Você está na página 1de 14

SALA MASTER

LINGUAGENS, CÓDIGOS

Professora Karin Mendes


SINTAXE DE
REGÊNCIA
É a relação sintática que se estabelece entre um termo
regente ou subordinante (que exige outro) e o termo regido
ou subordinado (termo regido pelo primeiro)
REGÊNCIA REGÊNCIA
NOMINAL VERBAL
É A RELAÇÃO DE DEPENDÊNCIA É A RELAÇÃO DE DEPENDÊNCIA
ENTRE UM NOME QUE SE ESTABELECE ENTRE OS
(SUBSTANTIVO, ADJETIVO OU VERBOS E SEUS
ADVÉRBIO) E OS TERMOS COMPLEMENTOS.
REGIDOS POR ESSE NOME.
Alguns casos de regência verbal:
ASPIRAR ASSISTIR
TENHO ASPIRADO UM AR PURO.(=INSPIRAR, SORVER) OS MÉDICOS ASSISTEM OS DOENTES.(= DAR
SEMPRE ASPIREI A UM FUTURO MELHOR.(=ALMEJAR, ASSISTÊNCIA)
PRETENDER) ASSISTO AOS JOGOS DO CAMPEONATO.(=VER,
PRESENCIAR)
CHEGAR ELA ASSISTE EM FORTALEZA. (= RESIDIR, MORAR)
CHEGAR EM...
(INADEQUADO)

CHEGAMOS À CASA DA PRAIA. ESQUECER/LEMBRAR


CHEGAMOS AO ENCONTRO ATRASADOS. ESQUECI O LIVRO. ACOMPANHADO
DE PRONOME
LEMBREI O NOME DELE. (ME, TE, SE,
NOS, VOS)

IMPLICAR ESQUECI-ME DO LIVRO.


LEMBREI-ME DO NOME.
REGE A
PREPOSIÇÃO
DE)

SEUS ATOS IMPLICARAM OUTRAS CONSEQUÊNCIAS.(=


CAUSAR, ENVOLVER)
O IRMÃO MAIS VELHO IMPLICA COM O
OBEDECER/DESOBEDECER
CAÇULA.(=ANTIPATIZAR, SER IMPACIENTE)
DEVEMOS OBEDECER ÀS LEIS.
NÃO DEVEMOS DESOBEDECER AOS PAIS.
NECESSITAR
QUERER
NECESSITO DE ESCLARECIMENTO URGENTE.
QUERO SEU CARINHO.(=DESEJAR)
QUERO MUITO AOS MEUS PAIS. (= GOSTAR, TER AFETO)

PREFIRO MAIS
SORVETE DO
VISAR
PREFERIR
QUE
CHOCOLATE MUITOS VISAM À TRANQUILIDADE.(= DESEJAR)
(INADEQUADO)
O ATIRADO SEMPRE VISA O MESMO PONTO. (=MIRAR,
PREFIRO SORVETE A CHOCOLATE. PÔR O VISTO)
Alguns casos de regência nominal:
Alguns casos de regência nominal:
adepto a indiferente a
alheio a inofensivo a, para
ansioso para, por, de junto a, de, com
apto a, para próximo a, de
aversão a, por referente a
feliz de, por, em, com simpatia a, por
favorável a tendência a, para
imune a, de paralelo a
contente com, por, de relativo a
(IFPE 2016) O verbo “assistir” no sentido de “presenciar” ou “ver” é transitivo indireto, ou seja,
ele exige a preposição “a” para que possa receber um complemento. Outros verbos da língua
portuguesa também possuem mais de uma regência a depender do sentido que assumem no
contexto.
Sabendo disso, analise, nas frases a seguir, a adequação da regência verbal ao que concerne à norma
culta da língua portuguesa.

I. Aspiro a uma vaga na equipe titular.


II. Depois de empossado, o governo
assistirá na capital.
III. Ele está namorando com a prima.
IV. Esqueci-me o que havíamos combinado.
V. Sempre ansiamos a dias melhores.

