Você está na página 1de 15

INSTRUÇÕES GERAIS

1. Utilize a seção “Recomendações de Acesso” para melhor aproveitamento da


experiência virtual e para respostas às perguntas frequentes a respeito do
VirtuaLab.

2. Caso não saiba como manipular o Laboratório Virtual, utilize o “Tutorial


VirtuaLab” presente neste Roteiro.

3. Caso já possua familiaridade com o Laboratório Virtual, você encontrará as


instruções para realização desta prática na subseção “Procedimentos”.

4. Ao finalizar o experimento, responda aos questionamentos da seção “Avaliação


de Resultados”.

RECOMENDAÇÕES DE ACESSO

ATENÇÃO:
SEU PRIMEIRO ACESSO SERÁ UM POUCO MAIS LENTO, POIS ALGUNS PLUGINS SÃO
BUSCADOS NO SEU NAVEGADOR. A PARTIR DO SEGUNDO ACESSO, A VELOCIDADE DE
ABERTURA DOS EXPERIMENTOS SERÁ MAIS RÁPIDA.

ALGETEC – SOLUÇÕES TECNOLÓGICAS EM EDUCAÇÃO 1


CEP: 40260-215 Fone: 71 3272-3504
E-mail: contato@algetec.com.br | Site: www.algetec.com.br
PARA ACESSAR O VIRTUALAB

1. Caso utilize o Windows 10, dê preferência ao navegador Google Chrome;

2. Caso utilize o Windows 7, dê preferência ao navegador Mozilla Firefox;

3. Feche outros programas que podem sobrecarregar o seu computador;

4. Verifique se o seu navegador está atualizado;

5. Realize teste de velocidade da internet.

Na página a seguir, apresentamos as duas principais dúvidas na utilização dos


Laboratórios Virtuais. Caso elas não se apliquem ao seu problema, consulte a nossa
seção de “Perguntas Frequentes”, disponível em: https://cliente.grupoa.com.br.

Neste mesmo link, você poderá usar o chat ou abrir um chamado para o contato com
nossa central de suporte. Conte conosco!

PERGUNTAS FREQUENTES

1) O laboratório virtual está lento, o que devo fazer?

ALGETEC – SOLUÇÕES TECNOLÓGICAS EM EDUCAÇÃO 1


CEP: 40260-215 Fone: 71 3272-3504
E-mail: contato@algetec.com.br | Site: www.algetec.com.br
a) No Google Chrome, clique em “Configurações” -> “Avançado” -> “Sistema” ->
“Utilizar aceleração de hardware sempre que estiver disponível”. Habilite a
opção e reinicie o navegador.

b) Verifique as configurações do driver de vídeo ou equivalente. Na área de


trabalho, clique com o botão direito do mouse. Escolha “Configurações
gráficas” e procure pela configuração de performance. Escolha a opção de
máximo desempenho.

Obs.: Os atalhos e procedimentos podem variar de acordo com o driver


de vídeo instalado na máquina.

c) Feche outros aplicativos e abas que podem sobrecarregar o seu computador.

d) Verifique o uso do disco no Gerenciador de Tarefas (Ctrl + Shift + Esc) ->


“Detalhes”. Se estiver em 100%, feche outros aplicativos ou reinicie o
computador.

2) O laboratório apresentou tela preta, como proceder?

a) No Google Chrome, clique em “Configurações” -> “Avançado” -> “Sistema” ->


“Utilizar aceleração de hardware sempre que estiver disponível”. Habilite a
opção e reinicie o navegador. Caso persista, desative a opção e tente
novamente.

b) Verifique as configurações do driver de vídeo ou equivalente. Na área de


trabalho, clique com o botão direito do mouse. Escolha “Configurações

ALGETEC – SOLUÇÕES TECNOLÓGICAS EM EDUCAÇÃO 1


CEP: 40260-215 Fone: 71 3272-3504
E-mail: contato@algetec.com.br | Site: www.algetec.com.br
gráficas” e procure pela configuração de performance. Escolha a opção de
máximo desempenho.

Obs.: Os atalhos e procedimentos podem variar de acordo com o driver


de vídeo instalado na máquina.

c) Verifique se o navegador está atualizado.

ALGETEC – SOLUÇÕES TECNOLÓGICAS EM EDUCAÇÃO 1


CEP: 40260-215 Fone: 71 3272-3504
E-mail: contato@algetec.com.br | Site: www.algetec.com.br
VIRTUALAB – ROTEIRO DO LABORATÓRIO DE FÍSICA

LEI DE OHM
Neste experimento você irá explorar as propriedades elétricas
dos materiais contempladas na lei de Ohm.

