Você está na página 1de 6

PROJETO PEDAGÓGICO DO TREINAENTO DA NR 05 CIPA –

COMISSÃO INTERNA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES DE


FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA
Em conformidade com: NORMA REGULAMENTADORA N.º 01 -
DISPOSIÇÕES GERAIS aprovada pela Portaria SEPRT n.º 915, de 30 de julho
de 2019 31/07/19

Brasília
2020
1. DADOS INSTITUCIONAIS

Nome:
CNPJ :
Endereço:
Cidade/UF:
CEP:
Telefone:
E-mail:
Site da empresa:
Diretor Médico (Responsável técnico pela capacitação):

1.1. HISTÓRICO DA EMPRESA RESPONSÁVEL PELOS TREINAMENTO ED

A MULTILIFE é uma clínica de Medicina e Segurança do Trabalho e de Medicina


Assistencial. Na Medicina e Segurança do Trabalho atende empresas que precisam
de bons serviços e preços justos. Na Medicina Assistencial, por meio do seu
Convênio Empresarial e Individual, atende pessoas que necessitam de consultas
médicas e exames laboratoriais e de imagem com qualidade e baixo custo. Atende,
ainda, Planos de Saúde em consultas médicas.

1.2. DOS RESPONSÁVEIS PELA ELABORAÇÃO DO PROJETO


Nome do Responsável Geral pela Elaboração do Projeto:
Cargo/Função:
xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
CPF:
Endereço Eletrônico (e-mail):
Equipe Envolvida na Elaboração do Projeto:

 Nome
 Cargo/Função

2. APRESENTAÇÃO

2.1. DADOS DO TREINAMENTO


Nome do Treinamento: NR 05 – Comissão Interna de Prevenção de Acidentes
Modalidade: Formação Inicial e Continuada
Público-Alvo: Profissionais de empresas privadas, públicas, sociedades de economia
mista, órgãos da administração direta e indireta, instituições beneficentes, associações
recreativas, cooperativas, bem como outras instituições que admitam trabalhadores
como empregados.
Tempo de duração do treinamento (Prazo máximo pra a conclusão da
capacitação): (indicar por quanto tempo ficará disponível na plataforma de acesso ao
treinamento)
Tempo mínimo de dedicação diária do curso:
Turno da oferta: matutino, vespertino, noturno – Deverá ser realizado durante o
expediente normal da empresa
Horário de oferta do curso: indicar o horário de início e término das aulas em todos os
turnos.
Carga horária total: 20 horas

Número máximo de vagas do curso

Número mínimo de vagas do curso:


Requisitos de acesso ao curso: Ter realizado fechamento de contrato com a
empresa, formalizar toda a prestação de serviços. Enviar a relação dos nomes dos
participantes com seus respectivos CPF.

2. JUSTIFICATIVA

A necessidade de implementação do curso da NR 05 – Comissão Interna de


Prevenção de Acidentes é justificada pela Portaria nº 3.214, de 08 de junho de 1978 e
atualizada pela Portaria SIT n.º 247, de 12 de julho de 2011 do Ministério do Trabalho e
Emprego – MTE. Bem como pelos itens 5.2, 5.6.4, 5.32 e 5.32.2 da supracitada norma.
A relevância do curso para o contratante é familiarizar os membros da CIPA com os
conceitos, as NRs - Normas Regulamentadoras, as instruções e as rotinas de
segurança do trabalho, visando à prevenção de acidentes e doenças ocupacionais na
empresa.

3. OBJETIVOS

Capacitar os participantes do curso previsto na NR 05 que tem como objetivo a


prevenção de acidentes e doenças decorrentes do trabalho de modo a tornar compatível
permanentemente o trabalho com a preservação da vida e a promoção da saúde do
trabalhador.

Objetivo Geral

Instruir na formação de cipeiros e de sua atuação da CIPA – Comissão Interna de


Prevenção de Acidentes conforme preconizado na NR 05.
Objetivos Específicos
 Conscientizar sobre benefícios de uma atuação ativa da CIPA;
 Apresentar maneiras conscientes e eficazes de aplicação das atribuições da
CIPA;
 Despertar o interesse dos participantes pela prevenção de acidentes e de
doenças ocupacionais e estimulá-los permanentemente e adotar comportamento
preventivo durante o trabalho;
 Direcionar sobre as medidas e atividades.

MATRIZ CURRICULAR

Plano de Disciplina

MÓDULO 1:

Carga horária:

Conteúdo programático teórico:

Conteúdo programático prático:

Objetivos:

Material didático:

Referências:
Dividir o treinamento em módulos. A definir

CRITÉRIO DE APROVEITAMENTO DE CONHECIMENTO E


EXPERIÊNCIAS ANTERIORES

No caso da Formação Inicial e Continuada, serão implementados processos


de reconhecimento dos conhecimentos e saberes dos participantes matriculados
no curso, independente da forma como foram adquiridos, com a finalidade de
aproveitamento e continuidade.

Os critérios referem-se aos conhecimentos construídos pelos participantes em sua


prática de trabalho. Para isso será realizado o preenchimento de formulário inicial
aplicado no modulo 1 onde os alunos devem demonstrar o que compreendem sobre o
curso, com a finalidade de verificar e acompanhar o processo evolutivo em sua
capacitação.

CRITÉRIO DE AVALIAÇÃO DE APRENDIZAGEM

A avaliação será parte integrante do processo ensino/aprendizagem que visa aferir o


conhecimento adquirido pelo trabalhador e ao respectivo grau de assimilação após a
realização da capacitação. O processo avaliativo compreende na aplicação de prova no
formato digital de modo que obtenha classificação com o conceito de satisfatório e
insatisfatório, exigindo identificação e senha individual, devendo ser preservadas
condições de rastreabilidade que garantam a confiabilidade do processo.
Satisfatório: A definir

Insatisfatório: A definir

DESCRIÇÃO DAS INSTALAÇÕES E


EQUIPAMENTO

Instalações
Os cursos acontecerão em ambiente virtual de aprendizagem que oferece condições
para interações (síncrona e assíncrona) permanentes entre seus usuários. Pode ser
traduzida como sendo uma “sala de aula” acessada via web. Permite integrar múltiplas
mídias, linguagens e recursos, apresentar informações de maneira organizada,
desenvolver interações entre pessoas e objetos de conhecimento, elaborar e socializar
produções, tendo em vista atingir determinados objetivos.
O contratante deverá dispor de recursos áudio visuais para acessar a plataforma de
ensino.

CERTIFICAÇÃO

A certificação ocorrerá por conta da MULTILIFE CENTRO CLÍNICO, mediante a


classificação do participante como satisfatório que corresponde a avaliação por meio de
prova e comprovada a assiduidade do mesmo. Os certificados deverão ser emitidos
contendo o nome e assinatura do trabalhador, conteúdo programático, carga horária,
local de realização do treinamento, nome e qualificação dos instrutores e assinatura do
responsável técnico do treinamento.

CANAL DE COMUNICAÇÃO
A definir

INSTRUTURA OPERACIONAL DE APOIO DE CONTROLE


A definir

INSTRUMENTOS PARA POTENCIALIZAÇÃO DO APRENDIZADO


Recursos, ferramentas, dinâmicas e tecnologias de comunicação que tenham como
objetivo tornar mais eficaz o processo de ensino-aprendizagem.

A definir

DOCUMENTOS ANEXOS

Deverão integrar o documento os seguintes documentos:

Você também pode gostar