Você está na página 1de 5

Cálculo de engrenagens cilíndricas

Método de Dudley-Lewis
Profs Odilson C. Fernandes e João Lirani USP/Scarlos 009/2001
entrar dados
Dados de entrada

Identificação do projeto cálculo eng helicoidais

relação de transmissão 5.5 -

rotação =n 1140 [rpm]

potência de entrada N 39 [HP]

carga média / carga máx. atuante f 0.70 -

módulo normal mn 5 -

ângulo de pressão normal αn 20 [graus]

ângulo de hélice no diam. primitivo β 25 [graus]

adendo da ferramenta hkz 6 = 7 * módulo/6

raio no pé do dente rf 1 [mm]

orgão acionador

orgão acionado
Cálculos
escolher
a) Número de Dentes

20.517 adotado z1= 16

88 adotado z2= 88

relação de transmissão efetiva 5.500

erro em relação à relação de transmissão pedida 0.000 %

b) Geometria e Cinemática do Engrenamento

módulo frontal 5.517 [mm]

âng de pressão frontal

0.4 21.880 [graus]

diâmetro primitivo

eng menor 88.27 [mm]

eng maior 485.49 [mm]


diâmetro de base
eng menor 81.91 [mm]

eng maior 450.51 [mm]

diâmetro externo

eng menor 98.27 [mm]

eng maior 495.49 [mm]

diâmetro de raiz

eng menor 76.60 [mm]

eng maior 473.82 [mm]


relação de engrenamento 23.37

16.08
1.45

largura dos dentes ;

69.33 88.27 58 [mm]

relação de engrenamento frontal

1.56

3.01

velocidade tangencial no diâm.primitivo

5.27 [m/s]
c) Dimensionamento quanto à flexão no pé do dente

momento torçor 245.02 [N.m]

força tangencial média 3886.0 [N]

força tangencial efetiva

Da tabela 22.18 Niemann 2 7772.1 [N]

largura efetiva

da tabela 1 5000000 [N/mm]


0 [mm/mm] ; 51.13 [mm]

Se le calc > l então usar le = l Adotado le 51.13 [mm]

coeficiente distrib pela largura

1.9999

coef concentr. Tensões, do Gráfico 2 1

coefic. forma de Lewis

Da Tabela 5 Ytab1 = 0.3


Ytab2 = 0.44

engren menor 0.89


engren maior 1.33

fator de velocidade. Retirar do Grafico 1, Cv = 0.67

tensão de flexão no pé do dente

engr. menor 92.21 [N/mm2] = [MPa]

engr. maior 61.89 [MPa]


Tensão de confronto ou de trabalho no pé do dente

fator de aplicação de carga desde as tabs 3 e 6 Ka = 1.25

fator de vida retirado do Grafico 3 , Lft = 1

tensão confr. flexão engr. menor 115.26 [MPa]

tensão confr. flexão engr. maior 77.36 [MPa]

d) Dimensionamento quanto à pressão específica

N/mm2

módulos de elasticidade E1= 2.10E+05 E2= 2.10E+05

tensão de contato da engr. menor 626.69 [MPa]

tensão de contato da engr. maior 267.22 [MPa]


0.57 50516.12
Tensão contato de confronto 0 24161.85
0.57 50516.12
0 132890.15
fator de vida retirado da Tab pag 27 Lfc = 1

tensão confr. contato eng menor 700.66 [MPa]

tensão confr. contato eng maior 298.76 [MPa]

Materiais escolhidos e tensões admissíveis

engrenagem menor
material Dureza
aço 38 RC 225 700

engrenagem maior
material Dureza
aço 200 B 140 420

Tabela de resultados
Tensão de Tensão
engrenagem menor Confronto Admissível
tensão de flexão no pé do dente 115.26 225 [MPa]

tensão devida à pressão específica 700.66 700 [MPa]

engrenagem maior
tensão de flexão no pé do dente 77.36 140 [MPa]

tensão devida à pressão específica 298.76 420 [MPa]

Obs.: No caso mais crítico , caso contrário é necessário redimensionar