FASE I – RESISTÊNCIA ELÉTRICA EM FUNÇÃO DA ÁREA E DO


COMPRIMENTO DO CONDUTOR. PASSO 1

Medindo resistência de um resistor em função do


comprimento
Especificações dos fios condutores.
Para observar qual as especificações dos fios condutores, passe a seta do
mouse pelos bornes indicados.

Observe as informações referentes a todos os fios!

Posicionando pontas de provas nos bornes.

Considerando cada coluna do painel dias Blanco como uma letra (A, B, C, D
e E) da direita para a esquerda e os resistores como números de 1 a 5 de
cima para baixo, você irá posicionar as pontas de prova de forma que seja
possível obter as medidas das propriedades elétricas desejadas.
1
5
E D C B A
E

Para posicionar as pontas de prova nos bornes, clique com o botão direito
do mouse sobre o borne e selecione a ponta de prova desejada.
ATENÇÂO: Para posicionar as pontas de prova nos bornes dos resistores
você pode utilizar a opção de câmera “Vista superior” para melhor
visualizar os bornes.

Insira a ponta de prova positiva do multímetro no borne “A5” destacado


acima.
Observe que a ponta de prova preta se posicionou no borne!

Em seguida, insira a ponta de prova negativa no borne “B5”.


Observe que as pontas de prova estão posicionadas em “AB5”. Neste
experimento você irá realizar medidas também nos pontos “AE1”, AE2”,
“AE4” e “AE5”.

Ligando o multímetro.
Acesse a opção de câmera “Multímetro” para poder visualizar o multímetro
mais detalhadamente.

Agora é possível visualizar as opções de medidas do multímetro!


Observe que o botão de ajuste está na posição “Off”.
Em seguida, clique sobre o botão de ajuste do multímetro e arraste-o para
a posição de medição de resistência “200” indicada pela seta.
Esta posição ajusta o multímetro para realizar medições de resistência
elétrica de até 200 Ω.

Observe que o valor da resistência correspondente a ligação feita aparece


na tela do multímetro!

Em seguida, acesse a câmera bancada para retornar a tela inicial do


experimento.

Anotando valores.
Crie uma tabela apresentada abaixo e anote os valores encontrados para os
pontos medidos em cada fio.

 Calcule a área para depois poder calcular a resistividade de cada fio.


Resisto L R A (m2) r=R.A/
(m (Ω A=p.R2 L
r
) ) A=p.D2/ (Ω/m)
(Fio)
4
AE1 1
AE2 1
AE3 1
AE4 1
AE5 1

ATENÇÃO: Os valores dos diâmetros dos respectivos resistores podem ser


encontrados na janela de informações, para visualizá-la passe a seta do
mouse sobre o resistor que deseja obter as informações.

*Para o cálculo da resistividade utilize a fórmula: ρ = 𝑅 . A / L

FASE II – A CORRENTE ELÉTRICA - PASSO 1


Medindo corrente elétrica de um resistor

Posicionando pontas de provas nos bornes.

Posicione a ponta de prova negativa do multímetro na posição “E4”.


Em seguida, posicione a ponta de prova positiva do multímetro na fonte de
tensão. Clique com o botão direito do mouse sobre o acoplamento da fonte
de tensão e selecione a opção “Conectar ponta positiva”.

Observe que a ponta de prova é posicionada na fonte de tensão!


Clique no borne “A4” e selecione a opção “Conectar ponta do Switch” para
que a ponta de prova da fonte de tensão seja conectada no painel Dias
Blanco.

Observe que as pontas de prova posicionadas em “AE4”.

Ajustando o multímetro.
Acesse a opção de câmera “Multímetro” para poder visualizar o multímetro
mais detalhadamente.

Em seguida, clique sobre o botão de ajuste do multímetro e arraste-o para


a posição de medição de corrente elétrica “20” indicada pela seta. Esta
posição ajusta o multímetro para realizar medições da corrente elétrica.

Em seguida, acesse a câmera bancada para retornar a tela inicial do


experimento.
Ajustando fonte de tensão.
Clique com o botão direito do mouse sobre a fonte de tensão e selecione a
opção “Ligar fonte” para que a fonte de tensão seja ligada.

Observe que a tela de configuração da fonte de tensão aparece ao canto da


tela!

Para aumentar o valor da tensão pressione com o botão esquerdo do


mouse o botão da fonte e arraste-o.
Varie a tensão, até que seu valor chegue a 2,55V.

Qual o valor medido da corrente elétrica?

Tensã Corrente
o (V) (A)
2,55

ATENÇÃO: Para posicionar as pontas de prova nos bornes dos resistores


você pode utilizar a opção de câmera “Vista superior” para melhor
visualizar os bornes.

Você também pode gostar