Você está na página 1de 8

Módulo Q1

Soluções

Fichas

Ficha de diagnóstico – Módulo Q1


1. Opção (C). As restantes estão incorretas porque: (A) I é líquido a 25 °C, pois funde a −117,3 °C e vaporiza a 78,5 °C.
(B) II é gasoso a 80 °C, pois vaporiza a 65 °C. (D) IV é sólido a 3500 °C, pois só vaporiza a 4827 °C.
2.1 A curva B corresponde a uma substância com ponto de ebulição mais baixo: o éter. A curva A corresponde à acetona.
2.2 Éter: ponto de fusão = −116 °C e ponto de ebulição = 35 °C.
Acetona: ponto de fusão = −95 °C e ponto de ebulição = 56 °C.
3. Opção (C). As restantes estão incorretas porque: (A) Nos átomos o número de protões é igual ao número de eletrões.
(B) O que caracteriza um elemento químico é o seu número atómico, Z. (D) Isótopos de um elemento são átomos
com igual número atómico.
4.1 Opção (A), porque num átomo o número de protões é igual ao número de eletrões.
34
4.2 Opção (D). A = n.o protões + n.o neutrões ⟶ A = 16 + 18 = 34. A = n.o protões → Z = 16. 16 X .
5. Opção (C). Z(gás nobre) = 10; Z(X) = Z(gás nobre) + 2 → Z(X) = 10 + 2 = 12.
6.1 i) D e G.
D: n.o neutrões = A − Z → n.o neutrões = 37 − 17 = 20.
G: n.o neutrões = A − Z → n.o neutrões = 39 − 19 = 20.
ii) São cinco os elementos químicos representados, porque A e E são átomos do mesmo elemento, tal como B e D.
23
6.2 11F . Distribuição eletrónica: 2-8-1. Como possui um eletrão de valência, F tem tendência para ceder esse eletrão,
originando um ião monopositivo: F ⟶ F+ + e− . F+ possui dez eletrões e a sua distribuição eletrónica é 2-8.
7. Opção (B). As restantes estão incorretas porque: (A) Ao verificar-se uma reação química obtém-se novas substâncias,
os produtos da reação. (C) De acordo com a Lei de Lavoisier há conservação da massa. (D) O número de moléculas de
reagente pode ser diferente do número de moléculas dos produtos da reação.
8.1 Na2CO3
8.2 Aℓ2O3
8.3 H3PO4
8.4 Ba(OH)2
8.5 HNO3
9.1 P4 + 5 O2 ⟶ 2 P2O5
9.2 2 HCℓ + Mg(OH)2 ⟶ MgCℓ2 + 2 H2O
10.1 A pertence ao 2.o período da Tabela Periódica, porque os eletrões do seu átomo estão distribuídos por dois níveis de
energia.
10.2 B pertence ao grupo 17, porque possui sete eletrões de valência e é um elemento representativo. A antecede em
uma «casa» o elemento B e A e D pertencem ao mesmo grupo. Assim, A e D pertencem ao grupo 16 da Tabela
Periódica.
10.3 O elemento B, por possuir sete eletrões de valência, tem tendência para captar um eletrão, adquirindo a estrutura
eletrónica de um gás nobre: B + e− ⟶ B−.
10.4 D: 2-8-6.
10.5 Elemento D, porque tem os eletrões distribuídos por três níveis de energia.
10.6 O elemento C, porque tem os eletrões distribuídos por dois níveis de energia e a sua distribuição eletrónica e 2-8. C é
um gás nobre, logo é quimicamente estável e possui uma elevada energia de ionização.

Ficha formativa 1 – Módulo Q1


1. (A) protões (B) protões / neutrões (C) número atómico (D) protões (E) eletrões / iões (F) positiva / cederam
(G) aniões / captaram
48
2. Opção (D). Z = n.o protões = n.o eletrões → Z = 22. A = Z + n.o neutrões → A = 22 + 26 = 48. 22 A .