Estão corretas apenas as frases


A) II e III. B) I e II. C) I e III.

D) III e V. E) II e V.
(IFPE ) Analise os itens abaixo.

I. Já foram comprados todos os remédios de que ele necessita.


II. O médico assistiu, cuidadosamente, ao paciente.
III. Nós chegamos à conclusão de que devemos expor nossa indignação.
IV. Todos ficaram abalados com a notícia do acidente.
V. As cópias dos documentos foram anexadas no contrato.

Respeitam as normas de regência nominal e verbal, apenas as orações


correspondentes aos itens:
a) I, II e III
b) I, II, III e IV
c) I, III e IV
d) II, III e V
e) I, III, IV e V
(CPS ) A interpretação do humor da tirinha se dá, em partes, pelo entendimento do funcionamento da crase
utilizada no segundo quadrinho. Assinale a alternativa em que há a explicação correta para esse caso
específico do uso da crase.
A) O verbo “chegar” estabelece, no segundo quadrinho, regência com a preposição “a”, a qual se aglutina
com o artigo que sucede o verbo.

B) O uso da crase é opcional, pois a regência nominal do substantivo “primavera” determina o uso do
artigo “a”.

C) Sempre que o verbo “chegar” estiver conjugado na primeira pessoa do singular haverá a crase.

D) O uso da crase é facultativo, uma vez que sucede uma locução prepositiva.

E) Antes de pronomes possessivos femininos o uso da crase é obrigatório.


(Ibmecsp ) Da leitura da tira é possível depreender que:
A) Considerando-se a regência do verbo "combater", pode-se constatar que, na verdade, não é possível
empregar a crase.

B) Há, na última fala, a clara intenção de apresentar um jogo de palavras, fazendo um trocadilho com as
palavras "crase" e "crise".

C) Não ocorrerá crase apenas se o verbo "combater" for empregado como intransitivo, ou seja, se ele não exigir
complemento verbal.

D) Haverá crase se a "sombra" representar o modo como será combatido, isto é, com função de adjunto
adverbial.

E) A última fala é uma explicação de que, nesse caso, a crase é facultativa, preservando-se o mesmo sentido.
(FGVRJ 2016) Levando-se em conta a norma-padrão
escrita da língua portuguesa, das frases abaixo, a única
correta do ponto de vista da regência verbal é:

A) A cidade tem características que a rendem, ao mesmo tempo, críticas e elogios.

B) Para você evitar o estresse, é imprescindível seguir o estilo de vida que mais o
interesse.

C) É importante prezar não só a ordem mas também a liberdade.

D) Sua distração acarretou em grandes prejuízos para todo o grupo.

E) Alguém precisa se responsabilizar sobre a abertura do prédio na hora combinada.


Questões comentadas
1. Opção correta B.
I. Aspirar no sentido de almejar exige preposição “a”.
II. Assistir no sentido de morar é acompanhado pela preposição “em”.
III. Namorar não é acompanhado de preposição e, dessa forma, a frase correta seria “Ele está
namorando a prima”.
IV. Esquecer-se deve ser acompanhado de preposição “de”. Dessa forma, a frase correta seria “Esqueci-
me do que havíamos combinado”.
V. O verbo “ansiar” não é acompanhado de preposição “a”. Assim, a frase correta seria “Sempre ansiamos
dias melhores”.

2. Opção correta B [V] Incorreta: o verbo “anexar”, no sentido de acrescentar, é regido pela
preposição “a”. Assim, o correto seria: “As cópias dos documentos foram anexadas ao contrato”.

3. Opção correta A. O verbo “chegar” é regido pela preposição “a” (quem chega, chega a algum
lugar). Como “primavera” é feminino e antecedido pelo artigo feminino “a”, ocorre crase, já que a
preposição “a” se aglutina com o artigo “a”.

4. Opção correta D.
OBRIGADA PELA
PRESENÇA!

Você também pode gostar