Você está na página 1de 10

Impresso por Vinicius, CPF 126.683.997-69 para uso pessoal e privado.

Este material pode ser protegido por direitos autorais e não


pode ser reproduzido ou repassado para terceiros. 25/06/2020 14:46:57

Escola Equlíbrio e Harmonia


Luis Antonio Celestrim
Téc. de Massoterapia
Impresso por Vinicius, CPF 126.683.997-69 para uso pessoal e privado. Este material pode ser protegido por direitos autorais e não
pode ser reproduzido ou repassado para terceiros. 25/06/2020 14:46:57

Curso livre de Argiloterapia Facial


Aplicada na Estética

Geoterapia / Argiloterapia
A Argiloterapia, também conhecida como Geoterapia, pode ser definida como a arte de cuidar da saúde
utilizando a argila como elemento-chave; é o uso da terra na medicina natural, para fins terapêuticos.

Geo vem do grego -gê, ês- que significa "terra" e terapia vem do latim therapia e do grego therapeía,
no sentido de cuidados, atendimento, tratamento.

Rápido Histórico:

Possivelmente a terra foi o primeiro de todos os remédios, desde que o homem existe.

Hipócrates, antes de Cristo, já usava argila.

Há milhares de anos atrás já se conheciam e se confiavam nos seus efeitos curativos.

Os conhecimentos da suas propriedades e seus benefícios foram obtidos através de observações das
condutas dos animais que feridos ou com mal estar, mergulhavam na lama melhorando as regiões
problemáticas. Até hoje muitos animais fazem isso!

Numerosas civilizações antigas (egípcios, chineses, árabes, assírios, babilônios, hindus, e mesmo índios
das américas) se beneficiaram das qualidades da argila.

Hipócrates, (460-380 a. C.) médico grego, considerado o "Pai da Medicina", frequentemente utilizava a
argila em seus trabalhos e ensinava seus discípulos como usá-la de maneira adequada. Assim é que a
argila tem seu emprego como terapia em tempos que antecede a era Cristã, o próprio Cristo a empregou
na cura do cego.
Impresso por Vinicius, CPF 126.683.997-69 para uso pessoal e privado. Este material pode ser protegido por direitos autorais e não
pode ser reproduzido ou repassado para terceiros. 25/06/2020 14:46:57

“...Jesus cuspiu no chão, fez lama com a saliva e colocou-a


sobre os olhos do cego.”
João 9 vers.1

O médico e físico Galeno (130-200 d. C.) descreveu os efeitos terapêuticos da argila, por isso alguns
registros sobre o assunto o referenciam como pai da geoterapia. Além de médicos/cientistas, filósofos
como Plínio, Paracelso, Aristóteles tbém fizeram, uso desta técnica. Mas foi graças a Gandhi (que tbém
era um adepto) e alguns naturopatas do início do século XX, que importantes registros foram deixados
sobre tratamentos com argila.

Enfim, hoje a medicina redescobriu que a geoterapia pode ser usada tanto de modo preventivo como
auxiliar no tratamento de doenças, e também nossa aliada na estética.

A ARGILA

O que é a Argila?

A argila é formada pela alteração ou metamorfose de certas rochas, formando outras rochas:
as rochas sedimentares, compostas de grãos muito finos de silicatos de alumínio, associados
a óxidos que lhes dão tonalidades diversas, e pode ser encontrada próxima de rios, muitas
vezes formando barrancos nas margens.

De que é composta a Argila?

Apresenta composição rica em sais minerais, como quartzo e mica, acompanhados de


magnésio, ferro, feldspato, potássio, sódio e cálcio bastante semelhante à do corpo humano;
e ainda titânio, cobre, zinco, alumínio, níquel, manganês e lítio...

COMO AGE E PARA QUE É USADA A ARGILA?

