Você está na página 1de 5

PROVA - ASSISTÊNCIA FARMACÊUTICA

1-A base nacional de dados de ações e serviços da Assistência Farmacêutica, referente ao


Componente Básico da Assistência Farmacêutica no âmbito do Sistema Único de Saúde,
respeita a organização dos serviços farmacêuticos no âmbito dos Estados, Distrito Federal e
Municípios, nos seguintes termos:

I. O Distrito Federal, os municípios e, quando exercerem essas atividades, os estados enviarão


os registros das entradas, saídas e dispensações dos medicamentos do Componente Básico.

II. O estado enviará os dados de entrada, saída e dispensação dos medicamentos do


Componente Básico, de responsabilidade dos municípios, se pactuado na Comissão
Intergestores Bipartite.

III. Estados enviarão os registros das entradas e saídas dos medicamentos do Componente
Básico adquiridos de forma descentralizada pelo Ministério da Saúde.

Quais estão corretos?

A) Apenas II.

B) Apenas I e II.

C) Apenas I e III.

D) Apenas II e III.

E) I, II e III.

2-Quanto à aquisição dos componentes da Assistência Farmacêutica, analise as assertivas


abaixo:

I. Componente básico: Ministério da Saúde, ou estados, ou municípios, conforme pactuação


bipartite.
II. Componente especializado: municípios.
III. Componente estratégico: Ministério da Saúde.

Quais estão corretas?

A) Apenas II.
B) Apenas I e II.

C) Apenas I e III.

D) Apenas II e III.

E) I, II e III.

3-Em relação à Atenção Farmacêutica, analise as afirmativas abaixo e assinale a correta:

A) Não existe uma proposta de consenso sobre a atenção farmacêutica no Brasil.

B) Corresponde a uma prática profissional voltada para a otimização da farmacoterapia do


paciente, priorizando a redução dos custos do tratamento.

C) Provisão responsável do tratamento farmacológico com o objetivo de alcançar resultados


concretos que melhorem a qualidade de vida dos pacientes.

D) Existem vários conceitos de atenção farmacêutica atualmente, e diferem e muito da


proposta original de Strand e Hepler.

4- Com relação às Interações Medicamentosas, marque a alternativa que não corresponde aos
fatores que influenciam a incidência destas interações:

A) Ordem de administração.

B) Via de administração.

C) Tempo de administração.

D) Posologia.

E) Forma farmacêutica.

5- Relacione a Coluna 1 à Coluna 2, de acordo com os conceitos relativos à Relação Nacional


de Medicamentos Essenciais (RENAME).
Coluna 1
1. Componente Básico da Assistência Farmacêutica.
2. Componente Especializado da Assistência Farmacêutica.
3. Componente Estratégico da Assistência Farmacêutica.
4. Medicamentos de uso hospitalar.
Coluna 2
( ) Relação de medicamentos e insumos voltados para o controle de doenças e agravos
específicos com potencial impacto endêmico.
( ) Relação de medicamentos e de insumos farmacêuticos voltados aos principais problemas de
saúde e programas da Atenção Primária.
( ) Possuem descrição nominal própria no Sigtap e integram os procedimentos financiados por
Autorização de Internação Hospitalar (AIH) ou por Autorização de Procedimento Ambulatorial
de Alta Complexidade (Apac).
( ) Busca garantir a integralidade do tratamento medicamentoso, em nível ambulatorial, para
algumas situações clínicas, principalmente, agravos crônicos, com custos de tratamento mais
elevados ou de maior complexidade.
A ordem correta de preenchimento dos parênteses, de cima para baixo, é:

Alternativas

A) 1 – 2 – 4 – 3.

B) 2 – 1 – 4 – 3.

C) 2 – 4 – 3 – 1.

D) 3 – 4 – 1 – 2.

E) 3 – 1 – 4 – 2.

6- Frente à multiplicidade de produtos farmacêuticos lançados constantemente e a falta de


recursos financeiros, é de fundamental importância o estabelecimento de prioridades, para que
exista uma oferta de medicamentos seguros, eficazes e que atendam as reais necessidades da
população, implicando benefícios terapêuticos e econômicos.
O aspecto do ciclo da assistência farmacêutica a que se refere o texto é a:

A) programação.

B) seleção.

C) distribuição.

D) dispensação.

E) substituição.
7- Na Política Nacional de Medicamentos, há uma reorientação da assistência farmacêutica e
dos modelos de assistência farmacêutica. As ações incluídas nesse campo da assistência
terão por objetivo implementar, no âmbito das três esferas do Sistema Único de Saúde (SUS),
todas as atividades relacionadas à promoção do acesso da população aos medicamentos
essenciais. A reorientação do modelo de assistência farmacêutica, coordenada e disciplinada
em âmbito nacional pelos três gestores do Sistema, deverá estar fundamentada no(a):

A) descentralização da gestão.

B) uso irracional dos medicamentos.

C) ineficácia do sistema de distribuição no setor público.

D) desenvolvimento de iniciativas que possibilitem a elevação nos preços dos produtos,


viabilizando, inclusive, o acesso da população aos produtos no âmbito do setor privado.

8- Para o uso racional de medicamentos, é fundamental a implantação de Centros de


Informações sobre Medicamentos. Nesse tipo de estrutura, é fundamental:

A) a existência de bibliografia exclusiva do país onde está.

B) a existência de profissionais de várias áreas, mesmo que não seja especialista, podendo
avaliar o tipo de informações sobre medicamentos.

C) a análise, a avaliação e o fornecimento de comunicação adequada para o paciente, visando


ao seu benefício quanto ao uso do medicamento.

D) a presença de vários bulários, sem a necessidade de artigos científicos, pois essa é a


informação direta para o paciente.

9- Considerando os princípios da Política Nacional de Assistência Farmacêutica, normatizada


pela Portaria nº 338/2004, do Conselho Nacional de Saúde, está correto afirmar que:

A) A Política Nacional de Assistência Farmacêutica possui direcionamento próprio e está


apartada da Política Nacional de Saúde e da Política Nacional de Medicamentos.

B) As ações da Política Nacional de Assistência Farmacêutica envolvem aquelas referentes


aos Problemas Relacionados a Medicamentos – PRMs, considerado modelo de prática
farmacêutica.
C) A Assistência Farmacêutica trata de um conjunto de ações voltadas à promoção, proteção e
recuperação da saúde, tanto individual como coletivo, tendo o medicamento como insumo
essencial e visando o acesso e ao seu uso racional.

D) A Assistência Farmacêutica não deve ser compreendida como política pública, mas sim
como uma ação específica para a formulação de política setorial.

10- Em relação à Assistência farmacêutica, pode-se afirmar que:

A) Trata-se de um conjunto de ações voltadas unicamente à recuperação da saúde.

B) Tem o medicamento como insumo essencial, visando o acesso e o seu uso racional.

C) Envolve apenas as etapas de seleção, distribuição e dispensação.

D) Objetiva a redução de gastos com a saúde.

E) O gerenciamento da Assistência farmacêutica deve ocorrer de forma centralizada, a nível


federal.

Você também pode gostar