50 Editável e fotocopiável © Texto | Química – Ensino Profissional


Módulo Q1

3. Opção (B). n.o neutrões = A − Z → n.o neutrões = 16 − 8 = 8. n.o protões = Z → n.o protões = 8. n.o eletrões = 8 + 2
=10. A sequência é: 8, 8 e 10.
4. Opção (A). O número atómico do isótopo tem de ser 19 e o número de neutrões diferente de 20, porque isótopos
são átomos do mesmo elemento que diferem no número de neutrões.

Editável e fotocopiável © Texto | Química – Ensino Profissional 51


Módulo Q1

5.1
Número de Carga Número de Carga
Partícula
protões nuclear eletrões elétrica total
Átomo de
20 +20 20 0
cálcio
Ião cálcio 20 +20 18 +2
5.2 Ca → Ca + 2 e
2+ −

6. S2−: carga nuclear = +16, logo tem 16 protões. N.o eletrões = Z + 2 = 16 + 2 = 18.
Aℓ3+: carga nuclear = +13, logo tem 13 protões. N.o eletrões = Z − 3 = 13 − 3 = 10.
7.1 i) Os átomos representados são nove, pois não existem dois átomos iguais.
ii) O número de elementos é 5.
iii) A, B e C são átomos do mesmo elemento (Z = 8), D e E são átomos do mesmo elemento (Z = 12) e G e H são
átomos do mesmo elemento (Z = 17).
16,0× 99,76+17,0 ×0,04 +18,0 ×0,20
7.2 Ar = ⇔ Ar = 16,00.
100
8.1 10Ne: 2-8

8.2 17Cℓ : 2-8-8
3+
8.3 13Aℓ : 2-8

8.4 20Ca: 2-8-8-2

8.5 15P: 2-8-5

9.1 2-8-6
9.2 i) 6 ii) 6 iii) 16 iv) +16
10.1 O ião óxido é um anião, porque possui carga total negativa.
10.2 Opção (D). A distribuição eletrónica de O2− é 2-8. O ião O2− formou-se a partir de um átomo de oxigénio que captou
dois eletrões: O + 2 e− ⟶ O2−.
10.3 O: 2-6.
10.4 Opção (C), porque o número de protões é igual no ião e no átomo de onde provém. A carga nuclear do ião é igual à
carga nuclear do átomo de oxigénio, que é igual a +8. A nuvem eletrónica de O 2− é maior do que a do átomo de
oxigénio.

Ficha formativa 2 – Módulo Q1


1. Opção (C). As restantes estão incorretas porque: (A) Na Tabela Periódica, os elementos estão colocados por ordem
crescente do seu número atómico. (B) e (D) Os elementos representativos de um mesmo grupo da Tabela Periódica
apresentam propriedades químicas semelhantes.
2. Opção (C). Os elementos A e C pertencem ao mesmo período da Tabela Periódica porque têm os eletrões
distribuídos por igual número de níveis de energia. Contudo, pertencem a grupos diferentes: A pertence ao grupo 5 e
C pertence ao grupo 2.
3.1 a = +11; b = 11; c = 3; d = 17; e = +1; f = 1; g = +12; h = 12.
3.2 A: 2-8-1.
3.3 Halogéneos, porque são elementos cujos átomos possuem sete eletrões de valência.
3.4 O elemento C pertence ao grupo 1 e ao 1.o período.
4.1 i) B, F e N. ii) I e L. iii) C e E (formam, respetivamente, os catiões C+ e E2+). iv) Z(M) = 18; M: 2-8-8.
4.2 C: grupo 1 e 5.o período. H: grupo 15 e 2.o período. L: grupo 16 e 3.o período.
4.3 Gases nobres (elementos do grupo 18).
5. Opção (C). Se B− tem distribuição eletrónica 2-8, então a distribuição eletrónica de B é 2-7. B pertence ao grupo 17 e
ao 2.o período. É um halogéneo.
6. Opção (D), porque só possui dois eletrões no primeiro nível de energia. O nível está completo.
7. Opção (C). Os elementos A e B pertencem ao mesmo grupo da Tabela Periódica, porque ambos possuem igual
número de eletrões de valência: 7. São halogéneos e não-metais. A energia de ionização de B é superior à de A,
porque a energia de ionização diminui ao longo do grupo.
8.1 Estão completamente preenchidos dois níveis de energia: o nível 1 (ou camada K) e o nível 2 (ou camada L).

