Você está na página 1de 20

NORMA ABNT NBR

BRASILEIRA 11900-4
Segunda edição
18.08.2020

Terminal para cabo de aço


Parte 4: Grampo leve e grampo pesado
Terminations for steel wire ropes
Part 4: Light and heavy duty clips
Exemplar para uso exclusivo - VALE S.A - 33.592.510/0005-88

ICS 21.060.70; 53.020.30 ISBN 978-65-5659-425-5

Número de referência
ABNT NBR 11900-4:2020
14 páginas

© ABNT 2020
Impresso por: valer.educacao
ABNT NBR 11900-4:2020
Exemplar para uso exclusivo - VALE S.A - 33.592.510/0005-88

© ABNT 2020
Todos os direitos reservados. A menos que especificado de outro modo, nenhuma parte desta publicação pode ser
reproduzida ou utilizada por qualquer meio, eletrônico ou mecânico, incluindo fotocópia e microfilme, sem permissão por
escrito da ABNT.

ABNT
Av.Treze de Maio, 13 - 28º andar
20031-901 - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: + 55 21 3974-2300
Fax: + 55 21 3974-2346
abnt@abnt.org.br
www.abnt.org.br

ii © ABNT 2020 - Todos os direitos reservados


Impresso por: valer.educacao
ABNT NBR 11900-4:2020

Sumário Página

Prefácio.................................................................................................................................................v
1 Escopo.................................................................................................................................1
2 Referências normativas......................................................................................................1
3 Termos e definições............................................................................................................2
4 Material.................................................................................................................................2
4.1 Parafuso tipo U....................................................................................................................2
4.2 Corpo....................................................................................................................................2
4.3 Porca....................................................................................................................................2
5 Requisitos – Construção....................................................................................................2
5.1 Formato e dimensões.........................................................................................................2
5.1.1 Roscas..................................................................................................................................5
5.1.2 Parafuso tipo U e corpo......................................................................................................5
5.2 Proteção superficial............................................................................................................6
6 Propriedades mecânicas....................................................................................................6
6.1 Resistência ao escorregamento do olhal fixado com grampos tipo U pesados..........6
6.2 Resistência à fadiga do olhal fixado com grampos tipo U pesados..............................6
7 Verificação dos requisitos de segurança..........................................................................6
7.1 Qualificação de pessoal.....................................................................................................6
7.2 Ensaio de tipo para grampo tipo U pesado......................................................................6
7.2.1 Amostragem........................................................................................................................6
7.2.2 Ensaio de resistência ao escorregamento do grampo tipo U pesado...........................7
7.2.3 Ensaio de fadiga do olhal fixado com grampos tipo U pesados....................................7
7.2.4 Critério de aceitação para ensaio de tipo.........................................................................7
8 Designação..........................................................................................................................7
9 Marcação..............................................................................................................................7
10 Declaração do fabricante ou fornecedor..........................................................................8
Anexo A (normativo) Instruções para utilização de grampo tipo U leve........................................9
Exemplar para uso exclusivo - VALE S.A - 33.592.510/0005-88

A.1 Restrição de utilização.......................................................................................................9


A.2 Quantidade de grampos por olhal.....................................................................................9
A.3 Instruções de montagem..................................................................................................10
Anexo B (normativo) Instruções para utilização de grampo tipo U pesado................................. 11
B.1 Restrições de utilização................................................................................................... 11
B.2 Instruções de montagem.................................................................................................. 11
B.3 Quantidade de grampos pesados por olhal...................................................................13
Bibliografia..........................................................................................................................................14

Figuras
Figura 1 – Grampo tipo U leve............................................................................................................3
Figura 2 – Grampo tipo U pesado.......................................................................................................4
Figura 3 – Marcação do grampo tipo U leve......................................................................................8
Figura 4 – Marcação do grampo tipo U pesado................................................................................8

© ABNT 2020 - Todos os direitos reservados iii


Impresso por: valer.educacao
ABNT NBR 11900-4:2020

Figura A.1 ‒ Posicionamento dos grampos tipo U leves...............................................................10


Figura B.1 ‒ Sequência de montagem de grampos tipo U pesados............................................. 11

