Você está na página 1de 45

ORIGEM

BOMBA HIDRÁULICA(de engrenagens) PARA APLICAÇÃO


DOS FREIOS / VENTILADOR

• Deslocamento fixo(28 L/min


@ 2000 rpm)
• Acionada pelo motor
• Carrega acumuladores
• Quando os acumuladores
estão carregados, o fluxo da
bomba é usado para acionar
o motor hidráulico do
ventilador, de 28 L/min @
2000 rpm
TORQUE DA PORCA DE FIXAÇÃO : 60 A 69 N m
BOMBA HIDRÁULICA(de engrenagens)

• Esta bomba hidráulica de engrenagens, acionada pelo motor


supre o sistema de freios, o motor hidráulico do ventilador e
o circuito de arrefecimento do óleo hidráulico da W 130.
ACUMULADORES DE SERVIÇO
ACUMULADOR COM TOMADA DE
PRESSÃO
DURANTE OPERAÇÃO
NORMAL, ESTABILIZA A
PRESSÃO NO CIRCUITO

EM CASO DE EMERGÊNCIA, COM MOTOR


PARADO, PERMITE A AÇÃO DOS FREIOS
POR UM CERTO NÚMERO DE VEZES
Acumulador do freio de estacionamento
PRIORIDADE

CUT IN
CARGA
CUT OUT

RETENÇÃO ACUM
RETENÇÃO

CARTUCHO
PRESSÃO DE FRENAGEM
SEQUÊNCIAL

FRENAGEM DOS
VÁLVULA DE RETENÇÃO

VÁLVULA SEQUÊNCIAL DO ACUMULADOR

VÁLVULA DE CARGA
VÁLVULA DE REGULAGEM DAS PRESSÕES MÁXIMA E MÍNIMA

VÁLVULA DE PRIORIDADE
VÁLVULA DE FRENAGEM DOS
EIXOS
NO INTERIOR DA CARCAÇA
FUNDIDA EXISTEM :

•UMA VÁLVULA DE
PRIORIDADE

• UMA VÁLVULA DE RECARGA


DE ACUMULADORES,

• DOIS CIRCUITOS DE
FRENAGEM

•UMA VÁLVULA SEQUÊNCIAL

• EXTERNAMENTE O
SOLENÓIDE DO FREIO DE
ESTACIONAMENTO
PEDAL DE FREIO SAFIM S6
AO LADO DO CORPO PRINCIPAL
FOI FIXADO UM PEQUENO BLOCO
CONTENDO UMA VÁLVULA
SOLENÓIDE QUE CONTROLA O
FREIO DE ESTACIONAMENTO
ESTACIONAMENTO APLICADO
POR MOLAS. O ÓLEO VAI PARA O
TANQUE
Pedal SAFIM 191836 para
W 130

VÁLVULA
SOLENÓIDE
NO CORPO
DO PEDAL
AJUSTE DO ÂNGULO DO PEDAL

AJUSTAR NO
PARAFUSO a

BLOQUEAR NO
PARAFUSO b
AJUSTE DA PRESSÃO DE FRENAGEM MÁXIMA

alimentação

Ao soltar aumenta a pressão de frenagem


VÁLVULA DE VÁLVULA DE
PRIORIDADE CARGA

SOLENÓIDE DO FRIO DE ESTACIONAMENTO

VÁLVULA DE
CUT IN = 115 BAR REGULAGEM
CUT OUT = 145 a 150 PRESSÃO MÁX. e
BAR MIN.
621 D

VÁLVULA
SOLENÓIDE

12C
QUAL É A DIFERENÇA
ENTRE OS PEDAIS
SAFIM PARA 12C e W
130?

R.:A VÁLVULA SOLENÓIDE DO


FREIO DE ESTACIONAMENTO
VÁLVULA SOLENÓIDE DO FREIO DE
ESTACIONAMENTO=> 27 volts

R3

Saída para freio de estacionamento

BLOCO

livre
P/ VENTILADOR

FREIO DO ED

FREIO DO ET

P/ ACUM. LD

P/ ACUM. LE

DA BOMBA
DE FREIO
F=PRESSOSTATO ACUM.
ESTACIONAMENTO=>R3
P/ VENTILADOR
( ÓLEO PARA R3 SAI DO “BLOCO”)
F1 e F2= PRESSOST. ACUM. DE SERVIÇO

19 mm

FREIO DO ED
34 mm

FREIO DO ET

P/ ACUM. R1

Regulagem da
pressão de frenagem
P/ ACUM. R2

DA BOMBA
DE FREIO
VÁLVULA DE REGULAGEM DAS PRESSÕES MÁXIMA E MÍNIMA

A B
Com motor funcionando, acione o pedal para reduzir a pressão
no acumulador e localizar o ponto de recarga. Ajuste a pressão
mínima com o corpo A e bloqueie com o batente C.
Só então ajuste a pressão máxima com o parafuso B.