52 Editável e fotocopiável © Texto | Química – Ensino Profissional


Módulo Q1

8.2 X pertence ao 3.o período, porque tem os seus eletrões distribuídos por três níveis de energia, e ao grupo 16, porque
é um elemento representativo com seis eletrões de valência.

Editável e fotocopiável © Texto | Química – Ensino Profissional 53


Módulo Q1

8.3 Opção (B). Se Y se encontra imediatamente à esquerda de X, a sua distribuição eletrónica é 2-8-5. São elementos do
mesmo período. Ao longo do período o raio atómico diminui e a energia de ionização aumenta.
9. Opção (B). Sendo do mesmo período, o elemento alcalino (do grupo 1) apresenta maior raio atómico do que o
elemento alcalinoterroso (do grupo 2), porque o raio diminui ao longo do período.
As restantes estão incorretas porque: (A) Um átomo de halogéneo (do grupo 17) apresenta maior energia de
ionização do que um átomo alcalinoterroso, porque a energia de ionização aumenta ao longo do período. (C) Um
átomo de um gás nobre do 2. o período apresenta menor raio atómico do que um gás nobre do 4. o período, porque o
raio atómico aumenta ao longo do grupo. (D) Um átomo de um elemento do grupo 14 apresenta menor energia de
ionização do que um átomo de um elemento do grupo 16, porque a energia de ionização aumenta ao longo do
período.

Ficha formativa 3 – Módulo Q1


1. Opção (C). As restantes estão incorretas porque: (A) Os átomos quando estabelecem uma ligação química tendem a
encontrar um estado estável de menor energia. (B) Na ligação covalente há partilha de eletrões. (D) A ligação
covalente simples possui menor energia de ligação e maior comprimento do que as ligações covalentes duplas e
triplas.
2.1 Ligação covalente tripla, porque a molécula forma-se pela partilha de três pares de eletrões.
2.2 Opção (C). Correção das falsas: (A) A ligação entre os átomos de nitrogénio é covalente tripla. (B) Os dois átomos de
nitrogénio partilham seis eletrões (ou seja, três pares de eletrões). (D) A energia dos átomos de nitrogénio separados
é superior à energia dos átomos de nitrogénio ligados para formar a molécula de nitrogénio.
3. Verdadeiras: (B) e (D). As outras são falsas, porque: (A) A molécula de cloro possui um par de eletrões ligantes e seis
pares de eletrões não-ligantes. (C) Na molécula de cloro a ligação entre os átomos é covalente simples e na molécula
de oxigénio a ligação entre os átomos é covalente dupla.
4.1 Z(O) = 8; O: 2-6. O átomo de oxigénio possui seis eletrões de valência. Assim, a molécula O 2 possui 12 eletrões de
2−¿¿
valência e o ião O 2 possui 2 × 6 + 2 = 14 eletrões de valência.

O2: O2−¿¿
2 :
4.2 A molécula O2 possui uma ligação covalente dupla e o ião O2−¿¿
2 possui uma ligação covalente simples. A ligação
covalente dupla tem maior energia e menor comprimento de ligação do que a ligação simples.
O2 O 2−¿¿
2

Energia de ligação / kJ mol−1 498 146


Comprimento de ligação / pm 121 148
5. Opção (A).
6.1 Através de uma ligação covalente, na qual os eletrões são partilhados por ambos os átomos.
6.2 Representando por X o elemento do grupo 14 (quatro eletrões de valência) e por Y o elemento do grupo 17 (sete
eletrões de valência) tem-se:

7. (A) 2; (B) 1; (C) 3; (D) 4.


