Você está na página 1de 5

AJanela 10/40

CI1 empre que se fala de evangelização mundial, algumas per-


k=J?guntas nos vêm à mente: “Será que ainda não evangelizamos
o mundo?”; “Se ainda não cumprimos nossa missão, quais são
nossos maiores desafios?”; “Como iremos cumprir nossa tarefa
suprema?”.
Perguntas como essas têm respostas. Nosso propósito é escla­
recer líderes e igrejas, de modo geral, sobre a prioridade a esses
desafios mais urgentes. Nosso desafio mais urgente são os povos
não alcançados, especificamente a Janela 10/40.
A Janela 10/40 é uma região do globo terrestre considerada,
por missiólogos, antropólogos e estrategistas cristãos, o centro do
mundo, onde vive um expressivo número de povos não alcança­
dos e onde, também, estão concentrados nossos maiores desafios
evangelísticos. Essa faixa de terra se estende do oeste da Africa
até o leste da Asia, entre os paralelos 10° e 40° acima da linha
do equador. Toda essa região é formada pelos países do mundo
muçulmano, hindu, budista e comunista, além de outras religiões
animistas.
A Janela 10/40 também é conhecida como Cinturão de Resis­
tência, pelo fato de abrigar algumas das culturas mais impenetráveis
do mundo. Se estamos realmente comprometidos em apresentar
a cada pessoa uma oportunidade real de uma experiência com a
verdade da Palavra de Deus, não podemos ignorar as constrange­
doras realidades dessa região. Analisaremos seis aspectos relevantes,
referentes a esse lugar, que indicam que a Igreja deve concentrar
esforços na Janela 10/40.

Significado bíblico e histórico


Os principais episódios narrados na Bíblia ocorreram na área que
é facilitador internacional
hoje chamamos Janela 10/40. A Bíblia começa com a explicação
de Transform World Connections de que Adão e Eva foram colocados por Deus no “coração” do lu­
(Cingapura ). Ele liderou o movimento gar que, agora, é a Janela 10/40, e o plano divino para o casal era
COMIBAM em sua fase inicial e foi que tivessem domínio sobre a terra e a preenchessem (Gn 1.26).
diretor de Partners International e do
Todavia, quando Adão e Eva pecaram perante Deus, perderam
Movimento AD2000 e Além.
Adaptado da revista Povos, v. 1, n.
o domínio sobre a terra. O comportamento pecaminoso do ho­
4, porJamierson Oliveira. Usado com mem cresceu muito diante de Deus e, por conta disso, o Senhor
permissão. interveio e julgou a terra com a catástrofe do dilúvio. Depois,
Y7~
a .
•s

© íí3
Os 52 países menos evangelizados e a Janela 10/40

«*! c ©
0> C/5 ■o
i© ■©
£ v© 3
5 ©v
C/5
s 'f.
© © 5c ©
«o C "O
95% das pessoas menos evangelizadas vivem aqui

«3 © *b
* 5 E S3 <« 3
í>
<2 « .E
© O- </5
■o 3 ■5 3 </!
é— 3 a
o © E S l
©
t « C/i 0.
r
. /'
V* o* © 6 «
u
« © *c T3 ■o “O
D.
C- © s?
© !» X cO o ©
fiar & */•> *T i

©
3 .2
-s '3&
—C IS
4;
Æ i
V}c
®
w >g;«
v* se
V ®
N© -Ö

V) ©
© © *o
C t- «
©
3 £
1 C3 w- 3
*cs s «
*3 1/5 yj
© © O* ■£• 3
f— ■o 3 3 C. .Ü2
£ © £ X! ©
</2 *5 103 5/5 C /l Û -
a> O" © í/5
© «f

