Você está na página 1de 2

SENAI -

CURSO: Técnico em Química Turma n° 70460


Unidade Curricular: Docente: Data: 21/09/2021
Aluno(a): _Samuel de Souza Trigueiros Nota:

AVALIAÇÃO
Orientações:

1. Não esqueça de colocar seu nome na avaliação e na folha de respostas, quando aplicável.
2. Verifique se a avaliação contém todas as questões. Caso contrário informe imediatamente ao docente.
3. Esta avaliação é individual, sendo vedada qualquer comunicação e troca de material entre os alunos, consulta a material
bibliográfico, cadernos ou anotações de qualquer espécie.
4. Não é permitido o uso de calculadora independente do dispositivo.
5. Responda com caneta esferográfica azul ou preta. Questões rasuradas e respondidas à lápis serão consideradas nulas e não serão
recorrigidas.
6. Leia com atenção as questões antes de começar, e se houver dúvidas, solicite esclarecimento ao docente.

Questões:

1-Sabendo que a figura abaixo é um eletrodo de vidro combinado tradicional para medir pH, identifique os
componentes com riqueza de detalhes.

Eletrodo combinado de vidro

ABERTURA
Ag/AgCl

KCl (sat) com AgCl

Ponte Salina
Ag/AgCl

Membrana de vidro

Solução de HCl 0,1 mol L -1


Saturada com AgCl

1
2- Defina potencial de junção (Ej).

• Potencial de junção líquida: Consiste em distinções nas velocidades em que os íons presentes
nos compartimentos das células e na ponte salina se locomovem através das interfaces.

3- Relacione Ej com o princípio de medição de pH por eletrodo de íon seletivo.

• Um eletrodo seletivo de íons se trata de um sensor pelo qual transforma a atividade de um íon
específico dissolvido numa solução em um potencial elétrico, onde é possível ser medido por
um voltímetro ou medidor de pH. Logo, a atividade de um íon específico não dispõe de diversas
influências de pontes salinas, fazendo o eletrodo de junção ser desprezível.

4- Se um elemento possui potencial -261V em relação a um eletrodo de calomelano, qual é o


potencial em relação a um eletrodo de Ag/AgCl e EPH?

• E= Eind - Eref = elemento em relação a (calomelano) - E Ag/AgCl= -261v + 0,197v = -260,803v.


elemento em relação a (calomelano) - EPH = -261v + 0v = -261v

5- Por que a temperatura influencia na medida da f.e.m.? Apresente a equação de Nernst.

• Quanto maior for a temperatura que consiste no meio, maior será a velocidade das reações
devido à grande dispersão de íons já dissociados pelo potencial elétrico, onde essa temperatura
a depender de qual seja irá promover melhor mobilidade ou não aos compostos iônicos,
provocando variações na ddp.

Na equação de Nernst temos o seguinte esquema:

ΔE = ΔEo – 0,059.log [C]c.[D]d


n [A]a.[B]b

• ΔE = variação do potencial da pilha em certo instante;

• ΔEo = variação do potencial padrão da pilha (voltagem total dela);

• [C] e [D] = concentrações dos produtos da equação global da pilha, sendo c e d


os coeficientes desses participantes na equação;

• [A] e [B] = concentrações dos reagentes da equação global da pilha, sendo a e b


os coeficientes desses participantes na equação;

• n = número de elétrons envolvidos na oxidação.


2

Você também pode gostar