8. Opção (D). As restantes estão incorretas porque: (A) Quando se forma uma ligação química liberta-se energia. (B) A
ligação iónica estabelece-se apenas por transferência de eletrões de valência. (C) Uma ligação metálica é tanto mais
forte quanto maior for o número de eletrões de valência e quanto maior for a carga nuclear.
9. (A) 3; (B) 1; (C) 5; (D) 4; (E) 2.

54 Editável e fotocopiável © Texto | Química – Ensino Profissional


Módulo Q1

Teste final – Módulo Q1

Grupo I
1. Afirmação (B). As restantes estão incorretas porque: (A) As partículas constituintes dos núcleos são os protões e os
neutrões. (C) Num átomo, o número de protões é sempre igual ao número de eletrões. (D) A massa do protão é
praticamente igual à massa do neutrão.
39
2. Opção (D). 19 K → n.o neutrões = A − Z ⇔ n.o neutrões = 39 − 19 = 20.
3. Opção (D). A afirmação III não está correta porque o número de massa, A, corresponde à soma do número de
protões com o número de neutrões.
4.1 Estão representados quatro elementos químicos, de números atómicos respetivamente iguais a 3, 6, 11 e 17.
4.2 X e Z, e Y e U, são isótopos entre si porque possuem o mesmo número atómico.
4.3 T: 2-8-7.
4.4 Afirmação (C). As restantes estão incorretas porque: (A) O número atómico de Y é igual ao número atómico de U.
(B) Os átomos de W têm tendência para formar iões monopositivos. (D) Os átomos de T têm tendência para formar
iões mononegativos.
5. Afirmação (B). As restantes estão incorretas porque: (A) Os níveis de energia não contêm igual número de eletrões.
(C) Os níveis de energia que se preenchem em primeiro lugar são os de energia mais baixa. (D) O número total de
eletrões que os níveis 1, 2 e 3 comportam, no máximo, são respetivamente 2, 8 e 18.

Grupo II
1. Afirmação (A). As restantes estão incorretas porque: (B) B e D são átomos de elementos que pertencem ao mesmo
grupo da Tabela Periódica. (C) O número de neutrões de A é 13 e o número de neutrões de D é 16. (D) Os átomos do
elemento D formam iões D2−.
2.1 Grupo 2 - possui 2 eletrões de valência. 3.o período - os eletrões estão distribuídos por três níveis de energia. X: 2-8-2.
2.2 Possui dois eletrões de valência.
2.3 X ⟶ X2+ + 2 e−
2.4 O número de eletrões de X2+ é igual ao número de eletrões do gás nobre que o antecede na Tabela Periódica.
3.1 A: 2-8-8; B: 2-8-7; C: 2-8-1; D: 2.
3.2 i) A pertence ao grupo 18, B pertence ao grupo 17, C pertence ao grupo 1 e D pertence ao grupo 18 (porque tem o
nível 1, ou camada K, completo).
ii) A, B e C pertencem ao 3.o período e D pertence ao 1.o período.
3.3 i) O que apresenta maior energia de ionização é D. Os restantes elementos pertencem ao mesmo período e a energia
de ionização aumenta ao longo do período. Assim: Ei(C) < Ei(B) < Ei(A) < Ei(D).
ii) O que possui menor raio atómico é D porque pertence ao 1. o período. Os restantes elementos pertencem ao
mesmo período e o raio atómico diminui ao longo do período. Assim: ratómico(D) < ratómico(A) < ratómico(B) < ratómico(C).

Grupo III
1.1 Apresenta 6 eletrões de valência - grupo 16. Tem os seus eletrões distribuídos por 3 níveis de energia - 3. o período.
1.2 O raio atómico de W é menor do que o raio atómico de Y porque são elementos do mesmo período e Z(W) > Z(Y).
1.3 H2W
1.4

2.1 11Na:2-8-1; 13Aℓ: 2-8-3; 15P: 2-8-5; 17Cℓ:2-8-7. Pertencem ao 3.o período da Tabela Periódica
2.2 11Na e 19K porque são elementos do mesmo grupo da Tabela Periódica – grupo 1, metais alcalinos. Têm igual número

de eletrões de valência (1).