A
Regulagem das pressões mínima e
máxima de recarga dos acumuladores

CUT IN = 115 BAR


CUT OUT = 145 a 148 BAR

Conecte os manômetros
nas tomadas dos acumuladores
CAPA DE
PROTEÇÃO

CARCAÇA

O CORPO A
REGULA A
PRESSÃO
MÍNIMA de 115
bar

O PARAFUSO B
REGULA A
PRESSÃO
MÁXIMA de 145 a
148 BAR
VÁLVULA REGULADORA
DE PRESSÕES MAX. E
MÍN. VEM LACRADA DE
FÁBRICA

Chave 19 mm

Chave 34 mm
VÁLVULA ANEL
PRIORIDADE TRAVA

ALIMENTAÇÃO
ACUMULADOR
TANQUE
P/VENTILADOR
REGULAGEM DA PRESSÃO DE RECARGA

PRESSÃO MÁXIMA

B
BATENTE
C

A
PRESSÃO MÍNIMA
COMPONENTES
DE F R E I O S

VÁLVULA
SEQUÊNCIAL

VÁLVULA PEDAL
BOMBA

•V. de prioridade
•V. de carga dos
acumuladores
ACUMULADOR
PRESSOSTATO de
ES
controle dos
acumuladores (60 BAR)

INTERRUPTOR DE
DESENGATE DA
TRANSMISSÃO=15 BAR
BOMBA

EIXO
DIANT.

EIXO
TRASEIRO
P/VENTILADO SOLENÓIDE
R INTERRUPTOR LUZ DE
FREIO = 1,8 BAR

P/ESTACIONAMENTO TANQUE
EQUILÍBRIO NA
CARGA

DADA A PARTIDA:AS VÁLVULAS


ESTÃO CARREGADAS POR MOLA
A VÁLVULA
SEQUÊNCIAL
ENERGIZA A VÁLVULA
DE CARGA COM
PRESSÃO DO
ACUMULADOR R1
PEDAL DE FREIO / DESACOPLAMENTO DA TRANSMISSÃO
• Pedal de freio único

• Pedal e válvula integrados


- (válvula de carga dos
acumuladores, válvula sequêncial e
solenóide do freio de estacionamento
em um único componente, instalado
abaixo da cabine)
FREIO DE ESTACIONAMENTO

APLICA MECÂNICAMENTE

DESAPLICA
HIDRÁULICAMENTE
FREIO DE ESTACIONAMENTO

Aplicado mecânicamente através de


molas e desaplicado
hidráulicamente por válvula
solenóide integrante da válvula de
freio.
Um acumulador de freio de 0,50L e
85 bar de pré carga garante a
desaplicação.

TROCAR OS 2 DISCOS DE FREIO SE


A ESPESSURA DO MATERIAL DE
ATRITO FOR MENOR QUE 2 mm
Acesso para
regulagem(motor em
marcha lenta)
AJUSTE DO FREIO DE ESTACIONAMENTO

CONDIÇÃO:FREIO
DESAPLICADO = LUZ PILOTO
DO FREIO DE
ESTACIONAMENTO APAGADA

ROSCA FOLGA VOLTAS


M 16 1,0+/-0,5 mm 1/2
m 20 2,0+/-1,0 mm 4/5
Freio de estacionamento
KNOTT

TIPO ROSCA FOLGA

FOLGA

FOLGA
1 REMOÇÃO DAS SAPATAS

1
2

1) Soltar a porca castelo “2”


2) Remover 1 ou 2 pinos guia “1”
3) Remover as sapatas
FREIOS SAFIN - CIRCUITO ABERTO

Freio de
estacionamento
P/ VENTILADOR

Fora - baixa pressão


Pequeno de dentro - Alta

P
BOMBA HIDRÁULICA E MOTOR HIDRÁULICO

MOTOR HIDRÁULICO DE
ACIONAMENTO DO VENTILADOR
BOMBA HIDRÁULICA DO FREIO 28 L/MIN
28 L/MIN@2000 RPM
MOTOR HIDRÁULICO DA HÉLICE

• Acionamento hidráulico
• Montado
independentemente do
motor
• Menos ruído
• Reversível
• Kit de Campo
 Conversão de motor unidirecional
para bidirecional
Válvula inversora
(opc)

O ventilador reversível, ideal para


trabalhos em que há grande
concentração de poeira, é acionado de
dentro da cabine. Ele faz a remoção
dos detritos no radiador, de forma
rápida e eficiente, evitando paradas
para limpeza.
INTERRUPTOR DA HÉLICE

• O operador mantém o botão pressionado


Válvula
• A hélice é invertida(giro horário) para limpar inversora
o sistema
• Quando o botão é liberado, a hélice volta à
operação normal (15 Seg)

Você também pode gostar