Você está na página 1de 27

Técnica

Vocal
Sua voz sem segredos
e no seu pleno potencial.
Índice
Introdução 03
Capítulo 1 – Fisiologia, hidratação e respiração 04
Capítulo 2 – Alongamento, aquecimento e desaquecimento. 07
Capítulo 3 - Classificação vocal, timbre e afinação 10
Capítulo 4 - Microfone, dicção e fumaça artificial 13
Capítulo 5 – Backing Vocal, enfeites, ressonância e saúde da voz 18
Conclusões 25
Referências 26
Sobre a autora 27

Técnica Vocal – Sua voz sem segredos e no seu pleno potencial.


Introdução

Cantar estimula áreas do cérebro e atua no sistema nervoso porque libera a


serotonina.
Sim, cantar é terepêutico!
Cantar mantêm o cérebro jovem e saudável, trabalha a memória e melhora a
cognição.
Libera endorfina, o hormônio do prazer por isso quem canta é muito mais feliz. O
exercício musical também funciona muito eficientemente no alívio e controle da dor
porque ativa a dopamina e no nosso sistema de recompensa neurológica.
Cantar também ativa a serotonina e a oxitocina que controlam nossas emoções e
contrações musculares, reduz ansiedade, stress produzindo o bem estar.

Os neurotransmissores são ativados quando nós cantamos!!!

É aeróbico e estimula o coração da mesma forma que uma caminhada rápida.


Melhora o tônus muscular, nos obriga a melhorar a postura mantendo o abdomem
erguido, aumenta a capacidade pulmonar e diafragmática.
A música é parte da Linguagem Divina que ativa em nós a capacidade máxima que
Deus projetou ao nos criar.
Embora nem todos serão cantores profissionais, cantar e falar bem é para todos sim!
Exceto em casos de disfunções neurológicas que comprometem o envio dos
comandos do cérebro ou problemas hormonais graves que provocam um
afrouxamento muscular involuntário, todo mundo é capaz de cantar afinado com a
aplicação correta das técnicas vocais.
Através do canto descobrimos quem somos porque a voz tem marcas do DNA de
nossas almas e quando mergulhamos com mais frequência e à fundo nos colocamos
frente a frente com quem realmente somos.
A criatividade descoberta em nós nos permite ver soluções que antes pareciam não
estarem lá.
Essa mudança positiva tem um efeito grande em nossas vidas que se reflete em
todos ao nosso redor.
Descubra a marca criativa de Deus em você e libere o potencial escondido na sua
voz.
Cante sempre e cante muito!

Técnica Vocal – Sua voz sem segredos e no seu pleno potencial.


Capítulo 1

Fisiologia, hidratação e
respiração.
Descobrindo a nossa Voz.

O estranhamento que temos ao ouvir a nossa própria voz gravada é algo


absolutamente normal e por isso muita gente acha que não tem uma voz bonita.
O que ouvimos de nós é resultado da mistura de ar e vibrações produzidas
dentro do nosso corpo. A gravação é quase sempre mais aguda e só ouvimos
aquilo que viaja pelo ar.
Não é muito diferente nos olharmos no espelho e emseguida numa fotografia?
Isso acontece por causa da familiaridade maior que temos com o espelho e por
causa do processo invertido da imagem na foto.
Com a nossa voz acontece a mesma coisa, por isso aprenda a amar a sua voz
acostumando-se com ela porque geralmente ela é muito mais bonita do que o
que você ouve.
TODOS os dons existem para curar o mundo. Por isso algumas crenças limitantes
precisam ser derrubadas.
Para falar sobre técnica vocal com uma visão de plenitude precisamos quebrar
alguns tabus sobre saúde física, emocional e até espiritual.
Só podemos cuidar e prevenir quando conhecemos e aprendemos como fazer né?
Então vamos lá!
Embora todo o nosso corpo participe do exercício do canto, o processo de
produção da voz começa na laringe, órgão de fonação por onde o ar passa
vibrando as pregas vocais.
Pregas vocais e não cordas, ok?
Mesmo que fisiologicamente a anatomia vocal lembre mesmo as cordas de um
violão vibrando quando nós cantamos, o nome certo são pregas vocais; que são
um tecido musculoso do interior da laringe por onde passa o fluxo de ar dando
vida à nossa voz.

Técnica Vocal – Sua voz sem segredos e no seu pleno potencial.


