Você está na página 1de 31

Projeto de automatização da chácara

Alunos: Flávio Nestor de Miranda.


Victor Augusto de Castro.
Prof. Grecio
2011
SUAMÁRIO
OBJETO..........................................................................................................................5
PROJETO........................................................................................................................5
Sugestões de Melhorias nos processos implantados.....................................................8
Plantas e Circuitos Técnicos..........................................................................................10
Planta baixa completa da chácara.................................................................................13
Anexo ll..........................................................................................................................14
Planta baixa da casa......................................................................................................14
Planta elétrica da casa...................................................................................................15
Anexo lV
.......................................................................................................................................16
Planta baixa do estábulo................................................................................................16
Anexo V..........................................................................................................................17
Planta elétrica do estábulo.............................................................................................17
Anexo Vl.........................................................................................................................18
Visualização do quadro de distribuição da casa...........................................................18
.......................................................................................................................................18
Conforme anexo VI cinco demonstra o quadro geral de distribuição da casa em sua
totalidade dividido em 9 circuitos...................................................................................18
Anexo VII........................................................................................................................19
Visualização do quadro de distribuição do estábulo.....................................................19
Conforme anexo VII cinco demonstra o quadro geral de distribuição da casa em sua
totalidade dividido em 5 circuitos...................................................................................19
Anexo VlII.......................................................................................................................20
Diagrama unifilar circuito de força da casa...................................................................20
Circuito 9: Chuveiro.......................................................................................................20
Anexo IX.........................................................21
Diagrama unifilar circuito de força do estábulo.............................................................21
Circuito 5: circuito de alimentação dos ventiladores.....................................................21
Anexo X..........................................................................................................................22
Listas de materiais e orçamento da casa......................................................................22
.......................................................................................................................................22
Anexo XI.........................................................................................................................23
Lista de materiais e orçamento do estábulo..................................................................23
.......................................................................................................................................23
Anexo XlI........................................................................................................................24
Lista de materiais e orçamento da casa de máquinas..................................................24
Anexo XllI.......................................................................................................................25
Lista de materiais e orçamento do sistema de captação de água potável e pluvial.....25
Anexo XlV......................................................................................................................26
Lista de materiais e orçamento do circuito de ventilação..............................................26
Anexo XV.......................................................................................................................27
Lista de materiais e orçamento do circuito de irrigação................................................27
Anexo XVI......................................................................................................................28
Circuitos da caixa de água.............................................................................................28
Anexo XVlI.....................................................................................................................29
Circuito de Irrigação.......................................................................................................29
Anexo XVllI.....................................................................................................................30
Circuito de Ventilação....................................................................................................30
.........................................................................................30
Referencias e termos técnicos
.......................................................................................................................................31
Introdução

Durante uma visita de inspeção realizada na chácara DF 150 km 18 lote 14/18 a


pedido do proprietário foram encontrados problemas e falhas nas seguintes áreas:
Instalação elétrica da casa e do estábulo, sistema de captação e distribuição de água,
sistema de irrigação e aumento excessivo de temperatura nas baias do estábulo todos
detalhados conforme a seguir. Foi solicitadas orientação e assessoria de instalação e
Automatização dos processos citado
OBJETO

Criação e executar projetos de automatização com maquinas e equipamentos


elétricos de iluminação, ventilação, captação e distribuição de água em propriedade
rural.

PROJETO

Trata-se da criação e execução de uma nova instalação elétrica predial da


casa e do estábulo, sistema automatizado de captação e distribuição de água potável,
sistema de aproveitamento de águas pluviais, sistema de ventilação para as baias do
estábulo da chácara, de forma que venha atender as necessidades do proprietário da
chácara. Todo o projeto terá de ser observado e seguido de acordo com os
procedimentos e normas técnicas da ABNT para que se alcance a conclusão do
mesmo com sucesso.

