Você está na página 1de 5

UEPG – FARMÁCIA ESCOLA

Av. Carlos Cavalcanti, 4748 – Campus de Uvaranas


Fone: 3220-3247 ou 3220-3772 - Ponta Grossa - PR
CNPJ: 80.257.355/0001-08
PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO
POP Nº EMISSÃO EM: APROVADO EM: REVISÃO EM: PÁGINA:
70/001-A 01/03/04 1/5
ELABORADO POR: VERIFICADO POR: APROVADO POR: Ana C.
Stefânia Aparecida Vieira CARGO: O. Toledo
CARGO: Estudante CARGO: Diretora técnica

PREPARAÇÃO DE MATRIZ HOMEOPÁTICA: MÉTODO HAHNEMANNIANO


ESCALA DECIMAL (DH)

1. OBJETIVO

Procedimento Operacional Padrão a partir de Tintura-mãe para


manipulação de matriz homeopática pelo Método Hahnemanniano - escala
Decimal (DH)

2. ALCANCE

Laboratório de Manipulação Homeopática

3. RESPONSABILIDADE

Responsabilidade: Farmacêutica e das pessoas que trabalham no


laboratório.

4- MATERIAIS:

4.1- equipamentos
 Sucussionador
 Deionizador
 Alcoômetro de Gay-Lussac
 Sistema de obtenção de água purificada
 Balança de precisão com no mínimo 2 casas decimais
 Estufa para secagem e esterilização
 Termômetros

4.2- soluções
 Etanol 70 %
 Água destilada ou bidestilada

( x ) Cópia controlada ( ) Cópia não controlada


Ana Cristina Oltramari Toledo – Diretora Técnica
UEPG – FARMÁCIA ESCOLA
Av. Carlos Cavalcanti, 4748 – Campus de Uvaranas
Fone: 3220-3247 ou 3220-3772 - Ponta Grossa - PR
CNPJ: 80.257.355/0001-08
PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO
POP Nº PREPARAÇÃO DE MATRIZ HOMEOPÁTICA: PÁGINA:
70/001-A MÉTODO HAHNEMANNIANO ESCALA 2/5
DECIMAL (DH)

 Etanol a 96% (v/v)


 Glicerol e solução glicerinada (drogas solúveis em glicerol de origem
biológica)
 Soluções hidroalcoólicas em diferentes graduações (drogas de origem
mineral)

4.3- utensílios.
 Frascos de vidro âmbar de diversos volumes
 Frascos dinamizadores de vidro âmbar, munidos de tampa e batoques
tipo bolha.
 Funis de vidro
 Conta-gotas
 Cálice ou proveta de vidro
 Cânulas de vidro, polipropileno, ou polietileno de alta densidade.
 Micropipeta e/ou repipetador automático
 Espátulas de porcelana e aço inox

5- PROCEDIMENTO:
Preparação de matriz homeopática: Método Hahnemanniano: Escala Decimal
(DC).

5.1.PONTO DE PARTIDA: TINTURA - MÃE


NOTA: Insumo Inerte: Solução hidroalcoólica do mesmo título da tintura-mãe,
até a 6 DH ( solução hidroalcoólica 70 %).

5.1.1.Coloque nos frascos a quantidade de insumo inerte necessária, usando 9


partes (escala decimal);
5.1.2. Adicione uma parte do ponto de partida ao primeiro frasco (o líquido a ser
sucussionado deverá ocupar 2/3 da capacidade do frasco utilizado na
preparação);
5.1.3. Feche o frasco e proceder as 100 sucussões, manuais ou mecânicas;
5.1.4.Supondo como ponto de partida a tintura-mãe, obtém-se assim a 1 DH (de
acordo com a escala utilizada);

( x ) Cópia controlada ( ) Cópia não controlada


Ana Cristina Oltramari Toledo – Diretora Técnica
UEPG – FARMÁCIA ESCOLA
Av. Carlos Cavalcanti, 4748 – Campus de Uvaranas
Fone: 3220-3247 ou 3220-3772 - Ponta Grossa - PR
CNPJ: 80.257.355/0001-08
PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO
POP Nº PREPARAÇÃO DE MATRIZ HOMEOPÁTICA: PÁGINA:
70/001-A MÉTODO HAHNEMANNIANO ESCALA 3/5
DECIMAL (DH)

5.1.5.Transfira uma parte da 1 DH, par ao segundo frasco, onde deve estar a
quantidade de insumo inerte necessária (9 partes);
5.1.6.Feche o frasco e proceder as 100 sucussões manuais ou mecânicas;
5.1.7.Obtenha assim a 2 DH;
5.1.8.Proceda de forma idêntica para as preparações subseqüentes, até atingir a
dinamização desejada (matriz);
5.1.9.Guarde em frasco bem fechado, ao abrigo da luz e devidamente rotulado
com nome completo do medicamento e o grau de potência da DH. . Exemplo 1
(anexo).