Hidratação Respiração
Nós respiramos involuntariamente pelo
pulmão e sempre por ele! O que acontece no
A única coisa que passa pelas pregas vocais é canto é o apoio diafragmático. Ele é
o ar. Nada mais encosta nelas, comida, frutas, necessário e essencial porque ele absorve a
maçã, água, NADA passa por elas força e a pressão que é colocada de forma
diretamente!!! Então, pra manter sua voz em errada e desnecessária na laringe ou
dia e sua garganta lubrificada, é preciso garganta. Ah... aquela veia saltada
MUITA hidratação ao longo do dia. Não entregando que a força está demais né?
adianta tomar tudo de uma vez. A hidratação Cantar forçando é comprometer a
acontece aos poucos. longevidade vocal e arriscar-se à nódulos,
A garganta não é um órgão vital, então se você fendas e lesões que deixam cicatrizes visíveis
bebe pouca água saiba que o teu corpo que é podendo até diminuir sua extensão vocal,
muito inteligente vai direcionar essa sim; aquela nota especial que você ama fazer
hidratação aos órgãos que são essenciais fica em risco!
como cérebro, coração, rins, etc. Respirar bem é fundamental pra cantar de
forma saudável.
Uma forma de hidratar de forma direta e Sempre priorize a respiração nasal porque lá
rápida é o nebulizador com água ou soro existe filtro, quando respiramos pela boca as
fisiológico. Capriche nele no dia da sua poeiras e impurezas externas vão direto pra
apresentação. garganta podendo causar irritação e
ressecamento.
Remédios de forma indiscriminada ressecam
o organismo por causa do alto teor de sódio Como desenvolver o diafragma?
que eles trazem. Anabolizantes não devem
ser usados pelo mesmo motivo, fora o fato do O Diafragma é um músculo logo abaixo do
desequilíbrio hormonal que eles causam pulmão no meio logo acima do umbigo.
podendo ocasionar afrouxamento muscular, Com um treinamento adequado ele já começa
provocando desafinação involuntária. a funcionar de forma automática, você não
Cigarros, cafeína, e refrigerantes também precisa acionar nem se preocupar mais com
devem ser sempre evitados. ele.
Cantores que seguem as dicas de técnica vocal Pra fazer os exercícios de forma certa só tem
não ficam roucos. uma regra, o peito não pode se mover,
É possível! Cantar bem envolve disciplina e somente a parte de baixo se move. Pra quem
condicionamento. não tem prática nisso, eu recomendo começar
deitado de barriga pra cima, a hiper
oxigenação que ele causa no cérebro à
princípio pode causar um pouco de tontura.
Com a ajuda de um livro na altura do
estômago você consegue perceber a
movimentação do diafragma com respirações
longas e profundas e com respirações
cortadas e rápidas.

Técnica Vocal – Sua voz sem segredos e no seu pleno potencial


Capítulo 2

Alongamento,
aquecimento e
desaquecimento.
Alongamento, aquecimento Antigamente usava-se o piano para ditar notas , o
que levava muito tempo e não era prático porque
e desaquecimento. não é todo lugar que tem um instrumento
disponível, fora que às vezes não há tempo
Assim como correr sem aquecer o suficiente pra isso não é mesmo?
corpo pode causar estiramento
Um aquecimento rápido de 1 a 3 minutos basta,
muscular e contusões, cantar sem o
usando a técnica de fazer o som tremular com a
devido preparo é arriscado.
língua sem muito exagero ou verticalização da
Espreguiçar, bocejar, massagear o boca, vocalizando a vibração as notas na ponta
rosto, o pescoço, sem pressa girando dos lábios.
os ombros pra frente e pra trás.
Você pode começar com as notas médias de
Pressionar a cabeça com as mãos pra depois usar notas graves e agudas.
um lado, depois para o outro e em
As crianças estavam se aquecendo imitando os
movimentos circulares de um lado e
motores do carro não é mesmo?
de outro sempre lentamente.
Outra sacada sensacional da infância são aquelas
Soltar os ombros e a cintura são
notas bem graves que a gente dava da frente do
formas de alongar e preparar o corpo.
ventilador em forma de Ahhhhhhhhhh, fazendo o
Você pode fazer isso ainda em casa nosso peito vibrar... quem lembra? Que sensação
antes de sair para uma apresentação gostosa!!! Sabe porque era bom demais? É porque
caso não haja um lugar adequado pra é assim que desaquecemos a voz e relaxamos a
você alongar no lugar em que vai laringe depois de um tempo grande de esforço.
cantar. Legal né?

Técnica Vocal desenvolve a consciência


e o auto controle.

Técnica Vocal – Sua voz sem segredos e no seu pleno potencial.