.2 © ■o ■e ■a "O
3 0.
Cl , £ . © 5? ©>
<N © i. V—> Tf rr> ÍTj
ir, Û- CL V © IfJ ir , «
os homens fizeram, inutilmente, uma tentati­ gelho a toda criatura e fazer discípulos de todos
va para recuperar o domínio da terra, quando os povos”, devemos reconhecer nossa prioridade
construíram a torre de Babel. Essa obra foi rea­ e concentrar nossos esforços na Janela 10/40.
lizada no “coração” da Janela 10/40, como uma
provocação a Deus. A presença das três maiores religiões
Então Deus, mais uma vez, estendeu sua A maioria dos adeptos do islamismo, do hin­
mão para julgar os homens. O resultado foi a duísmo e do budismo vive na Janela 10/40.
introdução de diferentes línguas, que serviram São religiões que representam o maior desafio
para dividir os povos da terra e formar as na­ à evangelização mundial.
ções. E na Janela 10/40, mais que em qualquer Podemos considerar regiões budistas Myan-
outro lugar, que podemos ver claramente essa mar (87%), o Butão (99,9%), o Sri Lanka (70,3%),
diversidade cultural e linguística. Habitam ali o Camboja (87%) e a Tailândia (94%). Em to­
dois terços da população mundial, e são falados dos esses países, os budistas detêm o controle
dois terços dos idiomas do mundo. da população. De fato, no Butão, no Sri Lanka
Foi nessa mesma região que Cristo nasceu, e na Tailândia, o budismo é religião estatal.
viveu uma vida perfeita, morreu sacrificado na A imagem de tolerância vendida pelo Dalai
cruz e se ergueu triunfante sobre a morte. Foi Lama no exterior é desmascarada pela própria
dessa região que a Igreja primitiva começou a vida dos cristãos no Tibete, onde os líderes
anunciar a salvação em Cristo. Foi por meio budistas têm cometido algumas atrocidades
das viagens missionárias transculturais de Paulo chocantes contra os tibetanos étnicos que se
que a proclamação dessa verdade, a salvação em atrevem a se converter ao cristianismo. Na re­
Cristo, ultrapassou os limites da Janela 10/40 gião onde o hinduísmo impera, o principal tipo
e chegou até nós. de perseguição que vem a público diz respei­
to às atrocidades perpetradas pelos seguidores
O maior número de países não alcançados dessa religião: estupros de freiras, assassinatos
Embora a Janela 10/40 represente apenas um de missionários, espancamentos, incêndios de
terço da área total do globo, cerca de dois terços igrejas, intimidações e assassinatos em geral. Da
da população do mundo residem nessa região. região muçulmana, pouco é preciso comentar.
Com um total de cerca de 4 bilhões de pessoas, A violência contra a minoria cristã é pior que as
a região contém 62 países, Estados soberanos e atrocidades praticadas nas outras regiões.
não soberanos. Esses países, como a maioria de
suas terras, encontram-se nessas fronteiras. Os pobres
Dos 50 países menos evangelizados do De cada dez pessoas dentro da Janela 10/40,
mundo, 37 estão na Janela 10/40. Esses 37 pa­ oito vivem com um orçamento inferior a 500
íses compreendem 97% da população dos 50 dólares. São bilhões de pessoas nessas condi­
menos evangelizados. Países “não evangeliza­ ções e somente 8% dos missionários atuam no
dos” ou “não alcançados” são aqueles com o m í­ meio desse povo.
nimo conhecimento do evangelho ou nenhuma Bryant Myers pergunta: “Onde estão os per­
oportunidade de ouvir e conhecer a mensagem didos e os pobres?”. Ele mesmo responde: “Os
de salvação. Isso significa que a Janela 10/40 é pobres são os perdidos, e os perdidos os pobres”.
um lugar que centraliza os povos menos alcan­ Chegou a essa conclusão após demonstrar que
çados pelo evangelho de Cristo. a maioria dos não alcançados vive nos países
Em nenhum outro lugar é tão gritante a mais pobres do mundo.
necessidade de se pregar a verdadeira salvação, Quando os cristãos de 170 países se en­
que só Jesus Cristo pode oferecer. Se, de fato, contraram no Lausanne II (M anila, 1989),
levamos a sério o chamado para “pregar o evan­ demonstrou-se grande interesse pelos material­
mente pobres. Na segunda sessão de M anila, Não estamos analisando o problema de uma
esse interesse foi lembrado mediante a seguinte perspectiva fatalista. Ao contrário: estamos sen­
declaração: do otimistas, pois acreditamos que a situação
pode ser revertida. Na passagem citada, capí­
Temos sido mais uma vez confrontados com tulos mais adiante, o apóstolo Paulo declara:
a ênfase de Lucas, segundo a qual o evange­ “As armas da nossa m ilícia não são carnais, e
lho é as boas novas para o pobre (Lc 4.18; sim poderosas em Deus, para destruir fortale­
6.20; 7.22). Temos de perguntar a nós mes­ zas” (10.4).
mos se isso não significa que a maioria da Ainda que Satanás estabeleça uma fortaleza
