Você está na página 1de 1

Preparação, padronização de solução de NaOH e determinação da acidez

do vinagre
Autores: Emanuele Lemes(turma B), Giovanna Fleury(Turma B), Miellena Fontes(Turma A)
1ª 0,25 11,9
INTRODUÇÃO titulação 0,0102
2ª 0,25 12,2
titulação
O domino do preparo de soluções é imprescindívelpara 3ª 0,25 11,9
um bom desempenho nos laboratóriosquímicos. As titulação
soluções são misturas homogêneos de duas ou mas Fonte: Arquivo Pessoal
substancias, pode-se ter soluções de solido em Líquidos, Xm=11,9+12,2+11,9/3 Xm=12 mL
gases emlíquidos, etc. E as de maior importância líquidos [NaOH]=0,25/(12x204,22)  [NaOH]=0,0102 molL-1
em líquidos (CONSTANTINO, SILVA, DONATE, 2014). E%=(0,0102 – 0,100/0,100) x 0,100  E%= 89,8%
A padronização ou titulação é determinada a partir da Exatidão%=100-89,8  Exatidão%= 10,2%
interação físico-química de duas soluções, mediadas por De acordo com os cálculos realizados, pode se obter a
verdadeira concentração do NaOH, portanto, a exatidão é
um indicador. Para que ocorra tal processo, torna-se
de apenas 10,2%, um valor considerado baixo.
imprescindível a presença de um titulante (solução padrão
primaria com uma concentração e estabilidade Em outra etapa, foram transferidos arbitrariamente 10
constante),além de um titulado (analitoesse mL de vinagre comercial para o balão volumétrico de 100
representado por um íon), molécula/espécie a passar pela mL para o preparo da solução da solução da amostra de
padronização. Assim, a análiseda acidez pode ser feita vinagre a ser titulada. Os resultados para a determinação
através da titulação de neutralização usando do real teor de ácido acético no vinagre, realizada em
NaOH(HARRIS,2011). triplicata, podem ser encontrados na Tabela 2.

OBJETIVO Volume Concentração Teor


gasto de do ácido Teor de Exp.
Treinar as técnicas de preparação e padronização da titulante(m acético(molL- Ref.
1
solução de hidróxido de sódio e, determinar a L) )
concentração de ácido acético em uma amostra de 1ª titulação 6,4 3,84%
vinagre. 2ª titulação 6,4 0,064 4% 3,84%
3ª titulação 6,5 3,90%
MATERIAIS E REAGENTES
Tabela 2 – resultados para a determinação do teor de ácido
Erlenmeyers, balão volumétrico de 250 e 100 mL, pipeta acético no vinagre.
volumétrica de 2 e 10 mL, bureta de 25 mL, balança Fonte: Arquivo Pessoal
analítica, pisseta com água destilada, proveta de 50 mL, O teor teórico informado pelo fabricante no vinagre é de
frascos para soluções preparadas, béqueres, solução de 4%.
NaOH 50%, biftalato de potássio, fenolftaleína, amostra Xm=6,4+6,4+6,5/3  Xm=6,43
de vinagre comercial. [HAc]xVa=[NaOH]xVb  [HAc]=0,1x0,00643/0,01 
[HAc]=0,0643 molL-1
RESULTADO E DISCUSSÃO A partir dos cálculos, foi possível calcular a concentração
do ácido acético, bem como o seu teor experimental, dessa
A reação entre biftalado de potássio e o hidróxido de
sódio, que se encontra a seguir, mostra uma CONCLUSÃO
relação estequiométrica de 1 para 1. Dessa forma, forma pode-se inferir que o resultado foi satisfatório, pois o
calculou-se urna massa de 0,25 g de biftalato de potássio teor experimental está bem próximo do teor de referência.
para cada titulação, a fim de padronizar a solução de
NaOH 0,1M. Além disso, ao partir de uma solução de
NaOH 50%, foram utilizados 2 mL para preparação de A partir da análise titulométrica realizada, pôde-se concluir
250 mL da solução a ser titulada a 0,1 M. Os resultados que o vinagre comercial submetido a tal, encontra-se com o
para essa padronização, realizada em duplicata, são valor da acidez próxima ao de referência fornecido pelo
encontrados na Tabela 1. fabricante do produto, levando em conta erros como o uso
inadequado da vidraria, as falhas na determinação da
KHC8H4O4 + NaOH → KNaC8H4O4 + H2O massa e de volume e a utilização de reagentes de baixo
grau de pureza, entre outras conclui-se que está dentro das
Referências Bibliográficas
Tabela 1 – Resultados para a padronização da solução de especificações de qualidade exigidas pela legislação, que
NaOH 0,1M. determina um teor de 4 a 6% de Hac em vinagres.

Concentraç
Massa Volume
ão real da CONSTANTINO, M. G. SILVA, G. V. J.; DONATE, P. M. Fundamentos da
de gasto de
solução de química experimental. 2.Ed. 1 Reimpr. São Paulo 2014, p.73.
biftalato titulante(m NaOH(mol/L
de L) HARRIS, D. C. Análise química quantitativa. Rio de Janeiro: LTC,2011.
)
potássio(
g)