Você está na página 1de 13

PREFEITURA DE MONTES CLAROS - MG

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO


PREFEITURA DE MONTES CLAROS - MG
SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

ALFABETIZAÇÃO
EM TEMPOS DE PANDEMIA

Projeto apresentado às Unidades de Ensino do Sistema


Municipal de Ensino da Secretaria de Montes Claros - MG
como proposta de trabalho da Coordenadoria dos Anos Iniciais,
tendo como público alvo alunos do 1º ano, egressos da
Educação Infantil e 2º ano do Ensino Fundamental – Anos
Iniciais.

MONTES CLAROS
JUNHO/2021
PREFEITURA DE MONTES CLAROS - MG
SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

“Cresce a responsabilidade do professor de não só orientar à


distância a criança, mas também orientar a família, para dar a
ela condições que deem apoio à criança neste contexto
excepcional que estamos vivendo” (Magda Soares/2020).

1- APRESENTAÇÃO

Tendo em vista a continuidade do período da pandemia da COVID-19 e com


o intuito de otimizar e viabilizar a progressão da aprendizagem, a Secretaria
Municipal de Educação de Montes Claros, por meio da Coordenadoria de Ensino
Fundamental Anos Iniciais, elaborou e apresenta o projeto: ALFABETIZAÇÃO EM
TEMPOS DE PANDEMIA com planejamento e elaboração de atividades remotas
(não presenciais) e/ou presencial, caso aconteça o retorno programado, em
conformidade com as orientações da Base Nacional Comum Curricular/BNCC (3ª
versão/2018) e o Referencial Curricular – 1º ao 5º ano do Ensino
Fundamental/Montes Claros (2020), no tocante aos direitos de aprendizagem e as
habilidades de ler e escrever, na busca da aquisição dessas proficiências.
Diante dos acontecimentos, é necessário a adoção de uma metodologia de
trabalho voltada para a manutenção da criação de contextos lúdicos, significativos e
propícios para a alfabetização e consequentemente do letramento em condições
diferenciadas.
No contexto atual, de permanência de atividades remotas, surge novos
desafios para a Alfabetização, que já é um processo complexo. Com todos os
reflexos das mudanças sociais e tecnológicas, provenientes da pandemia, o
professor alfabetizador precisa, cada vez mais, alargar e aprofundar o seu olhar para
explorar a linguagem oral e escrita, sempre em consonância com o contexto.
Para subsidiar o processo de Alfabetização, se faz necessário estimular
situações reais e dentro de contextos, na busca permanente de manter a
proximidade afetiva, viabilizando portanto, uma abordagem que favoreça o interesse
da criança através da criação de oportunidades de experiências, de pesquisa, de
PREFEITURA DE MONTES CLAROS - MG
SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

criação e interação com a família, além de expressões diversas na mediação


pedagógica, e na busca da assimilação de valores e conhecimentos fora dos muros
da escola.
Todo o processo de Alfabetizar, ou seja, explorar e criar a leitura e a escrita,
demanda um trabalho em “rede” entre a Secretaria Municipal de Educação, as
unidades de ensino e o engajamento significativo das famílias.
É prudente destacar novamente que este projeto surgiu mediante a
necessidade de oferecer subsídios para que todos os profissionais envolvidos neste
processo de alfabetização, caminhem em sintonia, dando continuidade à proposta
de metodologia da Pedagogia de Projetos, desenvolvida pela Educação Infantil da
Secretaria Municipal de Educação.
O projeto busca, portanto, implementar ações que possibilitem o
desenvolvimento da alfabetização, tendo, como já foi dito, a parceria escola e
família, instituições sociais educacionais que visam alavancar o sucesso do aluno.
Assim, para introduzir nesse processo de alfabetização que envolve
capacidades e habilidades oriundas da BNCC (3ª versão/2018), busca-se garantir as
aprendizagens essenciais que devem nortear os currículos e as propostas
pedagógicas ao longo das etapas e modalidades da Educação Básica.
Desse modo, o trabalho contemplado neste projeto, será desenvolvido no
sentido de propor ações que vão além das “competências cognitivas, buscando uma
formação integral dos alunos, considerando tanto a dimensão intelectual, quanto
social, ética e afetiva”( https://institutoayrtonsenna.org.br/).
Buscar-se-á garantir ainda, que todos os alunos envolvidos nas atividades
propostas presenciais e/ou remotas, conheçam e compreendam novas atitudes
individuais, os impactos diretos e indiretos do momento em que vive a sociedade em
geral, principalmente a escolar, e como incorporar essas mudanças considerando o
contexto de isolamento social, no seu dia a dia.
Tendo em vista a pandemia da COVID-19, todos foram obrigados a utilizar-se
de diferentes meios de comunicação para difundir as informações. Meios analógicos
ou digitais, agora fazem parte da vida da maioria das pessoas, pois só utilizando o
mínimo dessas tecnologias ter-se-á condições para viabilizar as atividades
propostas, tanto na vida social como escolar e neste caso, a consecução dos
objetivos propostos pela aprendizagem.
O universo dos meios de comunicação implica, a existência de um processo
PREFEITURA DE MONTES CLAROS - MG
SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