Vencendo a timidez

Acredito que todos já passamos ou vimos alguém passar por


situações constrangedoras de timidez.
E aquele amigo(a) que é perfeito no ensaio mas trava na hora da
apresentação e desafina tudo? Como se explica isso?
A verdade é que corpo e mente trabalham juntos, precisamos
também de muito preparo emocional e psicológico.
As distrofias de imagem, os traumas, o orgulho, a procura
exagerada por auto afirmação, o medo da rejeição, o auto
boicote, a insegurança do conteúdo apresentado, o não preparo
técnico, falhas técnicas de terceiros no som ou no ambiente,
dispersão do público, tudo isso são fatores que podem influenciar
o emocional e comprometer uma apresentação.
Estudar e ensaiar é muito importante, a repetição contínua faz o
processo se tornar natural...
A plateia não está ali pra julgar você. Compreender eles como
colaboradores ou como pessoas que sabem menos (você estudou “As pessoas te olham
mais) te dará clareza pra executar o que você ensaiou antes.
Erros técnicos com o som acontecem diariamente com artistas à partir das
profissionais. experiências delas e
Jogo de cintura, bom humor e continuar apesar de que qualquer isso não é uma
problema que se tenha é um bom indicador de maturidade responsabilidade tua.”
artística. Artista sim, música é uma forma de arte e não é
associado à soberba em sua essência, esse nome não dói não viu? Rosimar Ferraz .
Mantenha-se perto de pessoas que entendam de canto e que Psicóloga
sejam sinceras pra que te avisem de erros que você não perceba
sozinho.
Desenvolva um caso de amor consigo mesmo.
Aprenda a gravar os ensaios e a se acostumar com seu timbre.
Não reconhecemos nossa voz naturalmente, precisamos aprender
a gostar. Boa gestão das emoções garantirão concentração e boa
memória.
Invista na sua imagem pessoal, desenvolva hábitos de vida
saudáveis, tenha um estilo próprio de se vestir, una em sua
apresentação uma coerência do que está apresentando com
aquilo que está vestindo.
E por fim, divirta-se enquanto está cantado.
Como o sábio Salomão um dia já disse: “tal como o homem
imagina em seu coração, assim ele é”.
Cantores são captadores de emoções e repartem elas com seu
público. Treinar e gerenciar bem a sua mente vai te capacitar a ser
um bom comunicador onde quer que você esteja independente do
tamanho do seu público. Tenha atitude e pensamento positivos. 9

Técnica Vocal – Sua voz sem segredos e no seu pleno potencial


Capítulo 3

Classificação Vocal,
timbre e afinação.
Classificação vocal
Atualmente muitos teóricos não se prendem mais a estes tipos de classificações
e trabalham unicamente focados em quesitos estéticos e de conforto ou saúde “As pregas vocais das
de cada cantor mulheres crescem
Mas a título de curiosidade, você sabe qual é a sua? menos que as dos
homens, daí a
É muito fácil saber... com a ajuda de um piano as notas devem ser alcançadas
frequência da voz
com voz de peito (aquela que vibra no peito) sem esforço. feminina ser mais
aguda, por exemplo.
Hoje temos basicamente essas classificações: Alterações hormonais,
principalmente na
adolescência, também
- Contralto, mezzos e sopranos: influenciam no tipo de
(vozes femininas). voz.
A voz que você chegar
- Baixos, barítonos e tenores: à vida adulta será,
(vozes masculinas). provavelmente, a que
te acompanhará por
boa parte da vida.”
✔ Extensão vocal é o alcance limite das notas realizáveis em voz de peito ou voz
natural; a quantidade de notas fisicamente realizáveis. Dr. Enoque, Alexandre,
✔ Tessitura é a região de conforto e brilho. Otorrinolaringologista
✔Timbre é a identidade vocal, o conjunto de características da voz que são do Hospital Paulista.
únicos, seguindo a anatomia fisiológica de cada um, é a marca e o que diferencia
a voz do cantor.

Respeitar a classificação vocal na hora de escolher o tom da música é preservar a


sua saúde e qualidade vocal.
Contraltos e baixos são as vozes mais graves e encorpadas, Mezzos e barítonos
brilham mais em regiões médias e sopranos e tenores são as vozes mais agudas
e fininhas.
Em notas naturais e confortáveis os Contraltos vão do Mi2 ao Lá4, os Mezzos
vão do Lá2 ao Si4, Sopranos vão do Dó3 ao Fá5, baixos do Dó1 ao Fá3, barítonos
do Sol1 ao Lá3 e tenores do Dó2 ao Ré4.
Fomos planejados especificamente pra brilhar plenamente numa certa região
melódica e isso é fantástico!

P.s: Não usei as classificações usuais das notais e sim os nomes delas pra facilitar o entendimento dos cantores que não
conhecem teoria musical onde o Dó significa C por exemplo.

11

Técnica Vocal – Sua voz sem segredos e no seu pleno potencial


Timbre
O que significa timbre? No dicionário é divisa de honra.
Na fisiologia, é o som que sai das estruturas internas da garganta.
Dá pra se inspirar num estilo, mas copiar os timbres é absorver todas as nuances.
É forçar a laringe contra a natureza constituída, é abrir mão da personalidade única e
própria, expor o corpo a mudanças que podem resultar em calos e fissuras vocais.
É mais fácil copiar o que já está pronto e deu certo?
É, a curto prazo, porém mais cedo ou mais tarde a conta vem tanto pra quem copia
como pra quem consome tal música, que vai de certo perceber a fraude.
Apesar de todo aprendizado começar na imitação por causa dos espelhos neurais
podemos desenvolver uma construção vocal autêntica.