Tabelas
Tabela 1 – Dimensões do grampo tipo U leve...................................................................................3
Tabela 2 – Dimensões do grampo tipo U pesado (continua).............................................................4
Tabela A.1 ‒ Quantidade de grampos tipo U leves e torques de aperto.........................................9
Tabela B.1 – Quantidade de grampos pesados e torques de aperto.............................................13
Exemplar para uso exclusivo - VALE S.A - 33.592.510/0005-88

iv © ABNT 2020 - Todos os direitos reservados


Impresso por: valer.educacao
ABNT NBR 11900-4:2020

Prefácio

A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) é o Foro Nacional de Normalização. As Normas


Brasileiras, cujo conteúdo é de responsabilidade dos Comitês Brasileiros (ABNT/CB), dos Organismos
de Normalização Setorial (ABNT/ONS) e das Comissões de Estudo Especiais (ABNT/CEE), são
elaboradas por Comissões de Estudo (CE), formadas pelas partes interessadas no tema objeto
da normalização.

Os Documentos Técnicos ABNT são elaborados conforme as regras da ABNT Diretiva 2.

A ABNT chama a atenção para que, apesar de ter sido solicitada manifestação sobre eventuais direitos
de patentes durante a Consulta Nacional, estes podem ocorrer e devem ser comunicados à ABNT
a qualquer momento (Lei nº 9.279, de 14 de maio de 1996).

Os Documentos Técnicos ABNT, assim como as Normas Internacionais (ISO e IEC), são voluntários
e não incluem requisitos contratuais, legais ou estatutários. Os Documentos Técnicos ABNT não
substituem Leis, Decretos ou Regulamentos, aos quais os usuários devem atender, tendo precedência
sobre qualquer Documento Técnico ABNT.

Ressalta-se que os Documentos Técnicos ABNT podem ser objeto de citação em Regulamentos
Técnicos. Nestes casos, os órgãos responsáveis pelos Regulamentos Técnicos podem determinar
as datas para exigência dos requisitos de quaisquer Documentos Técnicos ABNT.

A ABNT NBR 11900-4 foi elaborada pela Comissão de Estudo Especial de Cabos de Aço e Acessórios
(ABNT/CEE-113). O Projeto de Revisão circulou em Consulta Nacional conforme Edital nº 03,
de 03.03.2020 a 04.05.2020.

A ABNT NBR 11900-4 é baseada na EN 13411-5:2003 + A1:2008.

A ABNT NBR 11900-4:2020 cancela e substitui a ABNT NBR 11900-4:2016, a qual foi tecnicamente
revisada.

A ABNT  NBR  11900, sob o título geral “Terminal para cabos de aço”, tem previsão de conter
as seguintes partes:
Exemplar para uso exclusivo - VALE S.A - 33.592.510/0005-88

— Parte 1: Sapatilho;

— Parte 2: Soquete tipo cunha;

— Parte 3: Olhal com presilha;

— Parte 4: Grampo leve e grampo pesado;

— Parte 5: Soquete

© ABNT 2020 - Todos os direitos reservados v


Impresso por: valer.educacao
ABNT NBR 11900-4:2020

O Escopo em inglês da ABNT NBR 11900-4 é o seguinte:

Scope
This Part of ABNT NBR 11900 specifies the minimum requirements of weightless and weighed clamps
for steel wire ropes for six legs for endurance category until 1 960, according to ABNT NBR ISO 2408
and ISO 10425.

The weightless clamp is designed for use in 3,2 mm steel wire ropes to 40 mm and weighed clamp for
use in 3,2 mm steel wire ropes to 90 mm.
Exemplar para uso exclusivo - VALE S.A - 33.592.510/0005-88

vi © ABNT 2020 - Todos os direitos reservados


Impresso por: valer.educacao
NORMA BRASILEIRA ABNT NBR 11900-4:2020

Terminal para cabo de aço


Parte 4: Grampo leve e grampo pesado

1 Escopo
1.1 Esta Parte da ABNT  NBR  11900 especifica os requisitos mínimos dos grampos tipo U, leve
e pesado, para cabo de aço de seis pernas, para categoria de resistência de até 1 960, conforme
as ABNT NBR ISO 2408 e ISO 10425.

