Você está na página 1de 5

Fundação Centro de Ciências e Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro

Centro de Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro

APX1 – Cálculo III – Gabarito –2021-1

Nome: Matrı́cula:
Atenção!
• PREENCHER CADA FOLHA DE RESPOSTA COM • APRESENTAR RESPOSTAS MANUSCRITAS, POIS RES-
NOME, MATRÍCULA e POLO; POSTAS DIGITADAS RECEBERÃO NOTA ZERO;
• ESCREVER O TOTAL DE FOLHAS UTILIZADAS; • USAR APENAS CANETAS AZUIS OU PRETAS;
• APRESENTAR RESPOSTAS COM TODOS OS • ENVIAR TODOS OS ARQUIVOS EM FORMATO PDF.
CÁLCULOS;

Questão 1 (3,0 pontos)


Calcule os seguintes limites:
!
π 2 2
(a) (1,5 ponto) lim (x + y ) arctg 2 ;
(x,y)→(0,0) x + y2
!
π 2 2
(b) (1,5 ponto) lim (x + y ) tg .
(x,y)→(0,0) 2 + x2 + y

Solução:

(a) Como lim (x2 + y 2 ) = 0 e a função


(x,y)→(0,0)

!
2 π
γ : (x, y) ∈ R \ {(0, 0)} 7−→ arctg 2 ∈R
x + y2

é limitada, resulta
!
2 π 2
lim (x + y ) arctg 2 = lim (x2 + y 2 )γ(x, y) = 0.
(x,y)→(0,0) x + y2 (x,y)→(0,0)

Para um melhor entendimento do que acabamos de apresentar, lembramos que


−π π
≤ arctg t ≤
2 2
para todo t ∈ R.

(b) Ponhamos !
2 π 2
h(x, y) = (x + y ) tg ,
2 + x2 + y
para cada (x, y) ∈ R2 tal que y 6= −2 − x2 . Observemos que
 
π
π
 t2 sen 
2+t
lim h(0, t) = lim t2 tg = lim   = 0,
t→0 t→0 2+t t→0 cos π
2+t
Cálculo III APX1 2

π
 
uma vez que lim sen =1e
t→0 2+t
t2 2t
lim 
π
 = lim 
π
h
−π
i = 0.
t→0 cos t→0 −sen
2+t 2+t (2+t)2

Por outro lado,


 
π

π
 (t2 + t4 ) sen 2+2t2 2
lim h(t, t2 ) = lim(t2 + t4 ) tg = lim   = ,
t→0 t→0 2 + 2t2 t→0 cos π π
2+2t2

π
 
pois lim sen =1e
t→0 2 + 2t2
t2 + t4 2t + 4t3 2 + 4t2 2
lim   = lim  h
−4πt
i = lim  h i = .
t→0 cos π t→0 −sen π t→0 sen π 4π π
2+2t2 2+2t2 (2+2t2 )2 2+2t2 (2+2t2 )2

2
Com isso, lim h(0, t) = 0 6= = lim h(t, t2 ), o que nos diz que
t→0 π t→0
!
2 π 2
lim (x + y ) tg
(x,y)→(0,0) 2 + x2 + y

não existe.

Questão 2 (3,0 pontos)


Considere a função f : R2 −→ R, definida por
q
f (x, y) = |xy|
para cada (x, y) ∈ R2 .

(a) (1,0 ponto) Calcule as derivadas parciais de f em (0, 0), caso existam;
(c) (2,0 pontos) Decida se f é diferenciável em (0, 0).

Solução:

(a) Observemos que

f (0 + h, 0) − f (0, 0)
lim
h→0
q h q
|h · 0| − |0 · 0|
= lim
h→0 h
0−0
= lim
h→0 h
= 0,

ou seja, fx (0, 0) = 0. Por outro lado,

Fundação CECIERJ Consórcio CEDERJ


Cálculo III APX1 3

f (0, 0 + h) − f (0, 0)
lim
h→0
q h q
|0 · h| − |0 · 0|
= lim
h→0 h
0−0
= lim
h→0 h
= 0,

donde fy (0, 0) = 0.
(b) Para cada (h, k) ∈ R2 , definamos

r(h, k) := f (0 + h, 0 + k) − f (0, 0) − fx (0, 0)h − fy (0, 0)k,


q
isto é, r(h, k) = |hk|.
Nesse caso,

r(h, k)
lim √
(h,k)→(0,0) h2 + k 2
não existe. De fato, embora
q
r(t, 0) |t · 0| 0
lim √ 2 = lim √ = lim = 0,
t→0 t + 02 (t→0 t2 + 02 t→0 |t|
temos q
r(t, t) |t · t| |t| 1
lim √ 2 = lim √ = lim √ = √ .
t→0 t +t 2 (t→0 2
t +t 2 t→0 |t| 2 2
Portanto, f não é diferenciável em (0, 0).

Questão 3 (4,0 pontos)


Considere a função g : R2 −→ R, definida por

g(x, y) = sen(xy),

para cada (x, y) ∈ R2 .

(a) (1,0 ponto) Calcule as derivadas parciais de g, em cada (x, y) ∈ R2 ;


(b) (1,0 ponto) SEM UTILIZAR A DEFINIÇÃO DE DIFERENCIABILIDADE, expli-
que por que g é diferenciável em (0, 0);
(c) (2,0 pontos) Utilize o item (b) para provar que

sen2 (xy)
lim = 0.
(x,y)→(0,0) x2 + y 2

Solução:

Fundação CECIERJ Consórcio CEDERJ


Cálculo III APX1 4

(a) Claramente, para cada (x, y) ∈ R2 , temos

gx (x, y) = y cos(xy) e gy (x, y) = x cos(xy).

(b) Pelo item (a), as derivadas parciais de g existem e são contı́nuas em todos os pontos de
R2 , o que é suficiente para assegurar que g é diferenciável em (0, 0).
(c) Para cada (h, k) ∈ R2 , definamos

r(h, k) := g(0 + h, 0 + k) − g(0, 0) − gx (0, 0)h − gy (0, 0)k.

Pelo item (a), r(h, k) = sen(hk) para todo (h, k) ∈ R2 e, como g é diferenciável em
(0, 0) (fato justificado no item (b)), temos

r(h, k)
lim √ = 0.
(h,k)→(0,0) h2 + k 2
Daı́,

!2 !2
sen2 (hk) r(h, k) r(h, k)
lim 2 2
= lim √ = lim √ 2 = 02 = 0
(x,y)→(0,0) h + k (h,k)→(0,0) h2 + k 2 (h,k)→(0,0) h + k2

seguindo o desejado.

Fundação CECIERJ Consórcio CEDERJ


RASCUNHO

Nome: Matrı́cula:

Atenção!
• Resoluções feitas nesta folha não serão corrigidas. • Devolver esta folha ao aplicador.