1.1. Casa
Numa área total construída de 79,80m² dividida em dois quartos, sala cozinha,
corredor principal e banheiro, foi constatado a necessidade de criação de uma nova
instalação elétrica para solução dos problemas encontrados relatados a seguir.
Quadro elétrico instalado sem identificação dos circuitos elétricos implantados,
equipamentos sem aterramento funcional, mal distribuição de cargas, excesso de
passagem de fios nos eletrodutos, fiação com desgaste por ocorrência de sobre
cargas e mal dimensionamento dos disjuntores.
1.1.1 Soluções encontradas: instalação de novo quadro elétrico com
identificação e esquemas elétricos bem implantados, sistema de
aterramento funcional, tomadas em modo geral com dispositivos de
proteção, eletrodutos embutidos com seção adequada à necessidade
de passagem para os cabos elétricos atuais e uma correta dimensão
e divisão de circuitos para as cargas que serão instaladas.
1.1.2 Descrição e divisão dos circuitos:
Circuito 1 - realizará a iluminação do quarto 2, banheiro, varanda dos fundos com
carga instalada de cerca de 600 W.

5
Circuito 2 - realizará a iluminação do corredor e cozinha com carga instalada de cerca
de 400 W.
Circuito 3 - realizará a iluminação sala de esta, e varanda da frente de cerca de 500W.
Circuito 4 – alimenta as tomadas da cozinha com carga instalada de cerca de 5.000W.
Circuito 5 – alimenta as tomadas da cozinha e sala de estar com carga instalada de
cerca de 5.000 W.Circuito 6 – alimenta as tomadas sala de estar e varanda da frente
com carga instalada de 700 W.
Circuito 7 – alimenta as tomadas quarto 1 e corredor com carga instalada de cerca de
500 W.
Circuito 8 – alimenta as tomadas do quarto 2 e corredor com carga instalada de
4.800W.
Circuito 9 – alimenta o chuveiro com carga instalada de 4.400W utilizando cabo de 6
mm.
Obs. todos os circuitos utilizarão Cabo de 2,5mm para cada condutor sendo: fase
de cor preta, neutro de cor azul e aterramento de cor verde. Exceto o circuito 9 que
utilizará cabo de 6mm e os circuitos 1, 2, 3 que utilizarão cabos de 1,5mm na cor
branca para os condutores de retorno.
Execução e instalação: todo o processo será seguido através de esquemas e
plantas elétricas, criadas a partir do estudo de demanda, e critérios estipulados pelo
técnico responsável.

1.2 Lavoura
Numa área total plantada de 5000m², foi constatado que todo processo de irrigação é
realizado de forma manual, por sua vez não realizando o fornecimento adequado de
água para a plantação em quantidade e momento certo, diminuindo assim a
produtividade e sobrevivência das plantas.
1.2.1 Soluções encontradas: implantar um sistema automatizado com
controlador de fluxo e tempo pra captação e distribuição de água,
que funcionará da seguinte forma: A água será retirada do lago
através de bomba d’água e direcionada para a caixa d’água, onde
ficará armazenada para seja distribuída em toda plantação da
lavoura por meio de tubos e mangueiras hidráulicas durante as
primeiras horas do dia.

6
Execução e instalação: todo o processo será seguido através de esquemas e
plantas elétricas, criadas a partir do estudo de demanda, e critérios estipulados pelo
técnico responsável.
Obs. Durante o processo de planejamento do sistema de irrigação foi levado em conta
à inclinação e desnível do terreno da chácara, a partir disso, foi necessário realizar um
estudo de demanda e consumo de água, para o dimensionamento e instalação da
bomba d’água.

