Você está na página 1de 2

Análise das Demonstrações Contábeis II

Ciências Contábeis 6º Semestre - 2019


Prof. Esp. Fernando Spadari dos Santos

_____________________________________________________________________________________
ATIVIDADE (Aulas VII e VIII)
1-Conforme a Lei 11.638/07 o Ativo Permanente divide-se em Investimentos, imobilizado, intangível e
Diferido. A MP 449/2008 modificou a composição dos grupos patrimoniais, e estabeleceu que o ativo não
circulante será composto por ativo realizável a longo prazo, investimentos, imobilizado e intangível, não
citando o diferido. Portanto, este subgrupo deixou de existir. Cite 4 subcontas que integram somente o grupo
de investimentos.
1- Provisão para perdas ( conta credora)
2- Participação em outras sociedades e direitos de qualquer natureza, não classificáveis no ativo circulante, ou
realizáveis a longo prazo que não se destinem á manutenção da atividade da companhia ou empresa.
3- Participação em coligadas e controladas
4- Outros investimentos: obras de arte, imóveis para futura utilização ou para renda etc.

2- O ativo imobilizado exprime a aplicação de capital da empresa em itens necessários à manutenção de sua
atividade operacional, possui dentre outras características:
I- Possui capacidade de geração de lucro para a empresa, dada sua utilização no desenvolvimento das
atividades operacionais.
II- Possui longa duração e por consequência alto custo, o que pode penalizar a empresa em qualquer decisão
equivocada de aquisição.
III É constituído por bens de maior liquidez.
-
IV- É constituído por elementos de natureza fixa que não se enquadram no ativo circulante e realizável a longo
prazo.

A V, F, V, F B V, V, F, F
C F, V, V, F D V, V, F, V

3- O objetivo da Demonstração de Lucros ou Prejuízos Acumulados é a evidenciação do lucro do período, a


sua destinação e a movimentação ocorrida no saldo da conta lucros ou prejuízos acumulados. Compreendem
elementos discriminados na DLPA:
I- O saldo do início do período e os ajustes de exercícios anteriores.
II- As reversões de reservas e o lucro líquido do exercício.
III- As transferências para reservas, os dividendos, a parcela dos lucros incorporados ao capital e o saldo ao
fim do período.
IV- Os dividendos distribuídos.

A V, V, F, V B V, F, F, V
C V, V, V, V D V, F, V, V

4- Embora a Lei 6.404/76 tenha conferido caráter obrigatório à Demonstração dos Lucros ou Prejuízos
Acumulados, a mesma poderá opcionalmente ser suprimida:

A Pelo Balanço Patrimonial e Notas explicativas.


B Pela Demonstração de Origens e Aplicações de recursos.
C Pela Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido.
D Pela Demonstração dos Fluxos de caixa.

5- Como Ajustes de Exercícios Anteriores serão considerados apenas os decorrentes de efeitos da mudança
de critério contábil, ou de retificação de erro imputável a determinado exercício anterior, e que não possam
ser atribuídos a fatos subsequentes. Cite 3 exemplos de fatos passíveis destes ajustes.
a) Retificação de valores do ativo, decorrente de mudança de critérios de avaliação ( de estoques,
investimentos etc) ou de adoção de outros métodos de depreciação.
b) Depreciação, exaustões e amortizações, contabilizadas a maior ou a menor em anos anteriores.
c) Erro na baixa de valor contábil de bens do ativo.