social (em que seres humanos trocam mensagens, através de um canal, dentro de
um contexto, com determinados efeitos) e uma atividade social, onde pessoas,
imersas em uma determinada cultura, trocam signos e significados.
Contudo, o projeto, pretende contribuir com a etapa primeira do Ensino
Fundamental – Anos Iniciais dando ênfase às ações de apropriação do sistema de
escrita alfabética e desenvolvimento de habilidades envolvidas na leitura e na escrita
além de alinhar-se à investigação prática e análise crítica do contexto atual, em
especial quanto as relações que se constroem no convívio social e atitudes de
respeito a todas as formas de vida e principalmente ao ser humano.

2- JUSTIFICATIVA

Em um mundo que foi “obrigado” a se tornar hiperconectado, de uma hora para


outra, faz-se necessário destacar o que é humano. Isso não envolve condenar os
veículos e instrumentos tecnológicos, mas sim, utilizá-los de forma consciente e
refletir acerca das relações afetivas no que tange a inventar e reinventar um novo
formato de escola. Por consequência, o favorecimento da relação de ensino-
aprendizagem, através de um saber significativo e, de fato, efetivo, em meio ao
desafio do isolamento social e da busca de novas estratégias para minimizar os
impactos na aprendizagem, é que, sugere-se criar estratégias para manter além do
elo com os alunos, fazendo-se presente com ações que conduzam, juntamente com
a família, a melhoria das relações interpessoais e a busca pela efetiva
alfabetização.
Neste sentido, a presente proposta do projeto, busca fortalecer os vínculos entre
aluno, família e escola. Tem como objetivo a efetiva alfabetização dentro de uma
abordagem humanística. O aluno insere-se como protagonista do processo ensino-
aprendizagem, se desenvolve de forma autônoma a partir da articulação de
atividades e de variadas experiências, com vistas a garantir e enriquecer as
interações e o lúdico entre si, colegas e famíliares, mediados pela escola.

3- OBJETIVOS

3.1- GERAL
PREFEITURA DE MONTES CLAROS - MG
SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

Propiciar as condições necessárias para a execução do projeto, na busca e


manutenção da conexão entre o aluno, a família e a escola, por meio da utilização
dos recursos tecnológicos ou não, visando garantir a alfabetização, no contexto da
pandemia da COVID-19.

3.2- ESPECIFICOS

 Reconhecer e valorizar os membros da família buscando sua efetiva


colaboração;
 Identificar o nível dos alunos egressos da educação Infantil, através da
Avaliação diagnóstica – 1º ano;
 Identificar e registrar meios viáveis de interação com a família;
 Explorar o falar e o ouvir por meio de situações interativas e lúdicas;
 Reconhecer e articular as múltiplas aprendizagens através de experiências e
experimentos e pesquisas levando em conta o papel da família e da
sociedade;
 Estabelecer e fortalecer vínculos afetivos entre aluno, professor e família;
 Valorizar a inserção do aluno na cultura letrada com o apoio dos membros da
família;
 Recordar os objetivos de aprendizagem e desenvolvimento em consonância
com os campos de experiências propostas;
 Desenvolver novas possibilidades de leitura e formulação de hipóteses sobre
fenômenos e aferi-los com elaboração de conclusões;
 Resgatar brincadeiras, jogos, e experiências antigas ou não, transformando-
as em meios eficazes de aprendizagem;
 Conhecer e explorar os diferentes meios de comunicação e informação para
se conectar;
 Introduzir e desenvolver as 8 (oito) capacidades e habilidades envolvidas na
alfabetização – primeira etapa, em consonância com os objetivos de
aprendizagem e desenvolvimento.