1.3 Estábulo
Numa área total construída de 119, 210m2 dividida em corredor principal e baias foi
constatado a necessidade de criação de uma nova instalação elétrica diante dos
problemas encontrados relatados a seguir.
Falta de quadro de distribuição, fiação exposta, excesso de passagem de fios, fiação
com desgaste por ocorrência de sobre cargas, mau dimensionamento dos disjuntores
e falta de um sistema de ventilação para baias.
1.3.1 Soluções encontradas: renovação da parte de recebimento e
distribuição elétrica, locação de eletrodutos embutidos com seção
adequada à necessidade de passagem de cabos elétricos atuais,
instalação de um sistema de aterramento funcional e uma correta
divisão de circuitos para a cargas instaladas .
1.3.2 Descrição e divisão dos circuitos:
Circuito 1: realizará a iluminação do corredor principal de cerca de 500W.
Circuito 2: realizará a iluminação das baias do lado esquerdo do estábulo de cerca de
400W.
Circuito 3: realizará a iluminação das baias do lado direito do estábulo de cerca de
500W.
Circuito 4: possui tomadas do corredor principal de cerca de 500W.
Circuito 5:possui circuito de alimentação dos ventiladores de cerca de 5.400W.
Execução e instalação: todo o processo será seguido através de esquemas e
plantas elétricas, criadas a partir do estudo de demanda, e critérios estipulados pelo
técnico responsável.

7
Obs. todos os circuitos utilizarão Cabo de 2,5mm para cada condutor sendo: fase
de cor preta, neutro de cor azul e aterramento de cor verde. Exceto o circuito 1, 2, 3
que utilizarão cabos de 1,5mm na cor branca para os condutores de retorno.

1.4 Sistema de captação e distribuição de água potável


Dentre os problemas e falhas encontrados em varias áreas da chácara, foi encontrado
um precário sistema de captação e distribuição de água potável para o abastecimento
da casa e estábulo, que por sua vez e realizado de forma manual.

1.4.1 Soluções encontradas: prevalecem as soluções baseadas na


exploração de águas subterrâneas através de um sistema
automatizado de captação e distribuição de água potável, que
funcionara da seguinte forma: A água será retirada do poço através
de bomba d’água sendo direcionada para a caixa d’água onde ficará
armazenada e distribuída para a casa.
Execução e instalação: todo o processo será seguido através de esquemas e
plantas elétricas, criadas a partir do estudo de demanda, e critérios estipulados pelo
técnico responsável.
Obs. Durante o processo de planejamento do sistema de foi levado em conta à
inclinação e desnível do terreno da chácara, a partir disso, foi realizado um estudo de
demanda e consumo de água, para o dimensionamento e instalação da bomba
d’água.
.
Sugestões de Melhorias nos processos implantados

Sistema de captação e distribuição de água pluvial

Foi desenvolvido também projeto para tornar mais eficiente o processo de captação e
distribuição de água na chácara, e reduzir os custos financeiros gerados pelo
consumo de água. O projeto utiliza se de calhas, coletores verticais e horizontais, um
dispositivo que descarto sólidas como folhas, gravetos e detritos e um dispositivo que
desviará as águas das primeiras chuvas do reservatório de água (caixa d’água

8
).

O sistema de aproveitamento de águas pluviais funciona da seguinte forma: a água da


chuva que correra pelo será coletada através de calhas e em seguida será
direcionada por canos de pvc ate dispositivos de dispersão de resíduos sólidos. Após
o descarte dos sólidos indesejáveis e desvio da água das primeiras chuvas (com
presença de impurezas provenientes da lavagem da atmosfera e das áreas de
captação), a água coletada nos telhados é armazenada em uma cisterna, sendo
posteriormente bombeada para um reservatório superior (caixa d’agua). A água
armazenada será destinada aos seguintes pontos: descarga do vaso sanitário,

9
tanque, máquina de lavar roupa e torneira externa, lavagem de pisos, veículos, e
outros usos não potáveis.

Plantas e Circuitos Técnicos

Plantas e circuitos criados para dimensionar e referenciar a construção e implantação


das máquinas e equipamentos elétricos necessários para realização do projeto
conforme
Anexos de I a XVII.

