Você está na página 1de 9

ESTEQUIOMETRIA

Exercícios para compreensão e fixação

Profª: Evi Weber


Química
Profª: Evi Weber
Química

CÁLCULOS ESTEQUIOMÉTRICOS
REGRAS
1ª regra: Escreva corretamente a equação química mencionada no problema (caso ela não
tenha sido fornecida);
2ª regra: As reações devem ser balanceadas corretamente (tentativa ou oxi-redução),
lembrando que os coeficientes indicam as proporções em mols dos reagentes e produtos;
3ª regra: Caso o problema envolva pureza de reagentes, fazer a correção dos valores,
trabalhando somente com a parte pura que efetivamente irá reagir;
4ª regra: Caso o problema envolva reagentes em excesso – e isso percebemos quando são
citados dados relativos a mais de um reagente – devemos verificar qual deles está correto.
O outro, que está em excesso, deve ser descartado para efeito de cálculos.
5ª regra: Relacione, por meio de uma regra de três, os dados e a pergunta do problema,
escrevendo corretamente as informações em massa, volume, mols, moléculas, átomos,
etc.
Lembre-se de sempre da relação:
1 mol = ...... g = 22,4 L (CNTP) = 6,02x1023 moléculas
6ª regra: Se o problema citar o rendimento da reação, devemos proceder à correção dos
valores obtidos.
1) Calcule a massa molar do: (utilize sua tabela periódica).
H3PO4: H = 3.1 = 3
P = 1.31 = 31
O = 4.16 = 64
98g/mol
Aℓ2(SO4)3 : NaOH: HNO3: HCℓ:
CuSO4.2H2O:

2) Qual é o número de mols, massa, volume CNTP, moléculas e número de átomos teórico
de cada um dos componentes da reação abaixo:
1N2 + 3 H2  2NH3
1 mol 3 mol 2 mol (proporção em mol)
28g 6g 34g (proporção em massa – Lei de
Lavoisier)
22,4 L 67,2 L 44,8 L (proporção em litros – contração
de volume)
6,02. 1023 18,06. 1023 12,04. 1023 (proporção –moléculas)
12,04. 10 23
36,12. 10 23
48,08. 1023 (proporção – átomos)

Neste caso se utilizarmos 10g de nitrogênio e 10 g de hidrogênio gasoso, a massa de


amônia formada é dada por: 28g N2 -------6gH2 ------34g NH3
10g 10g na proporção há excesso de reagente H2, o
excesso não é consumido e sobra assim toda massa de N2 será consumida (limitante). Para
as 10g de nitrogênio são necessários 2,14g de hidrogênio, teremos então:
28g N2 ----- 6g H2 ---- 34g NH3
10g (10-2,14) 12,14g + excesso 7,86g de H2

RELAÇÃO MASSA - MASSA


1. Na reação gasosa N2 + H2  NH3, qual a massa em g, de NH3 obtida quando se reagem totalmente 18g de H2?
R= 102g

2. Na reação gasosa N2 + H2  NH3, qual a massa, em kg, de NH3 obtida, quando se reagem totalmente 280g de
N2?
R= x= 340g ou x= 0,34 kg
RELAÇÃO MASSA - VOLUME
3. Na reação gasosa N2 + H2  NH3, qual o volume de NH3 obtido nas CNTP, quando se reagem totalmente 18g
de H2?
R x= 134,4L

Profª: Evi Weber


Química
Profª: Evi Weber
Química

4. Na reação gasosa N2 + H2  NH3, qual o volume de H2 consumido nas CNTP, quando é produzido 340g de
NH3?
R x= 672L

RELAÇÃO MASSA - Nº MOLÉCULAS


5. Na reação gasosa N2 + H2  NH3, qual o número de moléculas de NH3 obtido, quando se reagem totalmente
18g de H2?
R x= 36,0x1023 ou x= 3,6 x1024 moléculas

6. Na reação gasosa N2 + H2  NH3, qual o número de moléculas de H2 consumido, quando é produzido 340g de
NH3?
Acerte os coeficientes da equação: 1N2 +3H2  2NH3.
R x= 180,6x1023 ou x= 1,806x1025

