Você está na página 1de 6

FÍSICA E QUÍMICA A

ESCOLA: Dr. Manuel Laranjeira

TESTE DE AVALIAÇÃO

11.º Ano de Escolaridade Turma: A


DURAÇÃO DO TESTE: 100 minutos

DATA: 18 de outubro de 2018

Utilize apenas caneta ou esferográfica de tinta indelével, azul ou preta.


É permitida a utilização de régua, esquadro, transferidor e calculadora científica ou gráfica com MODO EXAME.
Não é permitido o uso de corretor. Deve riscar aquilo que pretende que não seja classificado.
Apresente as suas respostas de forma legível.
Apresente apenas uma resposta para cada item.
As cotações dos itens encontram-se no final do enunciado do teste.
É permitido o uso da tabela de constantes, do formulário e da Tabela Periódica.
Nas respostas aos itens de escolha múltipla, selecione a opção correta.
Escreva, na folha de respostas, o número do item e a letra que identifica a opção escolhida.
Nas respostas aos itens em que é pedida a apresentação de todas as etapas de resolução, explicite todos os cálculos
efetuados e apresente todas as justificações ou conclusões solicitadas.
Utilize unicamente valores numéricos das grandezas referidas no teste (no enunciado dos itens) ou na tabela de
constantes e na Tabela Periódica.

Constantes
Módulo da aceleração gravítica de um corpo junto à superfície da Terra ___ g = 10 ms-2
Constante de Gravitação Universal ______________________ G = 6,67 × 10-11 N m2 kg-2

Formulário
m1 m 2
Lei da Gravitação Universal _______________________________________ Fg = G
r2
2ª Lei de Newton___________________________________________________
⃗F =m⃗a

GRUPO I

1. O gráfico da figura traduz as posições de um carrinho


com movimento retilíneo ao longo de 1 minuto.

1.1. Explique em que circunstância a componente escalar da


velocidade de um corpo em movimento relativamente a
um certo referencial pode ser negativa.
1.2. Determine:
1.2.1. a componente escalar da velocidade do carrinho no
instante t = 35 s;
1.2.2. a rapidez média e a componente escalar da
velocidade média do movimento do carrinho.
1.3. Identifique o(s) intervalo(s) de tempo em que o módulo da velocidade do carrinho aumentou e
em que foi constante.
2. Um automóvel move-se numa pista retilínea a 108 km/h durante 6,0 s. Depois trava, parando em
4,0 s. Após 11,0 s em repouso inverte o sentido do seu movimento, acelerando até aos 90 km/h
durante 9,0 s. Considere que inicialmente o automóvel se move no sentido arbitrado como
negativo do eixo O𝑥 e que a velocidade, na travagem e na aceleração, varia linearmente com o
tempo.
2.1. Selecione o esboço do gráfico v = f (t) que pode corresponder ao movimento do automóvel.

2.2. Calcule a rapidez média do automóvel nos primeiros 10,0 s do movimento.


2.3. A componente escalar da velocidade do automóvel, 𝑣𝑥, é −15 m s−1, no instante…

(A)𝑡 = 2,0 s. (C) 𝑡 = 22,7 s.


(B)𝑡 = 8,0 s. (D)𝑡 = 23,5 s.

2.4. A componente escalar do deslocamento do automóvel, ∆𝑥, nos últimos 10,0 s do movimento é…

GRUPO II
1. Dois corpos X e Y de massas m X e m Y , respetivamente, cujos centros estão situados a uma distância d,
exercem um sobre o outro uma força de atração gravítica de módulo F.
1.1. Determine a distância d’ entre estes dois corpos, em relação a d para que o módulo da força gravítica
entre eles passa a ser igual a 2 F.

1.2. Se a massa de X for tripla da massa de Y, a intensidade da força de atração gravítica que X exerce
sobre Y é…
(A) tripla da intensidade da força que Y exerce sobre X, e ambas as forças têm o mesmo sentido.
(B) igual à intensidade da força que Y exerce sobre X, e ambas as forças têm o mesmo sentido.
(C) tripla da intensidade da força que Y exerce sobre X, e essas forças têm sentidos opostos.
(D) igual à intensidade da força que Y exerce sobre X, e essas forças têm sentidos opostos.
1.3. Qual é o gráfico que pode traduzir a intensidade da força de atração gravítica, F, entre os dois corpos
em função da massa do corpo X, m X , sendo a massa de Y e a distância entre os centros dos dois
corpos constante?
1.4. Considere que o corpo X é uma bola de futebol, com massa 450 g, e o corpo Y é a Terra, com massa
5,97 ×1024 kg .
Determine quantas ordens de grandeza a aceleração da Terra é menor do que a aceleração da bola,
tendo em conta apenas as forças de atração gravítica.
Apresente todas as etapas de resolução.