10
Conclusão

O desenvolvimento do trabalho proposto pelo professor Grecio durante o módulo


técnicas de execução e instalação elétrica, ajudou a fixar os conhecimentos
adiquiridos durante as aulas por ele ministrado. Motivados durante o processo de
criação e execução do projeto, aprendemos a colocar em prática todo o conteúdo da
matéria de forma segura e viável, pois, durante todo o processo fomos instruidos pelo
professor. No decorrer do trabalho conseguimos notar como é importante a
preparação e capacitação de um proficional técnico, pois, foi observada a
necessidade de acompanhamento das equipes no processo de implantação do
projeto , visando minimizar erros e falhas no projeto desde sua criação a execução.

11
Relatório Técnico

Em uma visita de inspenção técnica na chacara foi encontrado vários problemas nas
áreas da casa, estábulo, processo de irrigação e processo de captação e distribuição
de água.Na casa e no estábulo foi encontrada instalação elétrica fora dos padrões e
normas técnicas vigentes no país (NBR5410 - Instalações elétricas de baixa tensão),
constatado também elevação de temperatura dentro das baias. Todo processo de
captação, distribuição de água (para abastecimento da casa) e a irrigação é feito de
forma manual. Para solucionar os problemas encontrados foi elaborado o projeto de
instalação elétrica e automatização dos processos de captação e distribuição de água,
dentro das norma da ABNT e recursos hidricos da chácara, que venha atender as
nessecidades doproprietario.

12
Anexo l

Planta baixa completa da chácara

No anexo l temos a planta da chácara em sua totalidade dividida em casa, estábulo,


casa de maquinas, lagoa, plantação em uma área de 450 m 2 numa escala de redução
em comprimento e largura de 1:100.

13
Anexo ll

Planta baixa da casa

No anexo Il temos a planta baixa residencial em sua totalidade divida entre, varanda
frontal, corredor principal, sala, quarto 1, quarto 2, banho social, cozinha, varanda dos
fundos em uma área total construída de 79,80m² numa escala de redução em
comprimento e largura de 1:100.

14
Anexo lll

Planta elétrica da casa

No anexo IlI temos a distribuição da instalação elétrica da casa dividida entre 9


circuitos distribuídos entre os cômodos e acessos da casa conforme a seguir.
Circuitos:
Circuito 1: Iluminação do quarto 2, banheiro, varanda dos fundos.
Circuito 2: Iluminação do corredor e cozinha.
Circuito 3: Iluminação sala de esta, e varanda da frente.
Circuito 4: Tomadas da cozinha.
Circuito 5: possui tomadas para atendimento da cozinha e sala de estar
Circuito 6: Tomadas sala de estar e varanda da frente.
Circuito 7: Tomadas quarto 1 e corredor.
Circuito 8: Tomadas quarto 2 e corredor.
Circuito 9: Chuveiro.

15
Anexo lV

Planta baixa do estábulo

No anexo lV temos a divisão do estábulo em corredor principal e baias na sua


totalidade em uma escala de redução em comprimento e largura de 1:100.

16
Anexo V

Planta elétrica do estábulo.

Confor
me anexo V demonstra distribuição da instalação elétrica do estábulo, com 6 circuitos
divididos entre os cômodos e área do projeto conforme a seguir:
Circuitos elétricos do estábulo:
Circuito 1: Iluminação do corredor principal.
Circuito 2: Iluminação das baias do lado esquerdo do estábulo.
Circuito 3: Iluminação das baias do lado direito do estábulo.
Circuito 4: Tomadas do corredor principal.
Circuito 5: circuito de alimentação dos ventiladores.

17
Anexo Vl

Visualização do quadro de distribuição da casa

Conforme anexo VI cinco demonstra o quadro geral de distribuição da casa em sua


totalidade dividido em 9 circuitos.

