Você está na página 1de 48

MANUAL DE EXECUÇÃO 

LEVANTAMENTO
CADASTRAL

EDIFICARSE
ARQUITETURA E ENGENHARIA
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

SUMÁRIO

Sumário
Primeira Parte: Levantamento de Campo
Conheça os Equipamentos 04
Diferença de Utilidade entre as Trenas 05
Boas Práticas 06
Lembre-se das aulas de DG 08
Start 09
Problemas Comuns 10
Esquadrias e Escadas 11
Cobertura 12
Outside 14

Segunda parte: Digitalização


Digitalização 17
Digitalização do Croqui 18
Triângulo de Bob 19
Finalização das Paredes 20
Textos 21
Planta de Situação - Telhado 22
Planta de Situação - Confrontações 25
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

SUMÁRIO

Planta de Situação - Dados dos Confrontantes 26


Planta de Situação - Referenciamento Geográfico 27
Cotas para Planta de Situação 28
Georreferenciamento - Coordenada UTM 29
Informações Gerais - Quadro de Áreas 31
Planta de Localização - Preparativos 33
Planta de Localização - Detalhamento 34
Planta de Localização - Identificação 35
Planta de Localização - Vetorização 36
Configuração de Prancha - Layout 37
Configuração de Visualização - Viewport 40
Configuração de Escala 42
Finalização 43
Carimbo 44
Exemplo de planta de Localização 46
Exemplo de planta de Situação 47
Memorial Descritivo 48

Escrito por : Igor Siqueira


Revisão por : Vagner Martins
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

CONHEÇA OS EQUIPAMENTOS

Para todo e qualquer levantamento cadastral, é imprescindível que se tenha em


mãos os equipamentos listados abaixo, e saber como usá-los!
Lembre -se de estar vestido adequadamente: calça, sapato fechado e sempre que
possível, a farda da empresa.

1 Trenas

Trena Metálica Trena de Fibra Trena Digital


5 metros 30 metros 80 metros

2 Prancheta, folha A4, Lapis e


Borracha

3 CheckList EdificarSe
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

DIFERENÇA DE UTILIDADE ENTRE AS TRENAS

1 Trena Digital
Ideal para medidas internas, pois a luz do sol
atrapalha na identificação da referência do
laser. Facilita muito  a coleta de medidas,
essencial para inclinação de telhado e alturas.
Fique sempre atento a superfície em que se
está apoiando a trena. Repita o processo para
superfícies rugosas ou desniveladas,
alternando o local de apoio, confira sempre! 

2 Trena Metálica
Pode ser usada em qualquer tipo de
levantamento, possui a vantagem de ser
dobrável e manter a estabilidade, isso nos
permite usar para projeções de beiral,
realizar medidas sozinho, coletar alturas e
etc.

2 Trena de Fibra
Muito importante para longas distâncias, comprimento total de lotes e distância
da casa até a esquina. Deve se tomar cuidado para evitar a catenária, apoiando no
chão sempre que possível ou então mantendo paralelo a ele.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

BOAS PRÁTICAS

A Sempre Preencha o
Checklist
O Checklist foi feito para lembrar aos projetistas os detalhes do imóvel
que precisam ser coletados, auxilia principalmente para execução do
Memoria Descritivo.
Ele pode ser encontrado no Drive da EdificarSe em:
Projetos > Processos > Engenharia Civil > Levantamento Cadastral >
Materiais úteis > Modelos.

B Não Esqueça seu Celular


É de suma importância que o projetista tire fotos da residência,  não
economize nas fotos, registre tudo!

Telhado de telha cerâmica e Teto interno sem forro Parede de blocos cerâmico sem revestimento

Aproveite que está no local e envie uma localização no maps para você
mesmo, irá te ajudar na planta de Localização.
Se possível , se porte de frente para a casa, abra a Bússula do celular e
tire um print screen.
PARTE I

LEVANTAMENTO EM
CAMPO

EDIFICARSE
ARQUITETURA E ENGENHARIA
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

LEMBRE-SE DAS AULAS DE DG

Faça um bom Esboço


Esta é parte principal de todo levantamento.
Fazer um esboço do imóvel bem feito, com o máximo de
detalhes e de forma EXTREMAMENTE LEGÍVEL, é
crucial para obtermos êxito na Digitalização do
Levantamento Cadastral.

Mas antes, lembre-se, qual a finalidade desse Serviço?


Quais as plantas você vai precisar entregar  para sanar a
dor do seu cliente ?

Esteja ciente disso, pois diferentes aplicações exigem diferentes tipos de plantas,
sendo assim, um maior nú́mero de informações deverá ou não ser coletada, ou seja,
devem estar indicadas no seu esboço.

Para conseguir um bom Croqui do imóvel, o primeiro passo é caminhar por todas as
dependências. Preste bastante atenção nos seguintes itens:

1- Reconhecer os limites territoriais;


2- Identificar áreas permeáveis;
3- Percepção do Telhado, até onde vai e quantas águas possui;
4- Se for Sobrado, se certificar se o Pavimento Superior
corresponde exatamente ao Pavimento Térreo;
(Sobrado: imóvel com dois pavimentos.)
5- Identifique se os muros do terreno e as paredes da casa são
paralelos, caso não seja, exigirá que você realize medidas
extras.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

START

Comece o Levantamento
Agora que você já fez o Esboço do imóvel, podemos começar o Levantamento!
Escolha a trena que facilite o seu trabalho e alterne sempre que necessário.
Fale claramente os números para quem está anotando e confira as medidas em caso
de dúvida, já que se houverem erros ou ausências de medições, você terá que voltar ao
local para repetir-las.
Levantamento Cadastral é uma representação fiel, em planta, das características do
imóvel, portanto se atenha aos detalhes que influenciarão no projeto entregue ao
cliente.

Paredes
Comece por onde preferir, mas escolha um dos cantos do terreno ou da casa para
facilitar. Meça o Comprimento, e sempre que possível a Espessura das Paredes.