PUREZA
7. Em 200g de calcário encontramos 180g de CaCO3 e 20g de impurezas. Qual o grau de pureza do calcário?
R x = 90%

8. Uma amostra de 200 kg de calcário (com teor de 80% de CaCO3) foi tratada com ácido fosfórico - H3PO4 -
conforme a equação química não balanceada:
CaCO3 + H3PO4  Ca3(PO4)2 + H2O + CO2. Calcule a massa de Ca3(PO4)2 formado. R x=165,33 kg

9. Considere a reação FeS + HCl  FeCl2 + H2S. Qual a massa de cloreto ferroso obtida quando 1100g de sulfeto
ferroso - FeS de 80% de pureza reagem com excesso de ácido clorídrico ? R x= 1270g

10. Queimando-se 30g de carbono puro, com rendimento de 90%, qual a massa de dióxido de carbono (CO2)
obtida, conforme a equação: C + O2 CO2 .
Os coeficientes já estão acertados: 1C + 1O2  1CO2 .
R x=110g (considerando que o rendimento seria de 100%) y= 99g

11. Foi misturado 40g de gás hidrogênio com 40g de gás oxigênio, com a finalidade de produzir água, conforme a
equação: H2 + O2 H2O. Determine:
a) o reagente limitante;
b) a massa de água formada;
c) a massa de reagente em excesso.

Exercícios propostos
Profª: Evi Weber
Química
Profª: Evi Weber
Química
1. Qual a massa de água que se forma na combustão de 1g de gás hidrogênio (H2), conforme a reação
H2 + O2  H2O? R:9

2. Sabendo que 10,8g de alumínio reagiram completamente com ácido sulfúrico, conforme a reação:
Al + H2SO4  Al2(SO4)3 + H2, calcule:
a) massa de ácido sulfúrico consumida;
b) massa de sulfato de alumínio produzida;
c) volume de gás hidrogênio liberado, medido nas CNTP.
R: a)58,8g b)68,4g c) 13,44L

3. Qual a massa de gás oxigênio necessária para reagir com 560g de monóxido de carbono, conforme a equação:
CO + O2CO2 ?R: 320g

4. Calcular a massa de óxido cúprico (CuO) a partir de 5,08g de cobre metálico, conforme a reação:
Cu + O2CuO. R:6,36g

5. Efetuando-se a reação entre 18g de alumínio e 462g de gás cloro, segundo a equação química:
Al + Cl2  AlCl3 , obtém-se qual quantidade máxima de cloreto de alumínio?R: 89g

6. Quantos mols de O2 são obtidos a partir de 2,0 mols de pentóxido de dinitrogênio (N2O5), de acordo com a
reação: N2O5 + K2O2 KNO3 + O2 R: 1,0

7. Quantas moléculas de gás carbônico podem ser obtidas pela queima de 96g de carbono puro, conforme a
reação: C + O2  CO2? R:4,816x1024

8. (Faap-SP) A combustão do metanol (CH3OH) pode ser representada pela equação não balanceada:
CH3OH + O2  CO2 + H2O. Quando se utilizam 5,0 mols de metanol nessa reação, quantos mols de gás carbônico
são produzidos? R:5

9. Quantas moléculas de gás oxigênio reagem com 6 mols de monóxido de carbono, conforme a equação:
CO + O2 CO2 ?R: 1,806x1024

Profª: Evi Weber


Química
Profª: Evi Weber
Química

10. (UECE) Uma vela de parafina queima-se, no ar ambiente, para formar água e dióxido de carbono. A parafina é
composta por moléculas de vários tamanhos, mas utilizaremos para ela a fórmula C25H52.
Tal reação representa-se pela equação: C25H52 + O2  H2O + CO2 . Responda:
a) Quantos mols de oxigênio são necessários para queimar um mol de parafina?
b) Quanto pesa esse oxigênio? R: a) 38 b) 1216g