OBS: para estoque de matriz utilizar etanol 70%

5.2.PONTO DE PARTIDA: DROGAS SOLÚVEIS


NOTA: Substância que atenda ao critério de solubilidade referente aos termos
descritivos da Farmacopéia Brasileira: muito solúvel facilmente solúvel, solúvel e
ligeiramente solúvel (Tabela 1). Vide NOTA (anexos).

5.2.1.Disponha sobre a bancada, tantos frascos quantos forem necessários para


preparar a dinamização desejada (um frasco para cada etapa de dinamização,
lavados e esterilizados);
5.2.2..Ordene e identifique-os. Inicie o trabalho da esquerda para a direita.
5.2.3.Em um cálice, dissolva uma parte da droga, pesada numa balança de
precisão, em qsp dez partes (escala decimal) de insumo inerte adequado.
Transfira essa solução para o primeiro frasco;
5.2.4.Feche o frasco e proceder as 100 sucussões, manuais ou mecânicas ( o
líquido a ser sucussionado deverá ocupar 2/3 da capacidade do frasco utilizado
na preparação);
5.2.5.Obtenha assim a 1 DH ;
5.2.6.Coloque nos frascos seguintes a quantidade de insumo inerte necessária e
adequada ( até a 6 DH o mesmo insumo inerte que solubilizou a droga), usando
9 partes (escala decimal);
5.2.7.Transfira1 parte da 1 DH, para o segundo frasco, onde deve estar a
quantidade de insumo inerte necessária (o líquido a ser sucussionado deverá
ocupar 2/3 da capacidade do frasco utilizado na preparação);

( x ) Cópia controlada ( ) Cópia não controlada


Ana Cristina Oltramari Toledo – Diretora Técnica
UEPG – FARMÁCIA ESCOLA
Av. Carlos Cavalcanti, 4748 – Campus de Uvaranas
Fone: 3220-3247 ou 3220-3772 - Ponta Grossa - PR
CNPJ: 80.257.355/0001-08
PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO
POP Nº PREPARAÇÃO DE MATRIZ HOMEOPÁTICA: PÁGINA:
70/001-A MÉTODO HAHNEMANNIANO ESCALA 4/5
DECIMAL (DH)

5.2.8.Feche o frasco e proceda as 100 sucussões manuais ou mecânicas.


Obtém-se assim a 2 DH;
5.2.9.Proceda de forma idêntica para as preparações subseqüentes, até atingir a
dinamização desejada (matriz);
5.2.10.Guarer em frasco bem fechado, ao abrigo da luz e devidamente rotulado
com nome completo do medicamento e o grau de potência da DH.

OBS: para estoque de matriz utilizar etanol 70%

6- REFERÊNCIAS:

Farmacopéia Homeopática Brasileira 2ª ed.

7- HISTÓRICO:
Não aplicável

8- DEFINIÇÕES E OBSERVAÇÕES

8.1. Matriz álcool 70% (DH)

9- ANEXOS

1 -Tabela de solubilidade
Características Quantidade de Solvente
Muito solúvel Menos de 1 parte
Facilmente solúvel 1 a 10 partes
Solúvel 10 a 30 partes
Ligeiramente solúvel 30 a 100 partes
Pouco solúvel 100 a 1.000 partes
Muito pouco solúvel 1.000 a 10.000
Praticamente insolúvel ou Insolúvel Mais de 10.000 partes

( x ) Cópia controlada ( ) Cópia não controlada


Ana Cristina Oltramari Toledo – Diretora Técnica
UEPG – FARMÁCIA ESCOLA
Av. Carlos Cavalcanti, 4748 – Campus de Uvaranas
Fone: 3220-3247 ou 3220-3772 - Ponta Grossa - PR
CNPJ: 80.257.355/0001-08
PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO
POP Nº PREPARAÇÃO DE MATRIZ HOMEOPÁTICA: PÁGINA:
70/001-A MÉTODO HAHNEMANNIANO ESCALA 5/5
DECIMAL (DH)

NOTA: Devemos sempre que necessário, buscar nas monografias o grau de


solubilidade da droga, o insumo inerte utilizado na dissolução desta e a técnica
apropriada para promover esta solubilização. Na falta da monografia, pesquisa-se a
solubilidade das substâncias em literatura especializada. Às vezes, precisa-se lançar
mão de um banho-maria para que ocorra uma boa dissolução da droga.

Exemplo 1: Escala Decimal – D, DH, X

1º frasco
1 parte TM 1 DH 1/10 da básica
9 partes Insumo Inerte

2º frasco
1 parte 1DH 1/10 da 1DH
9 partes do Insumo Inerte 2 DH 1/100 da básica

3º frasco
1 parte 2DH 3DH 1/10 da 2DH
9 partes do Insumo inerte 1/1.000 da básica

( x ) Cópia controlada ( ) Cópia não controlada


Ana Cristina Oltramari Toledo – Diretora Técnica

Você também pode gostar