Derramados sobre a pele da região que se pretende curar, os minerais da argila são
absorvidos e passam a atuar em várias frentes, regenerando as células, agindo como anti-
inflamatórios e estimulando a drenagem linfática; sendo indicada por médicos contra
inflamações, infecções e até tumores; por ter grandes poderes radioativos e
eletromagnéticos.

É muito usada também nos tratamentos de beleza e cosméticos. Mas, o grande mérito da
argila é fortalecer as defesas do corpo. Isto explica por que a argila é uma substância quase
universal para o tratamento de inúmeras doenças e um agente de desintoxicação e
regeneração física.

Como a argila é usada?

Pode ser ingerida (uso interno) ou aplicada no local, (uso externo).

Uso Interno:
Impresso por Vinicius, CPF 126.683.997-69 para uso pessoal e privado. Este material pode ser protegido por direitos autorais e não
pode ser reproduzido ou repassado para terceiros. 25/06/2020 14:46:57

Em pó dissolvida em água (observando-se sempre as quantidades, indicações e a necessidade


ou não de decantação); em pílulas ou comprimidos. É indicada para doenças do aparelho
digestivo, infecções da boca e garganta, envenenamento, reumatismo, alergias.

Uso externo:

Em pó misturado em água e acrescentado (se necessário, também dependendo das indicações)


ervas, chás ou óleos essenciais, formando pasta e sendo colocada diretamente no corpo do
paciente, na parte onde se apresenta disfunção, através de cataplasma, compressas,
emplastros, banhos com a argila fria ou quente... conforme a necessidade. É anti-inflamatório;
antisséptico; absorvente; anti-infeccioso; antistrumático; cicatrizante; antitumoral;
antitóxico; emoliente; refrescante; tonificador, vitalizante

Quanto tempo dura a sessão e qual a média de aplicações?

O ideal é fazer as sessões com intervalos de 7 a 10 dias entre cada uma, variando o tempo
de aplicação de 15 min (as locais) ou 30 min até horas (2 a 3 horas no máximo). Sempre
conforme o caso pois há situações, como dores fortes na coluna, esporão calcâneo, entre
outros que podem ser feitas todos os dias e até duas vezes ao dia, por toda semana.

 Lembrando também que, em crianças menores, o tempo deve ser reduzido para 05 a
10 min.

A solução permanece agindo no organismo, por mais de dois ou três dias após cada sessão.

Durante a sessão a pessoa se sente muito bem, pois a argila é realizada a temperatura
corporal ambiente.

 É muito importante, beber bastante água, pelo menos oito copos por dia, durante três
a quatro dias após cada sessão, já que a água ajuda no processo de drenagem das
toxinas e limpeza do organismo

Em forma de cataplasma para pequenas partes.

O uso da argila tem alguma contra indicação?

Segundo Raymond Dextreit, autor do livro -"A argila que cura"- é preciso tomar algumas
precauções:

- A argila utilizada nos tratamentos deve ser estéril e virgem,

- Não conter nenhum aditivo industrial,

- Não ser manipulada com metal (a não ser o aço-inox) ou plástico, e não aquecer no micro-
ondas

- Não ser aplicada em feridas abertas e em paciente que tenha feito uso recente de bebidas
alcoólicas ou tabaco.
Impresso por Vinicius, CPF 126.683.997-69 para uso pessoal e privado. Este material pode ser protegido por direitos autorais e não
pode ser reproduzido ou repassado para terceiros. 25/06/2020 14:46:57

Alguns autores ainda aconselham:

- No caso de se aplicar na região do ventre (plexo solar-caso da medicina chinesa ou


alternativa) deverá ser feito uma hora e meia a duas horas antes ou depois das refeições.

- Também é importante * não aplicar na região do coração na pessoa que possui marca-passo.
(Ou submetida a cirurgia cardíaca, conforme o caso);

- Evite usar a argila se estiver tomando antibióticos.

- Outros ainda não recomendam que mulheres durante o período menstrual ou durante a
gravidez, e pacientes muito debilitados, sejam submetidos a este tratamento.