11. O ácido sulfúrico de larga utilização e fator determinante do índice de desenvolvimento de um país, é obtido
pela reação SO3 + H2O H2SO4.
Reagimos 80g de trióxido de enxofre (SO3) com água em excesso e condições necessárias. Qual a massa de ácido
sulfúrico obtida nessa reação que tem rendimento igual a 75%? R:73,5

12. Quais são as massas de ácido sulfúrico e hidróxido de sódio necessárias para preparar 28,4g de sulfato de
sódio, conforme a reação: H2SO4 + NaOH  Na2SO4 + H2O? R:19,6 e 16

13. 400g de hidróxido de sódio (NaOH) são adicionados a 504g de ácido nítrico (HNO3), produzindo nitrato de
sódio (NaNO3) e água. Calcule:
a)massa de nitrato de sódio obtida;
b)massa do reagente em excesso, se houver. R: a) 680g b) 80g de NaOH

14. (UFRN) Uma amostra de calcita, contendo 80% de carbonato de cálcio (CaCO3), sofre decomposição quando
submetida a aquecimento, segundo a reação:
CaCO3 CaO + CO2. Qual a massa de óxido de cálcio obtida a partir da queima de 800g de calcita? R:358,4

15. Qual a quantidade máxima de NH3 , em gramas, que pode ser obtida a partir de uma mistura de 140g de gás
nitrogênio (N2) com 18g de gás hidrogênio (H2), conforme a reação: N2 + H2  NH3
R: 102g

16. (PUC-MG) A equação de ustulação da pirita (FeS) é: FeS + O2  SO2 + Fe2O3. Qual a massa de óxido de
ferro III obtida, em kg, a partir de 300 kg de pirita, que apresenta 20% de impurezas? R:218,18

17. (Fuvest-SP) Qual a quantidade máxima, em gramas, de carbonato de cálcio que pode ser preparada
misturando-se 2 mols de carbonato de sódio com 3 mols de cloreto de cálcio, conforme a equação:
Profª: Evi Weber
Química
Profª: Evi Weber
Química
Na2CO3 + CaCl2 CaCO3 + NaCl. R: 200g

18. 32,70g de zinco metálico (Zn) reagem com uma solução concentrada de hidróxido de sódio (NaOH),
produzindo 64,53g de zincato de sódio (Na2ZnO2). Qual o rendimento dessa reação? R:89,69%

19. Misturam-se 147g de ácido sulfúrico e 100g de hidróxido de sódio que se reajam segundo a reação:
H2SO4 + NaOH  Na2SO4 + H2O. Qual a massa de sulfato de sódio formada? Qual a massa do reagente que sobra
em excesso após a reação? R:177,5 e 24,5

20. Para a produção de soda cáustica (NaOH), uma indústria reage carbonato de sódio com hidróxido de cálcio
segundo a equação: Na2CO3 + Ca(OH)2  CaCO3 + NaOH. Ao reagirmos 265g de carbonato de sódio com 80%
de pureza, devemos obter que massa, em gramas, de soda cáustica? R:160

21. (UFF-RJ) O cloreto de alumínio é um reagente muito utilizado em processos industriais que pode ser obtido
por meio da reação entre alumínio metálico e cloro gasoso, conforme a seguinte reação química: Al + Cl2 
AlCl3. Se 2,70g de alumínio são misturados a 4,0g de cloro, qual a massa produzida em gramas, de cloreto de
alumínio? R:5,01

22. Quantas moléculas de gás carbônico (CO2) podem ser obtidas pela queima completa de 9,6g de carbono puro,
conforme a reação C + O2  CO2? R:4,816x1023

23. Qual a massa, em gramas, de cloreto de ferro II , em gramas, produzida pela reação completa de 111,6g de Fe
com ácido clorídrico , de acordo com a reação química não-balanceada a seguir
Fe + HCl FeCl2 + H2 ? R: 253,09

24. Dada a reação não-balanceada Fe+ HCl  FeCl3 + H2, qual o número de moléculas de gás hidrogênio
produzidas pela reação de 112g de ferro? R:1,806x1024

25. Qual a quantidade de água formada a partir de 10g de gás hidrogênio, sabendo-se que o rendimento da reação
é de 80%? R: 72g