3.3- OBJETIVOS CURRICULARES


PREFEITURA DE MONTES CLAROS - MG
SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

Os objetivos curriculares deverão ser enfocados e trabalhados de forma a


contemplar as orientações gerais da BNCC (2018 p. 93) em conformidade com o
Referencial Curricular do município de Montes Claros (2020).
 Dominar as convenções gráficas (letras maiúsculas e minúsculas, cursiva e
script);
 Conhecer o alfabeto;
 Compreender a natureza alfabética do nosso sistema de escrita;
 Dominar as relações entre grafemas e fonemas;
 Saber decodificar palavras e textos escritos;
 Saber ler, reconhecendo globalmente as palavras;
 Ampliar a sacada do olhar para porções maiores de texto que meras palavras,
desenvolvendo assim fluência e rapidez de leitura.

É importante destacar que este projeto deve iniciar com o resgate dos
objetivos de aprendizagem e desenvolvimento propostos pelos campos de
experiências com foco nas interações e na ludicidade, assim como a criteriosa
observação dos direitos de aprendizagem, para que os alunos possam desenvolver
no decorrer do Ensino fundamental cientes de que, conforme preconiza a BNCC
(3ª versão/2018). As habilidades socioemocionais devem atravessar, de maneira
pluridisciplinar, as habilidades puramente cognitivas e assim continuar
desempenhando um papel ativo na construção de seus conhecimentos.
Para tanto, tendo em vista as capacidades e habilidades envolvidas na
alfabetização, onde as atividades propostas serão desenvolvidas pelo aluno com o
auxílio de familiares, as práticas de linguagens devem estar contempladas de
forma simples e clara, atentando-se também para os campos de atuação a fim de
efetivar de forma mais tranquila, a alfabetização.

4- PÚBLICO-ALVO

Alunos do 1º ano - egressos da Educação Infantil e alunos do 2º ano do


Ensino Fundamental Anos Iniciais.

5- AÇÕES – FERRAMENTAS E ESTRATÉGIAS PARA A ALFABETIZAÇÃO


PREFEITURA DE MONTES CLAROS - MG
SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

Tendo em vista o contexto atual, é sabido que pais ou responsáveis servirão de


mediadoras do processo ensino-aprendizagem. Eles provavelmente não têm
formação pedagógica e, portanto, é papel da SME, juntamente com as instituições
de ensino, subsidiar o planejamento, orientando quanto a sua análise e real
aplicabilidade por terceiros, quanto a todas as ações a serem propostas.
Para tanto, a instituição de ensino, como “escola” que é, deve estreitar as
relações com as famílias e, assim sendo, antes de iniciar o trabalho proposto, faz-se
inicialmente necessário que os professores realizem as seguintes reflexões:
 Como estreitar os laços com as famílias?
 Como valorizar o empenho das famílias?
 Como trabalhar junto às famílias para entender o processo complexo de
Alfabetização?
 Como sensibilizar os pais para a importância da continuidade da educação
dos seus filhos?
 Como ouvir as famílias em seus anseios, medos, dificuldades e sugestões ou
simplesmente reforçar a ideia da necessidade da sua participação no
processo?
 Como criar estratégias para convencer estas famílias a contribuir para o
alcance do objetivo?
 Como garantir o direito de aprendizagem nesse tempo de pandemia?
 Como planejar adequadamente para atingir contextos e condições das
diversas famílias?
 Como planejar a participação da família em atividades sem prejudicar a
autonomia do aluno?
 Os planejamentos incluem um equilíbrio entre habilidades socioemocionais e
cognitivas?

As reflexões aqui exibidas são para orientar o professor quanto a elaboração do


seu planejamento docente. Para tanto, se faz necessário que o professor levante as
estratégias a serem desenvolvidas pela escola, proponha atividades que acolham
tanto os alunos quanto suas famílias frente as habilidades a serem desenvolvidas e
atingidas, mesmo com o contexto vigente.
Este projeto será desenvolvido por meio de um planejamento sistemático e a
PREFEITURA DE MONTES CLAROS - MG
SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

escola deverá articular junto ao seu corpo docente, estratégias de trabalho frente à
temática da alfabetização, a ser explorada, tendo em vista a necessidade de
orientações claras e precisas para as famílias, uma vez que as mesmas estarão na
“linha de frente” desta proposta de trabalho de alfabetização efetiva.