É importante identificar de onde você começou a medir e até aonde foi, utilizando
cotas legíveis no seu croqui.
Para  processo de Usucapião, só é necessário a planta de Situação simplificada,
portanto na maioria dos casos basta coletarmos as dimensões externas da casa e os
limites Territoriais. Porém, para Regularizações em geral precisamos entregar a
Planta Baixa da casa, então você terá que medir os cômodos internos também.
Se atente para fazer sempre a amarração das paredes, se estiver em um ambiente
fechado, colete todas as 4 paredes que o cercam.
Os recuos laterais, dos fundos e da frente, devem ser coletados.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

PROBLEMAS COMUNS

Paredes fora do Esquadro


Aproveite para conferir as medidas, se as paredes
opostas apresentarem medidas muito divergentes,
cuidado!
Você pode estar em uma situação em que as
paredes não estejam no "Esquadro", ou seja, algum
encontro entre paredes não confere um ângulo de
90º. Você pode conferir isso pela medida da
diagonal entre os cantos, como na imagem ao lado.
Em algumas situações pode ser muito claro de se notar, em outras não, por isso fique
sempre atento, isso pode fazer com que você não consiga finalizar seu projeto!
Para esses e outros casos em que as paredes apresentem uma não-linearidade umas
com as outras, quando elas apresentarem uma "angulação" entre elas diferente de 90º,
este ângulo deve ser coletado.
Na EdificarSe nós temos uma prática comum para superar essa adversidade, nós
chamamos de Triângulo de Bob, e você vai entender como encontrá-lo dessa forma:
1- Encontre o local que se encaixa no problema; 3
2- Fixe um ponto de referência na junção das duas paredes,
a uma determinada altura do piso;
3- Meça 50 cm na parede à esquerda e marque um ponto; 1e2 4
4- Meça 50 cm na parede à direita e marque outro ponto;
5- Com a trena, meça a distância entre os pontos 3 e 4;
(Atenção: os passos 3,4 e 5 devem ser realizados a mesma altura do piso)
Legenda:
6- Anote o valor que você acabou de encontrar como a Parede

"Hipotenusa", e os dois valores de 50 cm que você marcou A fim de Minimizar os possíveis


são os "catetos". erros, recomendamos repetir o
passo "5" por 3 vezes.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

ESQUADRIAS E ESCADAS

Esquadrias
Quando temos que entregar Planta Baixa do imóvel, Residencial ou Não-
Residencial, precisamos indicar também as Esquadrias, que são as Portas e Janelas.
No caso das portas, referenciamos sua posição
boneca sempre em relação a Boneca, portanto você
largura deve medir e indicar no croqui esse
espaçamento, além da Largura, a Altura da
altura
referência
porta e sentido de abertura. Fique atento para
existência ou não de Soleira e se há desnível
largura peitoril entre os ambientes, é comum em banheiros e
passagem para área externa, você precisará
indica-los na Planta Baixa e Cortes.
As janelas você terá que medir a abertura na alvenaria, ou seja, Largura e altura. Além
do Peitoril, que é a altura da janela em relação ao chão. E também medir a distância
entre a borda da janela até uma das paredes laterais, para se ter uma referencia de
posição. Anote os materiais das esquadrias, se são de aço, madeira, vidro, etc.

Escadas
É essencial que as escadas também sejam levadas em consideração para qualquer
Levantamento Cadastral. Verifique se há homogeneidade entre os degraus, caso não
tenha, você terá que medir todos! Você precisa medir:
Espelho
1 - O comprimento total horizontal dela;
Piso
2- O número de degraus;
3- O Espelho, o Piso e a largura dos degraus;
4- Dimensões do Patamar, caso tenha, e altura em Corrimão
relação ao chão; Patamar
5- Indicação de Corrimão e Guarda-Corpo.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

COBERTURA

Telhados
Após realizado o levantamento Cadastral das paredes externas da  residência,
precisamos indicar o posicionamento dos constituintes do telhado, são eles:
Amarração da Cumeeira
Direção do Caimento das águas ;
Inclinação de TODAS AS ÁGUAS 
do Telhado ; Cumeeira
Amarração da Cumeeira ; Inclinação
Beiral e locais onde ocorrem. Beiral

Também é essencial indicar o tipo de telha, e o material da estrutura da cobertura.

Inclinação do Telhado
É possível determinar a inclinação de qualquer superfície regular obtendo apenas 3
medidas. Um marco zero, uma distância percorrida retilínea e uma cota de elevação
do ponto final.
E é isso que fazemos para o telhado, em geral escolhemos um Caibro como guia, já
que este faz parte do madeiramento do telhado e está sempre na mesma inclinação
que o resto do telhado, de forma retilínea ao nosso caminhamento. Também
podemos utilizar a ripa, ou até mesmo a própria telha como referência.
1) Nosso marco zero é uma medida inicial de altura, do chão ao Caibro. Note que
aqui a trena digital é essencial, se você tiver apenas a trena metálica terá que usar a
parede como guia para subir a trena.
Caibro
2) Agora, você precisa medir uma distância em linha reta no
chão, na direção do crescimento da inclinação. Em alguns
casos temos apenas poucos centímetros disponíveis , mas o
ideal é que seja um metro ou mais. Marque este ponto.
3) Neste ponto, faça outra medida de altura do chão até o
Ripa
Caibro. Certifique-se de ser o mesmo usado na etapa 1.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

COBERTURA

Exemplo
Se quiséssemos saber a inclinação do
telhado à esquerda desta casa ao lado, 
precisaríamos destas 3 medidas.
Utilizando essa fórmula podemos
encontrar a inclinação do telhado.
A = Vão
I (%) = H maior - H menor x 100 H = Altura
Hmenor Hmaior A I = Inclinação

A fim de Minimizar os possíveis erros,


recomendamos repetir o procedimento por 3 vezes.
Vão

Importante: Caso você escolha a Telha ou a Ripa como referencia para Hmenor, é
essencial que você use outra dessa para Hmaior também, e no caso das telhas, fique
atento a curvatura delas, dê preferência ao eixo de simetria como referência.

Beiral
Para medir o Beiral, você precisa se aproximar ao máximo dele, lembre-se que Beiral
é a parte que "passa" do telhado em relação a alvenaria, é uma medida horizontal.
Você  irá conseguir medi-lo com a trena metálica,
apoie o zero na parede ou no pilar, dobre a trena e
utilize a outra mão pra variar a amplitude. 
Faça uma projeção da medida, tenha uma boa mira!
Caso não seja possível, conte quantas telhas tem no
Beiral. Com o valor da inclinação do telhado e o
comprimento da telha é possível chegar em uma boa
aproximação. Ex: Na foto ao lado, o beiral tem 2 telhas.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

OUTSIDE

Informações externas
Temos também que coletar dados fora do imóvel que são essenciais para o projeto.
São eles:
Altura da Cumeeira, ou do ponto mais alto do imóvel.
Largura do Passeio do imóvel que está sendo feito o
Levantamento Cadastral  e do passeio vizinho em frente;
Largura da Rua em frente ao imóvel;
Distância do imóvel até a esquina mais próxima.