26. Quantos mols de ácido clorídrico (HCl) são necessários para produzir 23,4g de cloreto de sódio (NaCl),
conforme a reação HCl + NaOH  NaCl + H2O? R:0,4

Profª: Evi Weber


Química
Profª: Evi Weber
Química
27. (Cesgranrio-RJ) Um funileiro usa um maçarico de acetileno para soldar uma panela. O gás acetileno (C2H2) é
obtido na hora, através da seguinte reação química: CaC2 + H2O  Ca(OH)2 + C2H2. Qual a massa aproximada
de carbureto de cálcio (CaC2) que será necessária para se obter 50 L de acetileno nas CNTP? R:142,8

28. Em alguns antiácidos, emprega-se o hidróxido de magnésio (Mg(OH)2) como agente neutralizante do ácido
clorídrico (HCl) contido no suco gástrico. A reação que ocorre é a seguinte: Mg(OH)2 + HCl  MgCl2 + H2O.
Supondo-se que alguém tenha 36,5 mg de HCl no estômago, qual a massa de hidróxido de magnésio, em mg,
necessária para uma neutralização completa? R:29

29. A produção de carboidratos (fórmula mínima CH2O) pelas plantas verdes obedece à equação geral da
fotossíntese: CO2 + H2O  CH2O + O2. Qual a massa de água necessária para produzir 10g de carboidrato?
R:6

30. (Fuvest-SP) Qual a quantidade máxima de carbonato de cálcio (CaCO3) que pode ser preparada a partir de 2
mols de carbonato de sódio com 3 mols de cloreto de cálcio, conforme a reação:
Na2CO3 + CaCl2  CaCO3 + NaCl? R:200

31. (Cesgranrio-RJ) Ao mergulharmos uma placa de prata metálica em uma solução de ácido nítrico (HNO3),
ocorrerá a reação: Ag + HNO3  AgNO3 + NO + H2O. Ajustando a reação química, calcule a massa de água
produzida, em gramas, quando é consumido 1 mol de prata metálica. R:12

32. 4g de hidróxido de sódio (NaOH) são adicionados a 4g de ácido clorídrico (HCl), produzindo cloreto de sódio
(NaCl) e água. Pergunta-se: há excesso de qual reagente?
R: 0,35g de HCl

33. (Fatec-SP) Na reação de amônia (NH3) com oxigênio (O2) para formar NO e água, qual a massa de água
formada a partir de 160g de O2? Quantos mols de NO são formados a partir da mesma quantidade de O2?
R:108g e 4 mols

34. Na produção de cal virgem (CaO), pela decomposição térmica do carbonato de cálcio, ocorre a seguinte
reação: CaCO3  CaO + CO2. Com base nessa informação, calcule a massa, em kg, de cal virgem que será obtida
a partir de 0,5 t de carbonato de cálcio. R: 280

35. Ao reagirmos propeno com ácido clorídrico, obtemos 2-cloro-propano, segundo a reação que segue.
C3H6 + HCl  C3H7Cl. Se reagirmos 84g de propeno (C3H6), qual a massa de 2-cloro-propano obtida, se o
rendimento da reação é de 60%? R:94,2

Profª: Evi Weber


Química
Profª: Evi Weber
Química

36. Um dos processos de obtenção de éter hospitalar (C4H10O) consiste na desidratação de álcool etílico
(C2H5OH), conforme a reação: C2H5OH  C4H10O + H2O. Pede-se para determinar o rendimento desse processo,
se quando desidratamos 184g de álcool, obtêm-se 111g de éter. R:75%

37. O nitrato de potássio (KNO3) é conhecido pelas suas propriedades diuréticas. Uma das reações em que
podemos obter este composto é dada a seguir:
AgNO3 + KCl  KNO3 + AgCl. Dispondo de 425g de nitrato de prata com 80% de pureza, qual a massa de
nitrato de potássio que obtemos se o rendimento da reação é de 60%? R:121,2

