Você está na página 1de 3

CURSO: Engenharia Civil e Engenharia da Produção

Nome:

DISCIPLINA: FÍSICA I Nº
Professor: Rogério F. Brancacio Data:

Trabalho e Potência

1)Um garoto de massa 40 kg desce uma escada de 40 degraus. A altura de cada degrau é 20 cm em 15
segundos. Determine o trabalho da força peso e a potência realizada.

2)Uma mola de constante elástica k = 2.500 N/m sofre uma deformação de 0,20 m. Determine:

a) A força elástica feita pela mola no ponto de deformação máxima.

b) O trabalho da força elástica quando soltamos a mola.

3) Um corpo de peso P = 100 N é puxado sobre um


plano horizontal por uma força F = 80 N. A força de atrito
é Fat = 60 N e a reação do apoio é R = 100 N. Num
percurso de x = 2,0 m, o trabalho:

a) resultante é nulo.

b) do peso P é igual a 200 J.

c) da força F é 680 J.

d) resultante é 160 J.

e) resultante é 40 J.

4) Um corpo de massa m = 20 kg é elevado até uma altura h = 2 m. Admitindo g = 10 m/s2 , o trabalho


mínimo do operador para elevar o corpo, em joules, é de:

a) 40 b) 80 c) 2x102 d) 4x102 e) 8x102 .

5) Uma queda d'água de 1 m de altura possui uma vazão de 2,0 litros por segundo. Supondo a massa
de 1,0 litro de água igual a 1,0 kg e a aceleração da gravidade g = 10 m/s2, a potência máxima que se
pode obter, aproveitando essa queda d'água, em kW, é de:

a) 2,0x103 b) 2,0x102 c) 2,0x10-1 d) 2,0x10-2 e) 2,0x10-3.


6) Qual a potência média para que um elevador de 300 kg se desloque dez andares (30 m) de um
edifício em 10 s?

a) 0,9 kW b) 9 kW c) 88,2 kW d) 90 kW e) 9 W .

7) Um corpo de massa 2,0 kg encontra-se preso a uma mola, cuja constante elástica é 1.200 N/m,
sobre um plano horizontal, sem atrito. Determine:

a) A força elástica feita pela mola quando sua deformação é 10 cm.

b) O trabalho realizado pela força elástica quando esta é comprimida até os 10 cm.

c) O trabalho realizado pela força elástica quando esta faz o corpo retornar até a posição de equilíbrio.

8) Sobre uma mesa horizontal perfeitamente lisa, um corpo é atirado contra uma mola, de constante
elástica 400 N/m, causando-lhe uma deformação máxima x. Se o trabalho realizado pela força elástica
da mola é, em módulo, 8 J, determine qual a máxima deformação sofrida pela mola.

9) Sobre uma superfície horizontal temos um corpo, de massa 4 kg, comprimindo uma mola cuja
constante elástica é 10 N/cm. Nesta posição, a deformação da mola é 40 cm. O coeficiente de atrito
dinâmico entre o corpo e a superfície é 0,30. Determine:

a) A força elástica exercida pela mola no corpo na posição inicial.

b) Soltando-se o corpo qual o trabalho realizado pela força elástica.

c) Qual trabalho da força de atrito, durante o contato do corpo com a mola.

10) O motorista de um automóvel de 800 kg de massa, viajando por um trecho reto e plano de uma
estrada, percebe, em dado momento, um obstáculo fixo a 90 m de distância. Aplica os freios de tal
modo que o veículo consegue parar exatamente junto ao obstáculo. Sendo o coeficiente de atrito
entre os pneus e o pavimento 0,50 e g = 10 m/s2, determine:

a) A desaceleração (aceleração de retardamento) do automóvel.

b) A velocidade, em km/h, que o veículo desenvolvia antes da aplicação dos freios.

c) A potência dissipada por atrito até parar.

11) Um automóvel de massa 500 kg é acelerado uniformemente a partir do repouso até uma
velocidade de 40 m/s em 10 s. A potência desenvolvida por este automóvel, ao completar esses 10
primeiros segundos, será:

a) 160 kW b) 80 kW c) 40 kW d) 20 kW e) 3 kW.
12) Um bloco de massa 10 kg é arremessado sobre uma superfície horizontal, com uma velocidade
de 20 m/s. Se ele pára, após percorrer 200 m, determine:

a) A intensidade da força resultante sobre o bloco.

b) O trabalho desta força.

c) A potência média no intervalo.

d) A potência instantânea 5 s após o início do movimento.

e) O coeficiente de atrito dinâmico entre o bloco e a superfície.

13) Um automóvel de massa 1.000 kg parte do repouso e, após percorrer 25 m em um trecho plano,
sua velocidade é de 10 m/s. O coeficiente de atrito dinâmico entre o automóvel e o asfalto é 0,10.
Determine:

a) O trabalho da força resultante.

b) A intensidade da força de atrito sobre o automóvel.

c) O trabalho da força que o motor do automóvel desenvolve.

d) A potência média desenvolvida pelo motor do automóvel.

e) A potência instantânea do motor do automóvel no final do movimento.

RESPOSTAS: UTILIZANDO g = 10 m/s²

1)3200 J , 213,3 W 2) 500 N e 50 J

3) e 4) d

5) d 6) b

7) 120 N , -6 J , 6 J 8) 20 cm

9) 400 N , 80 J , 4,8 J 10) 5 m/s2 , 108 km/h , 60 000 W

11) c 12)10 N; -2 000 J; 100 W; 150 W ; 0,1

13) 50 000 J ; 1 000 N; 75 000 J ; 15 00 W

30 000 W