Você está na página 1de 10

ATIVIDADE INDIVIDUAL

Matriz de atividade individual

Disciplina: Contabilidade Financeira Módulo:

Turma: Contabilidade Financeira-0521-


Aluno: Cristiane Rodrigues
01_13

Tarefa: Relatório de análise contábil da empresa Magazine Luiza

Introdução

A Loja Magazine Luiza foi criada na década de 50, no interior de São Paulo, na cidade de
Franca, pelos então vendedores Luiza e Pelegrino Donato. Eles tinham o sonho de construir um
comércio que pudesse empregar toda a família. Em 1976, O Magazine Luiza adquiri as Lojas
Mercantil abrindo assim as primeiras filiais em cidades do interior de São Paulo. Em 1983, tem
início a expansão para cidades em Minas Gerais, especificamente, no Triângulo Mineiro.
Acompanhando as mudanças tecnológica, as primeiras lojas virtuais foram inauguradas em
1992. Aproveitando as oportunidades do mercado, ao longo dos anos, adquiriu outras lojas, como:
Lojas Líder, Lojas Arno, Lojas Base, Kilar e Madol, Lojas Maia, rede Baú da Felicidade, entre outras.
Além disso, firmou parceria com outras empresas para atuar em seguimentos diversos.
Nos últimos 5 anos, é a empresa de capital aberto que mais se valorizou no mundo,
transformando-se em 2018 em Magalu, sendo apontada também como uma das mais inovadoras
do Brasil, tendo seu app um dos mais bem-sucedidos de compras.
Considerando esse histórico das Lojas Magazine Luiza, o objetivo do relatório é apresentar as
análises das demonstrações contábeis da empresa com base nas informações obtidas no Balanço
Patrimonial (BP) e da Demonstração do Resultado do Exercício (DRE) considerando os exercícios
dos anos de 2019 e 2020. Desta forma, será possível avaliar como a saúde financeira da empresa.
O relatório irá apresentar as seguintes análises:

 Análise horizontal;

 Análise vertical;

 Cálculo dos índices de liquidez;

 Cálculo da estrutura de capital;

 Cálculo da lucratividade;

 Cálculo da rentabilidade.

1
Análise horizontal

A análise horizontal permite verificar a evolução dos resultados da empresa ao longo de períodos
determinados. Esta análise permitir identificar se a empresa conseguiu aumentar os seus lucros de um
ano para o outro, se manteve-se no patamar ou se vem tendo prejuízos.
Para fazer esta análise usa-se a seguinte fórmula:
AH = (Valor Atual / Valor Base ou anterior) - 1

2
Verificando a análise horizontal do Balanço Patrimonial, podem-se verificar que o ativo da Magazine
Luiza teve um aumento 20% na comparação com o exercício de 2019, tendo como principais influências
a linha de capital disponível (caixas e banco) com um aumento de 609% e outros ativos circulantes com
488% de crescimento.
Olhando para o passivo, observa-se um crescimento no endividamento da empresa induzido pelos
empréstimos e financiamento com um aumento de 20240%. Outro ponto que contribuiu foi o
patrimônio líquido que teve uma redução de 3% motivado pela redução das reservas de capital (-207%)
e 0% de capital social aplicado no período de 2020 comparado com 2019.

3
Fazendo esta mesma análise no DRE, apuramos um aumento de 41% na receita líquida de vendas
de um exercício para outro bem como um crescimento também no custo de venda de 46% afetando o
Lucro Bruto positivamente em 28%. Contudo, as despesas com vendas e gerais e administrativas
somada as perdas pela não recuperabilidade de ativos aumentaram juntas 120% impactando na
redução do lucro líquido de 58% da Magazine Luiza no ano de 2020 comparado com 2019.

