Você está na página 1de 2

MEDITANDO COM A ÁRVORE

Acomode-se confortavelmente, por alguns minutos concentre-se unicamente em sua respiração e na energia vital que
você absorve ao respirar. Sinta essa energia impregnando o seu ser, todo o seu ser. Entre juntamente com sua
respiração, e como se fizesse parte dela, percorra todo o seu ser, levando a ele energia, paz, saúde e relaxamento.

Imagine sua consciência como um pequenino ponto de luz que acompanha a respiração e a energia vital, percorrendo
todo o seu ser. Então concentre-se em seus pés, dirija sua consciência a seus pés, e relaxe e cure inteiramente os
seus pés, os dedos dos pés, a planta, calcanhares, dorso dos pés e tornozelos, ao sentir seus pés relaxados, passe
para suas pernas, dos tornozelos até os joelhos, sinta relaxar cada músculo de suas pernas, proceda da mesma forma
para: suas coxas, dos joelhos até os quadris. toda a área de seus quadris, nádegas e órgãos genitais; área do abdômen,
músculos do abdômen e órgãos internos; toda a área do tórax; costas da base da coluna até o pescoço, músculos das
costas e vértebras da coluna; braços dos dedos das mãos aos ombros, dedos das mãos, mãos, pulsos, antebraços,
cotovelos, braços, ombros; pescoço, músculos do pescoço, garganta e cordas vocais; cabeça, queixo, maxilares, boca
(a língua deve ficar solta repousando suavemente), nariz, faces, orelhas, olhos, pálpebras, testa, nuca, topo da cabeça.

O tempo todo sua consciência era um pequeno ponto de luz acompanhando sua respiração e a energia vital por todo
o seu corpo, relaxando-o.

Agora permita que sua consciência se expanda, e projete-a para um lindo campo, você está sentado em um macio
tapete de relva verde e brilhante. Você olha ao seu redor e vislumbra essa maravilha divina, essa obra de arte da
natureza, que somente o Deus de sua devoção poderia criar. Sinta o sol, que brilha imensamente, aquecendo-o, a
temperatura está agradável. Lindas flores de todos os tipos emolduram esse tapete. Uma suave brisa sopra,
acariciando seu rosto, juntamente com a brisa dezenas de borboletas ensaiam uma linda dança.

Levante-se, com os pés descalços, sinta a grama acariciá-lo. Respire profundamente e absorva esse ar puro que
preenche seus pulmões, enchendo-o de energia. Sinta o aroma desse lugar, é um coquetel de essências que lhe
auxiliam a entrar em um estado alterado de consciência.
Você olha à sua frente e avista uma mata, uma mata de árvores centenárias. Caminhe até essas árvores e escolha
uma, a que mais lhe agradar. A que se sintonizar com você.

Aproxime-se de sua árvore, apalpe-a, sinta a sua força, sua firmeza, sua energia.

Então sente-se, apoiando sua costas no tronco dessa árvore. Ajeite-se de forma que sua coluna fique inteiramente
apoiada no tronco da árvore.

Concentre-se na energia da árvore. Imagine a aura da árvore fundindo-se com a sua. Quando a aura da árvore fundir-
se com a sua. Imagine que você passa a fundir-se com a árvore. Sua coluna torna-se o tronco da árvore. Sinta a força
que a árvore lhe transmite.

Então comece a descer. Suas pernas são as raízes da árvore. Vá para baixo, cada vez mais para baixo. Mergulhe
nessa terra quente, úmida, protetora. Sinta suas firmemente seguras no seio da Mãe Terra. Então suas raízes se
dividem, em dezenas de raízes e depois em centenas e milhares de pequenas raízes, que espalham-se penetrando no
solo, e a energia da Mãe Terra emana em sua direção, envolvendo-o, proporcionando-lhe firmeza e sustento. A Mãe
Terra lhe dá tudo o que você necessita, lhe dá sustento, proteção, firmeza.
Agora suas raízes penetram mais profundamente, até atingir um rio subterrâneo, é um riacho de águas translúcidas e
límpidas. O riacho banha as suas raízes, levando embora todos os seus medos, raiva, limitações, tristeza. Uma luz
dourada penetra suas raízes, trazendo uma sensação de paz, bem estar e equilíbrio.

Sinta a proteção que a Mãe Terra lhe proporciona. Sinta com que firmeza você está seguro, enraizado à Mãe Terra.
Você está estável, seguro. Com a Mãe Terra, você tem toda a força que necessita.