Em geral não podemos encontrar a altura da cumeeira


por dentro do imóvel, já que é comum as casas possuírem
forro e/ou laje impedindo a sua visualização. Porém, em
alguns casos é possível ver alguma saliência da cumeeira H Cumeeira
pelo lado de fora da casa. Você pode aproveitar disso para
usar a trena a digital e coletar essa medida.
Ou então, colete a altura em algum ponto do telhado, e a distância horizontal até
cumeeira. Com o valor da inclinação podemos encontrar a altura da cumeeira.

Confrontantes
Para processo de Usucapião é exigido que a planta de Situação indique as
informações dos confrontantes, estes são os vizinhos laterais e dos fundos. 
-Nome completo do Proprietário;
-Estado Civil;
- Nome do Cônjuge ou Convivente;
-Endereço: Nome da rua e número da casa.
A obtenção desses dados é de responsabilidade do contratante, porém você terá que
orientá-lo a fazer isso e cobrar que ele lhe envie antes da entrega do projeto. 
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

OUTSIDE

Desnível
Caso o terreno tenha um desnível elevado, pode ser um pouco mais difícil
conseguir o comprimento horizontal dele, e para superar isso utilizamos uma
técnica de Topografia para a medição, por meio de Trena e Baliza. 
Essa consiste em distanciarmos um pouco em direção a declividade, e marcar esse
ponto no chão com uma baliza, em geral não utilizamos baliza, pode ser um ponto
qualquer que você consiga marcar o chão. Com a trena, mede essa distância na
horizontal. Repete o processo a partir do ponto marcado, como na imagem. Ao final
do trecho, soma as medidas horizontais e você encontra o comprimento horizontal
do Desnível. Opte por trechos menores para evitar erros de medição, utilize no
máximo 2 metros.

A Trena
Baliza

Baliza

Trena

Distância A-B B

Considerações finais de campo


É ideal que você consiga obter todas estas informações indicadas
Lembre-se neste manual, elas são importantes! 
Porém, caso não seja possível obter algumas delas, tudo bem!
Algumas podem ficar sem uma indicação exata da realidade,
lembre-se sempre de fotografar tudo e anotar as dúvidas.
Seja criativo, utilize as armas que você possui !
PARTE II

DIGITALIZAÇÃO

EDIFICARSE
ARQUITETURA E ENGENHARIA
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

SEGUNDA PARTE

Digitalização
Agora que você já concluiu o Levantamento Cadastral em campo, podemos começar
a digitalizar os dados obtidos.
Primeiro relembre qual a finalidade deste serviço e quais plantas são necessárias
para conclusão do processo que o cliente deseja. Em caso de dúvidas você pode
consultar o Fluxograma de Levantamento Cadastral e o Guia de Serviços EdificarSe
lá tem as informações de plantas exigidas para determinada finalidade e demais
informações. Fique atento as variações existentes a depender da metragem quadrada
do imóvel e da cidade em que o mesmo se encontra.
Em alguns casos serão exigidos Planta Baixa completa do imóvel, em outros apenas
planta de Situação simples. Como a planta de Situação depende da Planta Baixa,
começaremos por essa. Outrossim, caso tenha ocorrido algum erro durante o
levantamento em campo, aparecerá nessa etapa, portanto é importante que você o
identifique o quanto antes.
Geralmente esses erros podem ser corrigidos facilmente com o auxílio do software,
entretanto, há casos em que falta alguma informação ou o resultado da planta final é
inconclusivo, sendo assim necessário uma revisita a residência do cliente e refazer as
medidas que estão conflitantes. O tempo é importante, temos obrigação de cumprir o
prazo firmado com o cliente, então não demore pra começar!
Para evitar a revisita e o retrabalho, após a finalização de cada levantamento lembre-
se de checar novamente todo o checklist e suas anotações, assim como o croqui, para
averiguar se você tem todas as informações necessárias
Na EdificarSe temos como prática digitalizar esse serviço no AutoCad. Para facilitar o
processo e padronizar nossos serviços temos um Template Padrão, com prancha,
carimbo, textos, cotas e tipos de linha. É essencial que você use sempre !
Você pode encontra-lo em: Projetos > Processos > Engenharia Civil > Levantamento Cadastral >
Materiais úteis > Plotagem > Template EdificarSe;
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

DIGITALIZAÇÃO DO CROQUI

Preparação
Temos uma prática comum na empresa que é criar uma pasta no drive em :
Projetos > Projetos Realizados > Engenharia Civil > Levantamento Cadastral > "Ano
de execução do projeto" (2020) > "Crie uma pasta com o nome do cliente, na mesma
formatação da demais" > Salve todos os arquivos daqui em diante nesta pasta.
Faça a digitalização de todos os papeis utilizados em campo e salve nesta pasta.
No AutoCad, abra o template, salve em um outro arquivo (salvar como) e identifique
com o nome do cliente. Ex: LC_Bob_Farias

Paredes
Antes de começar a digitalização faça uma mentalização
de como é o imóvel no geral, os recuos laterais, os
cômodos, a área permeável e etc.
Comece pelas paredes, Selecione a layer pré configurada
para Paredes e desenhe conforme está no Esboço. Por
ora, ignore as esquadrias, desenhe somente as paredes e
os muros que limitam o terreno.
Oriente o desenho de forma que a entrada do imóvel
fique voltada para baixo ou para a Esquerda.
Caso o imóvel apresente desvio no esquadro de algumas paredes, como explicado
anteriormente, teremos que usar os dados do Triângulo de Bob para representá-las.
Em geral, não são todas as paredes da casa que estarão assim, portanto não comece
por elas, tente deixá-las por ultimo, deixe "aberto", se necessário mude a direção ao ir
desenhando as paredes e represente o máximo delas que conseguir.
Por exemplo, se em um cômodo com quatro paredes, uma delas estiver fora do
esquadro, teoricamente as outras três podem ser representadas.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

DIGITALIZAÇÃO DO CROQUI

Triângulo de Bob
Seguindo o exemplo anterior, vamos passo a passo fazer a representação.
As paredes estão em vermelho.

1 No seu croqui, você identificou o local em que


acontece esse problema; Chegue até ele no seu
projeto no CAD.

2 Você marcou 3 pontos que formaram os


vértices do triângulo. Sendo dois catetos de 50
cm e uma "hipotenusa" encontrada.