Para imitadores: Cuidem da voz, prefiram fazer trabalhos imitando pessoas dentro de sua
própria classificação vocal para evitar futuros desgastes.

Cantores: Procurem se conhecer. Ouçam a música de ensaio original somente até decorá-
la, depois encontrem seus próprios caminhos, ensaiando com playback ou outro
acompanhamento. Tenham referencias variadas, ouçam pelo menos 5 bons cantores.

A assinatura vocal é a alma do cantor e a individualidade que devemos sempre buscar e


valorizar.

Afinação

Você deve estar se perguntando: afinação não deveria ser o primeiro tema aqui, já que a
afinação é a principal coisa esperada de quem canta bem?
É que sem tudo isso que já falamos antes fica bem mais difícil e trabalhoso afinar.

Depois de todos os cuidados feitos, afinar é simples e intuitivo!

Antigamente pensava-se em trabalho de afinação com as notas de um acorde ditadas e


copiadas, depois começou-se a trabalhar os semitons com o objetivo de corrigir
aquelas notas duvidosas, hoje já começamos a pensar em termos de micro afinação,
dentro da tessitura vocal de cada cantor notas brancas e pretas do piano/teclado são
ditadas uma por vez separadamente e em seguidas copiadas pela voz.
Claro que quem tem dificuldade de percepção musical vai precisar do
acompanhamento de um professor pra saber se a nota que está sendo emitida está
correta. Um afinador digital também é uma boa saída, pra cravar a nota. Afinal, ouvir
um som e reproduzi-lo fielmente é a afinação. Afinar também depende de ajustes
vocais, vamos falar sobre isso mais adiante.
12

Técnica Vocal – Sua voz sem segredos e no seu pleno potencial.


Capítulo 4

Microfone, dicção e
fumaça artificial.
Microfone

Microfones são apaixonantes!


Eles transformam energia Sonora em sinais elétricos , formam uma
onda mecânica que empura o ar e o som dentro dele convertendo
vibração mecânica em frequência elétrica.
Microfones são uma analogia do nosso próprio aparelho fonador.
Eles também possuem um diafragma. Já pensou levar um soco na
altura do estômago?
Jamais bata ou sopre no microfone pra testar o som, teste sempre
falando pra não estragar o diafragma que é a força e proteção dele.
A bobina é como se fosse a laringe, ela não pode oxidar estragando
os fios condutores (pregas vocais) então nada de tirar o espuminha
protetora pra cantar porque pode espirrar saliva nos eletrodos e de
tempos em tempos tire ela pra lavar com sabão neutro, espere secar
bem e coloque de novo! (se o seu não tem, compre uma!)

14

Técnica Vocal – Sua voz sem segredos e no seu pleno potencial.


Existe um jeito certo de segurar o microfone.
Ao lado vemos exemplos do que não fazer pra não interromper o fluxo
de ar abafando o som ou provocando a medonha microfonia (ruído
agudo e irritante), jamais o aponte para a caixa de som.
Microfones não devem ser segurados tampando os botões de liga e
desliga.
O jeito certo de segurar o microfone é suavemente com os dedos abertos
de preferência, as ondas sonoras ficam livres assim.
Quanto mais perto cantamos do microfone mais graves as notas soam,
quanto mais longe mais agudo, por isso cada cantor precisa encontrar
sua própria dinâmica em sua interpretação, porém não aconselho
excesso de variação da distância porque não cria um efeito legal pra
quem ouve.
Nunca cole ele na boca nem o afaste até na cintura, não queremos
craquelar o som nem perder a captação dele.
Por fim, cuidado com o cabo, nunca o dobre na base, ou pise nele para
não quebrar.
A melhor equalização do microfone é aquela se aproxima e respeita a
sua voz natural.
Quando o microfone é segurado corretamente o som fica limpo
funcionando teoricamente livre assim:

15

Técnica Vocal – Sua voz sem segredos e no seu pleno potencial.


Dicção
A dicção é o modo como a comunicação será passada, a pronúncia, o
modo de dizer, a articulação.
Uma dicção ruim interfere até na qualidade do som transmitido no
microfone.
A boa dicção é o som expressando pensamentos e isso pode ser
desenvolvido com mudanças de hábitos e treino.
Logo, trabalhar a dicção melhora a confiança, a auto estima e clareza na
entrega da mensagem além de aumentar sua credibilidade interpessoal.
Depois do auto conhecimento, respiração e aquecimento, exercícios de
trava línguas que funcionam como um jogo verbal e leituras de textos de
forma exagerada na frente do espelho, vão ajudar a trazer sua
musculatura num ajuste adequado pra que a sua articulação evolua e
flua melhor.