Análise vertical

A análise vertical tem a finalidade de analisar o percentual que cada setor da empresa influencia no
resultado da empresa. Esta análise auxilia a identificar questões, como: pessoa das despesas sobre o
patrimônio total, montante percentual das dívidas, impacto dos investimentos sobre o patrimônio, entre
outros.
Para fazer esta análise usa-se a seguinte fórmula:
AV = Valor da conta / Valor total do grupo de contas

4
5
Com base na análise vertical do Balanço Patrimonial, nota-se um aumento do ativo circulantes de
65% para 66% e a redução do ativo não circulante de 35% para 34%, indicando um aumento em sua
liquidez. As variações de maiores impactos do ativo foram no estoque que passou de 19% para 24% e
nos outros ativos circulantes de 3% para 12%.
Já no passivo, nota-se uma mudança relevante nos itens empréstimos e financiamentos que
apresentou aumento de 7% no exercício de 2020 comparado com 0% de 2019 e fornecedores que
aumento para 34%. No Capital Social da empresa nota-se uma diminuição de 32% em 2019 para 27%
em 2020, influenciando negativamente para redução do patrimônio líquido de 41% em 2019 para 33%
em 2020.

6
No DRE com a análise Vertical pode-se concluir que houve grandes variações de um exercício para
o outro. Apura-se uma redução no lucro líquido de 4% saindo de 5% em 2019 para 1% em 2020. A
redução deste lucro líquido é influenciada principalmente porque em 2019 reconheceram um crédito
tributário que impactou bastante no resultado financeiro daquele ano.

Cálculo dos índices de liquidez

Os índices de liquidez apontam a capacidade financeira da empresa para honrar os compromissos


com terceiros, ou seja, liquidar suas dívidas.

Analisando a Liquidez imediata é possível verificar que a Magazine Luiza possui uma capacidade de
0,11 vezes maior de pagamento do que a de adquirir dívidas imediatas.
A liquidez corrente apresentou uma redução de 0,40 na comparação dos exercícios, saindo de 1,69
em 2019 para 1,29 em 2020, o que demonstra boa capacidade de solvência.
O índice de liquidez seca reduziu 0,96, o que indica um aumento da dependência de seu estoque.
Nota-se que apesar da redução de 0,15 no índice de liquidez geral passando de 1,24 em 2019 para
1,09 em 2020, o volume ainda é superior a 1,0, o que indica que a empresa possui ainda folga para
cumprir com suas obrigações. Apesar do Capital Circulante Líquido ter tido uma redução 34%, Magazine

7
Luiza ainda tem uma boa liquidez.

Cálculo da estrutura de capital

Os indicadores de Estrutura de Capital permitem avaliar a segurança que a empresa oferece aos
capitais de terceiros e revelam sua política de capacitação de recursos e da alocação deles nos diversos
itens do ativo, ou seja, se dependem de capital próprio ou de terceiros para pagar suas dívidas.

No cálculo de endividamento geral podemos notar que a empresa teve um aumento de 0,08% na
comparação do exercício de 2019 (59%) para 2020 (67%), o que indica um aumento da dependência
de capital de terceiros. Neste mesmo cenário, observa-se que a composição de dívida cresceu 12%,
passando de 65% em 2019 para 77% em 2020.
A imobilização do capital próprio manteve os mesmos 27%, enfatizando a dependência de recursos
de terceiros para financiar suas dívidas.
A imobilização de recursos não correntes teve um aumento de 11% de um exercício para o outro, o
que indica que a empresa precisou de recursos de terceiros de curto e longo prazo.

Cálculo da lucratividade

Os índices de lucratividade são indicadores de desempenho que, faz associação entre lucro líquido e
receita total, permitindo visualizar qual é o ganho da empresa com relação às vendas que foram
efetivadas.

Ao analisar a Margem Bruta, observamos uma queda de 2% na comparação dos exercícios de 2019
para 2020, mas ainda assim a Magazine Luiza obteve um lucro de R$ 0,25 de lucro para cada real de
receita.
As Margens Operacionais comparadas com a Margem Bruta caem significativamente, indicando que
houve uma redução no lucro operacional. Por fim, a Margem Líquida também reduziu 4% mostrando
que a empresa usa dívida, ou seja, usa muito capital de terceiros.

Cálculo da rentabilidade

Rentabilidade é o índice que mostra se a empresa é ou não rentável, podendo ser entendida quanto

8
uma companhia gera de retorno financeiro.

Os resultados do ROE e ROI apontam que a Magazine Luiza teve redução na sua rentabilidade,
mostrando que será necessário um maior período para recuperar seus investimentos, mas que ainda
sim é uma empresa rentável.