3 Como na imagem ao lado, abra o comando


Círculo (C) no AutoCad, fixe o centro no canto
da parede e coloque o raio de 0,5 m, dê enter.

4 No ponto de encontro entre o circulo com a


parede, abra novamente o comando Círculo
(C), coloque como raio o valor da "Hipotenusa",
dê enter. 1
Esses dois círculos que você acabou de 4
5
desenhar vão se encontrar em dois pontos.
Porém, apenas um desses vai representar a
direção que a parede deve seguir (1).
2
6 Trace uma linha do canto da parede até esse
ponto e dê um Extend, essa é sua parede.
Nota: Este exemplo é de um caso extremamente
simples, existem diferentes aplicações para essa
prática. Entenda como funciona e como aplicá-la.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

FINALIZAÇÃO DAS PAREDES

Concluindo
Terminado o levantamento das paredes com sucesso, ou seja, todos os cômodos
foram concluídos e os limites territoriais se encontraram, você pode começar o
próximo passo.

Caso não tenha conseguido, o que acontece em alguns casos, você deve fazer uma
revisão das medidas em geral, se for pequena a diferença, pode adicionar pequenas
partes para alguns cômodos. Verifique também as espessuras das paredes.
Pequenos erros são aceitáveis, mas mantenha as características do imóvel.

Detalhamento
Neste manual, não levaremos em consideração a Planta Baixa completa com os
Cortes e Fachadas. Portanto não faremos os detalhes de Planta Baixa a partir das
paredes que foram desenhadas anteriormente, como colocar esquadrias, níveis,
hachura de piso, nome de ambientes e etc.

A Parte executiva de digitalização terá seu foco em planta de Situação, Localização e


Memorial Descritivo. Começaremos pela planta de Situação, sendo assim você pode
usar o comando Polyline (PL)  para traçar o contorno externo da casa, use a layer de
paredes e inclua os muros que limitam o terreno também. Mova esse contorno para
um outro local, no mesmo arquivo, e trabalharemos nele mais a frente. Não exclua o
rascunho ainda, mantenha-o desenhado na prancha.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

TEXTOS

Textos
Todos os textos inseridos na prancha devem estar de acordo com a escala em que
você irá plotar as plantas. Segundo a NBR 8402, o tamanho do texto impresso deve
ser no mínimo 2,5 mm, sendo esse o tamanho que utilizamos. Uma boa forma de
encontrar o tamanho mínimo dos textos contidos no projeto, é fazendo a divisão:
Escala do projeto
400
Cada tipo de projeto possui uma escala ideal de impressão, alguns órgãos públicos
exigem determinada escala de impressão para cada tipo de projeto, fique atento a
essas mudanças. Essas informações podem ser encontradas no Guia de Serviços
EdificarSe.
Outra forma de obter o tamanho mínimo do texto é checando a tabela a baixo.
Perceba que o fator de escala está na linha e a altura impressa do texto na coluna.
Com esses dois dados você encontra o valor que usará nas configurações de texto no
AutoCad.

Lembrando que os textos do carimbo ja foram pŕe configurados para impressão.


EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

PLANTA DE SITUAÇÃO

Situação
A planta de Situação tem como objetivo principal mostrar como está situado a parte
construída em relação ao terreno. Por isso foi dito anteriormente que esta planta
depende da Planta Baixa, e foi pedido que fizesse um contorno com a Polyline das
extremidades da área construída do imóvel, partiremos desse ponto.
É uma Vista Superior, então vemos principalmente o telhado e as áreas livres do
terreno, que podem ser permeáveis ou impermeáveis. Existem diferentes tipos de
telhas e de formato para telhados, este manual se baseará em um telhado de telha
cerâmica comum, de duas águas e com beiral apenas no final do caimento das águas.
A organização dessa planta se dá pela diferenciação entre as penas, objetos que estão
mais elevados são representados com linhas mais grossas.

Telhado
Como já possuímos o contorno das paredes,
Beiral Cobertura
identifique os lados da casa que possuem beiral
e adicione o comprimento correspondente a
esses respectivos lados.
A partir da medida coletada de Amarração da
Contorno externo das paredes
cumeeira, trace uma linha, mais grossa que as
demais, para representar a cumeeira.

Identifique as quedas das águas, coloque um


triângulo com a ponta indicando o sentido de
Cumeeira
caimento. E com o tamanho de texto ideal para a Caimento
planta, lembrando que para Planta de Situação
usamos escala de 1:250 ou 1:200, indique o valor
i= yy %

i= xx %

de inclinação para cada uma das águas do


telhado sem casas decimais. Inclinação
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

PLANTA DE SITUAÇÃO

Telhado
Em alguns casos, representamos a parede que está em baixo do
telhado e que não está sendo vista, por linha Tracejada fina.

Na maioria dos casos, essa linha coincide com o início beiral,


mas em outros não, como é o caso de varandas por exemplo, a
parede termina bem antes de começar o beiral do telhado.

Nesse caso, nossa linha tracejada será colocada no


limite em que acaba o piso e também usamos outra
para representar o contorno da parede.

Final da parede externa, começo da varanda


i= x,x %
i= yy %

Limite de ambiente marcado por diferença de piso  

Os limites do telhado prevalecem essas informações, pois ele está acima


Cuidado!
delas. Então em caso de choque de informações o que está acima
prevalece. Observe que no nosso exemplo, dois lados da casa tem o final
do telhado coincidindo com o limite da parede.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

PLANTA DE SITUAÇÃO

Telhado
Agora que estas informações foram corretamente aplicadas no nosso projeto,
precisamos representar as telhas. Utilize a hachura de linhas paralelas para indicar
o sentido das telhas. Você terá que editar :

Afastamento entre as linhas.


Ângulo de posição

Para o Afastamento, dependerá da escala em Para o ângulo, verifique a


que você irá imprimir o projeto, geralmente inclinação da linha do beiral. A
utilizamos 0,3. Varie essa valor até que melhor hachura deve ser perpendicular
se ajuste ao desenho, sem que fique muito a ela.
poluído e que represente as telhas

Hachura de telha cerâmica


i= xx %
i= yy %

Caso a cobertura da casa seja formado de várias águas, você terá que diferenciar a
altura entre elas variando a espessura do contorno de cada água. As que estiverem
mais altas devem ser colocadas com linha mais grossa que as demais, de forma
escalonada. A linha de hachura é sempre fina!
Neste exemplo foi ignorado o restante do imóvel para fins didáticos.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

PLANTA DE SITUAÇÃO

Confrontações
Agora que você já possui o corpo do projeto, contorno do lote, área construída, com
indicação detalhada dos telhados, indicaremos a posição da Rua e dos passeios.