ATIVIDADE DESENCADEADORA:
Exploração, pelo professor regente ou contador de histórias, de um livro
literário, pois, segundo a BNCC (3ª versão/2018) “a literatura, perpassa por todos os
segmentos de ensino da Educação Básica, evidenciando a cientificidade e
importância dos seus estudos, além do seu valor para a formação humana, porém,
não é delimitada como um componente curricular”(BRASIL,2018).
Desta forma, a BNCC traz ainda a literatura enquanto arte da palavra, sendo
evidenciada sobretudo na terceira das 10 Competências Gerais da Educação
Básica: “Valorizar e fruir as diversas manifestações artísticas e culturais, das locais
às mundiais, e também participar de práticas diversificadas da produção artístico-
cultural” (BRASIL,2018).
A exploração do livro, será disponibilizada aos alunos através de vídeo – com
a apresentação e contação da história – Professor do Sistema Municipal de Ensino.
Os alunos poderão ser sensibilizados, junto com sua família, a
construir/confeccionar uma “Caixa de Recordações” onde serão guardados os
experimentos e experiências desenvolvidas, bem como, as atividades realizadas,
fotos, manuscritos, etc.
A escola deverá também, para enriquecer o trabalho com os alunos, escolher
um “mascote” para estimular os alunos e familiares para o desenvolvimento do
projeto de alfabetização.
Atenção! Assim como todas as atividades encaminhadas às famílias, os
vídeos, textos e músicas sobre o tema, deverão ser acompanhados de uma
orientação para que as famílias escolham um momento diferenciado para que as
crianças interajam com as atividades e sejam confrontadas com os
questionamentos encaminhados pelos professores regentes.
Os questionamentos apresentados podem (e devem!) ser adaptados
conforme as necessidades e interesses dos alunos. Sugere-se também trabalhar
hábitos e valores, bem como, a rotina diária do aluno, relacionamentos, além de
outras questões relacionadas às atividades de e sequências didáticas propostas.
PREFEITURA DE MONTES CLAROS - MG
SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

Neste sentido, é importante ainda, que os professores estejam atentos para


perceberem as interdisciplinaridades que podem ser desenvolvidas tendo em vista o
contexto no qual os alunos estão inseridos, bem como, o feedback que pode ser
dado tanto a eles quanto à família.
Qualquer retorno por parte das famílias, será essencial para o desenvolvimento
de novas ações e/ou replanejamento do trabalho junto aos alunos.
Para finalizar as atividades com o projeto: Alfabetização em tempos de
pandemia, deverá ser realizada a escrita de um livro individual e/ou coletivo, de
acordo com o tema trabalhado e o nível da turma, com a exposição, desses
manuscritos de forma presencial e/ou remota (atendendo as prerrogativas do
momento), junto com a “Caixa de Recordações”.

CULMINÂNCIA
Como culminância do projeto, as escolas deverão se organizar para que cada
aluno do 1º ano e 2º ano, confeccione e armazene na sua “Caixa de Recordações”
as suas atividades e, portanto, o que aprendeu no decorrer do projeto. Além da
caixa, a escolha de um mascote para o projeto, esse deverá ter um nome
específico, de preferência escolhido pelos alunos de forma democrática, e o mesmo
poderá ser confeccionado pelos próprios alunos, (desenho, pintura, papel marchê,
massinha, etc.) a critério do professor.
Os professores poderão ainda solicitar vídeos e fotografias dos alunos nos
momentos em que os mesmos estiverem confeccionando e/ou manuseando a
caixa de recordações, bem como realizando as atividades propostas. Ainda,
dependendo do contexto, expor as caixas na escola ou de forma virtual para
apreciação dos alunos, familiares e funcionários da escola.
Atenção! É essencial que as escolas organizem-se e planejem
sistematicamente todas as ações a serem desenvolvidas, a fim de atender as
necessidades dos alunos, e garantir o objetivo proposto, que é a Alfabetização de
todos os alunos.
Sugere-se ainda, a comemoração do Dia Internacional da Alfabetização – 8
de setembro/2021, com a eleição ou escolha do nome do Mascote do projeto:
Alfabetização em tempos de pandemia.
Para a finalização do projeto propriamente dito, além da exposição das
“Caixas de Recordações” com todo o material e atividades desenvolvidas, incluir o
PREFEITURA DE MONTES CLAROS - MG
SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

“lançamento” e exposição, de forma presencial e/ou remota, também dos livros


escritos pelos alunos/turma.