1.2 Esta Parte da ABNT  NBR  11900 se aplica ao grampo leve projetado para utilização
em cabos de aço de  3,2  mm a 40  mm, e ao grampo pesado para utilização em cabos de aço
de 3,2 mm a 90 mm.

2 Referências normativas
Os documentos a seguir são citados no texto de tal forma que seus conteúdos, totais ou parciais,
constituem requisitos para este Documento. Para referências datadas, aplicam-se somente as edições
citadas. Para referências não datadas, aplicam-se as edições mais recentes do referido documento
(incluindo emendas).

ABNT NBR 6323, Galvanização por imersão a quente de produtos de aço e ferro fundido – Especificação

ABNT NBR 6916, Ferro fundido nodular ou ferro fundido com grafita esferoidal – Especificação

ABNT NBR 7397, Produto de aço e ferro fundido galvanizado por imersão a quente – Determinação
da massa do revestimento por unidade de área – Método de ensaio

ABNT NBR ISO 3108, Cabos de aço – Método de ensaio – Determinação da carga de ruptura medida

ABNT NBR ISO 2408, Cabos de aço – Requisitos


Exemplar para uso exclusivo - VALE S.A - 33.592.510/0005-88

ISO 898-1, Mechanical properties of fasteners made of carbon steel and alloy steel – Part 1: Bolts,
screws and studs with specified property classes – Coarse thread and fine pitch thread

ISO 898-2, Mechanical properties of fasteners made of carbon steel and alloy steel – Part 2: Nuts with
specified property classes – Coarse thread and fine pitch thread

ISO 4759-1, Tolerances for fasteners – Part 1: Bolts, screws, studs and nuts – Product grades A, B
and C

ISO 7500-1, Metallic materials – Calibration and verification of static uniaxial testing machines – Part 1:
Tension/compression testing machines – Calibration and verification of the force-measuring system

ISO 10425, Steel wire ropes for the petroleum and natural gas industries – Minimum requirements and
terms of acceptance

© ABNT 2020 - Todos os direitos reservados 1


Impresso por: valer.educacao
ABNT NBR 11900-4:2020

3 Termos e definições
Para os efeitos deste documento, aplicam-se os seguintes termos e definições.

3.1
grampo tipo U
dispositivo mecânico que consiste em um parafuso tipo U, base e porcas que permitem que dois
tramos de cabos de aço sejam pressionados entre si quando os parafusos são apertados

3.2
olhal fixado com grampos
olhal em que o cabo como um todo é dobrado, sendo a ponta do cabo fixada no corpo principal por
meio de grampos

3.3
tamanho nominal (TN)
diâmetro nominal do cabo de aço para o qual o grampo se destina

3.4
pessoa qualificada
pessoa habilitada por órgão de competência profissional e treinamento formal em inspeção em cabos
de aço e acessórios conduzidos por organizações competentes

NOTA Organização competente pode ser o fabricante de cabos de aço, o fabricante de acessórios
de cabos de aço ou centros de formação profissional.

4 Material
4.1 Parafuso tipo U

O material do parafuso tipo U deve ser em aço-carbono ou aço-liga entre as classes 4.6 e 8.8, em


conformidade com a ISO 898-1.

4.2 Corpo
Exemplar para uso exclusivo - VALE S.A - 33.592.510/0005-88

O material do corpo do grampo tipo U leve deve ser o ferro fundido nodular classe FE 42012, conforme
a ABNT NBR 6916.

O material do corpo do grampo tipo U pesado deve ser o ferro fundido nodular classe  FE  42012,
conforme a ABNT NBR 6916, ou o aço-carbono forjado.

4.3 Porca

O material da porca deve ser o aço de classe 5 ou maior, em conformidade com a ISO 898-2, e grau
de produto A, em conformidade com a ISO 4759-1.

5 Requisitos – Construção
5.1 Formato e dimensões

O formato e as dimensões dos grampos tipo U leve e pesado devem estar em conformidade com as
Figuras 1 e 2 e com as Tabelas 1 e 2.