Com linha fina, desenhe:  


De forma que expresse
Passeio do Imóvel continuidade, ultrapassando
Rua em frente os limites da casa. Se for uma
Passeio do vizinho em frente casa de esquina, represente os
dois passeios e as duas ruas.

OBS: Essa informação da Largura da Rua e dos Passeios vizinhos não são
obrigatórias. Portanto em alguns casos, você pode retirá-las, e aproveitar melhor o
tamanho da folha, aumentando a escala de projeto.

Escreva o nome da Rua, com o tamanho de texto mínimo calculado, ou do valor que
você adotou para o restante.
RUA BOB FARIA.

Represente a distância da casa até a esquina mais próxima, Certifique-se de estar


direcionado para o mesmo lado em que foi coletado em campo. Coloque uma seta e
escreva:

DISTÂNCIA ATÉ A ESQUINA: xx,x METROS

Indique o ponto de acesso ao imóvel, coloque uma seta


e escreva com tamanho de texto mínimo para escala ou
o adotado. ACESSO
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

PLANTA SITUAÇÃO

Dados dos confrontantes


Para processo de Usucapião é necessário informar na planta de Situação os dados dos
confrontantes, é importante indicar corretamente o proprietário e de qual lado ele
está confrontando com o imóvel que você está fazendo as plantas. Para isso, se
imagine na rua, de frente para a casa, a sua esquerda confrontante esquerdo e a sua
direita confrontante direito.
Escreva os dados dos Confrontantes laterais e dos fundos,  coloque em maiúsculas :

PROPRIEDADE DO(A) SR.(A) _____________ , CASADO(A) COM ___________

RUA ___________, Nº ___ , (BAIRRO), (CIDADE), (ESTADO-UF), CEP:____-___

Caso o cliente não tenha informado ainda, peça ao negociador do projeto para
cobrar ele! Deixe claro que é um dado importante e que se não for disponibilizado
podem surgir contratempos, dificultando o processo de usucapião, e que é de
responsabilidade do cliente nos passar essa informação.
Caso não tenha nenhuma edificação construída e o cliente não conseguiu nos
informar o proprietário do terreno, coloque:

TERRENO VAZIO COM PROPRIETÁRIO DESCONHECIDO

Caso tenha edificação construída e o cliente não conseguiu nos informar o


proprietário coloque:

CONFRONTANTE NÃO IDENTIFICADO


EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

PLANTA SITUAÇÃO

Referenciamento geográfico
Precisamos indicar a referência geográfica em que está
orientada o imóvel. Para isso, colocamos um indicativo de Norte,
representado por uma Rosa dos Ventos em bloco de AutoCAD.
Certifique-se de estar apontado corretamente o sentido das direções. Para isso foi
sugerido que o projetista se posicionasse de frente para a casa durante o
levantamento em campo, abrisse a bússola no celular e tirasse um Print Screen.
Dessa forma facilitaria essa etapa.

Também pode ser feito da seguinte forma:

Abra a localização do imóvel no Google Maps


e clique em Ativar visualização do globo;

Com o Ctrl pressionado gire o mapa até que a


fachada do imóvel esteja para baixo ou para o lado
esquerdo, conforme representado na sua prancha.
Fachada do Imóvel

Tire um print Screen da tela e cole com "Ctrl + v" no


AutoCad

Perceba que tem uma bússola no canto direito, a


ponta "Vermelha" direciona o Norte Geográfico.
Rotacione a sua rosa dos ventos para essa posição.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

COTAS PARA PLANTA DE SITUAÇÃO

Cotas
Siga um padrão para cotar os ambientes, use o mesmo tipo de cota que está no
template. Você pode editá-la de acordo com a escala que você ta utilizando, o
tamanho do texto deve ser igual ou superior o calculado anteriormente.
Não cotamos medidas que não foram coletadas em campo  e medidas que são
"incertas". As cotas devem ser precisas e bem dispostas na prancha pra que não haja
dúvidas por parte de quem irá ler o projeto, de forma que seja possível uma pessoa
calcular rapidamente o quadro de áreas.
Em geral evitamos colocar cotas no interior do terreno, é ideal que elas fiquem na
parte externa do limite territorial, próxima do muro, porém se a distância for muito
grande entre o limite e as paredes externas da casa, você pode colocar algumas
delas no interior do terreno.
As cotas devem ser distribuídas em camadas de dentro para fora, as internas
referem-se as partes do imóvel que estão mais distante dela, ou seja no interior do
imóvel, servem para cotar os detalhes. As camadas de cotas devem ter espaçamento
uniforme em toda a prancha.
As posteriores referem-se a uma maior proximidade, geralmente são menos
detalhistas e exprimem o comprimento total dos ambientes. A ultima camada deve
ser uma cota total do terreno. 
Cotas essenciais:
Limites dos Telhados Comprimento e Largura total
de áreas construídas
Beirais
Largura de Ruas e Passeios
Corredores
Recuos Muros
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

GEORREFERENCIAMENTO

Coordenada UTM
Precisamos Georreferenciar uma coordenada correspondente a um dos vértices da
propriedade. Para isso seguimos um procedimento de obtenção, sem o uso de GPS
que é aceito pela Defensoria.
Entre no site https://visualizador.inde.gov.br/#

Na aba de pesquisa, coloque o endereço do


imóvel;
Ao lado da aba de pesquisa, clique em trocar
mapa base, Escolha Sa´
telite;
Utilize a ferramenta de Zoom do lado
Esquerdo para aproximar a quadra do
imóvel;
Utilize a ferramenta medir distância para referenciar o imóvel de acordo com a
distância até a esquina, o mapa não é tão claro, então essa informação irá te ajudar a
identificar o imóvel;
Certifique-se de ter encontrado o imóvel correto,  em caso de dificuldade abra o
maps e utilize o street view como guia também;
Escolha um vértice do imóvel, dê
preferência a um que esteja de frente para
a rua. Clique nele, irá aparecer uma
coordenada de Longitude e Latitude (nessa
ordem!). Tire um print e salve na pasta do
projeto no Drive!
Indique na sua planta do CAD em qual dos vértices você pegou a coordenada V01,
utilize o símbolo modelo já utilizado em outras plantas executadas pela empresa.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

