Você está na página 1de 3

A computação e a classificação das

ciências
Capítulo 2

As ciências empíricas são também


Ciência e suas chamadas de ciências reais ou factuais.
classificações Elas obrigatoriamente devem fazer uso
de observações para fundamentar suas
Ciência é o esforço para descobrir e descobertas. Nesse ramo, uma teoria
aumentar o conhecimento de como a sem respaldo em observações não tem
realidade funciona. Uma das nenhum valor.
ferramentas mais utilizadas é a análise, As ciências empíricas podem ser
através do qual o universo pode ser divididas em dois grupos: aquelas que
divido e cada parte explicada de forma estudam a natureza, ciências naturais,
mais compreensível. O que acaba ou aquelas que estudam o ser humano e
criando muitas variedades de suas interações, ciências sociais.
classificações das ciências
As ciências naturais estudam o universo
Ciências formais e e seus aspectos que independem da
existência ou ação do ser humano.
empírica Dentre elas encontra-se a astronomia, a
física, a química. Os aspectos da
Um dos critérios mais conhecidos é o computação estão relacionados ao
que distingue as ciências a formais e hardware, a eletrônica, os circuitos
empíricas. Sendo a primeira um estudo lógicos, processadores, entre outros.
das ideias e a segunda um estudo das Uma máquina de Turing é um exemplo
coisas. de processador ideal, mas quando posto
na realidade há limitações físicas.
As ciências formais estudam as ideias
sem o propósito de aplicação à natureza As ciências sociais estudam as relações
ou ao ser humano. Isso não quer dizer humanas, entre as ciências sociais
que não podem ser aplicadas, porém o encontra-se a antropologia, a
seu objetivo priori é a lógica e comunicação, a economia, a história,
matemática. entre outros. No meio computacional
encontram-se engenharia de software,
Exemplos dessas ciências formais são a
informática da educação, sistemas de
lógica, a matemática, a microeconomia,
comércio eletrônico, certos aspectos da
a estatística e os aspectos formais da
inteligência artificial, entre outros.
linguística. Já na computação temos: a
teoria dos algoritmos, estrutura de
dados, complexidade e decidibilidade, Ciências Puras e
os aspectos formais da inteligência
artificial, entre outros.
Aplicadas
Outra classificação das ciências deriva da computação geralmente é
da forma como seus estudos são classificada entre as ciências exatas.
aplicados. O que surge as puras e
As ciências exatas são aquelas cujos
aplicadas.
resultados são precisos. Suas leis são
As ciências puras estudam conceitos altamente preditivas e previsíveis.
básicos do conhecimento sem a Experimentos podem ser repetidos
preocupação com sua imediata inúmeras vezes e apresentando os
aplicação. Podendo elas serem mesmos resultados. São classificadas as
empíricas ou formais. Puro nesse ciências exatas por excelência a
sentido significa estar mais interessados matemática, a física, a química e
nos fundamentos, nas leis que regem os algumas partes das ciências naturais e
fenômenos físicos ou ideais. A sociais.
cosmologia por exemplo é considerada
As ciências inexatas são aquelas que
uma ciência pura por excelência,
podem prever comportamentos gerais e
mesmo sendo uma ciência empírica, já
seus fenômenos, mas cujos os
que requer observação de fenômenos
resultados nem sempre são os
para ser validada. O aspecto de ciência
esperados. Entre as ciências inexatas
pura da computação é difícil identificar,
pode-se incluir a meteorologia, a
pois a maioria dos seus resultados
economia e a maioria das ciências
implica em aplicação prática. Um
sociais.
exemplo claro de pesquisa pura que só
veio a produzir aplicações práticas A computação, assim como as outras
posteriormente foi a Teoria do Caos, ciências exatas, também tem aspectos
que evoluiu a partir de fenômenos inexatos. Algoritmos genéticos e alguns
obtidos com ferramentas modelos de redes neurais são capazes de
computacionais. produzir resultados inesperados, mesmo
quando aplicadas repetidas vezes.
As ciências aplicadas, por outro lado,
visam à realização de descobertas que
visam aplicação rápida em algum Ciências Hard e Soft
processo industrial ou semelhante com
Tem-se também, talvez a menos
fins de ganho. As engenharias no geral
conhecida, há a divisão de ciências hard
estão nessas classificações. A
e soft que implica no rigor do método
computação muitas vezes é vista dessa
utilizado.
forma, existindo por exemplo a
engenharia de software, com o qual tem As ciências hard seriam aquelas que
a finalidade de produção de usam de rigor científico em suas
conhecimento para aplicação em observações, experimentos e deduções.
processos de produção de software. Quando são formais utilizam fortemente
a lógica e a matemática, e quando são
Ciências Exatas e naturais necessitam de comprovação
estatística para dar credibilidade aos
Inexatas experimentos.

Outra classificação caracteriza as Já as ciências soft costumam aceitar


ciências em exatas e inexatas. A ciência evidências em dados anedotais, ou seja,
em estudo de caso. Isso ocorre quando
há uma grande dificuldade em realizar
experimentos totalmente controlados.

Ciências
Nomotéticas e
Idiográficas
A grande maioria das ciências é
nomotética, visto que estudam
fenômenos que se repetem e que podem
levar à descoberta de leis gerais que
permitam fazer previsões.
Porém há ciências idiográficas, visto
que analisam fenômenos únicos que não
se repetem, mas que tem validade. Um
exemplo é a própria história.

Você também pode gostar