18
Anexo VII

Visualização do quadro de distribuição do estábulo

Conforme anexo VII cinco demonstra o quadro geral de distribuição da casa em


sua totalidade dividido em 5 circuitos.

19
Anexo VlII

Diagrama unifilar circuito de força da casa.

Circuitos elétricos da casa:

Circuito 1: Iluminação do quarto 2, banheiro, varanda dos fundos.


Circuito 2: Iluminação do corredor e cozinha.
Circuito 3: Iluminação sala de esta, e varanda da frente.
Circuito 4: Tomadas da cozinha.
Circuito 5: Tomadas da cozinha e sala de estar.
Circuito 6: Tomadas sala de estar e varanda da frente.
Circuito 7: Tomadas quarto 1 e corredor.
Circuito 8: Tomadas quarto 2 e corredor.
Circuito 9: Chuveiro

20
Anexo IX

Diagrama unifilar circuito de força do estábulo.

Circuitos elétricos do estábulo:

Circuito 1: Iluminação do corredor principal.


Circuito 2: Iluminação das baias do lado esquerdo do estábulo.
Circuito 3: Iluminação das baias do lado direito do estábulo.
Circuito 4: Tomadas do corredor principal.
Circuito 5: circuito de alimentação dos ventiladores.

21
Anexo X

Listas de materiais e orçamento da casa

22
Anexo XI

Lista de materiais e orçamento do estábulo

23
Anexo XlI

Lista de materiais e orçamento da casa de máquinas

24
Anexo XllI

Lista de materiais e orçamento do sistema de captação de água potável e pluvial

25
Anexo XlV

Lista de materiais e orçamento do circuito de ventilação

26
Anexo XV

Lista de materiais e orçamento do circuito de irrigação

27
Anexo XVI

Circuitos da caixa de água

Circuito de comando Circuito de força

O sistema automático para enchimento da caixa d’ água funciona da seguinte forma:


com o acionamento do disjuntor a luz verde se acende sinalizando que a caixa d’água
está cheia, quando a caixa d’água fica vazia é ativado o sensor - Sbcv que aciona a
bomba, que ficara ligada ate que a água atinja o sensor –cc , ela cheia o sensor -sl
desligará o sistema.

28
Anexo XVlI

Circuito de Irrigação.

Circuito de comando Circuito de força

O sistema automático de irrigação funciona da seguinte forma: apertando-se b1 a


bomba de água é acionada, ascendendo a luz verde, a caixa estando cheia contará
com 2 sensores bóia, o sensor Sh desliga a bomba, ascendendo a luz vermelha e o
sensor St para que se ocorra falhas atuará como dispositivo de segurança, o
temporizador hora atuará no final do curso para desligar todo o sistema.

29
Anexo XVllI

Circuito de Ventilação

Circuito de comando

O sistema de ventilação funciona da seguinte forma: o termostato atuará quando a


temperatura estiver acima de 28º graus acionando os 10 ventiladores e desligará
quando atingir 24º.

30
Referencias e termos técnicos

Referencias Normativas.

NBR5410 - Instalações elétricas de baixa tensão.


NBR5418 - Instalações Elétricas em Atmosferas Explosivas.
NBR5419 - Proteção de Edificações contra Descargas Elétricas. Atmosféricas.
NBR14039 - Aterramento e Proteção contra: choques elétricos e sobre correntes.
NR12 - Máquinas e Equipamentos.
NR18 - Condições e Meio Ambiente de Trabalho na Indústria da Construção.
NR26 - Sinalização de Segurança.
NBR 5361:1983 - Disjuntores de baixa tensão – Especificação.
NBR 7094:1996 - Máquinas elétricas girantes – Motores de indução – Especificação.
NBR 12244 - Construção de poço para captação de água subterrânea
NBR 12212 - Projetos de poço para captação de água subterrânea
Entre outras normas e padrões nacionais ou internacionais vigentes.

31