2 © ABNT 2020 - Todos os direitos reservados


Impresso por: valer.educacao
ABNT NBR 11900-4:2020

Legenda

1 corpo
2 parafuso U
3 porca
A altura interna do parafuso U
B largura do corpo do grampo
C comprimento do corpo do grampo
D diâmetro do parafuso U
E largura interna do parafuso U
F espessura do corpo do grampo

Figura 1 – Grampo tipo U leve

Tabela 1 – Dimensões do grampo tipo U leve


Tamanho
A B C D E F G
nominal
mm mm mm Mínimo mm mm mm
TN
pol. mm Mínimo Máximo Mínimo Mínimo pol. mm Mínimo Mínimo Mínimo
1/8 3,0 14 16 8 17 5/32 M4 6,0 3,2 9
Exemplar para uso exclusivo - VALE S.A - 33.592.510/0005-88

3/16 5,0 18 20 10 20 3/16 M5 6,0 3,2 11


1/4 6,0 23 25 13 25 1/4 M6 7,2 3,2 14
5/16 8,0 27 29 13 27 1/4 M6 8,9 4,2 15
3/8 10,0 34 37 17 34 5/16 M8 10,0 6,2 19
7/16 12,0 38 41 18 36 5/16 M8 13,0 6,2 20
1/2 13,0 44 47 22 45 3/8 M10 14,0 7,2 23
5/8 16,0 55 58 26 53 7/16 M12 17,0 9,0 28
3/4 19,0 62 65 28 56 1/2 M12 20,0 10,0 31
7/8 22,0 71 74 32 64 9/16 M14 24,0 11,0 35
1 26,0 80 83 34 68 9/16 M14 28,0 12,0 38
1.1/8 30,0 88 91 38 76 5/8 M16 31,0 13,0 42
1.1/4 34,0 95 98 40 80 5/8 M16 33,0 14,0 45
1.1/2 40,0 113 118 43 86 5/8 M16 36,0 15,0 49

© ABNT 2020 - Todos os direitos reservados 3


Impresso por: valer.educacao
ABNT NBR 11900-4:2020

A
F

E D

C B

Legenda

1 corpo
2 parafuso U
3 porca
A altura interna do parafuso U
B largura do corpo do grampo
C comprimento do corpo do grampo
D diâmetro do parafuso U
E largura interna do parafuso U
F espessura do corpo do grampo

Figura 2 – Grampo tipo U pesado

Tabela 2 – Dimensões do grampo tipo U pesado (continua)


Tamanho nominal A B C D E F
Grupo TN mm mm mm Mínimo mm mm
pol. mm Mínimo Mínimo Mínimo pol. mm Mínimo Mínimo
Exemplar para uso exclusivo - VALE S.A - 33.592.510/0005-88

1/8 3,0 – 4,0 18 16 20 1/4 M6 5,3 5,0


3/16 5,0 24 21 27 1/4 M6 8,0 7,0
1/4 6,0 – 7,0 26 26 33 5/16 M8 8,6 9,0
A
5/16 8,0 33 33 41 3/8 M10 11,3 10,0
3/8 9,0 – 10,0 38 35 43 7/16 M10 11,9 11,0
7/16 11,0 – 12,0 48 40 50 1/2 M12 14,0 12,0