*Nunca se reaproveita a argila. Se houver doença contagiosa, enterrar


profundamente e distante de moradias.

A capacidade de um profissional do segmento estético em alcançar resultados favoráveis


em seus procedimentos está intimamente ligada à sua relação com a Natureza. Em seu
poder está intimamente relacionado ao conhecimento que ele possui dos recursos por ela
oferecidos para curar, hidratar, reconstituir, desintoxicar, revitalizar, equilibrar ou
qualquer outra ação que se proponha.
As máscaras são poderosas auxiliares nos tratamentos estéticos. Elas reforçam e resolvem
todo o tipo de problemas em poucos minutos, principalmente pelo poder e concentração de
seus elementos, que funcionam como um verdadeiro tratamento de choque, simples, mas
extremamente eficiente.

Ampliando o poder das argilas, os óleos essenciais integram uma sinergia perfeita que
completa as ações dos minerais encontrados nas argilas. Os óleos essenciais são
substâncias encontradas sob forma líquida ou sólida nas folhas, caules, frutos, raízes ou
casca de vegetais, possuindo propriedades específicas que beneficiam a pele e
complementam o tratamento. Para que o uso das máscaras de argilas seja potencializado,
faz-se necessário o domínio de informações básicas sobre os produtos a serem utilizados e
os procedimentos básicos que os acompanham:

Óleos Essenciais

São substâncias extraídas de plantas aromáticas, seja da raiz, da madeira, das folhas, das
flores, dos frutos, das resinas, das sementes ou das cascas, através de processos
específicos como a destilação, a prensagem e a enfleurage.

São extremamente voláteis, isto é, evaporam à temperatura ambiente.


São aromáticos, possuem poder de cura e não se dissolvem em água. Extremamente
concentrados, devem ser 100% puros e naturais para serem usados terapeuticamente e
esteticamente. São considerados como princípio ativo da planta ou a “alma da planta”, a
quintessência da parte da planta responsável pela cura.

São tantas definições possíveis e totalmente válidas! O mais importante é que estes
Impresso por Vinicius, CPF 126.683.997-69 para uso pessoal e privado. Este material pode ser protegido por direitos autorais e não
pode ser reproduzido ou repassado para terceiros. 25/06/2020 14:46:57

compostos aromáticos são únicos, contendo suas próprias “impressões digitais”, cada uma
com suas propriedades curativas, dependendo de sua composição química. Devem ser
sempre diluídos em veículos carreadores, como óleos vegetais, cremes, géis, loções, de
preferência neutros, sem odor e sem derivados de petróleo (óleo mineral, que bloqueia os
poros da pele). Devem ser adquiridos de fornecedores reconhecidos, para que sua
procedência seja garantida.

São substâncias extraídas de plantas por destilação, expressão à frio ou enfloragem que
possuem certas características que as tornam únicas: devem ser puras - sem adição de
solventes ou outras substâncias químicas - naturais, aromáticas, curativas, de consistência
oleosa e voláteis, ou seja, evaporam à temperatura ambiente. Podem ser extraídas de
raízes (vetiver, gengibre - rizoma), folhas (eucalipto, hortelã, patchouli, alecrim, tea-tree,
Lemon Grass, citronela, cipreste), tronco (cedro, sândalo, pau rosa), resinas (olíbano e
mirra), frutos (laranja, limão, mandarina, bergamota, tangerina, lima), flores (lavanda,
gerânio, rosa, néroli, jasmim), etc. e suas propriedades variam de acordo com estas partes
das plantas. Cada óleo essencial é específico de uma região do planeta, variando suas
propriedades não só em função da parte da planta, mas também em função da região em que
é cultivada e das condições do solo, do clima, da altitude, entre outros fatores.

