Você está na página 1de 3

Exercício 17 – Estudo de Caso: Aplicação dos Custos Evitados,

Economia de Custos e Custos de Oportunidade - Em Equipe

Aluno (a): Fernando Carvalho RA: 17.01116-7

Aluno (a): Tiago Campos RA: 17.01443-3

Aluno (a): Paulo Victor RA: 17.01687-8

Aluno (a): Bruno de Rosa RA: 17.02283-5

Período: N Turma: 1 Data: 27/08/2021

O Estudo de Caso tem o objetivo de apresentar situações de tomadas de decisões


econômicas em gerenciamento de sistemas produtivos e operacionais empresariais.

O Texto 01 apresenta os dois conceitos de Economia de Custos ou Cost Savings e


de Custos Evitados ou Avoidance Costs, suas diferenças e a importância de suas
aplicações práticas.

O Texto 02 introduz o Custo de Oportunidade ou Opportunity Costs e descreve um


estudo de caso aplicado em um Centro de Atendimento de Clientes Call Center.

Dessa forma pede-se que sua equipe desenvolva as seguintes atividades.

 Efetue individualmente a leitura dos Textos 01 e 02; destacando o estudo de caso


do Call Center apresentado no Texto 02;

 Elabore em equipe um resumo crítico dos dois textos apresentados, confrontando


os três conceitos de custos e sua aplicabilidade no gerenciamento de sistemas
produtivos e operacionais;

 Neste resumo crítico procurem inserir a relação destes três custos com a
aplicação do Custo de Ciclo de Vida Life Cycle Cost (LCC) e com o CAPEX e
OPEX;

 Utilizando o processo decisório do Call Center elaborem uma relação sequencial


de atividades (roteiro) que devem ser cumpridas e implantadas para avaliação
sistemática dessas três modalidades de custos, a saber, Savings, Avoided e
Opportunity. (Recomenda-se utilizar um fluxograma para descrever o roteiro de
atividades).
Resumo Crítico dos Artigos 1 e 2

As Economias de Custos (Costs Savings) referem-se às despesas já incorridas ou


os custos atualmente incidentes e que estão sendo pagos. Esse termo pode ser
entendido como um custo adicional que é ou foi removido de alguma transação ou
conta. Sendo assim, se uma empresa faz muitos leilões e conseguem diminuir o
preço de alguns produtos que eles comprarão (área de CAPEX), estão evitando
custos e isso gera mais dinheiro disponível para outras coisas. O Saving é
fundamental para que a empresa não gaste todo o dinheiro orçado no ano anterior,
sendo um dos KPI's mais importantes para a gestão da companhia. Por outro lado,
um Custo Evitado (Avoided Cost) também é uma economia de custos, mas a
referência da incidência dos custos (despesas) é um futuro e ainda não foi incorrido.
O Custo de Oportunidade Opportunity Cost refere-se a um ganho induzido que se
segue ao escolher uma alternativa em relação à outra. O Artigo 2 cita que a maioria
dos empresários não aceitam facilmente os três termos, entretanto, a economia de
custos, custo evitado e custo de oportunidade são termos relativos, ou seja, eles têm
significado apenas quando comparados um resultado a outro. Podem desempenhar
papéis importantes no planejamento de negócios, orçamento e apoio às decisões
estratégicas, táticas e operacionais. No Artigo 2, é apresentado um exemplo do
cálculo dos custos, baseado em um estudo de caso de um Call Center. A
administração comanda uma análise para projetar os resultados comerciais
prováveis sob três cenários diferentes, no impasse de contratar mais pessoas ou
investir em equipamentos e treinamentos, devido ao aumento do volume de
chamadas em uma velocidade muito grande. As despesas operacionais estão
relacionadas ao OPEX (Operational Expenditure) e as despesas de equipamentos
estão relacionadas ao CAPEX (Capital Expenditure). No Cenário 1 é realizada uma
estimativa do negócio como usual, tendo como ideia o investimento em funcionários.
Entretanto, isso seria apenas uma base para conseguir calcular a economia de
custos, os custos evitados e os custos de oportunidade. No Cenário 2, é feita uma
simulação da compra de equipamentos e treinamentos. Comparando os 2 primeiros
cenários, podemos observar que no primeiro só há a incidência do OPEX, sendo
que no segundo cenário há a incidência do OPEX e CAPEX. Os custos de OPEX
são menores no segundo cenário e, apesar de ter custos com maquinário, a soma
deles traria um Custo Evitado maior do que no primeiro cenário, tendo em mente
que ambos os cenários trazem o mesmo lucro. No Cenário 3, é relatado a
possibilidade de um outro investimento. Seria um investimento para obter o
Certificado de Depósito (CD) que paga um interesse muito atrativo de 10% ao ano.
No Cenário 3, o serviço do centro de chamadas call center se degrada e, como
resultado, os lucros brutos projetados são menores do que as projeções do Cenários
1 e 2. Com os 3 Cenários concluídos e tendo os custos exemplificados (CAPEX e
OPEX), foi possível observar os Custos Evitados e a Economia de Custos para
estudar os Custos de Oportunidade que podem estar explícitos ou implícitos. O
custo de oportunidade não é tão rotulado nos resumos de fluxo de caixa
apresentados, mas é visto ao encontrar um ganho esperado em um cenário que está
ausente em outro. É mencionado no caso prático um Saving de contas de luz, onde
são trocadas as lâmpadas fluorescentes por lâmpadas de LED, que geram menos
gastos e assim menos custos, estando relacionado ao LCC (Life Cycle Costing),
pois, nesse caso o custo da lâmpada está relacionado desde a compra até o
momento de descarte.

Verificar possíveis melhorias nesses Construir cenários diferentes para


Exemplificar os custos já existentes
custos avaliar o lucro

Identificar o ROI e os custos de Fazer uma análise minuciosa dos


Exemplificar os custos futuros
oportunidade cenários

Tomar a decisão

Você também pode gostar