4 © ABNT 2020 - Todos os direitos reservados


Impresso por: valer.educacao
ABNT NBR 11900-4:2020

Tabela 2 (conclusão)
Tamanho nominal A B C D E F
Grupo TN mm mm mm Mínimo mm mm
pol. mm Mínimo Mínimo Mínimo pol. mm Mínimo Mínimo
1/2 13,0 48 41 51 1/2 M12 15,5 13,0
5/8 16,0 60 48 60 9/16 M14 18,6 14,0
3/4 18,0 – 20,0 70 54 68 5/8 M16 21,8 16,0
B
7/8 22,0 79 61 82 3/4 M20 24,9 18,0
1 24,0 – 25,0 89 64 86 3/4 M20 29,0 21,0
1.1/8 28,0 – 30,0 98 67 90 3/4 M20 30,5 22,0
1.1/4 32,0 – 34,0 108 72 97 7/8 M22 35,0 22,0
1.3/8 36,0 117 75 100 7/8 M22 38,4 23,0
1.1/2 38,0 – 40,0 125 78 104 7/8 M22 41,0 24,0
C
1.5/8 41,0 – 42,0 135 86 115 1 M24 42,0 25,0
1.3/4 44,0 – 46,0 146 96 128 1.1/8 M27 47,5 26,0
2 48,0 – 52,0 164 100 144 1.1/4 M30 56,0 29,0
2.1/4 56,0 – 58,0 181 105 151 1.1/4 M30 62,3 30,0
2.1/2 62,0 – 65,0 195 110 157 1.1/4 M30 68,6 36,0
D 2.3/4 68,0 – 72,0 211 115 165 1.1/4 M30 75,8 40,0
3 75,0 – 78,0 233 137 197 1.1/2 M39 82,0 42,0
3.1/2 89,0 – 90,0 273 153 211 1.1/2 M39 96,0 48,0
NOTA Quando o corpo for fabricado em aço forjado, a dimensão “F mínima” pode ser reduzida em 10 %.
Exemplar para uso exclusivo - VALE S.A - 33.592.510/0005-88

5.1.1 Roscas

As dimensões externas das roscas devem estar em conformidade com as Tabelas 1 e 2. Outros tipos
podem ser aceitos, desde que acordado entre comprador e fabricante. Seu comprimento deve ser
suficiente para permitir a perfeita fixação do cabo de aço e o seu torque correspondente.

5.1.2 Parafuso tipo U e corpo

O formato e as dimensões do parafuso tipo U e do corpo devem estar em conformidade com as


Figuras  1 e 2 e com as Tabelas 1 e 2. O corpo deve possuir um canal semicircular com ranhuras
que concordem no sentido longitudinal, com o formato do cabo de aço com torção à direita, ladeado
por duas abas de cada lado do canal para direcionamento do cabo. Os furos da base devem ser
dimensionados e espaçados de forma a passar a alça livremente.

© ABNT 2020 - Todos os direitos reservados 5


Impresso por: valer.educacao
ABNT NBR 11900-4:2020

5.2 Proteção superficial

O parafuso tipo U, as porcas e o corpo devem ser galvanizados a frio ou a quente, conforme solicitado
pelo comprador. Quando a frio, a deposição de zinco deve ser de pelo menos 120  g/m2, quando
ensaiado conforme a ABNT NBR 7397. Quando a quente, deve ser conforme a ABNT NBR 6323.

6 Propriedades mecânicas
6.1 Resistência ao escorregamento do olhal fixado com grampos tipo U pesados
Quando ensaiado de acordo com 7.2.2, o olhal fixado com grampos deve suportar uma força de pelo
menos 80 % da carga de ruptura mínima do cabo, permanecendo com esta carga por 5 min sem que
o cabo escorregue mais do que 1 mm no olhal fixado com grampos.

6.2 Resistência à fadiga do olhal fixado com grampos tipo U pesados


Quando ensaiado de acordo com 7.2.3, o olhal fixado com grampos tipo U pesados deve suportar
um mínimo de 20 000 ciclos.

O mesmo olhal fixado com grampos, sujeito ao ensaio de resistência à fadiga, deve ser ensaiado
conforme 7.2.2; após isso, os grampos não podem exibir trincas visíveis, deformação outros danos.

7 Verificação dos requisitos de segurança


7.1 Qualificação de pessoal
Todos os ensaios e verificações devem ser executados por pessoa qualificada.

7.2 Ensaio de tipo para grampo tipo U pesado


Para os ensaios de 7.2.2 e 7.2.3, utilizar pinos redondos na tração do olhal, de forma que o ângulo
de assentamento do olhal no pino não exceda 30°. Os grampos devem ser fixados utilizando o torque
de aperto da Tabela B.1.
Exemplar para uso exclusivo - VALE S.A - 33.592.510/0005-88

A máquina de ensaio utilizada nos ensaios especificados em 7.2.2 e 7.2.3 deve estar em conformi-
dade com a ISO 7500-1.

