Você está na página 1de 2

LEIA ARTIGOS RELACIONADOS AO ASSUNTO E COLOQUE SUAS

CONCLUSÕES.. CUIDADO PARA NÃO FAZER CÓPIA E COLA..


UM ARTIGO CIÊNTIFICO TEM INTRDUÇÃO, DESENVOLVIMETO
aqui já deve ser usado um subtítulo geral ou inicial para as seções)

No caso de divisões do assunto em seções, a ordenação no desenvolvimento deve seguir


as normas de numeração progressiva das seções de um documento, conforme as normas
da ABNT/ NBR de 2002. (Ex. 1, 1.1; 2, 2.1, 2.2; 3, 3.1, 3.2 etc.)
Este é o “corpo” principal do artigo. Trata do assunto ou problema que se está
abordando, de forma abrangente e objetiva, embora de extensão relativamente pequena.
O artigo é um texto de natureza técnica-científica, com autoria definida, que apresenta e
discute conceitos, métodos, técnicas, processos, resultados ou proposição de soluções
para posições controvertidas, nas mais diversas áreas do conhecimento. Pode ser
original, quando apresenta temas gerados pela experiência pessoal do seu autor ou
resultados de uma pesquisa, ou um artigo de revisão bibliográfica, quando resume,
analisa, discute ou gera novas informações, com base nas informações já publicadas
sobre o assunto, mas sempre com uma nova abordagem.
Quanto ao tipo, um artigo pode ser:
Analítico: descreve, classifica e define o assunto, levando em conta a forma e o objetivo
que se tem em vista. Sua estrutura é a seguinte: define o assunto, apresenta os aspectos
relevantes e irrelevantes, as partes e as relações existentes.
Classificatório: ordena os aspectos de determinado assunto e a explicação de suas
partes. Sua estrutura é a seguinte: definição do assunto, explicação da divisão, tabulação
dos tipos e definição de cada espécie.
Argumentativo: apresenta o enfoque de um argumento e, depois, apresenta os fatos que
provam ou refutam o foco factual. Sua estrutura é a seguinte: exposição da teoria,
apresentação dos fatos, síntese dos fatos, análise argumentativa e conclusão.
A redação do artigo deve considerar o público ao qual se destina. A linguagem será
gramaticalmente correta, precisa, coesa, coerente e, preferencialmente, em terceira
pessoa ou utilizando a impessoalização textual. O estilo deve ser claro, conciso e
objetivo, como em qualquer trabalho técnico-científico. Devem ser evitados adjetivos
supérfluos, repetições redundantes, explicações desnecessárias, rodeios sem atingir o
objetivo. Por outro lado, deve-se lembrar que um excesso de concisão pode prejudicar a
compreensão do texto ou do que se pretende dizer. Ao escrever, não se deve ficar
determinado em demonstrar erudição e cultura gramatical ou discursiva e, sim, chegar-
se a uma comunicação correta que deixe claro ao leitor as idéias expostas.
Sempre que possível, devem ser evitadas as notas de rodapé ou notas de final de texto,
bem como a separação de partes do texto em anexos ou apêndices.
, E CONCLUSÃO

E UTILIZE AS NORMAS DA ABNT


• Utilizar papel branco, A4.
• Fonte Arial, ou Times New Roman, estilo normal, tamanho 12.
• Todas as letras dos títulos devem ser escritas na margem esquerda de cada página, em
negrito e maiúsculas, tamanho 12. No caso de seções, dar um espaço duplo antes de
começar a seção seguinte na mesma página.
• O espaçamento entre linhas deve ser simples. Nas referências bibliográficas, o
espaçamento entre uma obra e outra deve ser 1,5.
• O início de cada parágrafo pode ser recuado de 2cm. da margem esquerda.
• As margens das páginas devem ser : superior e esquerda de 3,0 cm.; inferior e direita
de 2,0cm.
• O número da página deve aparecer na borda superior direita, em algarismos arábicos,
inclusive das Referências Bibliográficas, somente a partir do início do artigo.