2.3 i) Na2O
ii) Ligação iónica entre os iões Na+ e O2−.
2.4 15P: 2-8-5. Os átomos de fósforo necessitam de mais três eletrões para apresentar uma distribuição eletrónica

semelhante à do gás nobre mais próximo de si na Tabela Periódica, que é o árgon ( 18Ar). Deste modo, estabelecem-se
três ligações covalentes simples entre o átomo de fósforo e três átomos de hidrogénio: PH 3.

Editável e fotocopiável © Texto | Química – Ensino Profissional 55


Módulo Q1

Questões laterais – Manual

Página 5
11
• 5 B : n.o protões = n.o eletrões = 5; n.o neutrões = 11 – 5 = 6.
Página 9
16
• a) 8 O2−¿ ¿ possui 8 + 2 = 10 eletrões.
b) O número de massa não se altera com o ganho ou a perda de eletrões. Deste modo, o número de massa deste ião
é igual ao número de massa do átomo que lhe deu origem.

Página 11
• O terceiro nível de energia pode conter, no máximo, 2 × 32 = 18 eletrões.
32
• 16 S : 2-8-6
Página 17
• Os elementos do grupo 1 têm um eletrão de valência e, por isso, têm tendência para perdê-lo dando origem a iões
monopositivos. Os elementos do grupo 2 têm dois eletrões de valência e, por isso, têm tendência para perdê-los dando
origem a iões bipositivos. Os elementos do grupo 17 têm sete eletrões de valência e, por isso, têm tendência para
captar um eletrão dando origem a iões mononegativos.
16
O: 2-6 ; 199 F : 2-7 ; 23 35
• 8 11 Na: 2-8-1 ; 17 C l : 2-8-7
19 35
a) 9 F e 17C l pertencem ao mesmo grupo da Tabela periódica (grupo 17).
16 19 23 35
b) 8O e 9 F pertencem ao mesmo período da Tabela periódica (2. o período), tal como 11 Na e 17 C l (3.o período).

Página 21
• X e Y são átomos de elementos do 3.o período da Tabela Periódica, mas X pertence ao grupo 2 e Y ao grupo 15. Como o
raio atómico diminui ao longo do período, Y é o que apresenta menor raio atómico.

Página 23
• O valor da energia de ionização aumenta ao longo do período e diminui ao longo do grupo. Be e C são do 2. o período da
Tabela Periódica, mas C pertence ao grupo 16 enquanto Be pertence ao grupo 2. Be e Mg pertencem ao mesmo grupo
da Tabela Periódica, mas Mg localiza-se no 3.o período. Assim: Ei(Mg) < Ei(Be) < Ei(C).

Página 29
• a) Ligação covalente dupla.
b) Ligação covalente simples.

Página 30
• a) 1: ligação covalente dupla; 2: ligação covalente simples.
b) A molécula possui quatro pares de eletrões não-partilhados, ou seja, possui oito eletrões não-partilhados.
c) A ligação 1 (covalente dupla) apresenta maior energia de ligação e a ligação 2 (covalente simples) apresenta maior
comprimento de ligação.

Página 35
• a) Substância polar: HCℓ.
b) Substâncias apolares: Cℓ2 e CO2.

Página 36
● a) Na
b) [Na]+
c)

d)

e)

Página 37

56 Editável e fotocopiável © Texto | Química – Ensino Profissional


Módulo Q1

• Substância metálica: cobre, Cu. Substância iónica: cloreto de magnésio, MgCℓ2. Substância molecular: dióxido de enxofre,
SO2.

Editável e fotocopiável © Texto | Química – Ensino Profissional 57

Você também pode gostar