Você está na página 1de 2

Networking em redes sociais: você acompanha essa tendência?

Quarta-feira, 05/08/2009 às 09h00, por Renato Grinberg

Networking nada mais é que a construção de relacionamentos que atendem a interesses


pessoais e profissionais. É estar antenado às novidades e às tendências de mercado para
se atualizar ao que acontece e fazer novos contatos. Antes da revolução da internet, os
únicos meios de fazer esse relacionamento eram por meio de visitas, almoços, cartas e
feiras de negócios, métodos necessários ainda hoje, mas que demandam muito tempo e
nem sempre são viáveis.

Os meios de comunicação eletrônicos revolucionaram o modo com que as pessoas se


relacionam e constroem suas listas de contatos. Hoje muitos profissionais e executivos
aderem às novas redes sociais online graças à facilidade do uso, a rapidez e à
instantaneidade. Por esses motivos, ferramentas como o Twitter e o LinkedIn, por
exemplo, deram certo e hoje fazem tanto sucesso.

Para a conquista de uma oportunidade de emprego, nada melhor mesmo que um bom
networking. O microblog Twitter é cada vez mais utilizado para este fim. Portais de
recrutamento agora o utilizam para divulgação de vagas e os seguidores economizam
tempo, pois as recebem em sua página principal em tempo real. Já o LinkedIn é
utilizado exclusivamente para fins profissionais e tem a finalidade de permitir a troca de
experiências, a atualização dos acontecimentos do mercado e a interação sobre novas
práticas de empresas.

Além disso, uma novidade que, pouco a pouco, toma conta do mercado são as redes
colaborativas, que conectam o empregador aos candidatos que estão em busca de uma
oportunidade de emprego. Há alguns anos as empresas eram acostumadas a receber
pilhas de currículos e demoravam muito tempo para filtrá-los. Hoje as ferramentas da
internet e do computador fazem isso em segundos. É muita facilidade e possibilidade de
integração.

Esses são apenas alguns exemplos das muitas possibilidades de interação. O que mudou
com a ascensão da internet foi que ela trouxe uma maneira muito mais rápida, prática e
assertiva de realizar contatos. Basicamente, o acesso a informação se tornou muito mais
democrático. Mas é importante ressaltar que não podemos esquecer-nos completamente
do contato pessoal e que a internet e qualquer outra ferramenta de comunicação deve ser
usada como um facilitador para esse tipo de contato e não como um substituto.

Se utilizados corretamente, os meios de comunicação online e as redes sociais podem


ser ótimas ferramentas de apoio ao profissional para conquistar espaço no mercado de
trabalho, por meio de outras pessoas que já estão lá, além de divulgar o seu potencial e
as competências a quem precisa saber da sua existência. Tenha bom senso e aproveite o
que a internet oferece ao seu favor.
http://imasters.com.br/artigo/13794/networking_em_redes_sociais_voce_acompanha_es
sa_tendencia
==============================================================
Todos os levantamentos sobre hábitos do brasileiro na internet mostram que o número
de pessoas que utilizam redes sociais é imenso. Por isso, ambientes como Orkut, Twitter
e Facebook têm se tornado, a cada dia, grandes mundos virtuais paralelos. No entanto,
engana-se quem acha que a vida online se encerra nas fronteiras da web. Com o volume
cada vez maior de pessoas interagindo nesses ambientes, crescem exponencialmente as
possibilidades de relacionamento no mundo real, inclusive com objetivos profissionais.
Na visão do consultor em Gestão Empresarial, Paulo Queija, diretor da MQS
Consultoria, "manter-se em constante exposição utilizando a força das redes sociais e
dos recursos de uma comunicação imediata proporcionados pela internet" é hoje uma
das melhores estratégias para profissionais alcançarem mais facilmente uma posição no
mercado.
"A rede de contatos, o chamado networking, precisa ser nutrida. Acionar seus contatos
somente quando precisa de algo demonstra certo egoísmo e pode arruinar sua rede",
afirma Queija.
Segundo o consultor, é importante manter os contatos sempre ativos. "Conversar por e-
mail, telefone, MSN, ou mesmo através das redes sociais mantém a troca ativa e faz
com que se construa uma relação de dupla mão. As redes sociais proporcionam uma
exposição interessante tanto para a busca como para a manutenção de contatos", afirma
Queija.
O consultor diz, no entanto, que o grande desafio do profissional é administrar o tempo
e inserir naturalmente em sua rotina o uso das redes, sem excluir os contatos ao vivo.
"Há opções variadas para explorar esses ambientes, como o Linked In, Viadeo, Xing,
Ziki, Plaxo e o Naymz. É importante, também, utilizar as redes sociais públicas como
ferramenta de uso profissional como o Facebook e o MySpace", explica.
Paulo Queija ressalta ainda que, além da administração do tempo, o candidato deve
escolher bem quais desses recursos na web se encaixam no perfil da vaga que procura,
pois as empresas estão cada vez mais acompanhando o comportamento virtual dos
aspirantes a oportunidades no mercado. "É preciso apurar as informações e conhecer as
redes sociais que vão lhe trazer mais resultados no perfil de emprego que quer
conquistar", afirma o consultor.
http://www.administradores.com.br/informe-se/tecnologia/fortalecendo-o-networking-
atraves-das-redes-sociais/37992/