Você está na página 1de 6

Generated by Foxit PDF Creator © Foxit Software

http://www.foxitsoftware.com For evaluation only.

A Administração
Clássica ou a Teoria do
Processo Administrativo
Teoria Geral da Administração I
Profª Flávia Andreza de Souza, M. Sc.

Henry Fayol
 O principal representante desta escola foi
Henry Fayol: engenheiro; francês; nascido
em 1841;
 1860: iniciou os seus trabalhos na
mineradora e metalúrgica Comambault, onde
trabalhou durante toda sua vida;
 1888: foi promovido a diretor geral e
encontrou a organização em difíceis
condições financeiras;
 1918: ano de sua aposentadoria; conseguiu
levar a organização ao sucesso novamente:
 Lançou novos produtos;
 Fechou unidades deficitárias; e
 Adquiriu novas minas de carvão.

O Processo Administrativo
segundo Fayol
 1916: Publicou Administração Geral e Industrial;
 A Administração é uma função separada das demais (finanças,
produção, distribuição...);
 Compreende as funções: Planejamento; Organização; Comando;
Coordenação e Controle;
 A Função Administrativa:
 É comum a todos os empreendimentos humanos;
 Por isso todos deveriam estudar uma “teoria geral da administração”.

1
Generated by Foxit PDF Creator © Foxit Software
http://www.foxitsoftware.com For evaluation only.

O Processo Administrativo
segundo Fayol
Função Comercial

Planejamento
Função Financeira
Organização

Função de
Comando
Empresa Administração

Função de Segurança Coordenação

Controle
Função de
Contabilidade

Função Técnica

O papel dos gerentes


 O gerente tem o papel de tomar decisões, estabelecer metas,
definir diretrizes e atribuir responsabilidades;
 É através do gerente que o planejamento, a organização, o
comando, a coordenação e o controle são definidos (em uma
sequência lógica);
 Para tanto Fayol criou 14 princípios para a administração eficaz;
 Nitidez do papel dos gerentes através da separação da função da
Administração.

Drucker e APO
 APO: Administração por Objetivos;
 Expressão criada em 1955, por Peter Drucker;
 Procedimento visando a aplicação prática do Planejamento,
Organização, Liderança, Execução e Controle;
 Processo participativo de estabelecimento de objetivos e avaliação
de desempenho;
 Sofreu rejeição em tempos de estruturas e comportamento
hierárquicos;
 Nos anos 90 encontrou seu apogeu;
 Seus três componentes permanecem válidos em qualquer
metodologia de administração até hoje:
 Objetivos específicos:
 Definir as principais áreas de resultados de um equipe ou unidade;
 Estabelecer objetivos específicos e mensuráveis.

2
Generated by Foxit PDF Creator © Foxit Software
http://www.foxitsoftware.com For evaluation only.

Drucker e APO
 Tempo definido:
 Prazo específico: para a realização dos objetivos;
 Prazo intermediários: para verificação de desempenho;
 Feedback sobre desempenho:
 A equipe é avaliada ao longo do período de realização dos objetivos;
 Ao final do prazo, um novo plano de ação é definido para o período seguinte.

Planejamento
 É uma ferramenta para administrar as relações com o futuro;
 São decisões do planejamento:
 as que procurar influenciar o futuro; e
 as que são colocadas em práticas no futuro;
 O planejamento compreende três etapas:
 Dados de entrada;
 Processo de Planejamento; e
 Elaboração de Planos.

Planejamento
 Os objetivos são resultados desejados, que orientam o intelecto e a
ação (MAXIMIANO, 2010);
 Os objetivos são a parte mais importante de um plano e devem ser
expressos numericamente: quantidade; data; nível de qualidade;
 Os planos podem ser temporários ou permanentes:
 Temporários: extinguem-se quando os objetivos são realizados;
 Permanentes: situações definidas a serem resolvidas com decisões
programadas (políticas, procedimento, missão organizacional).

3
Generated by Foxit PDF Creator © Foxit Software
http://www.foxitsoftware.com For evaluation only.

Organização
 Organização dos recursos com vistas a executar o planejamento;
 Organizar é o processo de dispor qualquer conjunto de recursos em
uma estrutura que facilite a realização dos planos (MAXIMIANO,
2010);
 Organizar é: dividir o trabalho; atribuir responsabilidade as pessoas;
estabelecer mecanismos de comunicação e coordenação;
 A organização tem as suas principais etapas:

Definição de
responsabilidades
Desenho da
Análise dos Divisão do Estrutura
objetivos trabalho Organizacional
Definição da
autoridade

Organização
 Etapa da Divisão do Trabalho:
 Uma tarefa dividida em etapas ou unidades, com pessoas ou grupos
responsáveis por cada uma delas;
 Etapa da Definição de Responsabilidades:
 Neste momento, as responsabilidades são atribuídas às pessoas ou aos
departamentos;
 Em algumas empresas um departamento poder ser um único cargo;
 Etapa da Definição dos Níveis de Autoridade:
 É o momento de definição do direito legal dos chefes de comandar sua
equipe de trabalho;
 Etapa do Desenho da Estrutura Organizacional (Departamentalização):
 Atribuir a cada departamento a tarefa de atender a uma necessidade
específica;
 A mais popular é a funcional; podendo ser territorial, por produto, por
cliente, de projetos.

Execução
 Realizar as atividades planejadas com uso de habilidades físicas e
mentais;
 O tipo de habilidades podem variar conforme os objetivos e os
recursos da organização;
 Alguns exemplos de atividades de execução:
 Elaborar planos;
 Organizar uma equipe;
 Realizar uma tarefa operacional (montar um automóvel ou preencher
um formulário);
 Ministrar uma aula;
 Escrever um livro;
 Preparar um trabalho escolar;
 A execução está baseada no planejamento e na organização já
realizados;
 O resultado é sempre um produto ou serviço

4
Generated by Foxit PDF Creator © Foxit Software
http://www.foxitsoftware.com For evaluation only.

Controle
 O processo de controle usa informações para a tomada de
decisões;
 É preciso conhecer os objetivos para poder ser exercer o controle;
 Controlar é tomar decisões visando manter um sistema na
direção de um objetivo.

Liderança
 As pessoas são o centro do processo administrativo;
 A liderança requer competências intelectuais e interpessoais;
 As pessoas são necessárias no Planejamento, no Controle, na
Organização e na Execução.

Referências
MAXIMIANO, A. C. A. Teoria Geral da Administração. São Paulo:
Atlas, 2010.

5
Generated by Foxit PDF Creator © Foxit Software
http://www.foxitsoftware.com For evaluation only.

Questão para debate


 Você foi contratado/a por uma organização e por ela foi
orientado/a a implementar os 14 princípios de Fayol. O
que você faria? Aplicaria todos? Alguns? Nenhum? O
que você argumentaria para a empresa?

Interesses relacionados