PROCESSO DE USUCAPIÃO

Esta coordenada obtida é de Longitude e Latitude, precisamos transformá-la em


UTM referenciada com o Datum Sirgas 2000. 
Entre no site http://www.dpi.inpe.br/calcula/
Ao lado esquerdo da Página, configure essas lacunas:

Geográfica (Grau Decimal)


Valor de Longitude e Latitude
encontrado anteriormente.
Projeção de saída: UTM
Datum: Sirgas 2000

Perceba que anteriormente, o visualizador do Inde inverteu o nome das coordenadas, cuidado para
não inverter também! Desconsidere a parte escrita, a coordenada está em Longitude e Latitude.
Podemos confirmar isso pensando da seguinte forma: Longitude é a distância em que o imóvel está
do Meridiano de Greenwich, e Latitude a distância a´ te Linha do Equador. No Nordeste, nós com
certeza estamos mais perto do Equador do que da Inglaterra, então em módulo a Latitude é sempre
menor que a Longitude.

Ao clicar em "Avançar" o site lhe forncerá os seguintes dados:


Primeiramente, clique em "Veja a região no Google Maps", e
confirme se a localização está coerente.
Caso esteja, tire Print Screen e salve no drive. Agora no CAD,
faça uma anotação próximo a região do Carimbo.
Coordenada em UTM do ponto V01
x = (valor Coord X UTM em metros) 707563.01478027
y= (valor Coord Y UTM em metros) 8791818.9981525
Na planta de Localização estará a explicação de como foram
obtidos esses dados.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

INFORMAÇÕES GERAIS

Quadro de áreas
No excel, faça uma tabela como essa :

Essas informações são colhidas a partir da planta do imóvel, podem ser obtidas e
calculadas facilmente com o comando "Area" do AutoCAD

Área do
É a área total do terreno. Não considerar a área do passeio.
Terreno

É o Somatório de toda área coberta de cada pavimento, beirais de


até 1 m de largura não são contabilizados.
Área total
Em caso de Sobrado, represente a área construída
Construída
individualmente para cada pavimento.  A escada é contabilizada
somente para o pavimento térreo

É toda área coberta. Área do pavimento térreo somada às áreas


Área Ocupada
excedentes dos outros pavimentos. Beirais são contabilizados.

Pode ser encontrada subtraindo a Área do Terreno pela Área


Área Livre Ocupada. Essa pode ou não ser permeável. Lembrando que muro,
pergolado, jardim de inverno, escada descoberta, dentre outros,
contam como Área Livre.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

INFORMAÇÕES GERAIS

Área em que é possibilitado a permeabilidade da água, não


Área coberta e não cimentada, possui vegetação ou solo. Área a baixo
Permeável do beiral não entra como permeável.

Taxa de Área Ocupada


Ocupação = ______________
Área do Terreno
x 100%

Área Permeável
Taxa de
Permeabilidade
= ______________
Área do Terreno
x 100%

Coeficiente de Área Total Construída


Aproveitamento = ____________________
Área do Terreno

Gabarito de Maior altura encontrada no imóvel. Geralmente é a altura da


Altura Cumeeira.
Com a tabela toda preenchida no excel você pode selecioná-la, copiar Ctrl+c e colar
Ctrl+V no AutoCad. Utilizaremos ela posteriormente na finalização da prancha.

Área Ocupada Área Permeável

Área do terreno
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

PLANTA DE LOCALIZAÇÃO

Preparativos
Planta de Localização é uma forma de referenciar o imóvel em relação ao mapa da
cidade, mais precisamente ao Bairro em que ele está inserido.
Sendo assim, partiremos de uma planta da cidade que já está previamente em um
arquivo do AutoCAD. A maioria das cidades já possuem esse recurso e é
disponibilizado gratuitamente na internet para os usuários.
Temos uma cópia no Drive, então abra-o e digite na aba de pesquisa "Grande
Aracaju". Faça download e abra o arquivo  (.dwg).
Com a ajuda do Google Maps e da Localização que você tem do imóvel, encontre na
planta da cidade (arquivo .dwg), a quadra em que o imóvel pertence.

Sempre referenciamos a Quadra do imóvel em relação a uma


Atenção importante Avenida ou Rodovia. Isso nos dirá qual a escala mais
adequada para imprimir nossa planta de Localização. Caso esteja muito
distante, você pode optar por alguma praça como ponto de Referência

Quando encontrar essas duas informações, abra um Circulo (C) e enquadre a


Avenida. e a Quadra do imóvel.

Abra a seleção verde no CAD, com o mouse, de forma que selecione o Círculo e tudo
que está Dentro do Círculo.  Não tem problema copiar coisas além disso. Use o
Crtl+c para copiar;
Abra o arquivo em que você está fazendo o projeto. Afaste-se dos demais desenhos,
e dê Ctrl+v; Com o comando Trim (tr), exclua tudo que você copiou mas que está
fora do circulo;
Em Hipótese alguma Rotacione a planta da cidade! Ela está representada com o
Norte para cima e em escala 1:1, faremos alterações somente na escala.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

PLANTA DE LOCALIZAÇÃO

Detalhamento
Agora teremos que representar o terreno do imóvel na Quadra;
Aproxime da Quadra, identifique a esquina em que foi colhida a Distância até o
imóvel. Utilize o comando Line(L), clique na esquina e acompanhe o contorno da
Quadra até uma aproximação do valor da "distância do terreno até a esquina".
Nesse ponto entra um possível problema de unidades utilizada no CAD. A unidade
padrão do CAD é o milímetro, então se você simplesmente abre o programa e
começa a desenhar, para o programa a unidade de medida é essa. Isso não é um
problema em si, pois podemos compensar na hora de definirmos a escala de
impressão, o que será ensinado mais a frente. Porém, agora é interessante sabermos
que nem todo mundo desenha dessa forma, algumas pessoas trocam essa unidade
de medida para metros, decímetros ou centímetros. Então se você copia um
desenho feito em metros para um arquivo que está em milímetros, este é
transportado com suas dimensões multiplicadas por 1.000, e assim sucessivamente.

Podemos identificar esse múltiplo facilmente analisando a largura de uma rua, por
exemplo, se no desenho você identifica que ela está com 60 m de largura, significa
que quando vc copiou o desenho de um arquivo para outro, ele foi multiplicado por
10. Sendo assim, na hora que você for representar o terreno do seu imóvel na
Quadra terá que multiplicar todas as dimensões por 10: Comprimento, Largura e
Distância até a Esquina.

