Você está na página 1de 3

Prof.

Adson Rodrigues PROVA 2 - FÍSICA (TARDE)

1- Um corpo de massa 5 kg é retirado de um ponto desvantagem para a economia de combustível.


A e levado para um ponto B, distante 40 m na Este peso deve continuar bem distribuído numa
horizontal e 30 m na vertical, traçadas a partir do situação em equilíbrio dinâmico. O automóvel, ao
ponto A. Qual é o módulo do trabalho realizado ser freado, sofre uma transferência de peso da
pela força peso? parte traseira para a dianteira, como podemos
observar na figura abaixo. Assim, quanto maior a
Dado: 10 m/s².
freada maior o gasto de combustível.
a) 2.500 J
b) 2.000 J
c) 900 J
d) 500 J
e) 1.500 J

2- Uma peça de massa m=10kg amarrada a uma


corda, encontra-se no interior de um tubo cilíndrico Considerando o coeficiente de atrito cinético (µ)
de 3,0 m de comprimento, de onde deve ser entre o asfalto e o pneu igual a 0,02 e a massa
retirada. Como a "folga" entre a peça e o tubo é do automóvel BMW igual a 1.500 kg, qual será o
mínima, quando a peça desliza no interior do tubo, módulo do trabalho feito pela força de atrito
ela fica submetida a uma força de atrito de cinético na distância percorrida de 40 m?
escorregamento resultante FC considerada a) 11,0 kJ
constante e de valor igual a 60 N. De posse desses b) 12,0 kJ.
dados, c) 13,0 kJ
d) 10,0 kJ
e) 8,0 kJ

4- Em um experimento que valida a conservação da


energia mecânica, um objeto de 4,0 kg colide
horizontalmente com uma mola relaxada, de
constante elástica de 100 N/m. Esse choque a
comprime 1,6 cm. Qual é a velocidade, em m/s,
O valor mínimo do trabalho realizado por um desse objeto, antes de se chocar com a mola?
operador para erguer a peça por 2,0 m dentro do
tubo é igual a: a) 0,02
b) 0,08
a) 80 J. c) 0,13
b) 100 J. d) 0,20
c) 200 J. e) 0,40
d) 280 J.
e) 320 J 5- A necessidade de abastecimento de água levou os
romanos a construírem a maior rede hídrica da
3- No texto anterior aprendemos que o valor de 17% Antiguidade. Eles conheciam o sistema de
das perdas pode ser reduzido pela boa transporte por canalização subterrânea e o de
dirigibilidade. Nas auto-escolas, o instrutor deveria aquedutos por arcos suspensos. A água,
dizer que, para dirigir de forma econômica, o proveniente de locais mais elevados, era conduzida
automóvel deve estar bem equilibrado. Por por canais ligeiramente inclinados e que
exemplo, quando o carro estiver estacionado o terminavam em reservatórios de onde era
peso deve estar bem distribuído no chassi. O distribuída para o consumo. A figura a seguir
automóvel BMW 325i Touring, segundo representa um aqueduto que ligava o nível do lago
especificação dos fabricantes, tem cerca de 15.000 de onde era retirada a água até o reservatório de
N de peso, distribuído próximo do ideal de 50% na uma cidade.
frente e 50% na traseira (com tanque vazio fica em
torno de 53/47, para que, quando abastecido, não
haja desequilíbrio). No caso do Prius, com 12.000
N, esta relação é de 60/40, que é uma óbvia
Prof. Adson Rodrigues PROVA 2 - FÍSICA (TARDE)

gastas nos dois trechos e indique a alternativa


correta.

a) E2 = E1/2
b) E2 = E1
c) E2 = 2E1
Admita que o desnível entre a entrada da água no d) E2 = 3E1
aqueduto e sua saída no reservatório era e) E2 = 4E1
de 20 metros. Considere que entraram 100 kg da
água do lago no aqueduto. Após essa massa de 8- Durante o salto de trampolim, ocorre
água ter percorrido o aqueduto, a energia cinética conservação de energia. A imagem ilustra todo o
com que ela chegou ao reservatório foi, em joules, processo, em que o ponto A é exatamente o
de: momento do salto em que a velocidade do corpo
é nula, o ponto B é exatamente a metade da
a) 100 distância da descida e o ponto C é
b) 200 imediatamente na chegada à água.
c) 1.000
d) 2.000
e) 20.000

6- A figura a seguir mostra o gráfico da energia


potencial gravitacional U de uma esfera em uma
pista, em função da componente horizontal X da
posição da esfera na pista.