Conclusão sobre a situação econômica e financeira da empresa

O ano de 2020 foi atípico para todas as empresas devido a pandemia do COVID 19 que assolou
todo o mundo, não sendo diferente para a empresa Magazine Luiza. Com base nas análises contábeis
do Balanços Patrimoniais (BP) e Demonstração de Resultado do Exercício (DRE) nos exercícios de 2019
e 2020, conclui-se que a receita líquida de vendas teve um aumento em torno de 40% em 2020 e, ao
mesmo tempo, um aumento de 43% das despesas com vendas. Desta forma, podemos entender que o
lucro líquido teve sua redução impactada, principalmente, pelas despesas operacionais.
Outro fator que contribuiu para que o ano de 2019 tivesse um lucro líquido maior foi que
reconheceram um crédito tributário grande o que não aconteceu em 2020.
Verificando o relatório da administração da Magazine Luiza divulgada na CVM, pode-se perceber
que estes resultados são realmente reflexo da pandemia e da necessidade da empresa se reinventar
neste cenário visto que no 2º trimestre de 2020, as lojas físicas foram fechadas perdendo muita receita
de vendas. Assim, fizeram investimentos operacionais para reestruturar a empresa para que pudessem
aumentar a vendas em e-commerce. Entende-se que montaram uma estratégia agressiva para
conquistar este nicho do mercado de vendas de forma que para os próximos anos consigam recuperar a
rentabilidade da empresa. Se analisar apenas o 4º trimestre de 2020, chega-se à conclusão que o plano
montado pela empresa já surtiu grande efeito visto que este aumento das vendas acontece neste
período.
Podem-se concluir que apesar do ano de 2020 o lucro líquido da Magazine Luiza ter tido uma queda
significativa ainda é uma empresa com uma situação econômica e financeira em acessão que
proporcional um ótimo investimento aos interessados e que este resultado é apenas o reflexo do
planejamento estratégico da empresa para os próximos anos.

Referências bibliográficas

 Magazine Luiza. Quem somos. [s.d]. Disponível em:


<https://ri.magazineluiza.com.br/ShowCanal/Quem-Somos?
=urUqu4hANldyCLgMRgOsTw==>. Acesso em: 23 jun. 2021
 Magazine Luiza. Nossa história. [s.d]. Disponível em:

9
<https://ri.magazineluiza.com.br/ShowCanal/Nossa-Historia?
=maMhsoEQNCOr/Wxrb98OXA==>. Acesso em: 23 jun. 2021

 Onze. Análise vertical e horizontal: como usar a técnica para avaliar. [s.d] Disponível em:
<https://www.onze.com.br/blog/analise-vertical-horizontal/>. Acesso em: 24 jun. 2021
 Treasy. Análise Horizontal e Vertical das Demonstrações Financeiras: informações essenciais
podem ser encontradas! 15 de jan. 2018. Disponível em:
<https://www.treasy.com.br/blog/analise-horizontal-e-analise-vertical/>. Acesso em: 23 jun.
2021

 The Cap. O que são Indicadores de Liquidez e como interpretar. [s.d]. Disponível em:
<https://comoinvestir.thecap.com.br/o-que-sao-indicadores-liquidez/>. Acesso em: 23 jun.
2021
 The Cap. O que são Indicadores de Estrutura de Capital e como calcular. [s.d]. Disponível em:
<https://comoinvestir.thecap.com.br/o-que-sao-indicadores-estrutura-capital/>. Acesso em: 23
jun. 2021

 Warren blog. O que é Margem Bruta. 12 de fev. 2021. Disponível em:


<https://warren.com.br/blog/o-que-e-margem-bruta/?
gclid=EAIaIQobChMIgZnWkrOx8QIVDYCRCh1sFQm8EAAYASAAEgJ_VPD_BwE>. Acesso em:
24 jun. 2021
 Luiza, Magazine. Relação com Investidores. Arquivamentos CVM. [s.d]
<https://ri.magazineluiza.com.br/listgroup.aspx?
idCanal=ZNblHtomXlPEN1ssTVaUhQ==&ano=2021>. Acesso em 28 jun. 2021

 Infomoney. Magazine Luiza lucra R$ 219,5 milhões no 4º trimestre; alta de 30,6%. 8 de mar
de 2021. <https://www.infomoney.com.br/mercados/magazine-luiza-lucra-r-2195-milhoes-no-
4o-trimestre-alta-de-306/>. Acesso em: 28 jun. 2021

10

Você também pode gostar