16

Técnica Vocal – Sua voz sem segredos e no seu pleno potencial.


Fumaça artificial

Existem 3 tipos de fumaça mais usadas.


O mais comum é a de gelo seco, que nada mais é que gás carbônico
congelado a 72 graus Celsius negativos. Quando liberado, forma gotículas
que parecem fumaça, podendo provocar um mini efeito estufa em lugar
fechado. “O gás carbônico absorve muito o calor e esquenta o local”, diz o
químico Atílio Vanin, da Universidade de São Paulo.
Lembro a você que oxigênio é o combustível da voz!
Outro método, frequente no teatro, é a mistura de água e glicerina.
Esquentada, ela condensa. O inconveniente é que a fumaça, quando
depositada em algum lugar, fica grudenta, podendo oxidar e danificar os
eletrodos e os equipamentos, deixando tudo escorregadio.
O terceiro tipo é o mais perigoso. O material empregado é o cloreto de
amônia, que, quando esquentado, vira vapor. Ao entrar em contato com o
ar, se transforma em partículas que ficam em suspensão. Esse pozinho
irrita os olhos e o sistema respiratório.
Minha dica é que se você usa ou precisa usar este artifício procure por um
sistema que funcione como um nebulizador mais à base de água.
Que tal pensar num grande umidificador de ar?
Uma questão estética e outra de saúde resolvidos numa tacada só!

17

Técnica Vocal – Sua voz sem segredos e no seu pleno potencial.


Capítulo 5

Backing Vocal, Enfeites,


Ressonância
e Saúde da voz.
Backing vocal e divisão Ao mesmo tempo em que as vozes
vocal. concordam em uníssono, elas se dividem por
trechos formando a combinação harmônica.
Backing vocal é exatamente o que o A voz de peito (impostada) e a voz de cabeça
nome diz, voz de trás ou voz de apoio, (leve e soprada), são técnicas que o backing
não deve ultrapassar em volume a voz vocal precisa dominar muito bem porque
principal. cada arranjo pede um registro diferente de
Mesmo com um bom embasamento acordo com a necessidade da canção. O
teórico do assunto é preciso treinar os importante é que as passagens de registros
ouvidos, ouvir bons duetos já feitos e sejam cada vez mais naturais e discretas, pra
absorver o conceito. Criar e colocar que não haja quebras bruscas que causem
em pontos estratégicos onde pedem a estranheza na interpretação.
melodia e a mensagem são um bom Geralmente a voz de cabeça (voz mais leve e
caminho pra começar a sentir a soprosa ressoando no alto da cabeça) bem
divisão vocal. É necessário preservar a timbrada é a mais usada e fica mais
melodia principal em algumas partes harmoniosa no momento da divisão, divisões
para não ficar cansativo e pra não de voz plena ou de peito são mais comuns em
descaracterizar a música original. O duetos.
cantor de primeira voz pode virar Sair da zona de conforto daquilo que já é
segunda voz desde que alguém conhecido aprendendo sobre o campo
sustente a melodia ou que isso faça harmônico, envolve trabalho e ousadia pra
coerência no novo arranjo. crescer.
A tônica é a nota predominante, Uma segunda ou terceira voz é uma nova
geralmente a voz principal. melodia a ser memorizada.
Terças, quintas e oitavas de um acorde Divisão vocal é desafiador, belo e apaixonante
são os mais comumente usados. Se ao tempo!
você destrincha o acorde certamente
encontrará a nota relativa que Exigem bom gosto, feeling, treino e percepção
combine com a melodia principal. vocal que podem ser sempre desenvolvidos.

Evite acompanhar a nota dissonante do instrumental


no momento da divisão, elas costumam não
combinar com as vozes juntas causando estranheza.

19

Técnica Vocal – Sua voz sem segredos e no seu pleno potencial.


Enfeiteis vocais:

A base dos ornamentos vocais se chama vibrato.


Ele é a oscilação do volume e intensidade variando em uma nota ou mais.
Serve pra sustentar a nota deixando o som mais vibrante.
Antigamente isso era feito de uma forma bem impostada como na ópera
por exemplo.
No canto popular o vibrato já é mais leve geralmente usado com voz mista
ou voz de cabeça. É necessário controle diafragmático pra tirar a tensão da
garganta e soar mais natural e ele deve sempre respeitar o andamento da
música.
Nenhum ornamento pode sair atropelando o ritmo descadenciando a
música ok?
Você pode até suprimir palavras no momento do improviso mas o retorno
tem que acontecer dentro do compasso.
Drive – É um efeito de roz rasgada ou rouco muito comum em cantores de
rock ou blues conferindo mais textura à voz.
Se isso não faz parte do seu estilo musical ou não é natural em você eu
sugiro não forçar porque pode agredir a sua fisiologia vocal. Se é uma
característica sua, capriche sempre no aquecimento antes e
desaquecimento depois de cantar e domine completamente a técnica vocal
de base.

