Você está na página 1de 2

SERVO BOM E FIEL

São José, Esposo da Virgem Maria – Comunhão


Texto: Missal Romano
Mt 25,21 + Sl 111(112)
e Liturgia das Horas
Música: Gílson Celerino

Eb Bb E b/G A b A b/G F m B b/D G m7 C m G m6/B b F m/A b B b Eb


Fine
Melodia
2.ª Voz

rit.
Ser - vo bom e fi - el, en - tra na a - le - gri - a do teu Se - nhor.

Órgão

Eb Bb B b7 Eb
8

1. Fe - liz o ho - mem que res - pei - ta o Se - nhor


2. Sua des - cen - dên - cia se - rá for - te so - bre a ter - ra,
8 3. Ha - ve - rá gló - ria e ri - que - za em su - a ca - sa,

Órg.

C # dim/E B b/F E b/F F Bb


12

e que a - ma com ca - ri - nho a su - a lei! D.C. al Fine


a - ben - ço - a - da a ge - ra - ção dos ho - mens re - tos!
12 e per - ma - ne - ce pa - ra sem - pre o bem que fez.

Órg.

©gilson celerino | mar 2013 (revisto fev/2021)


2 SERVO BOM E FIEL

Mt 25,21
Servo bom e fiel,
entra na alegria do teu Senhor.
Sl 111(112)
1. Feliz o homem que respeita o Senhor
e que ama com carinho a sua lei!

2. Sua descendência será forte sobre a terra,


abençoada a geração dos homens retos!

3. Haverá glória e riqueza em sua casa,


e permanece para sempre o bem que fez.

4. Ele é correto, generoso e compassivo,


como luz brilha nas trevas para os justos.

5. Feliz o homem caridoso e prestativo,


que resolve seus negócios com justiça.

6. Porque jamais vacilará o homem reto,


sua lembrança permanece eternamente!

7. Ele não teme receber notícias más:


confiando em Deus, seu coração está seguro.

8. Seu coração está tranquilo e nada teme,


e confusos há de ver seus inimigos.

9. Ele reparte com os pobres os seus bens,


permanece para sempre o bem que fez.

Você também pode gostar