Você está na página 1de 31

FUNDAMENTOS

TÉCNICOS DE
ENFERMAGEM
2º SEMESTRE 2019
DESCRIÇÃO DA UNIDADE - 1
• TÉCNICAS DE HIGIENE E CONFORTO DO PACIENTE.

– SEÇÃO 1.1 – TÉCNICAS DE ORGANIZAÇÃO DE LEITO

– SEÇÃO 1.2 – POSIÇÕES PARA CONFORTO E PROCEDIMENTOS

– SEÇÃO 1.3 – TÉCNICAS DE HIGIENE


HIGIENE PESSOAL

ENVOLVE ASPECTOS DE BEM-ESTAR FÍSICO, SOCIAL


E MENTAL.

VISA MELHORAR A SAÚDE E A QUALIDADE DE VIDA.

PREVINE DOENÇAS.
HIGIENE PESSOAL

EXIGE CONHECIMENTO DA ANATOMIA E FISIOLOGIA DO


TEGUMENTO, CAVIDADE ORAL, OLHOS, OUVIDOS E
NARIZ.

Troca de Oxigênio, nutrientes, fluidos

Nutrição, hidratação, circulação


HIGIENE PESSOAL

LEMBRAR:
■ PREFERÊNCIAS PESSOAIS;
■ IMAGEM CORPORAL;
■ MOTIVAÇÕES E CRENÇAS DE SAÚDE;
■ VARIÁVEIS CULTURAIS;
■ CONDIÇÃO FÍSICA.
HIGIENE ORAL

OBJETIVO: EVITAR PROCESSO INFLAMATÓRIO QUE PODE


ACOMETER A BOCA, OS LÁBIOS OU A GENGIVA.

QUANDO: DEVE SER REALIZADO, NO MÍNIMO, DUAS A TRÊS


VEZES AO DIA.
HIGIENE ORAL

PARA PENSARMOS A RESPEITO DA EFETIVIDADE DA


HIGIENE ORAL PRECISAMOS AVALIAR O GRAU DE
DEPENDÊNCIA DE CADA PACIENTE, POIS NEM TODOS
CONSEGUEM REALIZAR ESSE CUIDADO DE MANEIRA TÃO
INDEPENDENTE OU SIMPLES.
HIGIENE ORAL

PACIENTE CONSCIENTE
ELE PODE REALIZAR A SUA PRÓPRIA HIGIENE ORAL!
DEIXAR OS MATERIAIS NECESSÁRIOS PRÓXIMOS A ELE E
FORNEÇA INFORMAÇÕES;
OBSERVAR E SALIENTAR A IMPORTÂNCIA DO PROCEDIMENTO.
HIGIENE ORAL

PACIENTE DEPENDENTE
O PROFISSIONAL DEVE REALIZAR SUA HIGIENE ORAL.

 DEIXE O PACIENTE PARTICIPAR DA MANEIRA QUE


PUDER.
Pode formar
HIGIENE ORAL placas!

PACIENTE INCONSCIENTE
O PROFISSIONAL DEVE REALIZAR SUA HIGIENE ORAL.
CUIDADO COM O RISCO DE ASPIRAÇÃO!
– PEGAR KIT ASPIRAÇÃO
– POSIÇÃO SEMI-FOWLER
– LATERALIZAR A CABEÇA QUANDO POSSÍVEL
HIGIENE ORAL
HIGIENE ORAL – CUIDADOS COM A PRÓTESE

COLOQUE A PRÓTESE NO RECIPIENTE;


 ESCOVE A PRÓTESE;
 ENXAGUE COM ÁGUA MORNA;
HIGIENE OCULAR
OBJETIVO: RETIRAR SUJIDADES QUE PODEM OCASIONAR
PROCESSOS INFLAMATÓRIOS E PREJUDICAR A VISÃO DOS
INDIVÍDUOS.
QUANDO: DIARIAMENTE.
LAVAR O ROSTO NÃO É SUFICIENTE!
HIGIENE OCULAR
HIGIENE ÍNTIMA
OBJETIVO: LAVAGEM DA REGIÃO GENITAL E
PERINEAL; PROPORCIONAR CONFORTO,
PREVENIR E TRATAR INFECÇÕES

QUANDO: DIARIAMENTE.
HIGIENE ÍNTIMA
ALGUMAS CONSIDERAÇÕES:
TRICOTOMIA

OBJETIVO: RETIRAR OS PELOS DE UMA


DETERMINADA ÁREA DO CORPO.

QUANDO: PREPARAR A ÁREA PARA CIRURGIAS OU


EXAMES; FIXAR CURATIVOS, DRENOS OU
SONDAS; ESTÉTICA.
TRICOTOMIA

SE A ÁREA FOR GRANDE, DEVEM-SE MOLHAR PEQUENAS


PORÇÕES DE CADA VEZ.