Considerando que o referencial do sistema está na


superfície da água, analise a imagem e assinale a
alternativa que corresponde adequadamente à
situação. (Desconsidere as forças dissipativas).
a) No ponto A, a energia cinética é máxima e
A esfera é colocada em repouso na pista, na a energia potencial é nula; no ponto B, a
posição de abscissa x = x1, sendo a energia energia potencial é igual à energia cinética;
mecânica E < 0. A partir dessa condição, e no ponto C, a energia potencial é máxima e
desconsiderando os efeitos dissipativos, a energia a energia cinética é nula.
cinética da esfera tem valor
b) No ponto A, a energia potencial é máxima e
a) Máximo igual a | U0|. a energia cinética é nula; no ponto B e no
b) igual a |E| quando x = x3. ponto C, a energia potencial é nula e a
c) mínimo quando x = x2. energia cinética é máxima.
d) máximo quando x = x3.
e) máximo quando x = x2. c) No ponto A e no ponto B, a energia
potencial é máxima e a energia cinética é
7- Um carro acelera, a partir do repouso, até uma nula; no ponto C, a energia potencial é nula
velocidade de 30 km/h, gastando, para isso, uma e a energia cinética é máxima.
energia E1. A seguir, acelera de 30 km/h até
alcançar 60 km/h, gastando, para tal, uma d) No ponto A, a energia potencial é máxima e
energia E2. a energia cinética é nula; no ponto B, a
energia potencial é igual à energia cinética;
Considerando que todas as condições externas
(atrito, resistência do ar etc.) são idênticas nos no ponto C, a energia potencial é nula e a
dois trechos do percurso, compare as energias energia cinética é máxima.
Prof. Adson Rodrigues PROVA 2 - FÍSICA (TARDE)

e) No ponto A, a energia potencial é máxima e sentido inalterados durante todo o intervalo de


a energia cinética é nula; no ponto B, a tempo da observação.
energia potencial é nula e a energia cinética
é máxima; no ponto C, a energia potencial Desse modo, ele pôde classificar as variações
e a energia cinética são nulas. temporais da quantidade de movimento e da
energia cinética dessa partícula, ao longo do
tempo de observação, respectivamente, como
9- O gol da conquista do tetracampeonato pela
Alemanha na Copa do Mundo de 2014 foi feito pelo a) linear e linear.
jogador Götze. Nessa jogada, ele recebeu um b) constante e linear.
cruzamento, matou a bola no peito, amortecendo-a, c) linear e quadrática.
e chutou de esquerda para fazer o gol. Considere d) constante e quadrática.
que, imediatamente antes de tocar o jogador, a bola e) quadrática e linear.
tinha velocidade de módulo V1 = 8 m/s em uma
direção perpendicular ao seu peito e,
imediatamente depois de tocar o jogador, sua
velocidade manteve-se perpendicular ao peito do
jogador, porém com módulo v2 = 0,6 m/s e em
sentido contrário.

Admita que, nessa jogada, a bola ficou em contato com


o peito do jogador por 0,2 s e, nesse intervalo de tempo,
a intensidade da força resultante (FR) que atuou sobre
ela variou em função do tempo, conforme o gráfico.

Considerando a massa da bola igual a 0,5 kg, é


correto afirmar que, nessa jogada, o módulo, em
newtons, da força resultante máxima que atuou
sobre a bola, indicada no gráfico por FMáx é igual a:
a) 88,8
b) 68,8
c) 59,2
d) 34,4
e) 26,4

10- Um estudante, ao observar o movimento de uma


partícula, inicialmente em repouso, constatou que
a força resultante que atuou sobre a partícula
não era nula e manteve módulo, direção e