6- MATERIAIS DISPONIBILIZADOS
Para os professores:
Será disponibilizado pelas Analistas e Supervisoras de Educação uma
formação inicial sobre o desenvolvimento do projeto de “Alfabetização em tempo de
pandemia” tendo como objetivo subsidiar os professores e supervisores quanto a
conhecimentos relativos à Metodologias Ativas, Pedagogia de Projetos e sequências
didáticas para que possam, a partir do desencadeador livro literário, desenvolver o
processo de alfabetização com os alunos do 1º e 2º ano alinhado à BNCC (3ª
versão/2018) e ao Referencial Curricular do Ensino Fundamental Anos Iniciais.
A formação de professores será concomitante ao lançamento deste projeto e
terá como atividade desencadeadora o Livro: Gabriela, Larga a Tela, da
montesclarense, Marismar Borém. A partir dessa formação, o professor poderá
ampliar o trabalho com a Pedagogia de Projetos que é uma das Metodologias ativas.
Além disso, serão disponibilizadas atividades variadas e sequências didáticas
(modelo anexo) para subsidiar, ainda mais, o trabalho do professor com o projeto,
bem como, exemplos de atividades interdisciplinares, tais como: quadro de rotina
diária; calendário: dias da semana, meses, ano; dia e noite, estações do ano,
medidas do tempo: hora e minuto; animais de estimação; natureza; árvore
genealógica; família; dentre outras.

Sugestões de Livros para o trabalho com o Projeto: Alfabetização em tempos de


pandemia.
Autor (a): Livros:
Marismar Borém (Montesclarense) - Gabriela, larga a tela
- Tatu-bola;
- Onde mora a felicidade?
- Cafezinho
*Ronaldo Simões Coelho O pato poliglota
*Laécio Furquim e Flávio Capi O menino que perdia as palavras
*Liliana Iacocca Foom foom – Um barulho da cidade
*Tatiana Belinky Diversidade
Legenda: * Livros do PNLD

Para os alunos:
PREFEITURA DE MONTES CLAROS - MG
SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

Sugestões de vídeos de contação de histórias, músicas, poemas e outros


textos sobre o tema deverão ser enviados aos alunos para diversificar o processo de
ensino aprendizagem, além de sequências didáticas variadas e sugestões de
atividades interdisciplinares a partir do livro escolhido pela escola ou pela
professora, atendendo as peculiaridades das turmas.

7- REFERÊNCIAS

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, DF:


MEC, 2017.
MONTES CLAROS-MG. Secretaria Municipal de Educação. Proposta Curricular
Ensino Fundamental - Anos Iniciais. Montes Claros, 2020.
INSTITUTO AYRTON SENA, 2019 - https://institutoayrtonsenna.org.br/ (acesso em
junho/2021).

8- CRONOGRAMA

Data/Período Ação
Lançamento do projeto: Alfabetização em tempos de
12/08/21 pandemia, para Diretores, Supervisores e Professores do 1º
e 2º ano – virtual.
Atividade desencadeadora pelas escolas.
Agosto
Desenvolvimento das atividades – forma presencial/remota.
8 de setembro – Dia Mundial da Alfabetização –
Comemoração e votação ou escolha do nome do(s)
Setembro
mascote(s), pela escola/turma, a fim de valorizar a
Alfabetização.
Sugestão: Iniciar as atividades para a conclusão do projeto:
Outubro Escrita de livro(s) pelos alunos de forma coletiva e/ou
individual, tendo ou não o professor como escriba.
Final de Culminância - Encerramento presencial e/ou virtual do
Novembro projeto: Alfabetização em tempos de pandemia, com
exposição/apresentação das “Caixas de Recordações”,
“mascote” e lançamento/exposição dos livros criados
individual e/ou coletivamente. Agregado à exposição, avaliar
o projeto através dos depoimentos (presencial e/ou virtual)
dos alunos, sobre o seu processo de Alfabetização. Este
pode ser um excelente balizador da evolução dos alunos
PREFEITURA DE MONTES CLAROS - MG
SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

nos trabalhos desenvolvidos.


A data da culminância fica a cargo da escola.

9- ANEXOS
- Sequência Didática do livro: Gabriela, larga a tela.
- Sequência Didática do livro: O tatu bola.
- Vídeo de contação de história feita pela professora Célia da E.M. Rotary São Luiz.
- E-book – Estratégias e Ferramentas para ajudar o professor a conduzir o processo
de alfabetização, em tempos de pandemia.
- Vídeo da autora Marismar Borém.