Você está na página 1de 82

1

DEFINIÇÃO DE QUALIDADE DE VIDA

“Percepção do indivíduo de sua posição na vida, no


contexto da cultura e do sistema de valores em que
vive e em relação aos seus objetivos e expectativas,
padrões e preocupações.”
WHOQOL Group(1995)

DEFINIÇÃO DE PROMOÇÃO DE SAÚDE


“A promoção da saúde é um processo de capacitar as
pessoas para aumentar seu controle sobre, e para
melhorar, a sua saúde”.
Organização Mundial de Saúde
INDICADORES VIGITEL

Ministério da Saúde – VIGITEL 2015


INDICADORES VIGITEL

Ministério da Saúde – VIGITEL 2015


INDICADORES VIGITEL

Ministério da Saúde – VIGITEL 2015


INDICADORES VIGITEL

Ministério da Saúde – VIGITEL 2015


EVOLUÇÃO DEMOGRÁFICA
DIESPORTE – Caderno 2
MINISTÉRIO DO ESPORTE
2016
Sedentarismo é o 4º maior fator de risco
de mortalidade global

80% Doenças Cardiovasculares, 40% Cânceres


SÃO PREVENIDOS COM ESTILOS DE VIDA SAUDÁVEIS

O sedentarismo causa 3 milhões de mortes anuais


por DCNT (8% das mortes por DCNT)

Consumo abusivo de álcool


Estilo de vida causa 2/3 dos novos casos
de DCNT: causa 2,3 milhões de morte ao ano.

• Sedentarismo Alimentação inadequada:


• Alimentação inadequada,
• Tabagismo 40% de todas as mortes anuais (14 milhões de
mortes) por DCNT.
• Uso abusivo de álcool

WORLD ECONOMIC FORUM - The Workplace Wellness Alliance: Investing in a Sustainable Workforce. 2012
Previdência Social

15.226 casos registrados de 32.915 casos registrados de


Doenças do Trabalho Acidentes de Trabalho

2,3 bilhões em concessão de 5,3 milhões em concessão de


benefícios de Auxílio Doença benefícios de Auxílio Acidente

aumento de 49,97% aumento de 29,71%


desde 2010 desde 2010

Fonte: Anuário Estatístico da Previdência Social


Base de Dados Históricos, 2013.
ATENÇÃO À SAÚDE

Inatividade Física Depressão


Diabetes
Pouco gerenciamento do
estresse Obesidade
Câncer
Uso excessivo do álcool
Hipertensão

Alimentação inadequada Doenças coronarianas 80%


9 Determina Insuficiência cardíaca dos
Riscos Sono insuficiente 15
e Condições
Colesterol alto custos
comportamentos Fumo crônicas Doença pulmonar com
Envelhecimento
Doença Renal
Saúde
Asma

Falta de Artrite
acompanhamento da Alergia
saúde
Sinusite
Padrão de cuidado Dor de cabeça
Fonte: National Business Group on Health; 2012

• Quanto mais comportamentos de saúde inadequados e fatores de risco, maiores os custos com cuidados a
saúde.
Mudar o cenário
Investir em saúde para reduzir custos com doenças

CUSTOS GLOBAIS DAS DCNT. INCREMENTOS 2011 – 2030 (U$S1.000.000)


Doenças
Doenças
Pulmonares Doenças
Anos Câncer cardio- Diabetes
Obstrutivas Mentais
vasculares
Crônicas
2011 290 863 2.100 500 2.500
2030 458 1.040 4.800 745 6.000
Fonte: Havard School of Public Health – World Economic Forum, 2011
LONGEVIDADE

14 anos
tratando doença
I
d
a
d 130
e anos 74 VIDA
60
anos
anos X
Potencial
Biológico
Expectativa
de vida
Vida
saudável
SOBREVIDA
DETERMINANTES DA SAÚDE

Publicado na Revista Ideia Sustentável; Edição 37; 2014


A dinâmica da Saúde

MORTE PONTO NEUTRO SAÚDE


PREMATURA TOTAL

Sinais Conhecimentos
Sintomas Habilidades
Incapacidades Atitudes

TRATAMENTO DA DOENÇA PROMOÇÃO DE SAÚDE

MEDICINA TRADICIONAL MEDICINA PREVENTIVA

ABORDAGEM PRESCRITIVA ABORDAGEM CONSTRUTIVA


Modelo de Bem Estar ótimo
da American University
Ótimo Bem-estar

Para a obtenção de bem-estar ideal, o


indivíduo deve assumir a responsabilidade
para o contínuo desenvolvimento e
manutenção do físico, espiritual, emocional,
social, intelectual e componentes ambientais
de sua saúde, de acordo com a cultura em
que residem.

