULDTXHUHDÀUPD
Feóla, da 7ª Vara do Trabalho de DFRQGLomRSURÀVVLRQDOGRV
Guarulhos, sentenciou a VitSolo aeroviários, garante os direitos da
DFXPSULUD&&7ÀUPDGDHQWUHR Aéreos do Estado de São Paulo), categoria e fortalece os sindicatos
Sindigru e o Sindicato Nacional que entrou no processo como sérios para enfrentarem entidades
das Empresas Aeroviárias assistente e é ligado ao sindicato fantasmas, constituídas a favor
(SNEA). patronal Sineata, também não irá dos interesses patronais.
“A  categoria  dos  aeroviários,  portanto,   mais representar os trabalhadores A assessoria jurídica do
permanece  regulada  pelo  Decreto  no  
1.232/62,  e  não  mais  se  pode  interpretar   da VitSolo, que tiveram sua Sindigru irá acompanhar o
tal  norma  como  aqueles  “empregados  de   FRQGLomRSURÀVVLRQDOFRQÀUPDGD cumprimento da sentença. Os
empresas  aéreas”,  se  estas  empresas  
aéreas  terceirizaram  suas  atividades  
em juízo como aeroviários, sindicalistas comemoram, mas
“auxiliares”,  terrestres,  de  apoio.  Trata-­ conquistando assim todos os também deixam seu recado:
se  de  dar  interpretação  de  modo  a  não   direitos da CCT. “E agora Sr. Jorge Barouki, o
“fossilizar”  a  norma  jurídica.  A  nova   “Diante  de  todo  o  exposto,  é  de  se  
OHLWXUDGR'HFUHWRQRGH¿QLULD concluir  que  a  reclamada  submete-­se  
que V. Senhoria tem a dizer?
a  categoria  dos  aeroviários  como  “o   j&RQYHQomR&ROHWLYD¿UPDGDHQWUHR Vai continuar insistindo na
trabalhador  que,  não  sendo  aeronauta,   Sindicato  Autor  e  o  Sindicato  Nacional  
exerce  função  remunerada  nos  serviços  
mesma tese equivocada que
das  Empresas  Aeroviárias  -­  SNEA,  e  não  
terrestres  de  Empresa  de  Transportes   jTXHODQRUPDFROHWLYD¿UPDGDHQWUHD tem levado os trabalhadores da
Aéreos,  ainda  que  por  esta  terceirizados”.   ré  e  o  Sindicato  Assistente.  (...)  Não  há   VitSolo a serem desvalorizados
Acrescento  que,  é  neste  contexto  que  se   obrigatoriedade  da  ré  em  dar  cumprimento  
deve  interpretar  o  Decreto  no  1.232/67  e  o   às  obrigações  convencionais  estipuladas  
perante outros trabalhadores de
Código  Brasileiro  de  Aeronáutica.” QDVQRUPDVFROHWLYDV¿UPDGDVFRPR empresas auxiliares?
O Sinteata (Sindicato dos Sindicato  dos  Trabalhadores  em  Empresas   O Sindicato alerta às
Prestadoras  de  Serviços  Auxiliares  de  
Trabalhadores em Empresas Transportes  Aéreos  do  Estado  de  São   companhias sobre a importância
Prestadoras de Serviços Paulo  –  SINTEATA.” de contratarem empresas que
Auxiliares de Transportes Pela sentença, a VitSolo deve respeitam a CCT dos aeroviários.

Sindicato  dos  Aeroviários  de  Guarulhos  (Sindigru)


Rua  Santo  Antônio,  339  -­  Centro  -­  Guarulhos Filiado à
Fones:  (11)  2409.0203  e  (11)  2408.3039
Site:  www.sindigru.com.br  -­  E-­mail:  info@sindigru.com.br
Editado  em  30/03/2011  (Pauta  Nova  -­  redacao@pautanova.com)