Você está na página 1de 2

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA - UNIR

NÚCLEO DE TECNOLOGIA – NT
DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE ENGENHARIA ELÉTRICA – DAEE
DISCIPLINA: GERAÇÃO TRANSMISSÃO E DISTRIBUIÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA
PROFESSOR: DR. JOSÉ EZEQUIEL RAMOS

PROVA DE GTD (P2)


DATA: 25/09/2021

Nome: CARLOS DE OLIVEIRA SANTIAGO FILHO


MATRICULA: 201121048

Questão nº 1 (1,0 ponto)

Por que as Linhas de Transmissão de tensões diferentes têm reatâncias indutivas e


capacitivas diferentes? Porque as distâncias entre os condutores e entre estes e a
estrutura precisam ser compatíveis com os níveis de tensão, isto é, quanto maior o nível
de tensão, maior a distância entre condutores e entre estes e a estrutura. Assim, como as
reatâncias e capacitâncias dependem da geometria da estrutura da LT, fica evidente a
diferença desses parâmetros para linhas com tensões diferentes, devido espaçamentos
diferentes, ou de outra forma, devido a geometrias diferentes das torres das LTs com
tensões diferentes.

Questão nº 2 (1,0 ponto)

O fluxo magnético total de um condutor cilíndrico maciço pela equação:


d
 = 2.10 −7 I .Ln ' [Wb/m]. Qual o significado de r’?
r

Questão nº 3 (1,0 ponto)

Defina o efeito pelicular, ou skin effect.


Em corrente alternada, com o aumento da frequencia a desuniformidade se torna mais
acentuada, aumentando a diferença entre as densidades da corrente nas diferentes
regiões da secção transversal. Esse fenômeno chama-se efeito pelicular, ou skin effect.

Questão nº 4 (1,0 ponto)

Qual a solução adotada para amenizar o desequilíbrio magnético e eletrostático das


Linhas de transmissão?
A solução adotada é a transposição cíclica dos cabos, de tal forma que cada fase ocupa
uma posição distinta ao longo da linha, em trechos previamente determinados.

Questão nº 5 (2,0 pontos)

1) Uma determinada LT apresenta a seguinte matriz de reatâncias indutivas


próprias e mútuas, bem como a matriz de correção, ambas dadas abaixo:

1
 0,001067 − 0,000216 − 0,000117 − 0,000222
− 0,000216 0,001067 − 0,000216 − 0,000270
x L  = j  
− 0,000117 − 0,000216 0,001067 − 0,000310
 
− 0,000222 − 0,000270 − 0,000310 0,001403 

0,013243 0,016106 0,018493


xc = 0,016106 0,019589 0,022491
0,018493 0,022491 0,025823

Pelo exposto acima, calcular:


a) as reatâncias indutivas aparentes;
b) a reatância indutiva de sequência positiva;
c) a reatância indutiva de sequência zero.

Questão nº 6 (2,0 pontos)

Calcular as capacitâncias parciais e de serviço de uma linha monofásica construída com


o cabo de alumínio CAA 67mm² (2/0), código Quail, disposto sobre cruzeta horizontal
com 2,00 [m] de espaçamento entre os cabos. O ponto de suspensão dos condutores está
a 8,30 [m] do solo e a flecha média nos vãos médios é de 1,00 [m]. A linha possui 20
km de extensão. O diâmetro do condutor = 11,553 [mm].

Questão nº 7 (2,0 pontos)

Uma LT 138 kV, com extensão de 100 km, atende a uma carga de 18 MW com fator de
potência 0,92. Determine a tensão, a corrente e a potência nos terminais do gerador.
Parâmetros da LT:
R = 0,105 /km;
L = 1,255 mH/km;
C = 0,0074 F/km;
G=0

Você também pode gostar