São PA altamente concentrados capazes de atuar no sistema nervoso, imunológico,


respiratório, digestivo e geniturinário

O Óleo Essencial em geral é fotossensibilizante, para não manchar ou queimar a pele, após o
uso do produto tenha certeza da pele estar muito limpa antes de se expor ao Sol ou
aguarde 12 horas antes de se expor ao Sol.

Teste de Sensibilidade - Aplique uma pequena quantidade do produto na parte interna do


braço e aguarde cerca de 1 hora. Interrompa o uso ao perceber qualquer irritação ou
sensibilidade ao produto.

Manter a embalagem bem fechada, ao abrigo do calor excessivo e da luz solar.

*Óleos Carreadores - Óleo Vegetal de Amêndoas Doce, Óleo Vegetal de Andiroba, Óleo
Vegetal de Argan, Óleo Vegetal de Copaíba Bálsamo, Óleo Vegetal de Jojoba, Óleo Vegetal
de Lucuma, Óleo Vegetal de Macadâmia, Óleo Vegetal de Maracujá, Óleo Vegetal Monoi de
Tahiti, Óleo Vegetal de Obliphica, Óleo Vegetal de Pequi, Óleo Vegetal de Pracaxi, Óleo
Vegetal de Rosa Mosqueta, Óleo Vegetal de Semente de Uva, Óleo Vegetal de Tamanu.
Impresso por Vinicius, CPF 126.683.997-69 para uso pessoal e privado. Este material pode ser protegido por direitos autorais e não
pode ser reproduzido ou repassado para terceiros. 25/06/2020 14:46:57

Quais são as argilas e suas diferentes composições?

Branca Rica em silício e alumínio e diversos oligoelementos. Promove aumento na


oxigenação de áreas congestionadas, a uniformização pela esfoliação suave e regula a
queratinização. Efeito: revitalizador. É uma argila primária composta de silicato de alumínio
hidratado resultante da alteração de rochas lavadas pela chuva. Possui um pH muito próximo
da pele e seus principais benefícios são: clarear, absorver oleosidade sem desidratar,
suavizar, cicatrizar e catalisar reações metabólicas do organismo. É indicada para o
tratamento de manchas, peles sensíveis e delicadas. É a mais leve de todas, possui
propriedades cicatrizantes, devido à elevada porcentagem de alumínio presente em sua
composição. É a menos absorvente sendo indicada para peles sensíveis e também usados em
máscaras faciais e loções Contém diversos oligoelementos, entre os minerais encontrados
destacam-se os de silício que reduz as inflamações, tem ação purificante, adstringente e
clareadores de manchas senis, micro- esfoliador da pele, agente desintoxicante corporal,
pode ser usado no corpo todo, retira a oleosidade da pele, combatendo cravos e espinhas,
reduz rugas e sinais de expressão.

Amarela Rica em silício, alumínio e oligoelementos. Resulta em efeito tensor e ativador


da circulação produzido pelo ferro, além do seu maior teor de potássio. Contribui para o
equilíbrio iônico e hidratante do gel celular. Efeitos: desinfiltrante, adstringente e
desintoxicante. Rica em Dióxido de Silício e Silício que é o elemento catalisador para
formação da base de colágeno da pele, por isso é indicada para rejuvenescimento e
tratamentos cosméticos. Tem alta capacidade de troca de cátions e aníons. Combate e
retarda o envelhecimento cutâneo, nutre com seus sais minerais necessários para um tecido
mais rígido e saudável sem deixá-lo ressecado. Tem ótimo efeito tensor e melhora a
circulação sanguínea. Tem ação hemostática, purificante, adstringente e remineralizante.
Tem efeito hidratante na pele e reduz as inflamações. Tem ótimo efeito tensor, o percentual
elevado de silício é indicada para revitalização cutânea

Marrom Argila rara com elevado teor de silício, alumínio e titânio e outros
oligoelementos. Resulta em efeito ativador da circulação, além de contribuir com um efeito
equilibrador e revitalizador. Efeitos: desinfiltrante, adstringente e
desintoxicante. Aplicações: pode ser utilizado em acnes como desintoxicante e secativo. Na
revitalização facial atua como renovador celular potente. Peles com excesso de ptose ou com
tendências a estrias podem fazer uso desta argila pois atuando como potente renovador
celular irá melhorar a consistência tecidual e evitar a formação de estrias, quanto as já
existentes auxilia na minimização do aspecto inestético. Graças a sua atuação na flacidez
oferece resultados ótimos nos tratamentos para as mamas.