2. O gráfico seguinte refere-se ao movimento de uma bola de massa 100 g que é lançada verticalmente
para cima num local à superfície da Terra no qual a resistência do ar é desprezável.

 
2.1. Indique, justificando, qual foi o sentido arbitrado comopositivo.

2.2. Qual dos esquemas seguintes traduz os vetores F R , a e v , num certo instante da subida da
bola?

2.3. Selecione a opção que melhor representa o esboço do gráfico da intensidade da força gravítica,
F g, em função do tempo, t, desde o instante em que a bola é lançada até atingir o solo.

GRUPO III
1. Observe os esquemas A, B e C, da figura seguinte, que representam o mesmo corpo, apoiado
numa superfície plana, quando atuado por três diferentes forças.

Atendendo aos esquemas, escreva um texto no qual aborde os seguintes tópicos:


- a forma da trajetória dos corpos em cada um dos esquemas A, B e C;
- o(s) sentido(s) em que os corpos se moverão;
- o modo como variará o valor da velocidade dos corpos em cada um dos esquemas.

2. A figura representa um carrinho com 100 kg de massa que


se encontra sobre um carril horizontal, a ser puxado por dois
cabos. Em cada cabo é aplicada uma força constante de
igual intensidade, 20 N, mas com direções diferentes. A força
F⃗ 1 faz um ângulo de 30° com a direção do movimento e a
força F⃗ 2, 45°.

Determine a aceleração adquirida pelo carrinho. (Considere desprezável a força de atrito entre o
carril e o carrinho)
GRUPO IV
Um grupo de alunos determinou experimentalmente o módulo da aceleração gravítica usando a
montagem da figura seguinte.
Os alunos deixaram cair uma esfera, de diâmetro 20 mm, junto da célula fotoelétrica 1. Um cronómetro
digital registou o tempo de passagem da esfera na célula fotoelétrica 2. Este procedimento foi repetido
três vezes obtendo os seguintes valores:

8,1 ms 8,3 ms 7,8 ms


Os alunos mediram também o tempo que decorreu no movimento
da esfera entre a célula 1 e a célula 2, obtendo os seguintes valores no
cronómetro 230 ms 236 ms 229 ms digital:

Considere 9,8 m s−2 o valor tabelado para o módulo da aceleração gravítica.


1. Os alunos calcularam a velocidade da esfera ao passar na célula 2 dividindo o diâmetro da esfera pelo
tempo de passagem nessa célula. Indique, justificando, que aproximação fizeram usando este
procedimento.
2. Indique a opção que completa a frase seguinte.
O intervalo de tempo que a esfera demora a passar em frente à célula 2…
(A) é igual se for usada outra esfera de maior diâmetro.
(B) diminui se for aumentada a distância entre as células.
(C) não depende da distância entre as células.
(D) diminui se for diminuída a distância entre as células.
3. Apresente a medida do tempo de passagem da esfera pela célula 2 com a respetiva incerteza relativa
percentual e comente a precisão do resultado. Apresente todas as etapas de resolução.
4. Determine o erro percentual associado ao valor experimental obtido para o módulo da aceleração
gravítica. Apresente todas as etapas de resolução.
FIM

COTAÇÕES

GRUPO I GRUPO II GRUPO III GRUPO IV


Q
U
E
1.2 1.2
S 1.1 .1 .2
1.3 2.1 2.2 2.3 2.4 1.1 1.2 1.3 1.4 2.1 2.2 2.3 1 2 3.1 3.2 3.3 1 2 3 4 Total
T
Ã
O
C 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1
O 6 8
2
8 6
0
6 6
0
6 6
2 0
6 6
2 2
6
0
6
0
6
0 0
200
T
A
Ç 62 56 46 36
Ã
O

Você também pode gostar