Você está na página 1de 4

Disciplina: Filosofia Guião do Ensaio filosófico 10º Ano

I- COMO ESCREVER UM ENSAIO FILOSÓFICO


1. O que é um ensaio filosófico?

Um ensaio filosófico é um texto argumentativo em que se defende uma posição sobre um determinado
problema filosófico. Uma vez que a melhor maneira de formular um problema é fazer uma pergunta, o
objetivo de um ensaio filosófico é responder a uma pergunta e defender essa resposta, oferecendo
argumentos e refutando as objeções.

2. O que se espera que um aluno mostre ao escrever um ensaio?

Um ensaio deve mostrar que o seu autor sabe relacionar o problema com as teorias e argumentos em
causa. É por isso que um ensaio deve ter a forma de resposta a uma pergunta. A essa pergunta há-se ser
possível responder com um «sim» ou com um «não», procurando o estudante, em seguida, avaliar
criticamente os principais argumentos em confronto, de modo a tomar uma posição pessoal na disputa.
Num ensaio, o estudante não pode limitar-se a dar a sua opinião. Tem também de avançar com
argumentos e de responder aos argumentos contrários. Caso não lhe pareça possível defender uma das
partes, deverá dizer, ainda assim, porquê.

3. Como escolher o título do ensaio?

A melhor maneira de intitular o ensaio é apresentar o mais claramente possível o problema que se vai
tratar. E a melhor maneira de o fazer é colocando uma pergunta.

 «Será que os animais têm direitos?»


 «Deveremos avaliar uma ação unicamente em função das suas consequências?»
 «É a ação humana compatível com o conceito de liberdade?»

Títulos como
• «Os direitos dos animais»
• «O consequencialismo»
• «A ação humana»
Devem ser evitados, porque parecem não obrigar os autores a tomar posição nem a ser críticos e
argumentativos.

4. Como se prepara um ensaio?

Ler criticamente textos que tratem do tema proposto. Nessa leitura, deve procurar identificar as
teses em confronto e os argumentos que as sustentam. Deve ainda procurar assegurar-se de que
compreende corretamente o que está em causa. Uma boa ideia é discutir os problemas e os argumentos
com os outros elementos do grupo. Frequentemente, isso dar-lhe-á uma ideia mais clara da
complexidade dos problemas e da força dos argumentos.
Uma vez feita a leitura crítica dos textos e os problemas discutidos, devem fazer um rascunho.
• Qual a tese a defender?
• Que argumentos apresentar, e por que ordem?
• Quais as objeções a discutir, e quando?
Ensaio Filosófico/ Ano letivo 2020-2021 Página 1
• O que se pretende deduzir pressupõe uma discussão anterior?

5. Como se deve estruturar um ensaio?

O ensaio deve ser estruturado de acordo com as seguintes oito regras:


1. Formule o problema
2. Diga qual o objetivo do ensaio
3. Mostre a importância do problema
4. Identifique as principais teses concorrentes
5. Apresente a tese que quer defender
6. Apresente os argumentos a favor dessa proposição
7. Apresente as principais objeções ao que acabou de ser defendido
8. Tire as suas conclusões

6. Bibliografia e citações

 Há vários métodos estabelecidos de referência bibliográfica. Podemos usar qualquer um deles,


mas só podemos usar um dos métodos ao longo do trabalho.
 Ao longo do trabalho, podemos usar as palavras de um certo autor; chama-se a isso fazer uma
citação. As citações têm de vir entre aspas, ou então separadas do corpo do texto, em letra mais
pequena e com margens menores. Por exemplo, Nelson Goodman afirmou que “Pensar que a
ciência é em última análise motivada por fins práticos, avaliada e justificada por pontes, bombas e
controlo da natureza, é confundir ciência com tecnologia”. Ao colocar as palavras deste filósofo
entre aspas, mostra-se que as palavras não são nossas. Mas além de as colocarmos entre aspas,
temos de identificar correctamente a sua fonte.
Quando a citação é mais longa, destacamo-la no corpo do texto. No fim da citação, a indicação
abreviada, entre parêntesis, evita a necessidade de uma nota com a referência bibliográfica.

Nota importante: Os textos de apoio sobre referenciação bibliográfica (é uma síntese da Norma
Portuguesa /NP 405) estão na disciplina "Biblioteca" do Moodle da Escola (acesso através da página
da escola ou do Blogue da Biblioteca). 

7. Outras indicações

•Tipo de letra: Calibri


•Tamanho de letra: Títulos/subtítulos - 14; Corpo do texto -11
•Usar espaçamento de 1,5
•Número limite de páginas: no máximo 4 páginas (exceto capa e bibliografia)
•Apresentar uma paginação correta
• Dar atenção aos parágrafos
•Na capa devem constar: nome do estabelecimento de ensino, ano letivo, nome da disciplina, título do
trabalho (com maior destaque), identificação completa dos autores e data de realização (Maio 2021)
•O trabalho é realizado em grupo (no máximo 4 elementos) e submetido na plataforma “classroom”
até ao dia 15 de Junho.

Ensaio Filosófico/ Ano letivo 2020-2021 Página 2


II - Escolher e formular o(s) tema(s) a investigar, a partir dos seguintes definidos nas
AE (Aprendizagens essenciais):

1. Tema ou autor lecionado no 10º ano de escolaridade.


Exemplos:
- Problemas éticos e políticos do impacto da tecnociência no mundo do trabalho
- Problemas éticos na manipulação do genoma humano
- Problemas éticos relacionados com os cuidados de saúde e prolongamento da vida
- Problemas sociais, económicos e de saúde mental em tempos de pandemia
- Problemas éticos relacionados com a experimentação animal
- Problemas relativos à diversidade e relativismo Cultural
- Problema do livro arbítrio (Determinismo Radical/moderado e Libertismo)
- Problema da fundamentação da moral (Kant e Stuart Mil)
- Problema da justiça social (Rawls, Nozik e Sandell)

III - Critérios de avaliação do Ensaio Filosófico:

Cotações
Trabalho escrito
1. Correção na formulação do problema. 10
2. Demonstração da importância do problema. 20
3. Evidência na apresentação da tese (e argumentos) que pretende
40
defender.
4. Qualidade dos argumentos apresentados (ausência de falácias). 20
5. Apresentação das principais objeções. 15
6. A escrita utilizada é de fácil leitura e compreensão. 15
7. Apresentação das ideias de forma pessoal e crítica. 15
8. Apresentação/Formatação do documento. 5
Total:140
pontos

Apresentação oral

1. Uso adequado da expressão linguística e do vocabulário filosófico. 10


2. Estruturação lógica da apresentação. 10
3. Segurança, fluência e ritmo. 10
4. Cooperação entre os elementos. 10
5. Interação com a turma. 5
6. Utilização de recursos diversificados. 10
7. Gestão do tempo. 5
Total:60
pontos

Ensaio Filosófico/ Ano letivo 2020-2021 Página 3


O professor: Elisabete Fonseca

Ensaio Filosófico/ Ano letivo 2020-2021 Página 4

Você também pode gostar