Você recebe tudo o que necessita...

Então, comece a subir lentamente, outra vez. Vá unindo novamente as muitas raízes em outras mais grossas, continue
a juntá-las em mais grossas ainda. Leve consigo para o alto, toda a força e segurança que você sugou com suas
pequenas raízes, como uma árvore conduz sua seiva para cima.

Volte para a superfície da terra. Está claro novamente e você sobe lentamente por dentro do tronco. Lá em cima você
se subdivide em galhos grossos e fortes, continua se subdividindo até os menores ramos. Finalmente vá até as folhas
da árvore, transforme-se nas inúmeras folhas. Sinta o vento aí em cima e o sol, perceba as qualidades do céu. Deixe-
se embalar pelo vento, com as folhas sugue o sol para dentro de si, até estar pleno de energia.

Viva ConscienteMente
RONDINELLE AGUIAR- OLIVEIRA
contato@vivaconscientemente.com
- cursosdigitais0010@gmail.com
- IP: 187.46.113.235
- CPF: 083.088.137-98
Sinta outra vez suas folhas, sinta a energia que o sol lhe envia. Perceba que há energia suficiente, que você pode se
abastecer, que você recebe tanta energia quanto precisa. Abasteça-se de aprovação, ânimo e tudo o que você precisa.
Há o suficiente...

Agora sinta que você está se expandindo para cima, passando as nuvens, chegando às estrelas. Sinta que a energia
da qual a estrela é feita é a mesma do seu corpo. Sinta a comunhão com as estrelas, com o universo. agora do Cosmos
emana uma luz branca que o envolve. Sinta essa energia...

Quando você estiver totalmente satisfeito, tiver tomado luz suficiente, volte lentamente para seus ramos mais grossos,
então para os galhos mais grossos, até que você tenha reencontrado o tronco. Desça pelo interior do tronco até estar
bem no meio dele.

Agora sinta, mais uma vez, a terra embaixo de você, sinta a firmeza a segurança e a proteção que ela lhe dá. Sinta
também sua copa lá em cima, sinta a energia, o ânimo e a capacidade realizadora que você recebe de lá.
Então deixe essas qualidades confluir em você, sinta o suporte seguro da Mãe Terra e a força do céu em você. Perceba
que como ser humano, você está no meio, como mediador entre o céu e a terra, e que você recebe sua força e vigor
da junção do céu com a terra...

Agora volte lentamente para a sua forma humana, para as suas costas, costas de ser humano, sinta-se saindo do
tronco vigoroso de volta à sua coluna vertebral. Perceba que sua coluna reúne em si as forças do céu e da terra.
Perceba que sua coluna é tão forte quanto essa árvore, que você está tão bem enraizado e que toda a energia do céu
está à sua disposição...

Com esse sentimento fique de pé. Agradeça à sua árvore por ela ter-lhe mostrado a força que mora em você e pela
possibilidade de se aterrar novamente através dela, sentindo o chão firme sob seus pés. Então, antes de partir, prometa
à sua árvore, por favor, que você a visitará com frequência, e que sempre que precisar se lembrará dela. Então
despeça-se dela.

Perceba a natureza à sua volta, a mata com as outras árvores, os pássaros e outros pequenos seres.
Torne-se totalmente consciente de todas as formas de vida à sua volta e compartilhe com elas a experiência que você
teve. Passe para todos os seres a energia de amor e comunhão, divida-a. essa energia é inesgotável.

Volte para o campo florido. Procure ali um lugar onde você se sinta bem, onde haja flores de que você goste e onde a
grama esteja bem macia. Deite-se ali e deixe o sol aquecer o seu rosto. Sinta a terra abaixo de você, perceba como
ela o sustenta. Com esse sentimento volte, agora, lentamente, para a realidade. Traga consigo todos os sentimentos
e recordações dessa viagem, para que você os possa integrar em sua vida, sinta a superfície sobre a qual está deitado
ou sentado, sinta seus pés, pernas, mãos, braços, ombros, cabeça.

Respire profundamente e lentamente, abra os olhos. Permaneça em quietude por algum tempo, somente aproveitando
esse estado de paz.

Viva ConscienteMente
RONDINELLE AGUIAR- OLIVEIRA
contato@vivaconscientemente.com
- cursosdigitais0010@gmail.com
- IP: 187.46.113.235
- CPF: 083.088.137-98

Você também pode gostar