Você está na página 1de 7

ZONA DE FRESNEL

5. Enlaces de Rádio de longa distância


Enlaces de rádio de longa distância são bem mais complexos de se executar. Embora a física e a
matemática envolvidas para se fazer o dimensionamento do sistema sejam basicamente as
mesmas, a chance de o enlace ser obstruído por algum obstáculo (relevo, prédio, arvores, chuva,
gases na atmosfera...) ou mesmo pela própria curvatura da terra é muito grande caso o enlace não
seja corretamente dimensionado, e as antenas corretamente alinhadas.

O campo que propaga a energia entre duas antenas em visada direta, se distribui em forma
elíptica (elipsoide de revolução), sendo que esta região é conhecida como Elipsoide de Fresnel,
que por sua vez pode ser dividida em várias pequenas zonas ou pequenos elipsoides Para evitar
que um enlace seja obstruído é preciso garantir que o primeiro elipsoide de fresnel não esteja
sendo "invadido" por nenhum obstáculo.

Figura 6 - Zonas de Fresnel

O Jubarte ainda não suporta o dimensionamento de enlaces de rádio em longas distâncias, para
isso seria preciso consultar uma base de dados com informações topográficas de modo a traçar o
perfil do terreno verificar possíveis obstruções. No entanto, dentro do módulo de rádio existe um
sub-módulo que permite ter uma boa noção se o seu primeiro elipsoide está sendo ou não
obstruído em pequenas distâncias. Para isso basta selecionar a opção FRESNEL na parte superior
da janela do módulo de rádio.

Condições de Simulação:

• Considerando as mesmas condições do exemplo anterior.


• A duas antenas, estão localizadas a 30 metros de altura cada uma e perfeitamente
alinhadas e com visada direta.
• A 300 metros de distância da primeira antena existe um condomínio de 25 metros
de altura.

A partir destas informações, vamos utilizar o sub-módulo de fresnel para verificar se o


condomínio está interferindo em nosso enlace, ou seja, interferindo no primeiro elipsoide de
fresnel.
Figura 7 - Interferência no 1º Elipsoide de Fresnel

A partir desta análise, podemos ver que o condomínio está interferindo na primeira zona fresnel e
consequentemente impedindo o funcionamento ideal de nosso enlace, sendo assim devemos
providenciar alguma alteração neste cenário para que ele se torne viável. Sendo assim podemos
aumentar a altura das antenas ou então demolir o condomínio. :)
Geral Tópico

O cálculo da potência no receptor fazer o perfil do solo.

Para executar este ajudou-nos dividir em várias etapas, finalmente, a questão para
determinar a potência no receptor que é nosso objetivo.

Passo 1: Breve descrição das terras em que trabalham.

A ligação entre os pontos selecionados Quivicán Guanajay e abrange uma distância


de 35 km, esta ligação pode transmitir vídeo, áudio e dados, se necessário, nós
escolhemos o percurso porque as características do terreno nesta área que é
predominantemente de baixa altura acima do nível do mar, contribuindo para este
projeto um link menos caro.

Dados:

Freqüência para que o trabalho de design é 13GHZ.


*

Taxa de transferência será 34Mbits / s.


*

Use antenas parabólicas com um ganho de 35dBi.


*

Energia terá um transmissor 800mW.


*

Receptor de sensibilidade do equipamento será de-80dBm.


*

Comprimento de ligação é 35 km.


*

Pontos de contato:
*

Guanajay = 100m. (Altura acima do nível do mar)


*

Quivicán = 40m. (Altura acima do nível do mar)


Passo 2: Completando o perfil de campo.

Distância. (Km)

Heights. (M)

100

2,2

50

100

14,6

40

16,1

50

18,5

50

19,3

50

19,6
40

20

40

21,2

50

24,2

50

35

40

Passo 3: Determinação do raio da zona de Fresnel 1.

Monografias.comMonografias.com

Monografias.com

Monografias.com

Passo 3: determinar H para a liberação de 70% da Zona de Fresnel.

H> 0,577 R1 para abrir caminho e lançaram uma margem de segurança é de 71%
da primeira zona de Fresnel.

Monografias.com

Para ser liberado 71% da altura da antena primeira zona de Fresnel seria:

Tx = altura da antena de 40m. (Guanajay)

Rx altura da antena = 35m. (Quivicán)


Etapa 4: Determinação da atenuações diferentes.

Espaço Livre de atenuação por determinação do balanço energético.

Monografias.com

Esta é a perda de espaço livre, a atenuação da linha é de 0,02 dB / m e, portanto,


assumindo uma longa fila para usar entre 105m receptor e transmissor tem que ser
uma atenuação de 2,1 dB.

Atenuação por gases e vapores.

Monografias.com

Monografias.com

Monografias.com

A atenuação devido à chuva.

Calculando polarização vertical para 0,01% do tempo e assumindo uma zona H é


obtido R = 32mm / h, determine os coeficientes e KH Monografias.comdonde get:

Monografias.com

Atenuação seria:

Monografias.com

Monografias.com

Comprimento eficaz.

Monografias.com

Monografias.com
*

O total de perdas.

Monografias.com

Passo 5: Determinação da Potência no Rx.

Monografias.com

Assumindo que a sensibilidade do Rx (-80dBm), porque então o link será


estabelecido sob as condições impostas e uma potência Tx ainda menor do que o
previsto. Além disso, considerando que-80dBm é um valor típico de sensibilidade:

Monografias.com

Deixe a seta para dois valores diferentes de K, Monografias.comy


Monografias.commediante a seguinte expressão:

Monografias.com

Este valor é obtido parar a seta no ponto crítico do km 9 Tx como um resultado da


consideração precedente para o valor da Monografias.com, a altura mais crítica é
afetado por uma mudança Monografias.com, impedindo desta forma 57,75% da
primeira zona de Fresnel. Isto leva a ter que mudar a altura da antena receptora,
mantendo a altura da antena transmissora, que é mostrado no documento a ser
lançado Monografias.compara 71% da 1 ª Zona de Fresnel Monografias.comse
precisa de uma altura de 60m.