Melismas:

Melismas são as notas levadas pra dançar nos intervalos da canção.


A agilidade dos adornos. Voltinhas, enfeites, floreios ou firulas.
Em sua história mais antiga, o melisma era usado em ritos de hipnotização
hindu e religiões orientais.
No ocidente, foi no canto gregoriano (música dos padres) que ele apareceu
pela primeira vez, mas se popularizou mesmo nos Estados Unidos com os
escravos. Em vez de lágrimas nas lavouras, lamentos sonoros... Assim
nascia a Black Music, o Soul e o Gospel.
Aquelas emoções que a alma gritava passaram a ornamentar as canções, a
cultura da liberdade musical nascia e a partir de então não havia mais
limites!!!

20

Técnica Vocal – Sua voz sem segredos e no seu pleno potencial.


Investir na afinação e nas notas separadas mais lentamente e assim ir
aumentando o processo é o caminho pra aprender.
Como é uma interpretação livre e de expressão de sentimentos, temos
que escolher bem os lugares onde e como os arranjos serão feitos pra
que tenha uma coerência da mensagem e pra que não fique enjoativo
pra quem ouve.
É preciso tanto ter bom gosto quanto criatividade pra fazer a música
fluir em uma cadência contextual.
Gosto sempre de frisar que quando a música está em português, os
melismas também devem estar, cuidado com os ro e ra característicos
do sotaque americano e troque pelas vogais bem mais brasileiras.
Soa bem estranho música brasileira ainda que no estilo Black com
sotaque estrangeiro.
A troca de registros de sonoridade pede um controle de técnica vocal
apurado, ou seja... não é pra iniciantes.
Os cuidados vocais, afinação, conhecimento de campo harmônico,
escalas pentatônicas, auto conhecimento, (sim, precisamos ter uma
bagagem de vida pra aprofundar os sentimentos na música), os
registros diferentes, vibratos e apogiaturas são elementos que os
melismas vão exigir de qualquer cantor.
Uma última dica? Um ótimo melisma nunca vai sair do tom da música!
Parece óbvio mas não é... esse é um erro frequente.
Esse assunto é extenso e ainda há muito pra aprendermos...
Para mim, a música tem origens mas não tem cor, todo mundo é capaz
de cantar melismas e balck music desde que trabalhe nisso.
A arte deveria ser sempre democrática e livre de preconceitos.

21

Técnica Vocal – Sua voz sem segredos e no seu pleno potencial.


Ressonância
“Música se
O som não deve soar de forma nasal, pense sempre nisso!!! relaciona
É feio, é errado, o palato mais baixo força desnecessariamente o som . Intimamente
Os sons com terminação em E e I ficam completamente estrangulados, o som com a
nasal ou anasalado prejudica a dicção, a clareza e não devem ser ensinados
nem estimulados como exercício. generosidade,
ela é feita por
A boca foi feita pra ser caixa de som do corpo, é onde o som alcança sua pessoas para
plenitude e liberdade.
Embora o som possa VIBRAR no peito no caso das notas naturais ou VIBRAR pessoas.”
no nariz no caso da voz de cabeça, ou falsete.
Nathália Nunes

E à propósito, antigamente se fazia separação de subclasses voz de cabeça,


falsete, belting, voz de cabeça e por ai adiante.... Hoje pensamos apenas em
voz de cabeça e voz de peito porque não faz sentido ficar complicando e
subdivindo a mesma técnica apenas por questões de volumes de ar usados em
cada momento, basta perceber onde vibra cada som para desenvolver a
consciência e o controle dele.

Sons agudos precisam de espaço na boca, quanto mais a alta a nota, mais a
boca abre e a língua desce, formando uma catedral interna, jogando todo o
fluxo de ar pra cima, lembrando que a laringe esticada precisa de uma cabeça
reta ou rebaixada, abaixamento de mandíbula e maior apoio diafragmático
embaixo.
Por isso, nada de se esticar todinho pra alcançar um agudão heim!!!
Funcionamos ao avesso do que é o nosso instinto.
Ao contrário, sons graves vibram no peito, a língua é relaxada, a laringe pode
ser ligeiramente levantada e o apoio diafragmático é mais em cima.
Você consegue trabalhar a cor, a textura, a potência e o corpo de voz
conhecendo e trabalhando a ressonância através de ajustes vocais, colocando
o som em novos lugares.
Molde o seu som de acordo com o que pede a sua interpretação pessoal e
estilo próprio.

22

Técnica Vocal – Sua voz sem segredos e no seu pleno potencial.


Dicas de saúde:

✔ Nunca compita com sons muito altos.


