Você está na página 1de 3

1

CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA


DISCIPLINA

Plano de Aula
1. IDENTIFICAÇÃO
Instituição:

Série/Turma Professor:

Duração da Aula: 1(ou 2) tempos 50’ Faixa Etária dos Alunos

2. CONTEÚDO
Tema da Aula:
Descrição do assunto a ser tratado na aula, cuja finalidade é a de contextualizar a realidade conceitual a ser explorada no conteúdo.
Responde a pergunta “O QUÊ?”.

3. OBJETIVOS
Os objetivos refletem o que queremos atingir ao final da aula. Responde a compreensão dos conteúdos desenvolvidos e o que queremos que
o aluno alcance ao final da aula, de acordo com os objetivos educacionais.
Conceitual:

Procedimental:

Atitudinal:

4. RECURSOS MATERIAIS
Recursos Materiais:
Significa todo e qualquer material utilizado de forma a atingir uma aprendizagem satisfatória. Para melhor desempenho das ações docentes e
discente podem ser utilizados recursos variados de acordo com a natureza de cada disciplina.

5. ESTRUTURA DO CONTEÚDO / PROCEDIMENTOS


Descreve de forma objetiva os conteúdos a serem desenvolvidos durante a aula. Quando falamos em “conteúdo”, logo associamos aos
conhecimentos específicos de cada disciplina. Mas se levarmos em consideração uma formação integral, vamos perceber sua abrangência,
porque além dos conhecimentos cognitivos (conhecer) podemos incluir conhecimentos atitudinais (relacionamento) e procedimentais (fazer).

Os procedimentos estão relacionados às atividades que serão desenvolvidas na aula. São as ações (métodos e técnicas) a serem aplicadas
pelos docentes e discentes que mais se adéquam ao alcance dos objetivos.
Para um curso de formação de professores é importante enfatizar os três pontos abaixo:

- Reflexão Inicial: Abordagem da aula anterior; Explanação de como a aula será desenvolvida; Descrição dos objetivos a serem
alcançados;
- Desenvolvimento da Aula: Descrever as técnicas a serem desenvolvidas durante a aula; textos; Debates; filmes, leituras; locais de
pesquisas.
- Reflexão Final: Síntese da aula, preparando para a avaliação.

É importante enfatizar que o Plano de Aula deve visar à integração entre os conteúdos definidos no Plano Macro (Ensino) e os desenvolvidos
no Plano Micro (aula), desde a reflexão inicial o final da aula, não devendo ser estanque em seu desenvolvimento.

6. AVALIAÇÃO

Quando se fala em avaliação, normalmente associamos apena a um instrumento que verifique o grau de aprendizagem alcançada. Para uma
aula existem técnicas e instrumentos de verificação: ”Até onde conseguimos chegar?” “O que o grupo foi capaz de aprender?” “Que objetivos
foram alcançados e quais não foram?” Nesse espaço, o professor deixará registrado como ele irá verificar se os objetivos previstos para
aquela aula foram atingidos.

7. CONSIDERAÇÕES ADICIONAIS
Aloca pontos importantes que não foram descritos nos tópicos anteriores.
É importante lembrar que, ao elaborar um Plano de Aula é necessário acreditar que ele é pessoal e expressa as concepções teóricas
educativas que sustentam a prática do professor. Não há necessidade de um modelo padrão para que o plano não se torne burocrático; ele
deve ser apenas o registro do que se considera importante para orientar a ação docente, com o objetivo de obter os melhores resultados.

8. REFERÊNCIAS
Aqui devem ser alocados os autores e seus respectivos livros que deram suporte teórico a organização da aula. São referencias para o
assunto que foi ou será tratado.
2

CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA


DISCIPLINA

Plano de Aula
Princípios para elaboração de uma aula

♥ A aula deve ser encarada como um processo dinâmico e intencionalmente organizado visando práticas
reflexivas;
♥ Não há um tempo para a concretização de um tema;
♥ Problematizar e buscar hipóteses visando a solução dos problemas;
♥ As aulas devem ser organizadas de modo a possibilitar a apresentação e discussão dos objetivos e conteúdos
visando a mobilização e à preparação dos alunos para a execução das atividades.

→ Toda aula deve tomar como ponto de partida, o conhecimento prévio dos alunos;
→ Os temas devem ser hierarquizados;
→ Cada atividade deve ser repetida até que todos os alunos demonstrem habilidades suficientes;
→ A atividade deve sofrer uma variação que exija mais habilidade que a forma anterior, um novo desafio;
→ Os alunos devem conversar entre eles e com o professor, antes de qualquer atividade, a respeito dela;
→ Os alunos devem ter tempos, diante das dificuldades, para conversar entre eles e achar soluções para os
problemas percebidos;
→ As variações devem ser espiraladas em nível superior baseada na temática anterior;
→ Às vezes podemos apenas exercitar as funções lúdicas e simbólicas e afetivas

Metodologia para o DESENVOLVIMENTO de uma aula:

5. PROCEDIMENTOS
Reflexão Inicial:

- Abordagem sobre o desenvolvimento da aula, ou


- Conversa sobre as ações na aula anterior: dificuldades, necessidades e avanços.
Desenvolvimento da Aula:

Apresentação tema;

- Debate sobre a dimensão conceitual do tema, interface com outras disciplinas;

- Problematização da dimensão procedimental, articulada com a dimensão conceitual;

- Exploração – respeitando experiências do conhecimento dos alunos / busca de soluções para o problema;

- Volta para conversar: as dificuldades, soluções, debate sobre a dimensão atitudinal;

- Aplicação das soluções encontradas e repasse das ações motoras, correções pelo professor e novos desafios
aplicados pelo professor;

- Contribuição dos alunos com novas idéias em relação as atividades.


Reflexão Final:

- Reflexão final: avaliação debatendo a aula, conflitos, dificuldades, dimensão atitudinal e sugestões. Tarefa
para casa e combinações para a próxima aula.
3

CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA


DISCIPLINA

OBJETIVOS EDUCACIONAIS: como trabalhar os domínios.

Conceitual: Os conceitos de regras, leis, táticas, dados históricos e de fatos da cultura corporal e somam-se
as reflexões sobre conceitos de:
- ética; desempenho; satisfação; eficiência; entre outros.

Procedimental: execução das ações, aprende-se a saber fazer; valorização da execução, sem restringi-las ao
universo das habilidades motoras e dos fundamentos dos esportes, incluindo procedimentos de:
- exercitação múltipla para o domínio competente; refletir o que estamos fazendo, não basta
repetir por repetir; aplicação em contextos diferentes;

Atitudinal: Os conteúdos devem viabilizar a construção de posturas:


- Reflexiva e crítica; De responsabilidade perante si e os outros; De valores, normas e atitudes
de cidadania; De relações interativas.

Exemplos de Objetivos Específicos:

Conceitual: Conversar sobre as possibilidades de movimentos para perceber diferentes movimentos


corporais e aplicá-los nas atividades em duplas.

Procedimental: Executar e dar ideias das possibilidades de movimentos para desenvolver seu esquema
corporal.

Atitudinal: Participar das trocas de duplas nas atividades para aprender a respeitar as diferenças de cada
um.