Verde Rica em silício e diversos oligoelementos. Desinfiltra o interstício celular, é


esfoliante suave, promove a desintoxicação e regula a produção sebácea. Efeitos:
desintoxicante e adstringente. De origem francesa, sua coloração deve-se à presença de
óxido de ferro associado ao magnésio, cálcio, potássio, manganês, fósforo, zinco, alumínio,
silício, cobre, selênio, cobalto e molibdênio. De pH neutro, possui ação absorvente, combate
edemas, é secativa, emoliente, antisséptica, bactericida, analgésica e cicatrizante, indicada
para as peles oleosas e acneicas e em produtos para cabelos oleosos. Desinfrilta a molécula
Impresso por Vinicius, CPF 126.683.997-69 para uso pessoal e privado. Este material pode ser protegido por direitos autorais e não
pode ser reproduzido ou repassado para terceiros. 25/06/2020 14:46:57

celular, esfoliante suave, promove a desintoxicação e regula a produção sebácea. Aplicações:


estrias, gorduras localizadas, reprodução celular, melhora circulação sanguínea periférica,
atenua manchas, combate acnes e espinhas, absorvente, redutor de pesos e medidas,
descongestionante nutre os tecidos com sais minerais absorve radiação solar retardando o
envelhecimento, desintoxicante facial.

Vermelha Rica em silício e ferro e oligoelementos. Regula a microcirculação cutânea,


sendo recomendada para peles sensíveis, com couperose e avermelhadas. Efeitos: regulador
e tensor. É uma Argila Secundária porosa, pouco densa, rica em óxido de ferro e cobre.
Hidrata e previne o envelhecimento da pele. É anti-stressante, redutora de pesos e medidas.
O Óxido de Ferro tem papel importante na respiração celular e na transferência de elétrons.
Na pele, as carências deste elemento manifestam-se por uma epiderme fina, seca e com falta
de elasticidade. Aplicações: secativo, muito utilizado para cicatrização. Retira água em
excesso do tecido ao mesmo tempo que age diminuindo a oleosidade. Peles com pontos de
hiperqueratose ou espessadas apresentam uma melhora significativa na maciez e brilho.

Rosa Ideal para peles cansadas e sem viço. Vitaliza a pele, devolve a luminosidade natural
da pele, aumenta a circulação, absorve toxinas e hidrata a pele. A Argila Rosa é a mais suave
de todas as Argilas. É a mistura da Argila Branca com a Vermelha. É indicada para peles
sensíveis, delicadas, com vasinhos e rosácea, pois possui ação desinfetante, suavizante e
emoliente. Tem propriedades cicatrizantes e suavizastes. Por ser extremamente suave pode
ser usada todos os dias sem ressecar a pele, é recomendada para peles desidratadas e
delicadas. Auxilia na queima e na drenagem de celulite e gorduras localizadas. Aplicações:
Anti stress, Ideal para peles cansadas e sem viço. Vitaliza a pele (brilho), devolve a
luminosidade natural, melhora a circulação, anti-acne, anti- seborréia, absorve toxina e age
como hidratante. É indicado para peles sensíveis. Auxilia nos processos de drenagem e age
sobre hidrolipodistrofia e gordura localizada.