✔ Proteja seus ouvidos, nada de fones no limite nem de apresentações
desequilibradas, é uma boa audição que te fará e manterá afinado.
✔ Corte da sua vida o cigarro, álcool, anabolizantes e remédios
desnecessários se você deseja ter alta performance.
✔ Evite a cafeína, refrigerantes e energéticos porque eles são
altamente desidratantes.
✔ Invista na hidratação constante e aos poucos, no ar condicionado e
no verão capriche mais ainda.
✔ Pigarro é saliva grossa! Leite, chocolate e açúcar em excesso vão
engrossar sua saliva, nada de balinha antes de cantar.
✔ Para afinar a saliva, além da água é claro, as frutas ricas em pectina
como a maçã, uva, morango e laranja vão deixar sua laringe com o
mínimo esforço, invista em pelo menos 2 porções de frutas ao dia de
preferência 1 de manhã e 1 à tarde.
✔ O refluxo é um dos piores inimigos da voz, o suco gástrico queima
demais a laringe provocando mal estar e rouquidão. Suco de batata
doce crua e chás calmantes como hortelã, camomila, capim limão são
indicados pra tomar sempre, seja amigo dos chás digestivos!
✔ Dormir bem é fundamental para ter uma boa voz, ajuste sua rotina,
desligue os eletrônicos mais cedo, faça refeições leves à noite, use os
chás calmantes, refresque, escureça e silencie o quarto, enfim, seus
hormônios, sua memória e seu sistema imunológico também
agradecem.
✔ Se você tem uma sinusite persistente saiba que ela pode estar
relacionada a falta de uso de óculos ainda que a sua necessidade seja
pouca ou que você precise apenas de óculos de descanso, somos o
tempo todo hiper exigidos visualmente, a sinusite crônica além de
provocar cegueira ela causa infecção de garganta, isso mesmo, está
tudo interligado assim!!!

Às vezes não é a vida que fica difícil demais


Somos nós que dormimos de menos, respeite seu ciclo
de sono e facilite sua vida!

23

Técnica Vocal – Sua voz sem segredos e no seu pleno potencial.


✔ Infecção de garganta é muco bacteriano, sua vó tinha razão; água
morna com sal 1 ou 2 vezes por dia vão te ajudar muito nesse caso, mas só
use se realmente precisar, sal demais também faz mal.
✔ Nunca use própolis e gengibre direto na garganta, embora eles sejam
populares nas dicas pra voz, eles são muito forte e corrosivos, sempre
dilua antes.
✔ Não abuse de pastilhas para a garganta, elas podem mascarar um
problema. Todo mundo precisa passar por uma avaliação com o médico
otorrinolaringologista em algum período da vida.
✔ Cantar demanda grande gasto energético, coma sempre pensando em
nutrição, evite gorduras insaturadas, frituras, comidas pesadas e
processadas, coma de 3 em 3 horas e em pequenas quantidades.
✔ Todos acordamos mais inchados de manhã seja pela posição de
repouso, por questões hormonais ou pela retenção de líquido. Precisa se
apresentar de manhã? Acorde mais cedo! Tome um banho gelado, faça e
tome um suco bem gostoso de berinjela batida com laranja, sim, é gostoso
rsrsrs, faça seu alongamento, seu aquecimento e você vai notar que aquela
voz grossona não vai te atrapalhar mais.
✔ Tenha uma rotina de exercícios aeróbicos e de força para melhora
pulmonar, resistência, controle hormonal; vai ser bom pra sua autoestima
e saúde geral.
✔ As dicas deste e-book são um norte e não substituem a necessidade de
um professor de canto experiente e de um fonoaudiólogo competente. Te
encorajo também a procurar a avaliação de um otorrinolaringolista e
pedir um exame chamado de estroboscopia pra que ele possa avaliar a
situação das suas pregas vocais e aparelho fonador como um todo e passar
cuidados específicos pra você.
✔ Por fim, a pergunta que todo mundo quer saber.... E gelado, pode ou não
pode?
Embora cada pessoa tem uma resistência genética diferente uma da outra,
por experiência verificamos que crianças super protegidas são sensíveis e
mais propensas a gripes e resfriados em qualquer mudança brusca de
temperatura. O mesmo se dá com os adultos, quem se poupa muito em
qualquer adversidade ou exigência costuma perder a voz.
Meu conselho é que você evite a água gelada apenas antes de cantar pra
evitar o desaquecimento vocal antes da sua apresentação, nesse momento
prefira água natural e o nebulizador se possível. Depois crie casca e viva!!!

Os melhores cantores são feitos de muita história pra


contar, se cuide mas não economize sua vida para se
cuidar!
24

Técnica Vocal – Sua voz sem segredos e no seu pleno potencial.