Sabendo disso, Faça uma representação dos limites territoriais do imóvel na


Quadra. Sem rotacionar o desenho. Caso a Quadra esteja com alguma inclinação,
você pode usar cópias dos limites da própria quadra, e movê-las para posicionar
seu lote. Com os limites territoriais alocados na Quadra, coloque uma Hachura
sólida, preenchendo todo espaço.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

PLANTA DE LOCALIZAÇÃO

Identificação
Com as dimensões do terreno indicadas na Quadra e Hachurado.

Coloque uma Linha de identificação e escreva "IMÓVEL", Utilize


tamanho de texto 30% maior que o calculado;
Identifique na planta de Situação, qual vértice foi utilizado para
encontrar a coordenada UTM, e faça uma indicação nesse mesmo
vértice "V01". Com tamanho de texto calculado.

Faça uma verificação dos textos que já constam na planta da cidade.


Ajuste a orientação deles de forma que fique clara a leitura. Caso não
tenha identificação da Rua na quadra do imóvel, é importante que
você pesquise no Maps e coloque

Utilize como base a


identificação usada
em outras plantas
de Localização.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

PLANTA DE LOCALIZAÇÃO

Vetorização
Em alguns casos não teremos a nossa disposição a planta da cidade em arquivo
do AutoCAD, ou então essa se encontra desatualizada. Nesses casos usaremos o
Google Maps como orientação.
Abra a localização do imóvel no Maps, coloque o zoom da mesma forma
1
em que seria feito na planta da cidade, usando pontos de referência.

2 Tire um Print Screen da tela e aperte "Ctrl +V" na tela do AutoCAD

3 Perceba que você pode fazer linhas em cima da imagem que foi plotada no
CAD. Portanto faça o contorno das ruas e das quadras necessárias para a
Visualização da região do imóvel.
4 Faça uma verificação da Escala. Lembre-se, no levantamento você mediu a
largura da Rua, portanto veja no desenho que acabou de fazer a partir do
Maps, quantos metros ficou a largura da rua, e use o comando "Scale", para
modificar todo o desenho a partir dessa escala encontrada.
Exemplo

1- A rua que você mediu em campo, tem 10 m de largura.


2- A rua que você desenhou a partir do Maps, ficou com 5 m de largura
Portanto selecione todo o seu desenho, digite:

SC  "Enter " 2 "Enter"

Colocado a Escala, Não Rotacione a planta! Coloque os nomes da Ruas e


Avenidas, além de alocar o imóvel na quadra como explicado anteriormente.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

CONFIGURAÇÃO DE PRANCHA

Configuração de Layout
No AutoCAD, existem duas formas de impressão, no Model e no Layout. A melhor
forma de organizar a impressão é o Layout, e para isso precisamos configurá-lo.
Neste exemplo faremos com uma prancha A4, saiba que esse processo é o mesmo
para demais pranchas, apenas use como referência uma prancha correspondente.
Em Printer/plotter
Na parte inferior do CAD tem uma
-> Selecione : Dwg to PDF
aba escrita Layout.
-> Clique em Properties

Clique com o botão direito


-> Clique em Page Setup Manager

Em Plotter Configuration Editor


-> Clique em "Custom Paper Sizes"
-> Na aba abaixo, Clique em "Add"
Em page Setup Manager
-> Clique em Modify
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

CONFIGURAÇÃO DE PRANCHA

Em Cusom Paper Size - Begin Em Custom Paper Size - Paper Size Name
-> Selecione "Use Existing"  -> Atribua : A+seu nome+formato da folha
->Na aba inferior selecione ex: ABobA4
ABNT A4 (210x297) ou ISO A4 ->Avançar
-> Avançar

AbobA4

Custom Paper Size - Media Bounds Em Custom Paper Size - Finish


->Avançar -> Concluir

Custom Paper Size - Printable Area Em Plotter Configuration Editor


-> Atribua Valor " 0 " em todas as -> OK
Linhas
-> Avançar
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

CONFIGURAÇÃO DE PRANCHA

A4
Em Page Setup - Layout

Paper Size
No topo da barra de procura
está sua folha
"A+seu nome+formato da
folha"
-> Selecione-a

Em Drawing Orientation
-> Selecione "Portrait "
-> OK

Abra o Template  Padrão EdificarSe


-> Selecione a prancha e o carimbo
-> Ctrl+c

Na aba Layout que você acabou de configurar


-> Ctrl+v
-> Selecione novamente tudo
-> Move (M) -> enter
->Clique no extremo inferior esquerdo da
prancha.
-> Digite: " 0,0 " - > enter.

O resultado final deve ser como na imagem ao


lado. Faça uma conferência das margens para
atestar se foi feito corretamente.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

CONFIGURAÇÃO DE VISUALIZAÇÃO

Viewport
Colocado a prancha corretamente no Layout, podemos escolher a escala que vamos
adotar para o nosso projeto. Para isso abriremos uma Viewport que nos permite
transportar para a aba Layout o desenho que fizemos no Model e editar a escala de
visualização.
Lembre-se que você possui duas plantas no mesmo arquivo do CAD, portanto você
precisará configurar dois Layouts. O Software já começa com duas abas Layout, mas
caso precise, você pode criar quantas quiser e renomear elas com o nome da planta
correspondente. Use o Layout 1 para a Situação e o Layout 2 para Localização.
Para Planta de Situação:
Dê um afastamento de 50 acima do carimbo, Faça uma linha horizontal;
Configure um Layer, cor preta, fina e coloque para que não seja impressa. Basta
rolar a barra de configurações de Layer para a direita e desativar o símbolo da
impressora. 
Com essa nova layer selecionada, digite MV -> enter;
Clique no canto superior esquerdo interno da folha e depois na junção, do lado
direito, entre a margem e a linha que você fez. Formando um Retângulo;
Dê dois cliques dentro desse retângulo, ele te permitirá navegar pelo o que está
desenhado no Model;
Centralize a sua planta de Situação. Mais adiante iremos configurar a escala.

Cuidado! Tudo que você alterar agora será permanente nas duas abas.
E para você "sair" de dentro desse retângulo você terá que clicar duas vezes "fora"
dele, então sempre que for "entrar" na viewport, tome o cuidado de deixar uma parte
do resto da prancha em visualização. Acontece muito de o projetista se "perder" na
viewport, e perder tudo que foi feito.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

CONFIGURAÇÃO DE VISUALIZAÇÃO

Existe também outra possibilidade de sair do


problema mostrado anteriormente, que é
alternar o modo de visualização clicando nessa
opção indicada na imagem ao lado, na barra
inferior do CAD. Quando se está em modo de
navegação da viewport, ao clicar em "Model"
você retorna.