American University - National Center for Health Fitness Optimal Wellness Model
Publicado na Revista Ideia Sustentável; Edição 37; 2014
A IMPORTÂNCIA DO PROFISSIONAL
DE EDUCAÇÃO FÍSICA

"Temos de nos tornar a mudança que queremos ver."


Mahatma Gandhi

2/3
CARREIRA
Uma jornada profissional
REFLEXÃO

VOCÊ EXECUTA TAREFAS


OU
ENTREGA RESULTADOS?
Quanto valor você tem para o mercado? Se você sair do mercado, quanto tempo acha que será substituído a
altura?
Quanto raro é o serviço que você presta para o mercado? Quantos profissionais podem fazer o que você
faz? Seu serviço oferecido ao mercado é raro ou abundante?
Qual o impacto dos resultados que você entrega para o mercado?
Carreira
Percepção de valor
o Que tipo de necessidade você deseja oferecer ao mercado?
o Que problema você deseja resolver?
o Quem você gostaria de ajudar? Faixa etária; Temática; Impacto.

o Quais os benefícios que deseja satisfazer ao resolver o problema ou ao atender a necessidade?


o Como você os ajuda?
o Por que é importante para você?

o O que te faz estar engajado com o seu cliente?


o O que te faz acreditar que pode contribuir com o seu cliente?
o Como identifica a demanda e entrega a oferta?
o Como você cria a conexão entre o que oferece e o que você entrega?
Abordagem construtiva
Uma abordagem construtiva não é uma técnica para levar as pessoas a
fazer o que não querem, mas evocar sua motivações para fazer mudanças
de comportamentos no interesse do seu próprio objetivo.

São as razões do aluno para mudar, e não as suas, que são mais prováveis
de desencadear a mudança de comportamento.

O aluno define seus objetivos e as metas que deseja alcançar e com seus
recursos, encontra as soluções sendo responsável pelo resultado final.

Princípios Orientadores:

1. Resistir ao reflexo de consertar as coisas;


2. Entender e explorar as motivações do aluno;
3. Escutar com empatia;
4. Fortalecer o aluno, estimulando a esperança e o otimismo.
Conceitos Gerais
O que é Coaching?
- Coaching é...
Ajudar a sair do estado atual para ir buscar o estado desejado
A arte de potencializar o poder pessoal de cada um
É o processo de evocar ....
excelência nas pessoas;
desenvolvimento humano e organizacional;
autoconhecimento, consciência e transformação;
planejamento, direcionamento e alinhamento para o sucesso.
Academia Brasileira de Coaching

É uma abordagem pragmática mas não diretiva, focada no presente e projetada


no futuro, visando a realização de um ou mais objetivos específicos do coachee.

É um processo de parceria na qual o Coach, numa abordagem objetiva, clarifica


para o seu cliente, seus valores fundamentais e crenças, extraindo seus propósitos
positivos para identificação e alcance de metas através de ações para mudanças
positivas.
O que é Coaching?
Mitos Verdades
É aconselhamento. É contribuir para que o liderado ou equipe encontre
respostas.
É para consertar comportamentos problemáticos. É desenvolver potenciais versus overleveraging.

É dar bronca. É gerar aprendizado.

Processo lento. É estilo de conversa estruturada.

Ajuda a conseguir aumento e outros benefícios. Ajuda a desenvolver as competências.

É intuitivo e não funciona. É um processo estruturado com foco na solução.

É modismo. Líderes através da história fizeram coaching.

Basta uma conversa só. É um processo de aprendizado.

É responsável pelo meu processo/o coachee é A iniciativa pelo aprendizado deveria


responsável por iniciar o processo. serminha(coach e coachee).
É avaliação de desempenho. É avaliação de desenvolvimento de competências.

Demonstrar humanidade é ser vulnérável. Não é aceitar manha, é ver o outro com
capacidade de se responsabilizar pela solução.
Fonte: Livro Lider-coach, 25
Premissas úteis
no coaching

1- As pessoas interpretam a realidade a partir das suas percepções, baseadas em crenças,


valores, experiências vividas e ambiente em que se encontram; não à realidade;

2- É fundamental perceber o mundo a partir da perspectiva do outro;

3- Sempre estamos comunicando e a comunicação não-verbal transporta cerca de 90% da


mensagem. O significado da sua comunicação é a resposta que você recebe;

4- O fracasso existe quando não promove aprendizado;

5- Todo comportamento tem uma intenção positiva;

6- As pessoas já possuem os recursos de que precisam. A questão é saber como ajudá-las


a acessá-los, quando adequado;

7- Corpo e mente são partes de um mesmo sistema.


