Você está na página 1de 13

Objetivos do Desenvolvimento

do Milênio (ODM)
ERRADICAR A EXTREMA
POBREZA E A FOME
1-Propõe a erradicação
da extrema pobreza e da
fome
Acabar com a fome significa reduzir a
desnutrição e dar condições a todos da
ingestão diária da dieta mínima diária,
preconizada pela Organização das Nações
Unidas para Agricultura e Alimentação – FAO.
Este objetivo também trata da redução do
número de pessoas em pobreza extrema ou
indigência. Isto depende do aumento da renda,
do fortalecimento das políticas sociais e da
diminuição das desigualdades entre ricos e
pobres.
Metas

Reduzir pela metade, até 2015, a


proporção da população com renda
abaixo da linha da pobreza(renda
inferior a US$1/dia).

Reduzir pela metade, até 2015 a


proporção da população que sofre de
fome.
Exemplos de ações e
projetos por este
Estímulo à agricultura familiar e comunitária de
subsistência. objetivo
Capacitação para o melhor aproveitamento de
alimentos.
Orientação em alimentação, nutrição e saúde.
Programas de redução do analfabetismo
funcional, familiar e da comunidade.
Aproveitamento da produção e suporte na
comercialização de excedentes.
Exemplos de ações e
projetos por este
Programas de desenvolvimento do cidadão,
principalmente osobjetivo
voltados a jovens e crianças e
no meio rural.
Estruturação de cooperativas para
aproveitamento de recursos comunitários.
Treinamento e aperfeiçoamento em atividades
geradoras de renda.
Programa de formação e mobilização social para
convivência com o semiárido.
Programas de formação de multiplicadores de
todas as ações acima.
Destaques
O Brasil já alcançou tanto as metas
internacionais quanto as metas nacionais de
redução da extrema pobreza e da fome.
A pobreza extrema no Brasil hoje é menos de um
quinto da de 1990.
Embora a porcentagem de negros vivendo em
extrema pobreza permaneça mais alta do que a
dos brancos, hoje é apenas um quarto do que
era em 1990.
A porcentagem de crianças desnutridas já é
menor do que o tolerável segundo a Organização
Mundial da Saúde.
Destaques
O Nordeste ainda é a região mais pobre do país, mas
a desnutrição infantil já está próxima das regiões
mais desenvolvidas.
Grupos populacionais específicos em regiões remotas
continuam apresentando taxas elevadas de
desnutrição infantil.
O progresso no combate à desnutrição infantil foi
mais intenso entre as camadas mais pobres da
população.
O Brasil fez mais do que a sua parte para que o
mundo atinja as metas para 2015 do primeiro ODM.
Políticas sociais e
econômicas
ajudou as foram
A continuidade e a articulação das políticas sociais
famílias pobres a terem renda e suprirem
outras necessidades além da renda.
fundamentais
O mercado de trabalho e as políticaspara se
sociais garantiram

atingir os Objetivos do
a melhor distribuição dos frutos do crescimento
econômico.

Milênio
A expansão dos programas de transferência de renda,
como o Bolsa Família, teve papel importante no combate
à fome e à pobreza.
Políticas sociais e
econômicas
A política do salário mínimo têmforam
sido um dos mais

nos fundamentais para se


importantes fatores de promoção do bem-estar
últimos anos.

atingirmonetária
A estabilidade os Objetivos do
tem sido fundamental.
A estratégia de crescimento inclusivo com
Milênio
redistribuição ajudou o Brasil a atravessar a crise
financeira internacional de 2008.
Vídeo

Vídeo da campanha do 1º
Objetivo do Milênio – acabar com a
fome e a miséria – protagonizada
voluntariamente pela atriz Camila
Pitanga.
Clique para editar os estilos do texto mestre
Segundo nível
● Terceiro nível

● Quarto nível

● Quinto nível
Grupo

Robynaide Santana Vasco RA


173596
Zilma Pereira de Santana RA
162995
Cláudia da Silva RA
173297
Priscila Elizabeth RA