Para Planta de Localização:

Dê um afastamento de 50 acima do carimbo, Faça uma linha horizontal;

Configure outra Layer fina, cor preta e permita a impressão;

Faça um Circulo(C) de raio 74;

Centralize o circulo na folha. Deixe um afastamento 15 dos lados esquerdo e


direito, e deixe 30 em cima;

Para tornar esse circulo uma Viewport;

Selecione o Circulo -> Digite "CVISTA" ou "-VPORTS" -> Enter;

Dê dois cliques dentro desse Círculo, ele te permitira navegar pelo o que está
desenhado no Model;

Centralize a sua planta de Localização, mais precisamente na região em que


está o lote do imóvel;
Agora iremos configurar a escala de impressão.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

CONFIGURAÇÃO DE ESCALA

Escala
Nesta etapa você já deve estar com a Viewport alocada na prancha e seu desenho
centralizado na visualização. Certifique que a unidade do seu arquivo no CAD está
em milimetros (digite UN -> enter = "Insertion Scale : Milimeters" )

Dê um clique na viewport, irá aparecer uma nova aba


de comandos na parte inferior direita, como na
imagem ao lado.
-> Clique  nesta opção em que aparece diversos
números aleatórios, essa é a escala em que está o
desenho.
-> Clique em Custom...

Em Edit Drawing Scales


-> Clique me Add

Add Scale
Scale Name
-> Defina um nome para a
escala, atribua: 1/"Escala"
1/250
Scale Properties
Paper Units:
-> 1000
Drawing units: 1000 250
-> "Escala"
->OK
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

FINALIZAÇÃO

Com a escala já configurada: 1/250

-> Clique novamente na Viewport;

-> Clique na aba das escalas, canto inferior direito;

-> Selecione a escala que voce acabou de configurar.

Perceba que a sua planta vai dar um "salto", significa que o desenho se ajustou a
escala selecionada. Fique atento a anomalias que podem ocorrer, compare sua
prancha com outros desenhos na mesma escala. Em caso de dúvida peça algum
membro da empresa para conferir. Também é aconselhado que o projetista
imprima a folha e confira as medidas com um escalímetro, mesmo que não tenha
no escalímetro a escala utilizada, você pode conferir usando regra de 3.
Neste exemplo foi aplicado a escala 1:250, comum para planta de Situação, caso seu
desenho seja uma planta de Localização, na etapa de configuração da escala,
coloque "4000" no lugar de "250" ou então a escala mais adequada ao seu caso.
Ex: 1/5000 ; 1/2500 ; 1/1000 ; Ideal que sejam múltiplos de 500.

Orientação Geográfica
Coloque o mesmo bloco utilizado na planta de Situação para Orientação
Geográfica na planta de Localização. Porém, o norte deve estar apontado para cima.
Posicione no canto superior direito, fora da viewport, utilize o comando scale para
alterar o tamanho, de forma que não fique muito grande, mas apareça na
impressão, cerca de 3 cm de altura.

Legenda
Em baixo do limite da viewport coloque uma identificação da planta, tipo de planta
e escala aplicada. Utilize o modelo do Template.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

CARIMBO

Preenchendo o Carimbo
O carimbo ja está com as letras pré definidas, você terá apenas que editar os campos.
Em Número do Arquivo:
A planta de Localização é 01/02;
A planta de Situação é 02/02;

Em nome do Arquivo:
Coloque o nome como será salvo o arquivo gerado em PDF, por exemplo
Localização -> LC_"Nome do Cliente"_01 -> LC_Bob_01

Situação -> LC_"Nome do Cliente"_02 -> LC_Bob._02


Tipo de projeto:
Levantamento Arquitetônico

Data de Emissaõ:

É a data de Finalização da planta.

Na linha de Assinatura 
Responsável Técnico: Organize o
Formado por três camadas de textos:
espaçamento
RESPONSÁVEL TECNICO
entre as camadas
Nome Completo
de texto.
CREA ou CAU : "Número"
Proprietário:
Mude o Gênero para masculino ou feminino de acordo com o cliente.
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

CARIMBO

Acima do Carimbo constam algumas informações, por isso antes de ser colocada a
viewport foi soicitado um espaçamento de 50 acima do carimbo para alocar estas
informações
Para planta de Localização:

Lc.Bob.01

Para Planta de Situação:

Do lado esquerdo, coloque Do lado direito, coloque o


as coordenadas UTM quadro de áreas preenchido

707563.01478027
8791818.9981525 

Lc.Bob.02
EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

EXEMPLO DE PLANTA DE LOCALIZAÇÃO


EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

EXEMPLO DE PLANTA DE SITUAÇÃO


EDIFICARSE - ARQUITETURA E ENGENHARIA

MEMORIAL DESCRITIVO

Preenchendo o Modelo
do Memoria Descritivo
O Memorial Descritivo é o documento mais simples de fazer em todo o
Levantamento Cadastral. Ele já está todo pré-configurado, com a indicação de
pontuação, tipo de letra, espaçamentos e possíveis opções de preenchimento. Não
edite o arquivo pelo Docs, baixe ele do drive e faça a edição.
Os campos em vermelho devem ser editados conforme solicitado. Tudo que estiver
em vermelho e não fizer parte do projeto deve ser excluído.

Na Página 04, as áreas correspondentes ao imóvel já foram calculadas


anteriormente e representadas no Quadro de Áreas, colocado na planta de Situação.
Basta copiá-las para essas lacunas.
Na Página 05,  utilize o Checklist que foi preenchido durante o Levantamento
Cadastral para definir as condições físicas do imóvel. Seja honesto nas avaliações
das condições do imóvel, elas são importantes para descrever ele como um todo.
No dia do levantamento você marcou no Checklist o estado de conservação geral

Exclua as opções em vermelho do Memorial Descritivo que não correspondem a


opção que foi marcada e edite a única lacuna correspondente. Especifique os locais
que foram encontrado os problemas caso existam. Os problemas mais comuns são,
falta de esquadro entre as paredes, desgaste em pituras, desgaste nos constituintes
do telhado, ausência de revestimento, dentre outros.
Por último, coloque o valor das coordenadas UTM que foram obtidas anteriormente.

Você também pode gostar