Azul É rara, conhecida como Argila dos Faraós, contém uma alta concentração de Mica,
que estimula a regeneração das células da pele, aumenta a produção de colágeno e ajuda a
reparar os estragos causados pelo Sol. É antisséptica e adstringente em peles oleosas e
acneicas. É revitalizante, ajuda a bloquear o processo de envelhecimento das células,
fortalece os tecidos. Clareadora, amaciante, remove células mortas, desintoxica a pele,
abrindo e oxigenando os poros. Possui capacidade de ação profunda e lenta, levando a um
resultado extremamente significativo em máscaras faciais.

Cinza rica em silício e alumínio e diversos oligoelementos. Efeitos: anti-inflamatório e


cicatrizante. Aplicações: varizes, contusões, luxações, tromboses e congestão venosa e
arterial que altera a coloração da pele. É reguladora da seborreia capilar, absorve a
irradiação solar, devido ao titânio presente

Roxa É recomendada para peles desvitalizadas, desidratadas, delicadas, sensíveis, com


vasinhos e rosáceas, pois possui ação desinfetante, emoliente e suavizante. No uso corporal
ela auxilia na queima e na drenagem de celulite e gorduras localizadas. A Argila além dos
benefícios da Argila Marrom e Roxa possui grande poder tensor e por esta razão é indicada
Impresso por Vinicius, CPF 126.683.997-69 para uso pessoal e privado. Este material pode ser protegido por direitos autorais e não
pode ser reproduzido ou repassado para terceiros. 25/06/2020 14:46:57

nos tratamentos de flacidez tissular. Combate à desestruturação do tecido conjuntivo devido


aos sinais de envelhecimento hidrata a pele e combate os radicais livres. A Argila Roxa
fornece todos os minerais necessários para devolver o viço e o brilho natural da pele. Por ser
rica em Ferro vitaliza e hidrata a pele, aumenta a circulação, absorve toxinas e o excesso de
oleosidade. Tem efeito relaxante e favorece a eliminação das toxinas, impurezas e radicais
livres originários do estresse cotidiano. Ativa a circulação, além de contribuir com um efeito
equilibrador e revitalizador celular. É eficaz contra a acne e espinha e tem efeito
rejuvenescedor do tecido.
Indicações: Todos os tipos de peles desvitalizadas, envelhecidas, envelhecidas
precocemente, sensíveis, desidratadas, manchadas, cansadas e sem viço.

Preta Argila rara com elevado teor de silício, alumínio e titânio e outros oligoelementos.
Resulta em efeito ativador da circulação, adstringente além de contribuir com a renovação
celular. Efeitos: anti-inflamatório, cicatrizante, tensor e desintoxicante. Quando usada como
ingrediente cosmético apresenta inúmeras virtudes e é muito terapêutica, que dá um toque
especial a qualquer linha de cosmética. É composta por uma elevada percentagem de
magnetita (Fe3O4), ou seja, apresenta uma elevada percentagem de ferro. A sua composição
confere-lhe atividade anti-inflamatória, anti-artrósica, absorvente, antitumoral e relaxante.
Tem atividade estimulante, antitóxica, antisséptica, redutora e adstringente. É uma argila
muito oxigenante e reactiva o que a torna muito eficaz quando inserida numa máscara de
rosto para peles maduras e em máscaras de corpo que combatem a flacidez. A argila preta
designada por iron. oxides aumenta a circulação sanguínea, acelera a renovação celular e
estimula as fibras de colágeno. Aplicações: É um material muito nobre. Raramente encontrado
tão puro. Esse material é retirado de uma profundidade maior de 4 metros. Devido ao alto
teor de silício e baixo percentual de ferro, pode ser usado tanto para cosmética quanto para
tratamento de doenças. Seu teor de titânio, agrupado com elevados percentuais de alumínio
e silício indicam um material excelente agente rejuvenescedor Tem ação anti-inflamatória, e
anti-estress. Melhora a circulação sanguínea periférica favorecendo a reprodução celular.