Conclusão:

Se nós pensarmos que o nosso corpo é constituído por cerca de 75%


de água podemos afirmar que água é vida e dependemos de uma boa
hidratação pra fazer tudo funcionar certo.
A água que tomamos passa pela garganta mas não passa pelas pregas
vocais; do contrário engasgaríamos, logo podemos entender que pra que
elas sejam hidratadas, todo nosso corpo também precisa ser, ou seja, não
adianta nada só “molhar o bico”.
As pregas vocais são músculos e como tal, precisam de boa nutrição,
ótima hidratação, exercícios corretos e funcionais e descanso.
Nada mais de acreditar que isso ou aquilo é bom para voz. Há coisas
que são boas para a saúde. É todo um cuidado, um conjunto de coisas. Dá
próxima vez que te disserem que tal coisa limpa “as cordas vocais” sic , você
já vai saber que nada passa por lá (nas pregas!) então é mito!
Daí também já podemos tirar que nem gelado ou quente destroem sua
voz..... O máximo que podem conseguir é irritar sua garganta se você for
sensível à mudanças bruscas de temperatura. É uma questão de
condicionamento entre outros fatores de saúde.
Por tudo o que já dissemos aqui; diuréticos em geral, drogas, álcool e
cigarros estão proibidos como inimigos vocais pelo alto poder de
desidratação que causam ao organismo entre outros males.
E por fim, técnica vocal não é milagre, não se aprende por osmose nem
ouvindo bons cantores, técnica vocal é aprendizado constante, disciplina
muscular e respiratória. Só cantar bem não basta, é preciso saber se cuidar
pra ter longevidade e qualidade à longo prazo.
À você que chegou até ao fim deste e-book, o meu muito obrigada,
estou percebendo que o teu amor pela música te fortalecerá no caminho.
Em algum momento do processo podemos e vamos errar, mas o bonito
da vida é aprender, levantar e seguir.
Em alguma parte da caminho a gente se encontra e até lá
#seguimoscrendo, a fé que nos move encontra Deus que nos guia.
Cantar envolve trabalho duro, então coragem, 1, 2, 3 e vai! Bora lá?

“O Cantor é um atleta da voz!”

25

Técnica Vocal – Sua voz sem segredos e no seu pleno potencial.


Referências

Enoque, Alexandre, Otorrinolaringologista do Hospital Paulista .


Por que é tão estranho ouvir nossa voz quando gravada?
https://www.uol.com.br/tilt/ultimas-noticias/redacao/2015/12/16/clique-ciencia-por-que-e-
tao-estranho-ouvir-nossa-voz-quando-gravada.htm > Acesso em 25 de 0utubro de 2019.

Ferraz, Rosimar, Psicóloga Terapeuta de família e palestrante.


https://www.facebook.com/PsiRosimarFerraz/

Isso Olhos
A sinusite pode afetar a visão e provocar cegueira, quando não tratada.
http://www.isoolhos.com.br/post-blog/a-sinusite-pode-afetar-a-visao-e-provocar-cegueira-
quando-nao-tratada/ > Acesso em 25 de 0utubro de 2019.

Medeiros, Laura. Médica, Psiquiatria positiva, Medicina integrativa, Consultoria.


Vanin, Atílio, Químico da Universidade de São Paulo

Fumaça artificial é uma nuvem de gasesn https://super.abril.com.br/comportamento/fumaca-


artificial-e-uma-nuvem-de-gases/ > Acesso em 25 de 0utubro de 2019.

26

Técnica Vocal – Sua voz sem segredos e no seu pleno potencial.


Sobre a autora

Nathália Nunes é cantora de Música cristã contemporânea.


Começou cantar aos 2 anos de idade na igreja e desde os 10 recebe convites pra
apresentações em casamentos, aniversários e shows abertos.
Gravou back vocals pra outros cantores e comerciais aos 16 anos no estúdio Friends, em
Campos dos Goytacazes, Rio de Janeiro.
Cresceu numa família de pais pastores e missionários e venceu 5 concursos de música cristã.
Natural de Angra dos Reis - RJ, reside atualmente em Resende –RJ, é casada há 13 anos com
Vicente Nunes e é mãe do Sérgio Lucas de 9 anos.
Pertence atualmente à Igreja Batista em Resende.
Tendo cursado Teologia musical , é tecnóloga graduada em Marketing, pós graduada em
Comunicação com ênfase em Marketing de Mídias Digitais; fluente em espanhol, fotógrafa e
editora.
Sonha em contribuir pra uma mudança artística, social e cultural em sua geração.
Soul music, Folk e pop rock são seus estilos musicais preferidos atualmente dentro do
segmento Gospel.

Siga Nathália nas redes Sociais!


www.instagram.com/nathalianunesoficial
www.facebook.com/NathaliaNunesOficial
www.youtube.com/c/NathaliaNunes
Deezer: www.deezer.com/br/profile/2032103646
Spotify: open.spotify.com/user/12154191329
www.linkedin.com/in/nathalia-nunes-4b7abb49/

Dúvidas, críticas ou sugestões: nathalia.nunes@yahoo.com.br

Contatos e convites: (24) 999825 8800

Você também pode gostar