Você está na página 1de 8

1

LICENCIATURA EM LETRAS PORTUGUÊS/INGLÊS

PRÁTICA DE ENSINO: INTEGRAÇÃO ESCOLA X COMUNIDADE


(PE:IEC)

POSTAGEM 2: ATIVIDADE 2

PROJETO DE INTEGRAÇÃO ENTRE A ESCOLA E A


COMUNIDADE

Fabrício Gomes Concimo – RA 1822643

Gisele Soares Caovila Baldim – RA 1872942

Helida Pena De Rezende Charbel – RA 1841777

Hellidy Claro Lima – RA 1812154

Patrícia Souza Duarte – RA 1826585

Priscila Mota Cavenaghi De Souza – RA 1841756

Polos Diversos
2019
2
Fabrício Gomes Concimo – RA 1822643

Gisele Soares Caovila Baldim – RA 1872942

Helida Pena De Rezende Charbel – RA 1841777

Hellidy Claro Lima – RA 1812154

Patrícia Souza Duarte – RA 1826585

Priscila Mota Cavenaghi De Souza – RA 1841756

POSTAGEM 2: ATIVIDADE 2

PROJETO DE INTEGRAÇÃO ENTRE A ESCOLA E A


COMUNIDADE

Projeto apresentado à Universidade Paulista – UNIP, do


curso de graduação Licenciatura em Letras Português/
Inglês, como um dos requisitos para a obtenção da nota
na disciplina Prática de Ensino: Integração Escola X
Comunidade, ministrada pelo (a) Prof. (a) Maria Celeste
de Souza.

Polos Diversos
2019
3

SUMÁRIO

1. INTRODUÇÃO ........................................................................................................................ 4
1.1 OBJETIVOS ............................................................................................................4
1.2 JUSTIFICATIVA .....................................................................................................5
2. DESENVOLVIMENTO ............................................................................................................ 5
2.1 REFERENCIAL TEÓRICO .......................................................................................5
2.2 MÉTODO ................................................................................................................6
3. RESULTADOS ESPERADOS ................................................................................................. 6
4. CONSIDERAÇÕES FINAIS .........................................................................................7
5. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS .............................................................................8

2
4

1. INTRODUÇÃO

Com o intuito de integrar escola, família e comunidade, será apresentada, neste


trabalho, a elaboração de um Sarau que visa à divulgação de arte e cultura. O presente
trabalho tem por finalidade relatar o desenvolvimento do projeto sarau no Colégio
Adventista do Bairro da Liberdade, São Paulo.
Sarau é um evento cultural em que as pessoas se encontram para se manifestar
artisticamente. Em geral, esse evento envolve leitura de poemas, poesias, danças,
narrativas, teatro, artes plásticas ( pintura, escultura etc).Os pais e os alunos de uma
comunidade têm muito a oferecer, pois, acredita-se, que, no ambiente familiar, sempre
há oportunidade de uma interação cultural, ainda que seja modesta, a qual, por certo, foi
passada de geração em geração. Muitos são os assuntos que devem ser discutidos em
um Sarau, pois a literatura, aliada às artes em geral, abrange muitas áreas do
conhecimento.
A ideia principal do presente Sarau está contida na apresentação de poesias de
vários autores, abrangendo as diferentes escolas literárias, priorizando a amostra de
poetas portugueses e brasileiros nas fases em que se destacaram, bem como
apresentações musicais, exposição de quadros de pintores famosos, vídeos e
documentários artísticos.
Portanto, a intenção do grupo é incluir escola, família e comunidade em um
contexto cultural, visando descortinar na vida dessas pessoas um mundo melhor,
priorizando a comunicação e o bem-estar social.

1.1 OBJETIVOS

Dentre os objetivos do Sarau proposto pelo grupo, há de se priorizar a integração


escola, família e comunidade em geral, pois arte e literatura favorecem esse
relacionamento de forma saudável. Outros objetivos a serem alcançados, nessa
integração, são os seguintes:
• Estimular o desenvolvimento cultural dos alunos;
• Compreender a linguagem como forma de expressão e comunicação, ampliando
o repertório literário;
• Despertar no público-alvo o prazer de recitar poesias, dançar, contar histórias,
5
realizar pequenas dramatizações, apreciar vídeos e documentários sobre arte
com a finalidade de promover a convivência social;
• Apresentar músicas de acordo com o gosto tanto dos alunos, como dos familiares
e da comunidade;
• Elaborar e produzir cartazes para a divulgação do Sarau;
• Vivenciar um Sarau em todos os seus aspectos: social, cultural, literário.

1.2 JUSTIFICATIVA
Pretende-se através deste projeto envolver a comunidade escolar, familiar e local
em atividades prazerosas de comunicação por meio da leitura de poesias, apresentação
musical, pequenas dramatizações a fim de conseguir uma troca de experiências entre
escola, família e comunidade, fortalecendo, assim, os vínculos sociais.
Portanto, este Sarau nasce de uma necessidade de reunir esse grupo de pessoas
através de várias manifestações artísticas, levando-as a refletir sobre um contexto
sociocultural.