38. O salitre do Chile (NaNO3) é utilizado como conservante em embutidos como o presunto, mortadela, etc. Esse
composto pode ser obtido pela reação:
HNO3 + NaOH  NaNO3 + H2O. Sendo a massa de ácido nítrico (HNO3) utilizada igual a 126g, qual a massa de
salitre do Chile que obtemos se o rendimento dessa reação é de 95%? R:161,5

39. (Cesgranrio-RJ) O H2S reage com o SO2 segundo a reação: H2S + SO2  S + H2O. Qual o número máximo de
mols de enxofre que pode ser formado quando se faz reagir 5 mols de H2S com 2 mols de SO2? R:6

40. 12g de ferro (Fe) e 4g de enxofre (S) são aquecidos até reação total. Tendo em conta que o produto obtido é o
sulfeto ferroso (FeS), qual dos dois reagentes foi posto em excesso? R:5g de ferro

41. (PUC-RJ) A nave estelar Enterprise, de Jornada nas estrelas, usou B5H9 e O2 como mistura combustível. As
duas substâncias reagem de acordo com a seguinte equação: B5H9 + O2  B2O3 + H2O. Se um tanque contém 126
kg de B5H9 e o outro 240 kg de O2, qual tanque esvaziará primeiro? Mostre com cálculos. Quanta água terá sido
formada (em kg) quando um dos reagentes tiver sido completamente consumido? R:101,25 kg

42. 11,2 L de gás carbônico (CO2), nas CNTP, reagem com hidróxido de sódio (NaOH), produzindo carbonato de
sódio (Na2CO3) e água. Qual a massa de carbonato de sódio obtida, sabendo-se que o rendimento da reação é de
90%? R: 47,7g
43. (ITA-SP) Calcule o máximo de massa de água que se pode obter partindo de 8,0 g de hidrogênio e 32,0g de
oxigênio. Indique qual o reagente em excesso e quanto sobra do mesmo. R: 36g de água; excesso de 4g de H2

44. (PUC-MG) Fosgênio, COCl2, é um gás venenoso. Quando inalado, reage com a água nos pulmões para
produzir ácido clorídrico , que causa graves danos pulmonares, levando, finalmente, à morte; por causa disso, já
foi até usado como gás de guerra. A equação dessa reação é: COCl2 + H2O  CO2 + HCl. Se uma pessoa inalar
198 mg de fosgênio, qual a massa, em mg, de ácido clorídrico que se forma nos pulmões? R:146
Profª: Evi Weber
Química
Profª: Evi Weber
Química

45. 5 kg de CaCO3 são totalmente decompostos, conforme a reação química:


CaCO2  CaO + CO2 . Calcule:
a) massa em kg de CaO obtido; R)2,8kg
b) o volume de gás carbônico obtido a 25ºC e 1 atm, considerando que o volume molar é de 25 L/mol. R)1250L

46. Considere a obtenção do ferro, utilizando óxido férrico, conforme a reação: Fe2O3 + CO  Fe + CO2 . Se
utilizarmos 4,8 kg de óxido férrico, quanto teremos de ferro, admitindo que a reação tenha um rendimento de
80%? R: 2688g

47. Qual o volume, em m3, de gás oxigênio, nas CNTP, necessário para queimar totalmente 1200 kg de carvão,
com 90% de pureza, conforme a equação: C + O2 - CO2 R: 2016m3

48. (Unicamp-SP) Na metalurgia do zinco, uma das etapas é a reação do óxido de zinco (ZnO) com o monóxido
de carbono (CO), produzindo zinco elementar (Zn) e gás carbônico. Para cada 1000g de óxido de zinco que reage,
qual a massa de metal obtida?R: 802,5g

49. Encontrou-se uma amostra de mármore (CaCO3), cuja pureza era de 60%. Decompondo-se 50g dessa amostra,
obteve-se cal virgem (CaO) e gás carbônico (CO2). Admitindo-se um rendimento de 70% para essa reação,
quantos mols de gás carbônico foram conseguidos?R: 0,21 mol

50. Na combustão do cicloexano (C6H12), qual a quantidade em mols de oxigênio (O2) consumida, para um mol de
cicloexano queimado, conforme a equação: C6H12 + O2  CO2 + H2O? R: 9 mols

Profª: Evi Weber


Química