Atuação

Consultor
Aponta processos inefetivos e sugere soluções.
Consultoria

Coach
Ajuda o aluno a desenvolver competências comportamentais.
Coaching

Mentor
Compartilha experiência.
Mentoring

Conselor
Aconselhamento com o propósito de ajudar a resolver algo.
Counseling
Papel do Coach

Orientar o seu cliente a desenvolver e acessar seus potenciais de forma a


alcançar sua visão de futuro.

• Parceiro estratégico:
• Parceria de solução para problemas complexos;
• Proporciona situações de aprendizado;
• Avalia o que está faltando para que o aluno consiga atingir os seus
resultados.
• Transforma paradigmas:
• Ajuda o aluno a sair do lugar comum;
• Capacidade de questionar os modelos mentais para descoberta de novos
potencias e recursos escondidos.
• Desenvolvimento de pessoal:
• Foco no desenvolvimento das competências pessoais.
Características
imprescindíveis

1- O coach tem fé na mudança. Em vez do problema, se concentra na causa e na solução.


Acredita no potencial de todas as pessoas. O coach é racionalmente otimista. Vê o brilho da
pessoa e os ensaios da mudança, antes mesmo que ela veja.

2- O coach não tem por objetivo o que é perfeito. O objetivo do coach é valorizar o esforço e
ajudar seu aluno a estar buscando seu caminho. Entende que a mudança é um processo
circular, onde há 3 “re” s:
recaídas,
retrocessos,
resistências.
É paciente, mas não indulgente.

3- O coach deve acreditar sinceramente no princípio de que as pessoas têm direito às


escolhas conscientes. Ele não impõe sua visão de estilo de vida.
Características
imprescindíveis

4- A responsabilidade da mudança é do aluno.


O coach não se entristece, não se enraivece, não se aborrece, não apressa e nem exige. Ele
provoca e espera. Simplesmente permanece ao lado, deixando clara a oferta do apoio rumo à
mudança.

5- O coach não monopoliza ou atua isolado. Ele busca: -quem mais pode ajudar você a
mudar? Incentiva e cria oportunidades para seu aluno estar em contato com pessoas e
ambientes favoráveis à mudança.

6- O coach é entusiasta e domina informações, coleciona e compartilha fatos, dados,


histórias, sabe referenciais oficiais e reconhecidos, estatísticas (e dá referências) que possam
ampliar o esclarecimento para promover escolhas conscientes. Todo coach deve ter sua
coleção de conhecimentos.
Relacionamento com
o Aluno
ESTABELEÇA RAPPORT

Crie empatia e estabeleça um padrão de pensamento e de comunicação verbal e não verbal


congruente com o do aluno.

VALORIZE OS POTENCIAIS

Aborde os fatos e as pessoas pelos aspectos positivos.

IDENTIFIQUE A INTENÇÃO POSITIVA

Por trás de uma escolha há uma intenção positiva.

CONHEÇA O MENTOR DO ALUNO

Busque os modelos que conhece que tem admiração em determinado assunto.


Agentes da mudança

Responsável Aspectos da mudança Barreiras

Falta de conscientização, Valores,


Percepção de valor, Motivação,
Crenças, Falta/Pouca habilidades,
Indivíduo clareza do objetivo e definição de
Falta de oportunidade,
metas.
Flexibilidade p/ Mudança .
Coach eficaz

Não
julgamento

Escuta Ativa

Perguntas
eficazes
Coaching eficaz
Os 3 M

ESTADO
ESTADO ATUAL PROCESSO
DESEJADO
Diagnóstico Plano de Ação
Meta

Motivação Mudança Meta

ENGAJAMENTO
Programa eficaz
Os 3 P

Prazer Parceiros Persistência

REULTADO EFICAZ
Foco de atuação

Problema ?
X Solução ?

Passado Futuro
Fonte: Elaborado pelo autor

Quanto mais focamos no problema, mais nos afastamos da solução.


A solução está aonde o problema não está.
Não importa a experiência do passado, mas o que você faz no futuro com esta
experiência.
Foco de atuação

Orientação para o problema Orientação para o resultado

O que está errado? O que você quer?

Por que é um problema? Como posso conseguir isso?

Por que deu errado? O que fazer para que aconteça?

O que causou? De quem é a culpa? Que recursos estão disponíveis?

Por que ainda não resolvi? Qual o próximo passo?