2. DESENVOLVIMENTO

Visando à integração do público-alvo (escola-família-comunidade), torna-se


importante a contribuição da escola no que se refere à preparação dos alunos para que
a realização do Sarau alcance os objetivos propostos. A Direção, Coordenação e os
professores, trabalhando conjuntamente, orientarão os alunos sobre o desenvolvimento
do Sarau, a partir dos objetivos propostos, para que se sintam seguros durante o
desenvolver das atividades junto à família e à comunidade.
Assim sendo, os professores deverão desenvolver atividades práticas em que se
incluem aulas dialogadas, dramatizações, pesquisas sobre quadros de arte, incluindo
pintores famosos, como Picasso, Salvador Dalí e tantos outros, como também
selecionar um repertório de músicas, junto aos alunos, que atendam à preferência dos
participantes.

2.1 REFERENCIAL TEÓRICO

Referencial teórico é o conjunto de conhecimentos relativos à teoria sobre diversos


elementos contidos em um determinado assunto.
6
Com relação ao referencial teórico, o grupo se espelhou no Projeto Sarau de
poesias na Escola do Campo Texana do município de Itapetinga- BA, através dos
bolsistas do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID), subprojeto
Educação do campo que visa propiciar aos estudantes caminhos para que eles
aprendam, de forma prazerosa e participativa. O sarau, por se tratar de uma reunião
festiva onde as pessoas se encontram para se expressarem e manifestarem
artisticamente, atualmente vem sendo resgatado pelas escolas como um meio
estratégico que une cultura e Arte ao desenvolvimento da leitura e da escrita dos
educandos, ao mesmo tempo em que estimula a sua criatividade e capacidade através
da troca de experiências pessoais visando a integração social.

2.2 MÉTODO

Algumas considerações deverão ser levadas a efeito para que o Sarau se realize
de maneira harmoniosa:
Deve-se formar uma comissão com o objetivo de coordenar e planejar os
trabalhos, distribuindo as tarefas entre os responsáveis no que tange à orientação e ao
processo de aprendizagem dos alunos, decoração interna da Escola, com motivos
parabenizando o aniversário do Colégio, confecção de cartazes que deverão estar
espalhados pelos pontos estratégicos do Colégio, principalmente no Mural, bem como
nos entornos, elaboração dos cartazes para divulgação do evento. É importante registrar
os seguintes tópicos:
Tema: Uma Escola Feliz
Sarau em homenagem ao aniversário do Colégio Adventista – Bairro da Liberdade,
São Paulo
Data: 26/06/2019
Participantes: Escola, Família, Comunidade, músicos e artistas da Comunidade
Sejam Bem-Vindos.
O público-alvo será recebido pelo Corpo Docente e Discente do Colégio cantando
o Hino da Escola.

3. RESULTADOS ESPERADOS

A realização do Sarau deve oportunizar conhecimento aos alunos, aliado à


diversão, brincadeiras, promovendo a socialização. Priorizando o processo ensino-
7
aprendizagem, pretende-se que os alunos se sintam motivados quanto ao
desenvolvimento da leitura, visando à comunicação oral e escrita; incentivados pelo
prazer e hábito da leitura; portadores de uma aprendizagem significativa, tornando-os
condutores de seu próprio conhecimento. Assim, haverá a oportunidade de construir sua
identidade, favorecendo sua autonomia e participação social.
Espera-se, também, que se estabeleça uma interação efetiva entre todo o pessoal
envolvido nesse projeto.

4. CONSIDERAÇÕES FINAIS

Entendemos que o Projeto Sarau envolve os alunos em atividades que promovem


o desenvolvimento da expressão artística no que se refere à comunicação de ideias,
intenções de diversas naturezas, influenciando o outro e estabelecendo relações
interpessoais. A escola, por sua vez, deve configurar-se como um espaço em que a
inter-relação se desenvolva satisfatoriamente.

Ao se trabalhar com Sarau, há a possibilidade de o aluno a valorizar a si mesmo


enquanto agente de forma de expressão literária e artística.

Finalizando, o Sarau oportuniza o encontro entre literatura e arte a fim de que o


aluno se reconheça como alguém capaz, como sujeito do mundo, participador e
participante e não somente como espectador da sua história e do mundo em que está
inserido.
8

5. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

Brasil, Ministério da Ed. (MEC) – Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível


Superior (CAPES). Portaria nº 096, de 18 de julho de 2013.

Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID). Brasília: MEC, 2013.

NOVA ESCOLA – “Como organizar um sarau” - Acesso em: abril de 2019

Disponível em: https://novaescola.org.br/conteudo/3908/como-organizar-um-sarau

Você também pode gostar