 SE OS PELOS FOREM LONGOS, DEVE-SE CORTÁ-LOS


ANTES COM TESOURA.

LIMPAR BEM A CICATRIZ UMBILICAL QUANDO SE TRATAR DE


TRICOTOMIA ABDOMINAL.
TRICOTOMIA
NAS PROEMINÊNCIAS ÓSSEAS, CUIDADO PARA NÃO CORTAR
O CLIENTE.

A TRICOTOMIA DEVE SER REALIZADA EM TEMPO MAIS


PRÓXIMO POSSÍVEL DA CIRURGIA (NO MÁXIMO 2 HORAS
ANTES), E A ÁREA A SER TRICOTOMIZADA DEVE SER A
ESTRITAMENTE NECESSÁRIA.
BANHO NO LEITO

OBJETIVO:
- PROPORCIONAR LIMPEZA;
- AVALIAÇÃO DA PELE;
- ESTIMULAR CIRCULAÇÃO
- CONFORTO FÍSICO E MENTAL
QUANDO: DIARIAMENTE OU QUANDO NECESSÁRIO.
BANHO NO LEITO
CONSIDERAÇÕES

– NÃO MASSAGEAR ÁREAS HIPEREMIADAS

– FAZER AVALIAÇÃO DA PELE DURANTE O BANHO;


BANHO NO LEITO
• LAVAR OS CABELOS

– UTILIZAR LUVAS
– COLOCAR IMPERMEÁVEL SOB OS OMBROS, PESCOÇO E CABEÇA;
– COLOQUE UMA TOALHA SOB O PESCOÇO DO PACIENTE;
PROBLEMAS MAIS COMUNS DE CABELO E
COURO CABELUDO

CASPA
PEDICULOSE
QUEDA DE CABELO
BANHO NO LEITO

OBSERVAR A PELE DURANTE O BANHO PRINCIPALMENTE NA


PRESENÇA DOS FATORES:

SENSAÇÃO REDUZIDA
ALTERAÇÕES NA NUTRIÇÃO
IMOBILIZAÇÃO
 SECREÇÕES
PROBLEMAS MAIS COMUNS DE PELE

PELE SECA
MENOR FREQUÊNCIA DE BANHO;
RETIRAR TODO O SABÃO NO BANHO;
UTILIZAR CREMES HIDRATANTES;
PROBLEMAS MAIS COMUNS DE PELE

• DERMATITE DE CONTATO
 EVITAR AGENTES CAUSADORES;
BANHO DE ASPERSÃO
TOMAR BANHO DE CADEIRA: REDUZIR RISCO DE
HIPOTENSÃO;
NÃO PERMANECER POR MAIS DE 20 MIN: CAUSA
VASODILATAÇÃO E HIPOTENSÃO;
NÃO DEIXAR O PACIENTE SOZINHO POR MUITO TEMPO!
CUIDADOS COM O CORPO APÓS A MORTE

PERMITIR QUE OS FAMILIARES TENHAM UM TEMPO COM


O CADÁVER.

 ENTREGAR OBJETOS PESSOAIS À FAMÍLIA.

 IDENTIFICAR O CORPO COM OS DADOS PESSOAIS.


CUIDADOS COM O CORPO APÓS A MORTE
ANOTAR NO PRONTUÁRIO:
• O HORÁRIO EM QUE O MÉDICO CONSTATOU O ÓBITO; O
NOME DO MÉDICO QUE CONSTATOU O ÓBITO;
• O TIPO DE ÓBITO OCORRIDO;
• O REGISTRO DA RETIRADA DE CATETERES, DRENOS E
DEMAIS EQUIPAMENTOS PARA SUPORTE;
• O PREPARO DO CORPO QUE FOI REALIZADO (LIMPEZA,
TAMPONAMENTO, COLOCAÇÃO DE PRÓTESES, CURATIVO,
VESTIMENTA, IDENTIFICAÇÃO DO CORPO);
CUIDADOS COM O CORPO APÓS A MORTE

ANOTAR NO PRONTUÁRIO:
O HORÁRIO DO ENCAMINHAMENTO DO CORPO AO
NECROTÉRIO, INSTITUTO MÉDICO LEGAL (IML),
SERVIÇO DE VERIFICAÇÃO DE ÓBITOS (SVO);
O ENCAMINHAMENTO DO PRONTUÁRIO DO
PACIENTE AO REGISTRO GERAL DO HOSPITAL.
REFERÊNCIAS

• LIVRO TEXTO
• POTTER P, PERRY AG. FUNDAMENTOS DE
ENFERMAGEM. 8ª ED. ELSEVIER; 2013.

Você também pode gostar