“Nosso pensamento cria problemas que não podem ser resolvidos como o mesmo tipo de
pensamento”.
Albert Einstein
Metas e resultados

Aprendizagem e Obstáculos
Meta
Situação
Atual Desejada
Processo

Fonte: Criado pelo autor


O processo
Reflexões
Informação

Consciente Inconsciente
• Ocorre primeiro • Padrão de repetição
• Representa 5% das nossas ações • Representa 95% das nossas ações
• Menos eficiente • Mais eficiente
• Mais criativas • Mais inflexíveis
• Mais possibilidade de mudanças • Hábitos estabelecidos
• Maior poder de concentração • Tira o poder de atenção do presente

PARAR DE PENSAR INSCONSCIENTE


EM EFICIENTE POUCO
ROTINA HÁBITO ESFORÇO
COMPORTAMENTOS
BÁSICOS AUTOMÁTICO

MAIS ENERGIA MENTAL


PARA CRIAR
NOVOS
PARADIGMAS
POR QUÊ AS PESSOAS NÃO MUDAM?

Aspectos da mudança:

• Percepção de valor
• Foco nas barreiras e não nas soluções
• Crenças e Valores
• Esforço x recompensa

VISÃO DE CURTO PRAZO


Como percebemos
Valores
Os valores guiam cada decisão que tomamos e, assim, o nosso destino. Toda tomada
de decisão está relacionada a uma definição de valores.
Percepção

Custo Benefício

Direção
Processo de decisão

EQUAÇÃO DE VALOR

Benefícios

Percepção
Mudança
de Valor
Custos

Fonte: Criado pelo autor

PERCEPÇÃO DE VALOR = BENEFÍCIOS X CUSTOS

•Se Benefícios > Custos, então, promove mudanças.


•Se Benefícios < Custos, então, não promove mudanças.
Modelo mental

Afeta percepção da
realidade

Modelo Mental

• Experiências pessoais Influencia a ação


• Pensamentos recorrentes
• Crenças

Gera soluções ou
obstáculos internos

Fonte: Livro Lider-coach, 20


Como percebemos
Crenças
São conclusões e generalizações de experiências do passado que cria
projeções(expectativas) no futuro que afetam o presente. Surgem através dos
nossos sentidos: Visão, audição, sensação, tato e olfato.

Motivante
Limitante
O processo
Teoria do caos
O processo
Programação Neuro Linguística - PNL
É o estudo da estrutura da experiência subjetiva. Como criamos o nosso mundo
interno único.
Os pressupostos da PNL ajudam as pessoas a criarem seus modelos de mundo mais
efetivos para produzirem mudanças na vida, superar dificuldades e se relacionarem
com os outros.

Fisiologia
MUDANÇA DE HÁBITO

O cérebro sempre quer gastar menos energia

O cérebro tende a reagir sempre do mesmo jeito

O cérebro prefere recompensas de curto prazo

A ação é mais importante que a motivação

Hábito = Ação em si; a recompensa; gatilho que leva ao


comportamento
Como agimos
Intenção positiva
O que se imagina alcançar, utilizando os recursos que tem, para obter resultado
positivo.
INTELIGÊNCIA EMOCIONAL

Valores e
crenças

• Processos • Percepções
• Competências • Comportamentos
• Tarefas • Emoções
Modelo mental para resultado
Meta-modelo
Entendendo o processo
A jornada
ESTADO
DESEJADO

ESTADO ESTADO
ATUAL ATUAL
Processo de mudança
Fases
FASES ACÃO ESTRATÉGIAS
Pré-contemplação Eu não vou mudar - nunca Conscientização
Contemplação Eu penso em mudar – mais tarde
Experimentação
Preparação Eu vou – em breve
Ação Eu estou – agora Mudança de comportamentos
Manutenção Eu tenho estado – tentando manter
Novos hábitos
para sempre

Estas fases foram identificadas pelo Psicólogo James Prochaska/1992 em seus estudos. Foi
verificado que as mudanças nos comportamentos da pessoas seguiam este padrão de
evolução.

5
MUDANDO O FOCO DA SAÚDE

Pense
Positivo

Seja sociável

Alimentação
saudável
Mantenha a sua mente
ativa e aprenda novas
coisas

Exercício

Harvard Business Review, January-February 2012


PERSPECTIVA DO INDIVÍDUO
PERSPECTIVA DO PROFESSOR
VISÃO TRADICIONAL VISÃO MODERNA

OBJETIVO Entregar valor Encontrar valor

CARACTERÍSTICA DO SERVIÇO Protocolar Customizado e flexível

ABORDAGEM Prescritiva Construtiva

NÍVEL DE ENVOLVIMENTO DO ALUNO Baixo engajamento Alto engajamento

RECURSOS PESSOAIS Competência Técnica Competência comportamental

RELACIONAMENTO COM O ALUNO Hierarquizado Empatia


Qual o foco de atuação?
DICA
DE
Impacte as pessoas
positivamente
PERGUNTAS?
Luiz Ernesto Guerreiro
Coach/Mentor de Vida Sáudável
Certificação Internacional

E-mail:luizernesto@atitudevidasaudavel.com.br

Você também pode gostar