Para qualquer alteração no projeto, especificação do material, tratamento térmico, método de fabricação
ou qualquer dimensão fora das tolerâncias normais de fabricação que possa levar a uma modificação
das propriedades mecânicas, os ensaios de tipo especificados nesta Parte da ABNT  NBR  11900
devem ser executados nos grampos modificados.

7.2.1 Amostragem

Quando o projeto do grampo seguir uma progressão matemática em uma faixa de tamanhos, o diâme-
tro de cabo a ser selecionado deve representar o primeiro e o último quartis da faixa.

Quando o projeto do grampo não seguir uma progressão matemática em uma faixa de tamanhos,
cada diâmetro de cabo dentro da faixa deve ser selecionado para ensaio.

Para cada diâmetro de cabo selecionado, devem ser consideradas a categoria de resistência de
cabo de aço de  1  960 e a alma de aço, e três olhais fixados com grampos devem ser ensaiados.
A montagem dos olhais deve estar conforme o Anexo B.

6 © ABNT 2020 - Todos os direitos reservados


Impresso por: valer.educacao
ABNT NBR 11900-4:2020

Devem ser ensaiados três conjuntos com olhal fixado com grampos, em uma extremidade com
comprimento entre o último grampo do olhal e a fixação da outra extremidade na máquina de no
mínimo 30 vezes o diâmetro nominal do cabo.

7.2.2 Ensaio de resistência ao escorregamento do grampo tipo U pesado

O método de ensaio deve estar em conformidade com a ABNT NBR ISO 3108, com exceção de que,
depois da aplicação de uma força de 20 % da carga de ruptura mínima do cabo, pode ser necessário
reapertar as porcas de acordo com as instruções do fabricante.

O ensaio pode ser interrompido quando a força aplicada atingir 80 % da carga de ruptura mínima do
cabo.

7.2.3 Ensaio de fadiga do olhal fixado com grampos tipo U pesados

Aplicar uma força de 20 % da carga de ruptura mínima do cabo e, se necessário, por instruções do
fabricante, reapertar as porcas.

Cada olhal deve ser submetido a uma força cíclica ao longo do eixo do cabo entre 15 % e 30 % da
carga de ruptura mínima até 20 000 ciclos. O reaperto dos grampos deve estar em conformidade com
as instruções do fabricante.

A frequência da aplicação de carga não pode ser maior que 5 Hz.

7.2.4 Critério de aceitação para ensaio de tipo

Se os três olhais forem aprovados nos ensaios de 7.2.2 e 7.2.3, o grampo tipo U do tamanho submetido
ao ensaio de tipo deve ser considerado em conformidade com esta Parte da ABNT NBR 11900.

Se um olhal falhar em qualquer um dos ensaios de 7.2.2 e 7.2.3, mais dois olhais devem ser ensaiados
e aprovados em todos os ensaios, para que o grampo tipo U do tamanho submetido ao ensaio de tipo
seja considerado em conformidade com esta Parte da ABNT NBR 11900.

Se pelo menos dois olhais falharem em qualquer um dos ensaios de 7.2.2 e 7.2.3, o grampo do
tamanho submetido ao ensaio de tipo deve ser considerado em não conformidade com esta Parte da
ABNT NBR 11900.
Exemplar para uso exclusivo - VALE S.A - 33.592.510/0005-88

8 Designação
Para fins de referência e pedido, os grampos tipo U leve e pesado, de acordo com esta Parte da
ABNT NBR 11900, podem ser designados pelo seguinte sistema, devendo os seguintes elementos ser
utilizados na ordem estabelecida:

 a) grampo tipo U leve, TN 12, ABNT NBR 11900-4;

 b) grampo tipo U pesado, TN 8, ABNT NBR 11900-4.

9 Marcação
Os grampos tipo U leve e pesado devem ser marcados em relevo no seu corpo e conter pelo menos
as seguintes informações, conforme as Figuras 3 e 4:

 a) tamanho nominal (TN);

© ABNT 2020 - Todos os direitos reservados 7


Impresso por: valer.educacao
ABNT NBR 11900-4:2020

 b) símbolo ou marca do fabricante;

 c) identificação somente para o grampo tipo U pesado: letra “P”.

