Você está na página 1de 1

O TDAH é um transtorno neurobiológico,

que se caracteriza por sinais de desatenção, inquietude e impulsividade.


E inclui em seus sintomas uma dificuldade para se manter focado e prestar atenção,
bem como para controlar o comportamento e o excesso de atividade (hiperatividade).
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Crianças com TDAH têm dificuldade em manter a concentração, normalmente são agitadas e têm dificuldade de executar as tarefas até o fim.
Os primeiros sinais de TDAH normalmente aparecem na fase escolar.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Esses sintomas devem estar presentes em dois ou mais ambientes (escolar, familiar, profissional) por um período prolongado, para que caracterize um quadro de TDAH.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Na infância, o TDAH geralmente está associado a dificuldades na escola e nos relacionamentos com as outras crianças, pais e professores.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
A investigação para o diagnóstico costuma ser bem detalhada. Em geral, são feitos testes e avaliações de neuropsicologica,
além de relatório escolar e dos relatos da família para confirmar o diagnóstico e investigar se existem outros transtornos associados.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
É importante conversar com um profissional capacitado. Lembre-se: quanto mais precoce o diagnóstico, melhores resultados do tratamento.

Edvann Wladimyr @dr.wladimyrpsicopedagogoneuropsicopedagogo

As fronteiras para a detecção


E aí, você ou seu filho se identificaram? Calma que não é tão simples assim. Em 2013,
a Associação Americana de Psiquiatria listou 18 sintomas e manifestações (nove de desatenção e nove
de hiperatividade e impulsividade) do distúrbio na quinta edição do Manual de Diagnóstico e Estatístico de
Transtornos Mentais (DSM-5), referência mundial em psiquiatria.

Para uma criança ou um adolescente serem diagnosticados com TDAH, precisam apresentar pelo menos
seis sintomas específicos de desatenção e seis de hiperatividade ou impulsividade identificados por um
profissional. No caso dos adultos, são pelo menos cinco de cada um.

Link da imagem
Não acabou: é obrigatório que esses sintomas apareçam (ou tenham aparecido) antes dos 12 anos,
https://br.pinterest.com/pin/475270566933297141/
causem problemas em dois contextos diferentes (casa e escola, por exemplo) por no mínimo seis meses
e tragam prejuízos à vida pessoal e familiar da criança.

“Em geral, meninas têm mais TDAH com predomínio de desatenção que os meninos. Isso faz com que
“O transtorno não é curável, mas tratável. elas incomodem menos os adultos e, por essa razão, sejam menos levadas ao médico. Ainda não está
Há propostas terapêuticas eficazes que, clara a razão biológica para esse fenômeno”, conta o psiquiatra Luís Augusto Rohde, professor da
em mais de 70% dos casos, trazem alívio dos sintomas”, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).
afirma o neuropediatra Giuseppe Pastura, da Faculdade de
Medicina da UFRJ.
https://saude.abril.com.br/mente-saudavel/tdah-decodificado-por-dentro-do-deficit-de-atencao/ https://saude.abril.com.br/mente-saudavel/tdah-decodificado-por-dentro-do-deficit-de-atencao/#:~:text=Ele%20se%20chama%20Gabriel%2C%20est%C3%A1,entre%206%20e%2012%20anos.

Atualmente, o recurso disponível para o tratamento de


TDAH no SUS é a psicoterapia, que pode ser feita individualmente ou em grupo. O tipo de abordagem fica a cargo
de cada terapeuta, uma vez que os Protocolos Clínicos e
Diretrizes Terapêuticas (PCDT) para orientar o diagnóstico e tratamento do TDAH no SUS ainda estão em fase de
definição
INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA (IFPB)
http://conitec.gov.br/images/Consultas/Relatorios/2020/Sociedade/20210104_ReSoc236_metilfenidato_lisdexanfetamina_TDAH.pdf

INSTITUTO FEDERAL DA PARAÍBA - CAMPUS CAMPINA GRANDE


METODOLOGIA DA PESQUISA CIENTÍFICA
PROFESSORA: Jackeline Gomes da Silva Araújo

CURSO TELEMÁTICA

Equipe: Achilles Robson Vasconcelos


Gladson Washington de Oliveira
O projeto de Lei 7081/2010 tem por objetivo garantir que crianças e jovens com sinais de TDAH ou dislexia Anaxímenes Tales Sousa Lira
sejam identificados o quanto antes para que sejam encaminhados para o correto diagnóstico

Você também pode gostar