Dolomita A dolomita é uma espécie de calcário que se destaca pela alta


concentração de carbonato de cálcio e magnésio, dois minerais essenciais para o
desenvolvimento e bom funcionamento do organismo. Esses nutrientes são indispensáveis
para estimular a coagulação sanguínea, o fortalecimento dos ossos e músculos, além de
equilibrar o metabolismo e os batimentos cardíacos.
Dessa forma, a dolomita, que se difere da argila por sua textura muito fina e alta
absorção pela pele, é utilizada como um suplemento desses minerais e como uma máscara
natural para queimaduras, furúnculos, infecções cutâneas, assaduras, hematomas e
micoses.
Impresso por Vinicius, CPF 126.683.997-69 para uso pessoal e privado. Este material pode ser protegido por direitos autorais e não
pode ser reproduzido ou repassado para terceiros. 25/06/2020 14:46:57

Pó de Perola Desde os tempos antigos, o Pó de Pérola tem sido altamente


reconhecido na china como benéfico para a saúde. O pó de pérola é um ingrediente
amplamente usado em sofisticados e caros medicamentos chineses e em preparações
nutricionais para a saúde. O pó de pérola faz parte da cultura chinesa, por isso, o pó de pérola
aparece em todas as gravuras chinesas que retratam rostos e mulheres.
Recentemente, cientistas analisaram profundamente o pó de pérola e constataram que os
ingredientes mais benéficos do pó de pérola são os 14-18 aminoácidos (incluindo 8
aminoácidos que não podem ser sintetizados pelo corpo humano).
A absorção via pele é de 95 a 99%. Os tratamentos com pó de pérolas hidratam, suavizam,
reafirmam e revestem a pele. Pesquisas realizadas na china revelaram que as pérolas têm um
efeito benéfico sobre a pele. O pó da pérola previne a pigmentação, diminuindo o
desenvolvimento de melanina. Desta forma o pó da pérola mantém a pele clara e suave,
deixando-a com um brilho puro e radiante. Funções: Crescimento de novas células,
Preenchimento das células superficiais (suavidade e elasticidade), Clareamento da pele,
Proteção contra UV, Aumento da atividade de redução da melanina, Reparação dos danos
causados por UV , Redução da perda de água trans-epidermica, Ação Bactericida, Aumento
da oxigenação interna das células, Desintoxicação, Esfoliação Natural
Como criar tratamentos faciais com argilas?

Você pode criar diversos tratamentos individualizados de Argiloterapia, de acordo com


o tipo de pele ou o problema estético. Mas não faça dessas sugestões seu único
referencial. Experimente e crie novas combinações seguindo a tabela de indicações e
sinergias como uma referência inicial. Depois é só procurar conhecer as propriedades
dos óleos essenciais e aplicá-los conforme as indicações.

É também muito importante observar o tipo de pele para que a escolha do carreador
possa beneficiar a epiderme. Os carreadores podem ser emolientes, nutritivos e até
hidratantes.
Os carreadores em gel atendem as peles oleosas ou acneicas. Já os que estão em forma
de creme, são bastante recomendáveis que sejam formulados com óleo vegetal e não
com óleo mineral, para que não dificulte a penetrabilidade dos óleos essenciais, além de
evitar as formulações dos cosméticos que contenham perfumes, para não interferir na
associação com óleos essenciais.

Qual a melhor máscara para cada caso?

São as máscaras hidratantes, à base de agentes emolientes e umectantes que atraem a


água à superfície da epiderme tais com os óleos vegetais e essenciais.
As máscaras faciais de argila, em Argiloterapia, servem para limpar, nutrir, e
revitalizar a pele, por meio da eliminação de toxinas, da micro esfoliação e do estímulo
da circulação sanguínea local. Também podem acalmar e hidratar, dependendo dos
ingredientes utilizados.
No entanto, é importante que se utilize argila de boa procedência, dissolvida em água
vegetal ou destilada ou associada ao gel neutro.

Você também pode gostar