Tamanho nominal

Símbolo ou marca do fabricante

Figura 3 – Marcação do grampo tipo U leve

Tamanho nominal

P
Exemplar para uso exclusivo - VALE S.A - 33.592.510/0005-88

Símbolo ou marca Identificação do


do fabricante grampo pesado

Figura 4 – Marcação do grampo tipo U pesado

10 Declaração do fabricante ou fornecedor


O fabricante ou fornecedor deve, se solicitado, fornecer uma declaração contendo as seguintes
informações:

 a) conformidade com este documento (ABNT NBR 11900-4);

 b) nome e endereço do fabricante;

 c) designação do grampo.

8 © ABNT 2020 - Todos os direitos reservados


Impresso por: valer.educacao
ABNT NBR 11900-4:2020

Anexo A
(normativo)

Instruções para utilização de grampo tipo U leve

A.1 Restrição de utilização


O grampo tipo U leve não pode ser utilizado em içamento de cargas.

O grampo tipo U leve deve ser aplicado em situações que não exijam grandes esforços, ou seja,
onde a tração aplicada no cabo seja significativamente menor que a sua carga de trabalho, como em
prateleiras leves e guarda-corpos. A carga de trabalho não pode ultrapassar 10 % da carga de ruptura
mínima (CRM) do cabo de aço.

A.2 Quantidade de grampos por olhal


A quantidade de grampos tipo U leves indicada por olhal deve ser conforme a Tabela A.1.

Tabela A.1 ‒ Quantidade de grampos tipo U leves e torques de aperto


Tamanho nominal Torque de aperto Quantidade
do grampo Nm de grampos
5 2,0 3
6,5 3,5 3
8 6,0 4
10 9,0 4
12 20 4
Exemplar para uso exclusivo - VALE S.A - 33.592.510/0005-88

13 33 4
16 49 4
19 68 5
22 107 5
26 147 5
30 212 6
34 296 6
40 363 6

© ABNT 2020 - Todos os direitos reservados 9


Impresso por: valer.educacao
ABNT NBR 11900-4:2020

A.3 Instruções de montagem


O grampo tipo U leve deve ser posicionado com a base na parte viva do cabo de aço e o parafuso U
na parte morta, conforme a Figura A.1.

Legenda

B largura do corpo do grampo


L distância entre os grampos

Figura A.1 ‒ Posicionamento dos grampos tipo U leves


O primeiro grampo tipo U leve deve ser fixado próximo à extremidade da parte morta do cabo de aço,
mantendo-se uma distância mínima igual à largura do corpo do grampo (B), conforme a Figura A.1.
O segundo grampo tipo U leve deve ser fixado junto ao olhal. Apertar as porcas uniformemente,
alternando gradativamente o aperto nas porcas até atingir o torque recomendado.

A distância L da Figura  A.1 entre os grampos tipo U leves indicados na Tabela  A.1 deve ser de
aproximadamente seis vezes o diâmetro nominal do cabo de aço.

O diâmetro nominal do grampo tipo U leve equivale ao diâmetro nominal do cabo de aço. Para cabos
de aço com diâmetros nominais intermediários, deve-se utilizar o tamanho nominal de grampo tipo U
leve imediatamente superior.
Exemplar para uso exclusivo - VALE S.A - 33.592.510/0005-88

10 © ABNT 2020 - Todos os direitos reservados


Impresso por: valer.educacao
ABNT NBR 11900-4:2020

Anexo B
(normativo)

Instruções para utilização de grampo tipo U pesado

B.1 Restrições de utilização


A utilização do grampo tipo U pesado deve ser limitada a movimentações horizontais, cabos estáticos
(estais) e fixação da extremidade do cabo de aço em equipamento de elevação de carga.

O grampo tipo U pesado não pode ser utilizado na confecção de linga de cabo de aço.