população do mundo não se encontra des­ na Janela 10/40, não podemos ceder um palmo
tituída, sofrendo e oprimida. Temos sido sequer de terra, muito menos uma pessoa para
lembrados de que, na Lei, nos Profetas, nos ele. O evangelho deve avançar sempre!
Livros de Sabedoria e nos ensinamentos e Um país que exemplifica bem essa batalha
no ministério de Jesus, Deus sempre se in­ do evangelho contra o reino das trevas e seu
teressou pelos pobres materialmente. Nós, príncipe é o Irã. A antiga Pérsia continua sendo,
como consequência, devemos defendê-los a exemplo do que diz Daniel 10, uma fortaleza
e cuidar deles. mantida por Satanás.
Curiosamente, o Irã está situado no centro
Os cristãos comprometidos com o evange­ da Janela 10/40. George Otis Jr. concluiu um
lho e com Deus não podem ignorar a realidade estudo que diz que as forças demoníacas, com
de que há um paralelo marcante entre os países grande significado bíblico, agem diretamente no
pobres do mundo e os não evangelizados. epicentro do mundo não alcançado, por isso a
região é tão obscura. O cristianismo, até agora,
As maiores megalópoles não alcançadas mal conseguiu “arranhar” seus muros. Por isso
Em cada uma delas, há uma população superior deve também ser penetrada e invadida por uma
a um milhão de pessoas, constituindo-se um gi­ poderosa onda missionária, por crentes cheios
gantesco desafio para as missões urbanas. Das do Espírito Santo (Is 53), para que a luz do
50 maiores cidades do mundo, quase todas estão evangelho libertador resplandeça na região.
na Janela 10/40, e o êxodo dos habitantes das Otis observa ainda que Satanás tem gran­
regiões rurais para essas cidades continua mo­ de poder e irá resistir à nossa investida, para
dificando diariamente sua demografia. De fato, impedir que triunfemos! Se, de fato, estamos
esses dados apontam para a prioridade de se in­ em luta no território de Satanás, devemos nos
vestirem recursos na propagação do amor e da revestir da armadura de Deus e lutar com as
verdade de Cristo nessas cidades superpopulosas. armas próprias para a batalha espiritual, confor­
me descritas em Efésios 6. Depender de outras
As fortalezas de Satanás armas é insensatez.
Talvez essa razão esclareça as demais. Os que O alvo das missões mundiais no terceiro
vivem na Janela 10/40 não estão apenas sujeitos milênio deve ser uma igreja para cada povo e o
a enfermidades, pobreza, calamidades, persegui­ evangelho para cada pessoa. Devemos encon­
ção e opressão religiosa, mas também impossi­ trar a melhor maneira de inovar os caminhos
bilitados de conhecer o poder transformador do e alcançar, com o amor e a verdade de Jesus
evangelho. São um exemplo claro do que lemos Cristo, os bilhões de pessoas que vivem nes­
em 2Coríntios 4.4: “O deus deste século cegou sa região do planeta. Devemos começar com
o entendimento dos incrédulos, para que lhes um grande clamor de oração. Concentre-se na
não resplandeça a luz do evangelho da glória de Janela 10/40 e lance sobre ela suas súplicas e
Cristo, o qual é a imagem de Deus”. gemidos inexprimíveis.
Devemos entender que a concentração na E nada pode impedi-los! Se, de fato, cremos
Janela 10/40 não deve fazer cessar o trabalho do nas Escrituras, devemos obedecer à ordem de
Senhor ao redor do mundo. Há muitos outros Cristo e não esmorecer, até cumprirmos nos­
povos não alcançados que estão geografica­ so objetivo: plantar igrejas em todo o lugar.
mente fora dessa região, mas nem por isso é Se agirmos dessa forma, conseguiremos, com
menos urgente a evangelização deles. O Brasil certeza, alcançar o centro do mundo: a Jane­
é um exemplo disso. M esm o fora do que se la 10/40.
entende ser a região da Janela 10/40, há no Já estamos vivendo o terceiro milênio das
país dezenas de povos indígenas não alcança­ missões cristãs, e é imperativo que todos os nos­
dos, com os desafios da tradução das Escrituras sos recursos sejam investidos na imensa tarefa
Sagradas e da extrema pobreza. da evangelização de todos os povos. Que Deus
Os nossos missionários devem se esforçar nos encha de intrepidez, sabedoria e energia.
na evangelização, no treinamento, na ajuda e Só assim poderemos assumir nossa parte nesse
na implantação de igrejas, cruzando culturas. intenso e urgente desafio.
's W a d S K » . H r -s r S M » 'S e S M W S S W tt« ** « S T ' -W».rV®_í «-.3M»

Perguntas para estudo

1. Diante de tanta necessidade dentro da Janela 10/40, por que tão poucos missionários cristãos
atuam ali?

2. O autor aconselha as igrejas locais que estejam pensando em investir seus recursos na Janela
10/40, na qual a realidade que se vive é bem diferente. Que tipo de encorajamento seria ne­
cessário para não esmorecerem?