B.2 Instruções de montagem


A montagem deve ser efetuada conforme a Figura B.1.

a) Posição do primeiro grampo

b) Posição do segundo grampo


Exemplar para uso exclusivo - VALE S.A - 33.592.510/0005-88

c) Posição do terceiro grampo ou demais grampos

Legenda

A comprimento da parte morta do cabo


B largura do corpo do grampo
L distância entre os grampos

Figura B.1 ‒ Sequência de montagem de grampos tipo U pesados


O primeiro grampo tipo U pesado deve ser fixado próximo à extremidade da parte morta do cabo
de aço, mantendo-se uma distância mínima igual à largura do corpo do grampo (B), conforme
a Figura B.1. Posicionar o parafuso U sobre a extremidade da parte morta do cabo de aço. Apertar
as porcas uniformemente, alternando gradativamente o aperto nas porcas até atingir o torque
recomendado na Tabela B.1.

© ABNT 2020 - Todos os direitos reservados 11


Impresso por: valer.educacao
ABNT NBR 11900-4:2020

Quando for necessário utilizar somente dois grampos, deve-se posicionar o segundo grampo o mais
próximo possível do olhal ou do sapatilho. Apertar as porcas uniformemente, alternando gradativamente
o aperto nas porcas até atingir o torque recomendado na Tabela B.1.

Quando for necessário utilizar mais de dois grampos, posicionar o primeiro e o segundo grampos
conforme descrito na Figura B.1-b) e fixar o(s) próximo(s) dividindo o espaço entre os dois
primeiros, mantendo a equidistância entre todos os grampos da montagem (L), conforme mostrado
na Figura B.1-c). Apertar as porcas uniformemente, alternando gradativamente o aperto nas porcas
até atingir o torque recomendado na Tabela B.1.

O diâmetro nominal do grampo tipo U pesado equivale ao diâmetro nominal do cabo de aço. Para
cabos de aço de diâmetros nominais intermediários, deve-se utilizar o tamanho nominal de grampo
tipo U pesado imediatamente superior.
Exemplar para uso exclusivo - VALE S.A - 33.592.510/0005-88

12 © ABNT 2020 - Todos os direitos reservados


Impresso por: valer.educacao
ABNT NBR 11900-4:2020

B.3 Quantidade de grampos pesados por olhal


A quantidade de grampos pesados indicada por olhal deve ser conforme a Tabela B.1.

Tabela B.1 – Quantidade de grampos pesados e torques de aperto


Comprimento da
Tamanho nominal Diâmetro nominal Torque Quantidade
parte morta
do grampo do grampo de aperto a de grampos
do cabo
pol. mm Nm Mínimo
mm
1/8 3 – 4 6,1 85 2
3/16 5 10,2 95 2
1/4 6 – 7 20,3 120 2
5/16 8 40,7 133 3
3/8 9 – 10 61,0 165 3
7/16 11 – 12 88 178 3
1/2 13 88 292 3
5/8 16 129 305 3
3/4 18 – 20 176 460 4
7/8 22 305 480 4
1 24 – 25 305 660 5
1.1/8 28 – 30 305 860 6
1.1/4 32 – 34 488 1 120 7
1.3/8 36 488 1 120 7
1.1/2 38 – 40 488 1 370 8
1.5/8 41 – 42 583 1 470 8
1.3/4 44 – 46 800 1 550 8
2 48 – 52 1 017 1 800 8
Exemplar para uso exclusivo - VALE S.A - 33.592.510/0005-88

2.3/4 68 – 72 1 017 2 540 10


3 75 – 78 1 627 2  690 10
3.1/2 89 – 90 1 627 3 780 12
a Os valores de torque de aperto são baseados em roscas limpas, secas e livres de lubrificação.
NOTA Se for utilizada uma quantidade maior de grampos do que a indicada nesta tabela, convém que
o comprimento da parte morta do cabo seja aumentado proporcionalmente.

© ABNT 2020 - Todos os direitos reservados 13


Impresso por: valer.educacao
ABNT NBR 11900-4:2020

Bibliografia

[1]  EN 13411-5.2003+A1.2008, Terminations for steel wire ropes – Safety – Part 5: U-bolt wire rope grips
Exemplar para uso exclusivo - VALE S.A - 33.592.510/0005-88

14 © ABNT 2020 - Todos os direitos reservados


Impresso por: valer.educacao